Resumo: Estação Egípcia

243 visualizações

Publicada em

Resumo: Estação Egípcia

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
243
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Resumo: Estação Egípcia

  1. 1. EstaçãoSouza Nando Egípcia
  2. 2. “Estava medindo a distância entre as marcas comerciais e os símbolos arcaicos.”
  3. 3. • Um homem, aparentemente um homem de negócios, acaba de embarcar numa estação egípcia.• Aos poucos ele percebe que chegou numa cidade deserta, sem ninguém. Os estabelecimentos e as ruas estão vazias.• Ao contrário de ser habitada por pessoas, a cidade é habitada por símbolos egípcios que de alguma forma tentam se comunicar e interagir com ele.• Assustado, ele sempre acaba fugindo.
  4. 4. • Ele realmente fica perturbado com os símbolos, mas em determinado momento alcança um deserto onde vê algumas pegadas na areia.• Animado pela evidência de uma vida próxima, ele segue os passos.• Os passos terminam em uma torre de pedra por onde sai uma mulher de terno correndo e com uma maleta nas mãos.• Ele grita e tenta estabelecer contato com ela, mas a mulher vira e atira nele com uma arma bem grande.• Ele cai.• Pausa.
  5. 5. • Agora vemos ele caído no chão em sua própria poça de sangue. Seus olhos estão semiabertos.• Sua cabeça está aberta e uma idosa está segurando seu cérebro, de joelhos.• Ela diz:
  6. 6. “Você tá bem? Você levou um tiro na cabeçaE eu estou segurando seu cérebro”
  7. 7. • Ele produz sons impossíveis de se entender.• Quando a velha mulher pergunta o que ele está tentando dizer, ele acorda e pensa: “Estava medindo a distância entre as marcas comerciais e os símbolos arcaicos.” Mas continua intacto.• Ele vislumbra estrelas e montanhas. Ele se transforma num símbolo radiante e pára em cima de uma cidade. Um moço em pé numa praia à noite vê algo brilhando no céu e acena: “Será um satélite? Será uma estrela? Ou um disco voador? Meu Deus, será Deus?• Volta para o deserto, ele estirado no chão, de olhos delirantes. Seu cérebro está na areia, do lado dele. A velha mulher está dizendo: “Descanse em paz”.

×