Jovem no mercado de trabalho

313 visualizações

Publicada em

Dados sobre mercado de trabalho pra jovens no Brasil

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
313
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jovem no mercado de trabalho

  1. 1. JOVENS NO MERCADO DE TRABALHO
  2. 2. LEI DA APRENDIZAGEM (Aprendiz Legal)  Lei 10097/2000, ampliada em 2005  Determina: empresas de médio e grande porte devemcontratar um número de aprendizes equivalentes a no mínimo 5 e no máximo 15% de funcionários cuja funções demandem formação profissional  Jovens de 14 a 24 anos (idade máxima não se aplica a jovens com deficiência mental)  Jornada: 6 horas. 8 horas para os que já concluiram o ensino médio e se nelas forem computadas as horas de aprendizagem teórica  Contrato de trabalho especial, com duração de dois anos  Incentivos para as empresas: 2% de recolhimento do FGTS, empresas inscritas no simples não tem acréscimo na contribuição previdenciária, dispensa de aviso prévio remunerado, isenção de multa recisória
  3. 3. PROBLEMAS .PEQUENAS E MICRO EMPRESAS NÃO SÃO OBRIGADAS A CONTRATAR . Respondem por 52% da mão de obra FORMAL no país . 60% da mão de obra das pequenas e microempresas trabalha informalmente OU SEJA: apenas um pequeno percentual do mercado de trabalho é obrigado a contratar conforme a lei de aprendizagem. VAGAS QUE EXIGEM CURSO SUPERIOR: não são previstas na lei, e são o objetivo profissional de 40% dos jovens, segundo o IBGE, por pagarem melhores salários
  4. 4. . ISSO IMPLICA: 1. em grande mobilidade no emprego entre os jovens e, por via de consequência, grande “desconfiança” das empresas ao selecionarem trabalhadores 2. jovens recém-formados tem pouca experiência de trabalho em sua área e dependem dos estágios que não são suficientes para todos e para as empresas 3. as empresas buscam então profissionais mais velhos e com experiência, recorrendo até mesmo aos já aposentados. 4. grande concorrência para as melhores vagas e carência de mão de obra para as vagas técnicas
  5. 5. Perfil do Jovem Trabalhador  Jovens entre 14 e 24 anos representam 26,4% da população (em torno de 50 milhões de pessoas)  Destes, 50% trabalham sem carteira assinada  Taxa de desemprego entre jovens é de 15% em média no país, chegando a 21% em algumas regiões, como no Nordeste  Taxa de inatividade atinge principalmente as mulheres (30%)  Em torno de 1/5 dos jovens no Brasil, hoje, nem trabalha e nem estuda  Isso significa: 7 milhões de pessoas entre 18 e 24 anos, ou 10 milhões de pessoas entre 14 e 24 anos.
  6. 6. População Envolvida com o Mercado de Trabalho

×