Americanadas Miguel Luisa Madalena

486 visualizações

Publicada em

Experiência na publicação de PowerPoints no Slideshare, nas sessões das quartas...

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Americanadas Miguel Luisa Madalena

  1. 1. Jornalismo A Arte de bem desinformar
  2. 2. <ul><li>Terrorista árabe. </li></ul><ul><li>O Bispo pedófilo . </li></ul>
  3. 3. Um homem passeia tranquilamente pelo Central Park, em Nova York, quando vê um cão a espumar pela boca. Não havia duvidas este estava raivoso e a pronto a atacar a uma assustada menina de 7 anos. As pessoas encontravam-se cheias de medo e afastavam-se cada vez mais do cão e da menina, enquanto a sua mãe apressadamente procurava sair de um estabelecimento próximo onde se refugiavam as pessoas.
  4. 4. O homem não hesita e lança-se sobre o cão, segura-o pela garganta e num golpe rápido mata-o.
  5. 5. <ul><li>Um polícia que vendo o ocorrido aproxima-se, maravilhado, e diz-lhe: </li></ul><ul><li>O senhor é um herói. Amanhã todos poderão ler na primeira página dos jornais: </li></ul><ul><li>“ Um valente Nova Iorquino salva a vida de uma menina.” </li></ul>
  6. 6. O homem responde: - Obrigado, mas eu não sou de Nova York.
  7. 7. -Bom – diz o polícia – Então dirão: “ Um valente americano salva a vida de uma menina.”
  8. 8. - Mas é que eu não sou americano – insiste o homem.
  9. 9. - Bom, isso é o de menos… E de onde é?
  10. 10. - Sou árabe - responde o corajoso e bondoso homem.
  11. 11. No dia seguinte os jornais publicam: “ Um infame terrorista árabe massacra de forma selvática um simpático cão americano de raça pura, em plena luz do dia e à frente a uma menina de 7 anos que chorava aterrorizada.”
  12. 12. <ul><li>Um bispo que estava de partida para a América foi advertido pelo seu colega que deveria ter muito cuidado com o que dizia aos jornalistas. </li></ul><ul><li>Deves ter muito cuidado, pois os jornalistas americanos são muito traiçoeiros e todo cuidado é pouco. </li></ul><ul><li>Esteja descansado pois não terei qualquer problema. Com a graça divina e o meu pequeno livro de orações nada poderá correr mal. </li></ul>
  13. 13. <ul><li>Quando o Bispo se encontrava no avião, estava a ler na revista Time um artigo sobre a guerra no Iraque. E na pagina ao lado encontrava-se um artigo sobre a prostituição infantil. </li></ul><ul><li>Quando saio do avião o Bispo foi imediatamente rodeado pelos jornalistas, começando no imediato uma chuva de perguntas sobre os mais variados temas. Um dos jornalistas na esperança de apanhar o Bispo foi em falso dispara com a seguinte pergunta: </li></ul><ul><li>Eminência, o que pensa sobre os cabarés ? </li></ul><ul><li>Ao que o Bispo responde: </li></ul><ul><li>Existem cabarés nesta cidade ? </li></ul><ul><li>Um silêncio seguiu-se a esta inocente questão colocada pelo Bispo. O Bispo segue o seu caminho deixando a Time cair no chão, aberta precisamente no artigo sobre prostituição infantil, onde se encontrava uma criança numa pose provocante . </li></ul>
  14. 14. <ul><li>No dia seguinte os jornais começam com os seguintes cabeçalhos: </li></ul>

×