FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL
                           CONSELHO DE ARBITRAGEM

    CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZA...
11. É na Lei 12 que são definidas as Sanções Disciplinares a aplicar pelo árbitro.
    Por exemplo, para expulsão são espe...
RESPOSTAS



1. 20,15 metros.

2. Três.

3. Como o jogador que ia ser substituído teve aquela conduta violenta, deverá ser...
11. Outras incorrecções passíveis de expulsão:
       • Tornar-se culpado de uma falta grosseira
       • Cuspir num adver...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3ªCAT Zona Norte

991 visualizações

Publicada em

Publicada em: Esportes
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
991
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3ªCAT Zona Norte

  1. 1. FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS DE 3.ª CATEGORIA (Zona Norte) Futebol de 11 Luso, 20 de Agosto de 2010 ÉPOCA 2010/2011 TESTE ESCRITO Duração – 60 minutos Não responder Sim ou Não PERGUNTAS 1. Qual a distância, tirada na perpendicular à linha de baliza, entre o centro duma baliza e o arco de círculo existente fora da área de grande penalidade adjacente a essa baliza? 2. Qual o número mínimo de suplentes que é possível designar antes do encontro para que uma equipa possa fazer as substituições normalmente autorizadas? 3. Aquando de uma substituição, o jogador que vai ser substituído dirige-se ao banco dos técnicos da equipa adversária e agride o treinador dessa equipa. Claro que terá de ser expulso. Pretende-se saber é se ele pode ou não ser substituído e porquê? 4. Que procedimento deve tomar o árbitro se um jogador, ao festejar um golo que acaba de marcar, levantar a camisola e exibir na camisola interior um slogan religioso? 5. Pode um jogador lesionado voltar ao terreno pelas linhas de baliza? 6. O guarda-redes defende com as mãos um passe que lhe é feito por um colega com os pés, evitando claramente um golo. O árbitro advertiu o guarda-redes e recomeçou o jogo com um pontapé-livre indirecto contra a sua equipa. Considera correcta ou incorrecta a decisão? Justifique. 7. Cite dois exemplos de factos que tenham cabimento no relatório do árbitro, no Capítulo 3 -“Observações do árbitro” referentes à alínea a) - Organização. 8. Diga, justificando a sua resposta, se o pontapé de saída tem características de livre directo ou indirecto? 9. A bola vai a entrar na baliza. Um defesa colocado sobre a linha de golo, em último recurso, mete-lhe as mãos, mas não impede que ela entre. Como deve agir o árbitro? 10. Como deve proceder o árbitro quando um jogador toca na bola com a mão?
  2. 2. 11. É na Lei 12 que são definidas as Sanções Disciplinares a aplicar pelo árbitro. Por exemplo, para expulsão são especificadas sete incorrecções possíveis, tais como: • tornar-se culpado de conduta violenta • destruir uma clara oportunidade de golo dum adversário que se dirija em direcção à sua baliza, cometendo uma falta passível de um pontapé-livre ou de um pontapé de grande penalidade. Diga mais três dessas incorrecções. 12. Quando a bola ia a entrar na baliza, o guarda-redes atirou-lhe o boné, mas não evitou a sua entrada na baliza. O que decidir nesta situação? 13. Um defesa, de dentro da sua área de grande penalidade, cospe na cara de um suplente que se encontrava fora do campo, junto à linha de baliza, a fazer exercícios de aquecimento. Como agir? 14. Diga dois exemplos diferentes em que um jogador incorra numa falta grosseira. 15. Um jogador defensor apoia-se nos ombros de um atacante, a fim de mais facilmente chegar de cabeça à bola que vem por alto. O árbitro interrompe o jogo, adverte o defesa e pune a sua equipa com um pontapé-livre directo. Diga se concorda com a decisão do árbitro, ou se entende que deveria proceder de forma diferente. 16. Descreva uma rasteira que motive a expulsão do jogador infractor. 17. No momento em que o executante se apresta para marcar o pontapé de grande penalidade, são atiradas para dentro da área diversas almofadas e outros objectos. O árbitro não teve tempo de suspender a execução do castigo. Como deve proceder se: a) a bola entrou na baliza; b) a bola não entrou na baliza? 18. Ao marcar-se uma grande penalidade, um colega do executante entra na área antes da bola partir. O castigo é executado e a bola vai a um poste e ressalta para aquele jogador que havia entrado antes de tempo. Como proceder? 19. O delegado de uma das equipas pretende, no final do jogo, assinar a declaração de protesto, negando-se a informar o árbitro da razão da sua atitude, alegando não ter que dar satisfações sobre essa matéria. Nestas circunstâncias deve ou não o árbitro por ao seu dispor, para aquele efeito, o boletim do encontro? 20. Também no final do encontro o comandante da força policial dirigiu-se ao balneário do árbitro solicitando-lhe para mencionar no relatório que um dos seus agentes foi agredido pelos espectadores. O árbitro não observou directamente estes factos. Refira qual deve ser o procedimento a tomar.
  3. 3. RESPOSTAS 1. 20,15 metros. 2. Três. 3. Como o jogador que ia ser substituído teve aquela conduta violenta, deverá ser expulso, não podendo ser substituído porque a substituição ainda não estava consumada. 4. O árbitro deve chamar a atenção do jogador que essa exibição é proibida e que do facto irá dar conhecimento às autoridades competentes, descrevendo no Relatório do Jogo no Capítulo “Outras” e no modelo 143 em “Observações do árbitro”. 5. Pode, com a devida autorização do árbitro, se o jogo estiver interrompido. 6. A decisão técnica foi correcta, porque o guarda-redes defendeu a bola com as mãos vinda de um passe feito com os pés por um colega de equipa. Disciplinarmente foi incorrecta, não sendo considerado comportamento antidesportivo, já que ele é o único jogador que pode utilizar as mãos dentro da área de grande penalidade. 7. Factos: • Atraso do delegado na entrega da documentação ao árbitro • Falta das placas ou placard para a substituição de jogadores • Falta de maca para transporte de lesionados, em caso de necessidade • Falta de protecção por parte do delegado do clube visitado • Presença de público junto da cabina da equipa de arbitragem 8. Tem características de pontapé-livre directo, porque dele pode resultar golo directamente na baliza da equipa adversária. 9. O árbitro deve validar o golo e advertir o defesa que meteu as mãos à bola para tentar evitar a entrada na sua baliza. 10. Deve interromper o jogo e punir a sua equipa com um pontapé-livre directo ou grande penalidade, de acordo com o local em que a infracção foi cometida. Deverá também exibir-lhe o cartão amarelo se incorreu em comportamento antidesportivo. (cortando um ataque prometedor da equipa adversária, cortando uma linha de passe entre adversários, tentando evitar a entrada da bola na sua baliza, ou metendo ou tentando meter a bola na baliza adversária).
  4. 4. 11. Outras incorrecções passíveis de expulsão: • Tornar-se culpado de uma falta grosseira • Cuspir num adversário ou sobre qualquer outra pessoa • Impedir a equipa adversária de marcar um golo, ou anular uma clara oportunidade de golo, tocando deliberadamente a bola com a mão • Usar linguagem ou gestos ofensivos, injuriosos e/ou grosseiros • Receber uma segunda advertência no decurso do mesmo jogo 12. Validar o golo e exibir o cartão amarelo ao guarda-redes advertindo-o por comportamento antidesportivo. 13. Interromper o jogo, expulsar o jogador que cuspiu e recomeçar o jogo com um pontapé-livre indirecto no local onde a bola se encontrava no momento da interrupção. 14. Um jogador incorre numa falta grosseira se: • Utilizar uma força excessiva na disputa da bola com um adversário • Entrar com brutalidade na disputa da bola com um adversário • Entrar em tacle sobre um adversário pondo em perigo a sua integridade física 15. Concordo com a decisão porque o jogador incorreu numa das 10 faltas punidas com pontapé-livre directo “saltar sobre um adversário”, falta que, só por si, não implica sanção disciplinar. 16. Uma rasteira que destrua uma clara oportunidade de golo dum adversário que se dirigia em direcção à sua baliza, 17. Em qualquer dos casos, a grande penalidade deve ser repetida depois de retiradas as almofadas e os objectos lançados para o terreno de jogo. 18. O árbitro deve interromper o jogo e punir a equipa do jogador infractor com um pontapé-livre indirecto no local da infracção. 19. O árbitro deve disponibilizar, para aquele efeito, o boletim do encontro. 20. O árbitro deve mencionar no relatório o pedido do Comandante da Força Policial, solicitando-lhe a confirmação por escrito.

×