Segurança e Medicina do Trabalho

882 visualizações

Publicada em

Conteúdo sobre segurança e medicina do trabalho

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
882
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Segurança e Medicina do Trabalho

  1. 1. Conjunto de medidas técnicas, educacionais, médicas e psicológicas utilizadas para prevenir acidentes, quer eliminando as condições inseguras do ambiente, quer instruindo ou convencendo as pessoas da implantação das políticas preventivas.
  2. 2. Toda ocorrência não programada, não desejada, que pode resultar em danos físicos e/ ou funcionais para o trabalhador e danos materiais e econômicos a empresa.
  3. 3. Com lesão; Sem lesão; Incapacidade permanente total; Incapacidade permanente parcial; Acidente com morte; Acidente típico; De trajeto; Acidente fora do local e da hora do trabalho; Com perda de materiais.
  4. 4. As causas dos acidentes são classificadas em três grupos principais: Ato Inseguro (ou ato abaixo do padrão); Condição Insegura (condição abaixo do padrão); Fator pessoal de insegurança.
  5. 5. • Doença Profissional – modificação na saúde do trabalhador, desencadeada pelo exercício da sua atividade profissional. • Doença do Trabalho – modificação na saúde do trabalhador, desencadeada em função de condições especiais em que o trabalho é realizado e com ele se relacionada diretamente.
  6. 6. Responsável pela fiscalização, prevenção de acidentes e melhoria na qualidade do ambiente de trabalho.
  7. 7. SESMT- Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho. Formado pelo enfermeiro do trabalho, médico do trabalho e técnico de segurança do trabalho.
  8. 8. Conjunto de medidas obrigatórias que visam minimizar os acidentes de trabalho, doenças ocupacionais, bem como proteger a integridade e a capacidade de trabalho do trabalhador.
  9. 9. São usados com o objetivo de modificar as condições de trabalho em determinado ambiente, promovendo a proteção de todo o grupo.
  10. 10. São usados por cada trabalhador e se destinam a proteção do funcionário durante a realização do trabalho.
  11. 11. “Quando fazemos a coisa certa, nos sentimos bem, não só por termos colaborado com o nosso bem estar, mas também com o dos outros. Segurança é uma questão de educação”. Autor Desconhecido

×