2014 4 tri lição 1 - Daniel, nosso contemporâneo

2.871 visualizações

Publicada em

Arquivo elaborado por Natalino das Neves

Para acessar o vídeo acesse: www.natalinodasneves.blogspot.com.br ou www.redemaoamiga.com.br

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.871
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
492
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
131
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2014 4 tri lição 1 - Daniel, nosso contemporâneo

  1. 1. Prof. Ms. Natalino das Neves www.natalinodasneves.blogspot.com.br
  2. 2. •Algumas questões introdutórias do livro de Daniel (data, tema, autoria, entre outras); •Contextualização da história do povo de Israel, com ênfase para o período do livro de Daniel; •Aplicações de lições que podem ser tiradas do livro de Daniel para nossos dias. INTRODUÇÃO
  3. 3. I. QUESTÕES INTRODUTÓRIAS DO LIVRO DE DANIEL
  4. 4. I. QUESTÕES INTRODUTÓRIAS DO LIVRO DE DANIEL •Daniel um livro ou três livros? •Livro aramaico Dn 2,4-7,28 (histórias da corte); •Livro hebraico Dn 1,1-2,3; 8-12 (conjunto de compilações); •Livro grego D 3,24-90; 13-14 (enxertos em um livro já organizado).
  5. 5. I. QUESTÕES INTRODUTÓRIAS DO LIVRO DE DANIEL •Descoberta dos Manuscritos de Qumran: •Oito (8) manuscritos de Daniel na gruta 4 •Confirmando diferenciação de textos aramaicos e hebraicos; bem como •Adições e variantes que coincidem com a versão grega).
  6. 6. I. QUESTÕES INTRODUTÓRIAS DO LIVRO DE DANIEL •Existe uma redação final do livro de Daniel? •O uso da exegese e da hermenêutica na relação tradição oral e escrita; •Povo e Israel como “religião da recordação”’ (Deuteronômio – “lembra- te”; “’guarda-te”; “ouve”; “recorda-te”; [...]; •A memória oral passa de geração em geração. •Importante conhecer: a origem do cânon, da história do texto e do livro completo.
  7. 7. I. QUESTÕES INTRODUTÓRIAS DO LIVRO DE DANIEL •Daniel um livro profético ou apocalíptico? •A apocalíptica de Daniel antes de ser escrita foi memória transmitida, fruto da tradição oral. •Características da apocalíptica: periodização da história, dualidade (bem e o mal), contexto social sob opressão estrangeira, pseudonímia, entre outras. •Na academia é consenso o reconhecimento do livro de Daniel como um “apocalipse”.
  8. 8. I. QUESTÕES INTRODUTÓRIAS DO LIVRO DE DANIEL •Ver a propaganda da CPAD do livro do trimestre, logo após a pg. 48 “O livro de Daniel é sem dúvida o apocalipse do Antigo Testamento [...]” •Características da apocalíptica: periodização da história, contexto social sob opressão estrangeira, pseudonímia,entre outras. “A despeito de várias escolas de interpretações, as divergências de opiniões podem coexistir, desde que as interpretações não firam o princípio hermenêutico de coerência do ensino geral da Escrituras.” (Elienai Cabral, 2014, p. 13).
  9. 9. II. CONTEXTO HISTÓRICO DO LIVRO DE DANIEL
  10. 10. •Antes do exílio: •Formação da nação; •Conquista da terra; •Reino unido vs reino dividido; •Vassalos da Assíria. •Exílio babilônico; •Pós-exílio: •Sob o domínio persa; •Sob o domínio do império grego- macedônico.
  11. 11. III. LIÇÕES PARA APRENDER COM O LIVRO DE DANIEL
  12. 12. •Exemplo de perseverança na fidelidade a Deus e de integridade moral. •Incentiva o crente a confiar na projeto e providência divina, independente das circunstancias. •Apresenta um Deus Soberano que tem o controle sobre tudo e todos.
  13. 13. CONSIDERAÇÕES FINAIS
  14. 14. •O livro de Daniel aborda um momento em que o povo de Israel passou por grande opressão imposta pelo regime imperialista. •Independente das interpretações hermenêuticas, o importante é a aplicação prática para nossa vida cristã e espiritual. •Alerta para confiarmos em Deus mesmo nas adversidades. •Servimos um Deus presente que age e controla a história da humanidade e do universo. CONSIDERAÇÕES FINAIS
  15. 15. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BARRERA, Julio Trebolle. A Bíblia Judaica e a Bíblia Cristã: introdução à história da Bíblia. Petrópolis-RJ: Vozes, 1996. BERQUIST, John l. Judaism in Persia’s Shadow. A Social and Historical Approach. Minneapolis: Fortress Press, 1995. CABRAL, Elienai. Integridade moral e espiritual: o legado do livro de Daniel para a Igreja hoje. Rio de Janeiro: CPAD, 2014. CAZELLES, H. História Política de Israel, desde as origens até Alexandre Magno. São Paulo: Paulus, 1986. COMENTÁRIO BÍBLICO BEACON. Vol. 4. 1ª Edição. Rio de Janeiro: CPAD, 2005.
  16. 16. DONNER, H. História de Israel e dos Povos Vizinhos. vol. 2, 4ª Edição. São Paulo: Sinodal e EST, 2006. GILBERTO, Antonio. Daniel & Apocalipse. Rio de Janeiro: CPAD, 2006. HORTON, Stanley M. Apocalipse: as coisas que brevemente devem acontecer. 2ª Edição. Rio de Janeiro: CPAD, 2001. LIÇÕES BÍBLICAS. Integridade moral e espiritual: o legado d livro de Daniel para a Igreja hoje. 4º Trimestre de 2014. Rio de janeiro: CPAD, 2014. MERRIL, Eugene H. História de Israel no Antigo Testamento: o reino de sacerdotes que Deus colocou entre as nações. 6ª Edição. Rio de Janeiro: CPAD, 2007. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
  17. 17. NOTH, Martin. História de Israel. Barcelona: Ediciones Garriga, 1966. GILBERTO, Antonio. Daniel & Apocalipse. Rio de Janeiro: CPAD, 2006. PFEIFFER, Charles F.; VOS, Howard, f. Dicionário Bíblico Wycliffe. Rio de Janeiro: CPAD, 2009. RÖMER, T. A chamada História Deuteronomista. Petrópolis: Vozes, 2008. VON RAD, G. Teologia do Antigo Testamento. vol. 1-2, São Paulo: ASTE, 1974. ZUCK, Roy B (Ed). Teologia do Antigo Testamento. 1ª Edição. Rio de Janeiro: CPAD, 2009. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
  18. 18. ESCOLA DOMINICAL NA WEBTV Comentários: Ev. Natalino das Neves www.natalinodasneves.blogspot.com.br natalino6612@gmail.com (41) 8409 8094 / 3076 3589 IEADSJP Igreja Evangélica Assembleia de Deus de São José dos Pinhais Pr. Presidente: Ival Teodoro da Silva Pr. Vice Presidente: Elson Pereira

×