SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 30
Baixar para ler offline
LIÇÕES BÍBLICAS - CPAD
2º TRIMESTRE DE 2013
FAMÍLIA CRISTÃ NO SÉCULO XXI
Protegendo a família dos ataques do inimigo
Lição 9 - A Família e a Sexualidade
Prof. Ms. Natalino das Neves
www.natalinodasneves.blogspot.com.br
IEADSJP_EBDTV
LIÇÕES BÍBLICAS - CPAD
2º TRIMESTRE DE 2013
Lição 9
2 de Junho de 2013
A Família e a Sexualidade
Prof. Ms. Natalino das Neves
www.natalinodasneves.blogspot.com.br
IEADSJP_EBDTV
REFERÊNCIA TEXTO/TEMA
Texto áureo
"E criou Deus o homem à sua
imagem; à imagem de Deus o
criou; macho e fêmea os criou"
(Gn 1.27).
Verdade prática
Apesar da grotesca e abominável
exploração sexual que vitima o
mundo atual, não podemos
esquecer-nos dos princípios
bíblicos que regem o
relacionamento entre os sexos.
DIA DA SEMANA ASSUNTO/ TEMA
SEGUNDA
1 Pe 1:15
Santos em toda a maneira de viver
TERÇA
1 Ts 3:13
Irrepreensíveis em santidade
QUARTA
Is 5:20
Deus condena a inversão de valores
QUINTA
Gn 2:22-24
Deus criou dois sexos: masculino e feminino
SEXTA
Gn 2:24
Intimidade só após o casamento
SÁBADO
Hb 13:4
Leito sem mácula
OBJETIVOS PROPOSTOS*
Após esta aula, o aluno deverá estar apto a:
1. Identificar algumas questões importantes sobre a
sexualidade*.
2. Reconhecer o valor da pureza sexual antes do casamento*.
3. Compreender o que a Bíblia ensina sobre a
homossexualidade*.
4. Aplicar na sua prática diária o conteúdo aprendido.
* Objetivos propostos na revista Lições Bíblicas da CPAD.
ACESSE O VÍDEO COM OS COMENTÁRIOS
REFERENTE A ESTE ARQUIVO EM UM DOS
ENDEREÇOS ABAIXO:
www.redemaoamiga.com.br
www.natalinodasneves.blogspot.com.br
INTRODUÇÃO
• Falar sobre sexo até pouco tempo era considerado tabu
nas igrejas evangélicas. Houve um pequeno avanço...
• O sexo foi criado por Deus e no âmbito do casamento
expressa a vontade de Deus para um matrimônio feliz.
• Entretanto, o “ser humano” tem deturpado esta
finalidade.
INTRODUÇÃO
• A pureza sexual não é um retrocesso, mas sim uma
benção para a vida do cristão.
• A Bíblia traz regras em termos éticos e morais que
regulamente a conduta do ser humano, que se observada
faz a diferença em uma sociedade.
• Inversão de valores, conforme previsto pelo profeta Isaias:
“ Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem, mal! Que
fazem da escuridade luz, e da luz, escuridade, e fazem do
amargo doce, e do doce, amargo!" (Is 5.20).
I. QUESTÕES SOBRE A SEXUALIDADE
I. QUESTÕES SOBRE A SEXUALIDADE
1. Um mundo dominado pelo erotismo
• Exposição do erotismo está alarmante.
• Nossos filhos e filhas precisar ser orientados e
acompanhados neste assunto.
• A internet tem facilitado a disseminação do erotismo.
Conforme afirma o comentarista, até líderes
evangélicos têm sido atingidos. Cuidados - Sl 101:3.
AP: Você colocado a pornografia diante de seus
olhos?
I. QUESTÕES SOBRE A SEXUALIDADE
2. Prazer no casamento
• Tanto o AT como o NT exaltam o relacionamento sexual
e a intimidade entre casados (Ct 4:1-12; Pv 5:18-23; Ef
5:22-25).
• Por outro lado, o sexo fora do casamento é condenado
(Ec 9:9; Ct 4:1-12; 7:1-9).
• Quem vive na prática do pecado não herdará o Reino
de Deus (Ef 5:5).
AP: Você tem valorizado a pureza sexual dentro do
casamento?
Você tem desfrutado da benção do sexo dentro do
casamento?
Sinopse do tópico
“Vivemos numa sociedade dominada pelo erotismo e
pela sexualidade distorcida que nada tem com a
ética cristã.”
(L.B.*, p. 63)
* L.B. = Lições Bíblicas, edição do professor.
II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO
CASAMENTO
II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO CASAMENTO
1. No Antigo Testamento
• A prática de relações sexuais antes do casamento era
punido com apedrejada até à morte (Dt 22:20,21),
• O sacerdote só poderia se casar com uma virgem (Lv
21:13,14).
• A virgindade era valorizada por todos (Gn 34:7).
• A Bíblia exalta a pureza na vida de um jovem (Sl
119:9-11).
II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO CASAMENTO
2. No Novo Testamento
• Jesus observava a Lei, mas sob uma nova perspectiva,
priorizava a causa e não a consequência. Ele atentava
para o que dava origem ao pecado (Mt 15.19).
• Considerava adultério não somente o ato sexual em si,
mas até mesmo o pensamento lascivo (Mt 5.28).
• Até as testemunhas dos noivos deveriam ser virgens
(Mt 25)
• O apóstolo Paulo deu ênfase para a virgindade, quando
afirma estar preparando a Igreja para apresenta-la
como uma virgem ao noivo (2Co 11:2)
II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO CASAMENTO
3. A virgindade nos dias presentes
• A igreja deve incentivar a preservação dos jovens
(moços e moças) para o casamento,
• Entretanto deve usar o bom senso para não fechar as
portas (2 Co 5.17).
• Virgindade anatômica x virgindade moral.
Sinopse do tópico
“No Antigo e em o Novo testamento, a pureza sexual
de um jovem é exaltada e valorizada.”
(L.B.*, p. 64)
* L.B. = Lições Bíblicas, edição do professor.
III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA
III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA
1. A relação sexual entre pessoas do mesmo sexo
• Deus criou apenas dois gêneros bem distintos: homem
e mulher para se relacionarem e criarem os filhos (Gn
1:27-2:24).
• Não era aceito a oferta oriunda da prática da
prostituição, independente do gênero (Dt 23:18).
• A Bíblia recomenda o relacionamento heterossexual e
condena o relacionamento entre pessoas do mesmo
sexo (Rm 1:26-27)
• Estas práticas são rejeitadas, mas as pessoas que as
praticam não podem ser descriminadas.
III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA
2. A relação sexual fora do casamento.
• Devemos ensinar os adolescentes e jovens a valorizar a
relação sexual dentro do casamento.
• O relacionamento sexual dentro do casamento conduz
para um relacionamento feliz e duradouro.
• O relacionamento sexual dentro do casamento previne
contra conflitos entre o casal e com a família.
III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA
3. A pedofilia.
• Pedofilia = a ocorrência de práticas sexuais entre um
indivíduo maior de 16 anos com uma criança na pré-
puberdade (Organização da Saúde).
• A pedofilia é uma série perversão sexual (medo da
resistência de um parceiro de sua idade ou de seu
porte físico).
• Internet tem sido mal utilizada pelas pessoas que
praticam a pedofilia.
III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA
3. A pedofilia.
• Segundo pesquisas: 25 % dos pedófilos foram crianças
molestadas e cerca de 80% dos casos as crianças são
abusadas por pessoas próximos (pais, padastros, parentes
ou vizinhos) e na intimidade do lar.
• Jesus ensinou amar, respeitar e cuidar das crianças (Mc
10;14-16).
• Os pais devem educar seus filhos de forma a prevenir estes
abusos (inteirar-se o que acontece na escola, mudanças de
comportamento, sinais no corpo, evitar deixar os filhos com
outros pessoas, entre outras ações).
Sinopse do tópico
“A união heterossexual é o único modelo de
casamento biblicamente aprovado por Deus. ”
(L.B.*, p. 65, adaptado)
* L.B. = Lições Bíblicas, edição do professor.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
CONSIDERAÇÕES FINAIS
• Nesta lição aprendemos que:
1. O casamento aprovado pela Palavra de Deus é
monogâmico e heterossexual.
2. A relação sexual dentro do casamento é abençoada por
Deus e deve ser desfrutada.
3. Os jovens devem ser orientados para que valorizem a
pureza sexual para que tenham uma vida conjugal feliz
e duradoura.
QUESTIONÁRIO
1. Qual advertência do Salmo 101.3 para o cristão?
R. "Não porei coisa má diante dos meus olhos"
2. O sexo é algo pecaminoso? Justifique a sua resposta.
R. O sexo em si não é pecaminoso (Gn 1:31), pois foi Deus quem o criou.
3. O relacionamento sexual entre marido e mulher tem como objetivo único a
procriação? Cite uma referência bíblica que justifique sua resposta
R. Não. Na Bíblia, encontramos vários textos que incentivam o casal a desfrutar das
alegrias conjugais: Pv 5.18-23; Ec 9.9; Ct 4.1-12; 7.1-9.
4. Cite um texto bíblico em o Novo Testamento que faça alusão a virgindade para o
homem e para a mulher.
R. 2 Co 11:2.
5. Cite duas referências bíblicas que mostre que Deus criou apenas dois gêneros
distintos: homem e mulher.
R. Gn 1:27; 2:18.
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
ADEI, Stephen. Seja o Líder que sua Família Precisa. Rio de
Janeiro: CPAD, 2009.
ASSUNÇÃO, Wanda de. ... E os dois tornam-se um. São Paulo:
Mundo Cristão, 1997.
CLOUD, Henry; TOWNSEND, John. Limites no casamento. São
Paulo: Editora Vida, 2001.
LAHAYE, TIM; LAHAYE, Beverly. O ato conjugal. 8ª Edição. Minas
Gerais: Editora Betânia, 1989.
COLLINS, Gary R. Aconselhamento Cristão. São Paulo: Vida Nova,
1995.
GILLHAM, Bill; GUILLAM, Anabel. Ele disse, ela disse. Rio de
Janeiro: CPAD, 1997.
HOFF, Paul. Pastor como conselheiro. São Paulo: Editora Vida,
1996.
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
PARROTT, Les; PARROTT, Leslie. Quando coisas ruins acontecem a
bons casamentos. São Paulo: Editora Vida, 2002.
POUJOL, Jacques; Poujol, Claire. O potencial criativo do conflito
no casamento. São Paulo: Editora vida, 2004.
RAINEY, Dennis. Ministério com famílias no Século 21. São Paulo:
Editora Vida, 2003.
ROGERS, Adrian. Os 10 mandamentos da família. São Paulo:
Eclesia, 2000.
SOUZA, Estevam Ângelo. ... e fez Deus a família: O padrão divino
para um lar feliz. Rio de Janeiro: CPAD, 1999.
VONDEREN, Jeff Van. Vida familiar transformada pela graça.
Belo Horizonte – MG: Editora Betânia, 1996.
IEADSJP – Igreja Evangélica Assembleia de
Deus de São José dos Pinhais
www.adsaojosedospinhais.com.br
www.redemaoamiga.com.br
Pr. Presidente: Ival Teodoro da Silva
Pr. Vice-Presidente: Eurico Deraldo Santana
Co-pastor da sede: Josué Barros Abreu
Sup. da EBD: Ev. Ismael Nascimento Oliveira
Comentários: Ev. Natalino das Neves
www.natalinodasneves.blogspot.com.br
natalino6612@gmail.com
(41) 8409 8094 / 3076 3589
BAIXE ESTE ARQUIVO,
CLICANDO NO ÍCONE SUPERIOR:
“SAVE” ou “DOWNLOAD”

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblicoNatalino das Neves Neves
 
Propósito no namoro.
Propósito no namoro.Propósito no namoro.
Propósito no namoro.Quenia Damata
 
A sexualidade dentro do casamento
A sexualidade dentro do casamentoA sexualidade dentro do casamento
A sexualidade dentro do casamentoVilmar Nascimento
 
Advertências contra o adultério
Advertências contra o adultérioAdvertências contra o adultério
Advertências contra o adultérioMoisés Sampaio
 
A FamíLia Cristã
A FamíLia CristãA FamíLia Cristã
A FamíLia Cristãrenaapborges
 
Jovens estudo 5 - Namoro e Casamento
Jovens estudo 5 - Namoro e CasamentoJovens estudo 5 - Namoro e Casamento
Jovens estudo 5 - Namoro e Casamentouriank
 
O que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobia
O que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobiaO que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobia
O que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobiaJuraci Rocha
 
Sexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividadeSexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividadeThiagoDilascio
 
Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15
Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15
Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15mredil
 
13 espiritualidade na familia
13   espiritualidade na familia13   espiritualidade na familia
13 espiritualidade na familiaPIB Penha
 
Lição 8 missão de marido, esposa e filhos
Lição 8   missão de marido, esposa e filhosLição 8   missão de marido, esposa e filhos
Lição 8 missão de marido, esposa e filhosJoanilson França Garcia
 
Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9
Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9
Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9Natalino das Neves Neves
 

Mais procurados (20)

2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
 
A sexualidade do casal
A sexualidade do casalA sexualidade do casal
A sexualidade do casal
 
O casamento bíblico
O casamento bíblicoO casamento bíblico
O casamento bíblico
 
A infidelidade conjugal
A infidelidade conjugalA infidelidade conjugal
A infidelidade conjugal
 
O divórcio
O divórcioO divórcio
O divórcio
 
Nao adulterarás b
Nao adulterarás bNao adulterarás b
Nao adulterarás b
 
Casamento familia
Casamento familiaCasamento familia
Casamento familia
 
Propósito no namoro.
Propósito no namoro.Propósito no namoro.
Propósito no namoro.
 
A sexualidade dentro do casamento
A sexualidade dentro do casamentoA sexualidade dentro do casamento
A sexualidade dentro do casamento
 
Advertências contra o adultério
Advertências contra o adultérioAdvertências contra o adultério
Advertências contra o adultério
 
A FamíLia Cristã
A FamíLia CristãA FamíLia Cristã
A FamíLia Cristã
 
Jovens estudo 5 - Namoro e Casamento
Jovens estudo 5 - Namoro e CasamentoJovens estudo 5 - Namoro e Casamento
Jovens estudo 5 - Namoro e Casamento
 
O que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobia
O que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobiaO que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobia
O que a Bíblia diz sobre a homossexualidade e homofobia
 
Sexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividadeSexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividade
 
Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15
Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15
Sintomas comuns da existência de maldição parte vii 15
 
13 espiritualidade na familia
13   espiritualidade na familia13   espiritualidade na familia
13 espiritualidade na familia
 
Lição 8 missão de marido, esposa e filhos
Lição 8   missão de marido, esposa e filhosLição 8   missão de marido, esposa e filhos
Lição 8 missão de marido, esposa e filhos
 
Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9
Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9
Seja Santo , Fuja do Pecado_2019 LBJ 2 TRI Lição 9
 
Casamento e Família - ebook Ultimato
Casamento e Família - ebook UltimatoCasamento e Família - ebook Ultimato
Casamento e Família - ebook Ultimato
 
A família sob ataque
A família sob ataqueA família sob ataque
A família sob ataque
 

Destaque

2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhorNatalino das Neves Neves
 
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto domésticoNatalino das Neves Neves
 
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos paisNatalino das Neves Neves
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...
A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...yosseph2013
 
1ª Avaliação - EBD Classe Teen
1ª Avaliação - EBD Classe Teen1ª Avaliação - EBD Classe Teen
1ª Avaliação - EBD Classe TeenSergio Silva
 
2ª Avaliação EBD Classe Teen
2ª Avaliação EBD Classe Teen2ª Avaliação EBD Classe Teen
2ª Avaliação EBD Classe TeenSergio Silva
 
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristãoNatalino das Neves Neves
 
Sexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividade Sexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividade Léia Adriane
 
2013 2 tri - lição 11 - a família e a escola dominical
2013   2 tri - lição 11 - a família e a escola dominical2013   2 tri - lição 11 - a família e a escola dominical
2013 2 tri - lição 11 - a família e a escola dominicalNatalino das Neves Neves
 
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardoApresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardoProf. Robson Santos
 

Destaque (12)

2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor2013   2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
2013 2 tri - lição 13 - eu e minha casa serviremos ao senhor
 
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
 
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...
A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...
 
1ª Avaliação - EBD Classe Teen
1ª Avaliação - EBD Classe Teen1ª Avaliação - EBD Classe Teen
1ª Avaliação - EBD Classe Teen
 
2ª Avaliação EBD Classe Teen
2ª Avaliação EBD Classe Teen2ª Avaliação EBD Classe Teen
2ª Avaliação EBD Classe Teen
 
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão2013   2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
2013 2 tri -lição 3 - as bases do casamento cristão
 
Sexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividade Sexualidade e afetividade
Sexualidade e afetividade
 
2013 2 tri - lição 11 - a família e a escola dominical
2013   2 tri - lição 11 - a família e a escola dominical2013   2 tri - lição 11 - a família e a escola dominical
2013 2 tri - lição 11 - a família e a escola dominical
 
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardoApresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
 
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃOLIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
 
Puberdade - Palestra Cristã
Puberdade - Palestra CristãPuberdade - Palestra Cristã
Puberdade - Palestra Cristã
 

Semelhante a 2013 - 2 tri - lição 9 - a família e a sexualidade

07 pureza sexual
07   pureza sexual07   pureza sexual
07 pureza sexualeraldo lima
 
A família e cristã
A família e cristãA família e cristã
A família e cristãAsafe Maia
 
Licao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptx
Licao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptxLicao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptx
Licao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptxLaercio Fernandes
 
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIANatalino das Neves Neves
 
Lição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristã
Lição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristãLição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristã
Lição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristãÉder Tomé
 
ocasamentobblico-130407155914-phpapp01.ppt
ocasamentobblico-130407155914-phpapp01.pptocasamentobblico-130407155914-phpapp01.ppt
ocasamentobblico-130407155914-phpapp01.pptMARCIO MARTINS SILVA
 
Lição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da FamíliaLição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da FamíliaMaxsuel Aquino
 
Lição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulher
Lição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulherLição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulher
Lição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulherNatalino das Neves Neves
 
Ibadep a familia crista
Ibadep   a familia cristaIbadep   a familia crista
Ibadep a familia cristaRicardo819
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professoresJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua NaturezaLição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua NaturezaÉder Tomé
 
ecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdf
ecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdfecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdf
ecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdfFrancisco Almoxarifado
 
Lição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da FamíliaLição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da FamíliaI.A.D.F.J - SAMAMABAIA SUL
 
Lbj lição 3 - As diferentes mudanças sociais da família
Lbj lição 3  - As diferentes mudanças sociais da famíliaLbj lição 3  - As diferentes mudanças sociais da família
Lbj lição 3 - As diferentes mudanças sociais da famíliaboasnovassena
 
Lição 6 - Sexo, uma dádiva divina
Lição 6 - Sexo, uma dádiva divinaLição 6 - Sexo, uma dádiva divina
Lição 6 - Sexo, uma dádiva divinaÉder Tomé
 

Semelhante a 2013 - 2 tri - lição 9 - a família e a sexualidade (20)

07 pureza sexual
07   pureza sexual07   pureza sexual
07 pureza sexual
 
07 pureza sexual
07   pureza sexual07   pureza sexual
07 pureza sexual
 
LIÇÃO 9 - Não adulterarás
LIÇÃO 9 - Não adulterarásLIÇÃO 9 - Não adulterarás
LIÇÃO 9 - Não adulterarás
 
A família e cristã
A família e cristãA família e cristã
A família e cristã
 
Licao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptx
Licao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptxLicao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptx
Licao-03-A-Sutileza-da-Imoralidade-Sexual (1).pptx
 
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
 
Lição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristã
Lição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristãLição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristã
Lição 8 - Relacionamento sexual segundo a perspectiva cristã
 
ocasamentobblico-130407155914-phpapp01.ppt
ocasamentobblico-130407155914-phpapp01.pptocasamentobblico-130407155914-phpapp01.ppt
ocasamentobblico-130407155914-phpapp01.ppt
 
Lição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da FamíliaLição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 03- As Diferentes Mudanças Sociais da Família
 
Lição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulher
Lição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulherLição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulher
Lição 3 (adultos) - E Deus os criou, homem e mulher
 
Ibadep a familia crista
Ibadep   a familia cristaIbadep   a familia crista
Ibadep a familia crista
 
Ibadep a familia crista
Ibadep   a familia cristaIbadep   a familia crista
Ibadep a familia crista
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
 
Não adulterarás
Não adulterarásNão adulterarás
Não adulterarás
 
Lição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua NaturezaLição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
 
ecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdf
ecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdfecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdf
ecc-02-harmonia-conjugal_231009_212559.pdf
 
Lição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da FamíliaLição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da Família
Lição 3 - As Diferentes Mudanças Sociais da Família
 
Lbj lição 3 - As diferentes mudanças sociais da família
Lbj lição 3  - As diferentes mudanças sociais da famíliaLbj lição 3  - As diferentes mudanças sociais da família
Lbj lição 3 - As diferentes mudanças sociais da família
 
Lição 6 - Sexo, uma dádiva divina
Lição 6 - Sexo, uma dádiva divinaLição 6 - Sexo, uma dádiva divina
Lição 6 - Sexo, uma dádiva divina
 
TEOLOGIA PASTORAL 2 (AULA 01 - MÉDIO CETADEB)
TEOLOGIA PASTORAL 2  (AULA 01 - MÉDIO CETADEB)TEOLOGIA PASTORAL 2  (AULA 01 - MÉDIO CETADEB)
TEOLOGIA PASTORAL 2 (AULA 01 - MÉDIO CETADEB)
 

Mais de Natalino das Neves Neves

LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTOLIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTONatalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSLIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSNatalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTONatalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTONatalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTONatalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTONatalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSNatalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSNatalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULONatalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULONatalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINANatalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINANatalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na IgrejaPROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na IgrejaNatalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na IgrejaPRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na IgrejaNatalino das Neves Neves
 
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoPreleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoNatalino das Neves Neves
 
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoProjeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoNatalino das Neves Neves
 

Mais de Natalino das Neves Neves (20)

LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
 
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
 
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTOLIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
 
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSLIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na IgrejaPROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
 
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na IgrejaPRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
 
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoPreleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
 
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoProjeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
 
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
 

Último

Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSdjgsantos1981
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfRafaela Vieira
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...DominiqueFaria2
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceSimulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceRonisHolanda
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...MANUELJESUSVENTURASA
 

Último (20)

Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceSimulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
 

2013 - 2 tri - lição 9 - a família e a sexualidade

  • 1. LIÇÕES BÍBLICAS - CPAD 2º TRIMESTRE DE 2013 FAMÍLIA CRISTÃ NO SÉCULO XXI Protegendo a família dos ataques do inimigo Lição 9 - A Família e a Sexualidade Prof. Ms. Natalino das Neves www.natalinodasneves.blogspot.com.br IEADSJP_EBDTV
  • 2. LIÇÕES BÍBLICAS - CPAD 2º TRIMESTRE DE 2013 Lição 9 2 de Junho de 2013 A Família e a Sexualidade Prof. Ms. Natalino das Neves www.natalinodasneves.blogspot.com.br IEADSJP_EBDTV
  • 3. REFERÊNCIA TEXTO/TEMA Texto áureo "E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; macho e fêmea os criou" (Gn 1.27). Verdade prática Apesar da grotesca e abominável exploração sexual que vitima o mundo atual, não podemos esquecer-nos dos princípios bíblicos que regem o relacionamento entre os sexos.
  • 4. DIA DA SEMANA ASSUNTO/ TEMA SEGUNDA 1 Pe 1:15 Santos em toda a maneira de viver TERÇA 1 Ts 3:13 Irrepreensíveis em santidade QUARTA Is 5:20 Deus condena a inversão de valores QUINTA Gn 2:22-24 Deus criou dois sexos: masculino e feminino SEXTA Gn 2:24 Intimidade só após o casamento SÁBADO Hb 13:4 Leito sem mácula
  • 5. OBJETIVOS PROPOSTOS* Após esta aula, o aluno deverá estar apto a: 1. Identificar algumas questões importantes sobre a sexualidade*. 2. Reconhecer o valor da pureza sexual antes do casamento*. 3. Compreender o que a Bíblia ensina sobre a homossexualidade*. 4. Aplicar na sua prática diária o conteúdo aprendido. * Objetivos propostos na revista Lições Bíblicas da CPAD.
  • 6. ACESSE O VÍDEO COM OS COMENTÁRIOS REFERENTE A ESTE ARQUIVO EM UM DOS ENDEREÇOS ABAIXO: www.redemaoamiga.com.br www.natalinodasneves.blogspot.com.br
  • 7. INTRODUÇÃO • Falar sobre sexo até pouco tempo era considerado tabu nas igrejas evangélicas. Houve um pequeno avanço... • O sexo foi criado por Deus e no âmbito do casamento expressa a vontade de Deus para um matrimônio feliz. • Entretanto, o “ser humano” tem deturpado esta finalidade.
  • 8. INTRODUÇÃO • A pureza sexual não é um retrocesso, mas sim uma benção para a vida do cristão. • A Bíblia traz regras em termos éticos e morais que regulamente a conduta do ser humano, que se observada faz a diferença em uma sociedade. • Inversão de valores, conforme previsto pelo profeta Isaias: “ Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem, mal! Que fazem da escuridade luz, e da luz, escuridade, e fazem do amargo doce, e do doce, amargo!" (Is 5.20).
  • 9. I. QUESTÕES SOBRE A SEXUALIDADE
  • 10. I. QUESTÕES SOBRE A SEXUALIDADE 1. Um mundo dominado pelo erotismo • Exposição do erotismo está alarmante. • Nossos filhos e filhas precisar ser orientados e acompanhados neste assunto. • A internet tem facilitado a disseminação do erotismo. Conforme afirma o comentarista, até líderes evangélicos têm sido atingidos. Cuidados - Sl 101:3. AP: Você colocado a pornografia diante de seus olhos?
  • 11. I. QUESTÕES SOBRE A SEXUALIDADE 2. Prazer no casamento • Tanto o AT como o NT exaltam o relacionamento sexual e a intimidade entre casados (Ct 4:1-12; Pv 5:18-23; Ef 5:22-25). • Por outro lado, o sexo fora do casamento é condenado (Ec 9:9; Ct 4:1-12; 7:1-9). • Quem vive na prática do pecado não herdará o Reino de Deus (Ef 5:5). AP: Você tem valorizado a pureza sexual dentro do casamento? Você tem desfrutado da benção do sexo dentro do casamento?
  • 12. Sinopse do tópico “Vivemos numa sociedade dominada pelo erotismo e pela sexualidade distorcida que nada tem com a ética cristã.” (L.B.*, p. 63) * L.B. = Lições Bíblicas, edição do professor.
  • 13. II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO CASAMENTO
  • 14. II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO CASAMENTO 1. No Antigo Testamento • A prática de relações sexuais antes do casamento era punido com apedrejada até à morte (Dt 22:20,21), • O sacerdote só poderia se casar com uma virgem (Lv 21:13,14). • A virgindade era valorizada por todos (Gn 34:7). • A Bíblia exalta a pureza na vida de um jovem (Sl 119:9-11).
  • 15. II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO CASAMENTO 2. No Novo Testamento • Jesus observava a Lei, mas sob uma nova perspectiva, priorizava a causa e não a consequência. Ele atentava para o que dava origem ao pecado (Mt 15.19). • Considerava adultério não somente o ato sexual em si, mas até mesmo o pensamento lascivo (Mt 5.28). • Até as testemunhas dos noivos deveriam ser virgens (Mt 25) • O apóstolo Paulo deu ênfase para a virgindade, quando afirma estar preparando a Igreja para apresenta-la como uma virgem ao noivo (2Co 11:2)
  • 16. II.O VALOR DA PUREZA SEXUAL ANTES DO CASAMENTO 3. A virgindade nos dias presentes • A igreja deve incentivar a preservação dos jovens (moços e moças) para o casamento, • Entretanto deve usar o bom senso para não fechar as portas (2 Co 5.17). • Virgindade anatômica x virgindade moral.
  • 17. Sinopse do tópico “No Antigo e em o Novo testamento, a pureza sexual de um jovem é exaltada e valorizada.” (L.B.*, p. 64) * L.B. = Lições Bíblicas, edição do professor.
  • 18. III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA
  • 19. III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA 1. A relação sexual entre pessoas do mesmo sexo • Deus criou apenas dois gêneros bem distintos: homem e mulher para se relacionarem e criarem os filhos (Gn 1:27-2:24). • Não era aceito a oferta oriunda da prática da prostituição, independente do gênero (Dt 23:18). • A Bíblia recomenda o relacionamento heterossexual e condena o relacionamento entre pessoas do mesmo sexo (Rm 1:26-27) • Estas práticas são rejeitadas, mas as pessoas que as praticam não podem ser descriminadas.
  • 20. III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA 2. A relação sexual fora do casamento. • Devemos ensinar os adolescentes e jovens a valorizar a relação sexual dentro do casamento. • O relacionamento sexual dentro do casamento conduz para um relacionamento feliz e duradouro. • O relacionamento sexual dentro do casamento previne contra conflitos entre o casal e com a família.
  • 21. III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA 3. A pedofilia. • Pedofilia = a ocorrência de práticas sexuais entre um indivíduo maior de 16 anos com uma criança na pré- puberdade (Organização da Saúde). • A pedofilia é uma série perversão sexual (medo da resistência de um parceiro de sua idade ou de seu porte físico). • Internet tem sido mal utilizada pelas pessoas que praticam a pedofilia.
  • 22. III. O SEXO QUE A BÍBLIA CONDENA 3. A pedofilia. • Segundo pesquisas: 25 % dos pedófilos foram crianças molestadas e cerca de 80% dos casos as crianças são abusadas por pessoas próximos (pais, padastros, parentes ou vizinhos) e na intimidade do lar. • Jesus ensinou amar, respeitar e cuidar das crianças (Mc 10;14-16). • Os pais devem educar seus filhos de forma a prevenir estes abusos (inteirar-se o que acontece na escola, mudanças de comportamento, sinais no corpo, evitar deixar os filhos com outros pessoas, entre outras ações).
  • 23. Sinopse do tópico “A união heterossexual é o único modelo de casamento biblicamente aprovado por Deus. ” (L.B.*, p. 65, adaptado) * L.B. = Lições Bíblicas, edição do professor.
  • 25. CONSIDERAÇÕES FINAIS • Nesta lição aprendemos que: 1. O casamento aprovado pela Palavra de Deus é monogâmico e heterossexual. 2. A relação sexual dentro do casamento é abençoada por Deus e deve ser desfrutada. 3. Os jovens devem ser orientados para que valorizem a pureza sexual para que tenham uma vida conjugal feliz e duradoura.
  • 26. QUESTIONÁRIO 1. Qual advertência do Salmo 101.3 para o cristão? R. "Não porei coisa má diante dos meus olhos" 2. O sexo é algo pecaminoso? Justifique a sua resposta. R. O sexo em si não é pecaminoso (Gn 1:31), pois foi Deus quem o criou. 3. O relacionamento sexual entre marido e mulher tem como objetivo único a procriação? Cite uma referência bíblica que justifique sua resposta R. Não. Na Bíblia, encontramos vários textos que incentivam o casal a desfrutar das alegrias conjugais: Pv 5.18-23; Ec 9.9; Ct 4.1-12; 7.1-9. 4. Cite um texto bíblico em o Novo Testamento que faça alusão a virgindade para o homem e para a mulher. R. 2 Co 11:2. 5. Cite duas referências bíblicas que mostre que Deus criou apenas dois gêneros distintos: homem e mulher. R. Gn 1:27; 2:18.
  • 27. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS ADEI, Stephen. Seja o Líder que sua Família Precisa. Rio de Janeiro: CPAD, 2009. ASSUNÇÃO, Wanda de. ... E os dois tornam-se um. São Paulo: Mundo Cristão, 1997. CLOUD, Henry; TOWNSEND, John. Limites no casamento. São Paulo: Editora Vida, 2001. LAHAYE, TIM; LAHAYE, Beverly. O ato conjugal. 8ª Edição. Minas Gerais: Editora Betânia, 1989. COLLINS, Gary R. Aconselhamento Cristão. São Paulo: Vida Nova, 1995. GILLHAM, Bill; GUILLAM, Anabel. Ele disse, ela disse. Rio de Janeiro: CPAD, 1997. HOFF, Paul. Pastor como conselheiro. São Paulo: Editora Vida, 1996.
  • 28. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS PARROTT, Les; PARROTT, Leslie. Quando coisas ruins acontecem a bons casamentos. São Paulo: Editora Vida, 2002. POUJOL, Jacques; Poujol, Claire. O potencial criativo do conflito no casamento. São Paulo: Editora vida, 2004. RAINEY, Dennis. Ministério com famílias no Século 21. São Paulo: Editora Vida, 2003. ROGERS, Adrian. Os 10 mandamentos da família. São Paulo: Eclesia, 2000. SOUZA, Estevam Ângelo. ... e fez Deus a família: O padrão divino para um lar feliz. Rio de Janeiro: CPAD, 1999. VONDEREN, Jeff Van. Vida familiar transformada pela graça. Belo Horizonte – MG: Editora Betânia, 1996.
  • 29. IEADSJP – Igreja Evangélica Assembleia de Deus de São José dos Pinhais www.adsaojosedospinhais.com.br www.redemaoamiga.com.br Pr. Presidente: Ival Teodoro da Silva Pr. Vice-Presidente: Eurico Deraldo Santana Co-pastor da sede: Josué Barros Abreu Sup. da EBD: Ev. Ismael Nascimento Oliveira Comentários: Ev. Natalino das Neves www.natalinodasneves.blogspot.com.br natalino6612@gmail.com (41) 8409 8094 / 3076 3589
  • 30. BAIXE ESTE ARQUIVO, CLICANDO NO ÍCONE SUPERIOR: “SAVE” ou “DOWNLOAD”