SlideShare uma empresa Scribd logo
Personalidade e esporte
Aline	
  Arias	
  Wolff	
  
PERSONALIDADE	
  E	
  ESPORTE	
  
Roteiro	
  	
  	
  
•  Definição	
  	
  
•  Teorias	
  da	
  personalidade	
  
•  O	
  modelo	
  cogni8vo-­‐comportamental	
  
•  Histórico	
  da	
  avaliação	
  de	
  personalidade	
  
•  Avaliando	
  a	
  personalidade	
  
•  Instrumentos	
  de	
  avaliação	
  
•  Personalidade	
  X	
  Desempenho	
  espor8vo	
  
Definição	
  
•  Conjunto	
  de	
  caracterís8cas	
  que	
  representam	
  o	
  caráter	
  
singular	
  de	
  cada	
  indivíduo	
  (Cox	
  in	
  Weinberg,	
  2011)	
  
•  Interrelação	
  entre	
  os	
  vários	
  traços	
  de	
  personalidade	
  	
  
Padrões	
   rela8vamente	
   persistentes	
   e	
   consistentes	
   de	
  
comportamento	
   que	
   se	
   manifestam	
   em	
   uma	
   vasta	
  
gama	
  de	
  circunstâncias	
  (Cabral	
  e	
  Nick,	
  2006)	
  
•  Organização	
   dinâmica	
   dos	
   sistemas	
   psicoWsicos	
   que	
  
determinam	
   dentro	
   do	
   indivíduo	
   o	
   seu	
  
comportamento	
   e	
   pensamentos	
   caracterís8cos	
   	
   É	
  
uma	
  organização	
  em	
  movimento	
  (Allport,	
  1937)	
  
A personalidade diz respeito a
características da pessoa que explicam
suas regularidades (padrões
consistentes), em termos de
sentimentos, comportamentos e
pensamentos.
•  Como as pessoas se tornam o que
são?
•  Por que são como são?
– Estrutura
– Processo
– Crescimento e desenvolvimento
– Relação entre genética e ambiente
Teorias	
  da	
  Personalidade	
  
•  Estrutura
– Aspectos mais estáveis
– Sério, brincalhão, honesto...
– As estruturas podem ser mais complexas
ou mais simples.
Teorias	
  da	
  Personalidade	
  
•  Processo
•  Conceitos motivacionais dinâmicos utilizados
para explicar o comportamento
•  Motivos de prazer
•  Motivos de crescimento ou auto-realização
•  Motivos cognitivos
Teorias	
  da	
  Personalidade	
  
•  Crescimento e desenvolvimento (das
diferenças individuais)
•  Determinantes genéticos
– Inteligência, temperamento, fazem parte
da estrutura...
•  Determinantes ambientais
– Valores, crenças...
– São definidos a partir da interação com a
cultura, classe social, família e pares.
Mo8vações	
  
Aspectos	
  
ambientais	
  
PERSONALIDADE	
  
Aspectos	
  
estruturais	
  	
  
Desenvolvimento	
  
Teorias	
  Psicológicas	
  e	
  Personalidade	
  	
  
•  Psicanálise	
  –	
  foco	
  nos	
  aspectos	
  inconscientes	
  e	
  
consolidados	
   em	
   fases	
   iniciais	
   do	
  
desenvolvimento	
  
•  Humanismo	
  –	
  foco	
  nos	
  aspectos	
  mo8vacionais	
  
e	
  busca	
  da	
  autorealização	
  (Maslow	
  e	
  Murray)	
  
•  Behaviriosmo	
  –	
  personalidade	
  como	
  resposta	
  
ao	
  meio	
  
•  Cogni8vismo	
  
O	
  Modelo	
  cogni8vo-­‐comportamental	
  
Sobre a consistência em diferentes
situações ao longo do tempo.
– As pessoas mudam?
Avaliando	
  e	
  compreendendo	
  a	
  
personalidade 	
  no	
  contexto	
  espor8vo	
  
•  Quando	
  avaliar?	
  
•  Por	
  que	
  avaliar?	
  
•  Quem	
  avalia?	
  
•  Como	
  se	
  avalia?	
  
Histórico	
  Inventários	
  de	
  Personalidade	
  
•  Hipócrates,	
  filósofo	
  grego	
  (480	
  a.C.),	
  considerado	
  o	
  pai	
  da	
  
medicina	
  
–  Estudo	
   do	
   temperamento	
   baseado	
   na	
   teoria	
   dos	
   quatro	
  
elementos	
  
•  Sanguíneo:	
  expansivo,o8mista,	
  irritável	
  e	
  impulsivo	
  
•  Fleumá8co:	
  sonhador,	
  dócil,	
  preso	
  aos	
  hábitos	
  e	
  distante	
  das	
  paixões	
  
•  Colérico:	
  ambicioso,	
  dominador	
  e	
  impulsivo	
  
•  Melancólico:	
  nervoso,	
  excitável,	
  pessimista	
  
•  Wundt	
  
–  Baseado	
  na	
  teoria	
  de	
  Hipócrates,	
  postulou	
  duas	
  dimensões	
  do	
  
temperamento	
  
•  Intensidade	
  dos	
  movimentos	
  internos	
  
•  Velocidade	
  de	
  variação	
  dos	
  movimentos	
  internos	
  
Temperamento
•  “Nós temos a mesma possibilidade de
escolha com relação a certos aspectos de
nossa personalidade, que temos com
relação à forma de nosso nariz ou ao
tamanho de nossos pés. Os psicólogos
denominam essa dimensão inata da
personalidade de ‘temperamento’.”
(Hamer e Copeland, 1998, p.7 apud Pervin & John, 2003)
•  Eysenck	
  e	
  Tipologia	
  de	
  Jung	
  
	
   -­‐	
   Baseado	
   nos	
   postulados	
   de	
   Wundt,	
   criou	
   as	
   dimensões:	
  
Extroversão,	
  Introversão	
  e	
  Neuro8cismo	
  
•  Big	
  Five	
  	
  
–  Modelo	
   mais	
   difundido	
   atualmente	
   para	
   avaliação	
   da	
  
personalidade	
  e	
  temperamento	
  -­‐	
  BFP	
  
–  5	
  grandes	
  fatores:	
  	
  
•  Neuro8cismo	
  
•  Extroversão	
  
•  Sociabilidade	
  
•  Escrupulosidade	
  
•  Abertura	
  para	
  experiência	
  
Voltada	
  para	
  fora	
  –	
  
comunica8va,	
  
expansiva	
  
Voltada	
  para	
  
dentro–	
  
reservada,	
  
instrospec8va	
  
Instabilidade	
  
emocional	
  
Instrumentos	
  de	
  avaliação	
  
•  Medidas	
  de	
  temperamento	
  de	
  Hipócrates	
  
•  Medidas	
  de	
  personalidade	
  validadas	
  pelo	
  CFP	
  
– BFP	
  –	
  Bateria	
  Fatorial	
  de	
  Personalidade 	
  	
  
– IFP	
  –	
  Inventário	
  Fatorial	
  de	
  Personalidade	
  
– EFS,	
  EFEX,	
  EFN	
  –	
  Escalas	
  de	
  socialização,	
  
extroversão	
  e	
  neuro8cismo	
  
– Testes	
  proje8vos:	
  Rorschach,	
  Zulliger	
  
•  Ques8onários	
  de	
  auto-­‐relato	
  para	
  
iden8ficação	
  de	
  esquemas	
  disfuncionais	
  
– Inventário	
  de	
  esquemas	
  de	
  Young	
  
– Ques8onário	
  de	
  crenças	
  
•  Entrevista	
  Psicológica	
  e	
  Observação	
  
Personalidade	
  	
  
X	
  
	
  Desempenho	
  EsporCvo	
  
•  Existem	
   perfis	
   ideais	
   de	
   personalidade	
   para	
  
atletas?	
  	
  
•  A	
  personalidade	
  prediz	
  desempenho?	
  
As	
  respostas	
  do	
  cenário	
  ciensfico	
  
Bara	
  Filho	
  (2005),	
  Weinberg	
  e	
  Gould	
  (2011)	
  
•  Duas	
  vertentes	
  
•  Não	
   existem	
   evidências	
   que	
   diferenciam	
  
atletas	
  de	
  não	
  atletas	
  
•  Aspectos	
   ligados	
   a	
   personalidade	
   podem	
  
predizer	
   o	
   sucesso	
   espor8vo,	
   mas	
   os	
   dados	
  
não	
  são	
  precisos,	
  nem	
  conclusivos	
  	
  
•  A	
  personalidade	
  é	
  mais	
  um	
  dado	
  	
  
•  O	
  estudo	
  compara8vo	
  de	
  Schurr,	
  Ashley	
  e	
  Joy,	
  
1977)	
   demonstra	
   que	
   a	
   personalidade	
   difere	
  
de	
  esporte	
  para	
  esporte	
  quando	
  comparada	
  a	
  
de	
  não	
  atletas.	
  Indicando:	
  
– Atletas	
   de	
   esportes	
   cole8vos	
   apresentam	
   menos	
  
pensamento	
   abstrato,	
   são	
   mais	
   extrover8dos,	
  
mais	
  dependentes	
  
– Atletas	
  de	
  esportes	
  individuais	
  são	
  mais	
  obje8vos,	
  
dependentes,	
   menos	
   ansiedade	
   e	
   menos	
  
pensamento	
  abstrato	
  
Personalidade	
  X	
  Modalidade	
  espor8va	
  
•  A	
   personalidade	
   pode	
   influenciar	
   na	
   escolha	
  
da	
  modalidade	
  
•  A	
   modalidade	
   pode	
   influenciar	
   na	
  
personalidade	
  
•  A	
   iniciação	
   é	
   prematura,	
   em	
   uma	
   idade	
   em	
  
que	
   a	
   personalidade	
   ainda	
   não	
   está	
   formada	
  	
  	
  	
  	
  	
  	
  
	
   	
   	
  tendência	
  baseada	
  no	
  temperamento	
  
#ficaadica	
  
•  Não	
   existem	
   instrumentos	
   mágicos	
   que	
   nos	
  
permitam	
   fazer	
   generalizações	
   e	
   predições	
  
sobre	
   comportamentos	
   dos	
   atletas	
   e,	
  
sobretudo,	
  por	
  seu	
  RESULTADO!	
  
OBRIGADA	
  
ALINEARIASWOLFF@GMAIL.COM	
  
Personalidade e esporte

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
Processos psicológicos básicos psicologia
Processos psicológicos básicos   psicologia Processos psicológicos básicos   psicologia
Processos psicológicos básicos psicologia
Maria Santos
 
Psicologia do esporte
Psicologia do esportePsicologia do esporte
Psicologia do esporte
Hannah Dantas
 
Cineantropometria - Perimetria e Avaliação Corporal
Cineantropometria - Perimetria e Avaliação CorporalCineantropometria - Perimetria e Avaliação Corporal
Cineantropometria - Perimetria e Avaliação Corporal
Herbert Santana
 
Princípios da neuropsicologia
Princípios da neuropsicologiaPrincípios da neuropsicologia
Princípios da neuropsicologia
Gisele Cortoni Calia
 
Psicologia do trabalho e das organizações
Psicologia do trabalho e das organizaçõesPsicologia do trabalho e das organizações
Psicologia do trabalho e das organizações
Ana Pereira
 
Vida adulta intermediária
Vida adulta intermediáriaVida adulta intermediária
Vida adulta intermediária
Murilo Augusto Galdino de Souza
 
Psicologia e Políticas Públicas
Psicologia e Políticas PúblicasPsicologia e Políticas Públicas
Psicologia e Políticas Públicas
Arie Storch
 
Diferença de atividade física para Exercício físico!
Diferença de atividade física para Exercício físico!Diferença de atividade física para Exercício físico!
Diferença de atividade física para Exercício físico!
Joemille Leal
 
Recreação
RecreaçãoRecreação
Recreação
LUIZ ALCÂNTARA
 
A invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia 2014 pdf
A invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia  2014 pdfA invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia  2014 pdf
A invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia 2014 pdf
Jonia Lacerda
 
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da PsicologiaFundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Roney Gusmão
 
Ginastica Laboral
Ginastica Laboral Ginastica Laboral
A Psicologia como ciência e profissão.ppt
A Psicologia como ciência e profissão.pptA Psicologia como ciência e profissão.ppt
A Psicologia como ciência e profissão.ppt
SadeMental13RS
 
Psicologia Esportiva 1
Psicologia Esportiva 1Psicologia Esportiva 1
Psicologia Esportiva 1
Dom Fisiologia
 
BASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEM
BASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEMBASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEM
BASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEM
Ana Paula Ribeiro da Fonseca Lopes
 
Dsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certo
Dsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certoDsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certo
Dsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certo
Viviane Pasqualeto
 
Diferentes abordagens da psicologia
Diferentes abordagens da psicologiaDiferentes abordagens da psicologia
Diferentes abordagens da psicologia
Rita Cristiane Pavan
 
Teoria e técnica de dinâmica de grupo
Teoria e técnica de dinâmica de grupoTeoria e técnica de dinâmica de grupo
Teoria e técnica de dinâmica de grupo
Silvio Custódio Souza Júnior
 
Apoio 3
Apoio 3Apoio 3

Mais procurados (20)

Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1
 
Processos psicológicos básicos psicologia
Processos psicológicos básicos   psicologia Processos psicológicos básicos   psicologia
Processos psicológicos básicos psicologia
 
Psicologia do esporte
Psicologia do esportePsicologia do esporte
Psicologia do esporte
 
Cineantropometria - Perimetria e Avaliação Corporal
Cineantropometria - Perimetria e Avaliação CorporalCineantropometria - Perimetria e Avaliação Corporal
Cineantropometria - Perimetria e Avaliação Corporal
 
Princípios da neuropsicologia
Princípios da neuropsicologiaPrincípios da neuropsicologia
Princípios da neuropsicologia
 
Psicologia do trabalho e das organizações
Psicologia do trabalho e das organizaçõesPsicologia do trabalho e das organizações
Psicologia do trabalho e das organizações
 
Vida adulta intermediária
Vida adulta intermediáriaVida adulta intermediária
Vida adulta intermediária
 
Psicologia e Políticas Públicas
Psicologia e Políticas PúblicasPsicologia e Políticas Públicas
Psicologia e Políticas Públicas
 
Diferença de atividade física para Exercício físico!
Diferença de atividade física para Exercício físico!Diferença de atividade física para Exercício físico!
Diferença de atividade física para Exercício físico!
 
Recreação
RecreaçãoRecreação
Recreação
 
A invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia 2014 pdf
A invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia  2014 pdfA invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia  2014 pdf
A invenção do espaço psi historia e epistemologia da psicologia 2014 pdf
 
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da PsicologiaFundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia
 
Ginastica Laboral
Ginastica Laboral Ginastica Laboral
Ginastica Laboral
 
A Psicologia como ciência e profissão.ppt
A Psicologia como ciência e profissão.pptA Psicologia como ciência e profissão.ppt
A Psicologia como ciência e profissão.ppt
 
Psicologia Esportiva 1
Psicologia Esportiva 1Psicologia Esportiva 1
Psicologia Esportiva 1
 
BASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEM
BASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEMBASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEM
BASES BIOLÓGICAS DO COMPORTAMENTO: APRENDIZAGEM
 
Dsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certo
Dsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certoDsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certo
Dsenvolvimento psicossocial do adulto jovem certo
 
Diferentes abordagens da psicologia
Diferentes abordagens da psicologiaDiferentes abordagens da psicologia
Diferentes abordagens da psicologia
 
Teoria e técnica de dinâmica de grupo
Teoria e técnica de dinâmica de grupoTeoria e técnica de dinâmica de grupo
Teoria e técnica de dinâmica de grupo
 
Apoio 3
Apoio 3Apoio 3
Apoio 3
 

Destaque

Personalidade
PersonalidadePersonalidade
Personalidade
Liliane Ennes
 
Personalidade na organização
Personalidade na organizaçãoPersonalidade na organização
Personalidade na organização
Liliane Ennes
 
Justiça e reconciliação
Justiça e reconciliaçãoJustiça e reconciliação
Justiça e reconciliação
Ivanei Silveira
 
A cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus eA cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus e
Eduardo Sousa Gomes
 
Psicologia do Esporte
Psicologia do EsportePsicologia do Esporte
Psicologia do Esporte
Nelson Novaes Neto
 
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp0110 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
netirfreitas
 
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventistaParalelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Eduardo Sousa Gomes
 
C01 batismo
C01 batismoC01 batismo
C01 batismo
Paroquia Arronches
 
Perfeição cristã
Perfeição cristãPerfeição cristã
Perfeição cristã
Eduardo Sousa Gomes
 
Q1304 a reconciliacao
Q1304 a reconciliacaoQ1304 a reconciliacao
Q1304 a reconciliacao
Paroquia Arronches
 
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Eduardo Sousa Gomes
 
OPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERGOPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERG
Projeto Preparar um Povo
 
Esportes e jogos alternativos (slide)
Esportes e jogos alternativos (slide)Esportes e jogos alternativos (slide)
Esportes e jogos alternativos (slide)
Rogerio Melo
 
Psicologia Esportiva 2
Psicologia Esportiva 2Psicologia Esportiva 2
Psicologia Esportiva 2
Dom Fisiologia
 
Teste de personalidade
Teste de personalidadeTeste de personalidade
Teste de personalidade
Jefferson Sales
 
Slide de jogos educativo 2011 abertura1-certa
Slide de jogos educativo 2011 abertura1-certaSlide de jogos educativo 2011 abertura1-certa
Slide de jogos educativo 2011 abertura1-certa
Vaniacalmeida
 
Slides personalidade jurídica
Slides personalidade jurídicaSlides personalidade jurídica
Slides personalidade jurídica
ILDA VALENTIM
 
Teste Personalidade
Teste PersonalidadeTeste Personalidade
Teste Personalidade
ppmateus
 
Personalidade na visão analítico-comportamental
Personalidade na visão analítico-comportamentalPersonalidade na visão analítico-comportamental
Personalidade na visão analítico-comportamental
Márcio Borges Moreira
 
O que é Personalidade?
O que é Personalidade?O que é Personalidade?
O que é Personalidade?
Silas Bastianelli Pinto
 

Destaque (20)

Personalidade
PersonalidadePersonalidade
Personalidade
 
Personalidade na organização
Personalidade na organizaçãoPersonalidade na organização
Personalidade na organização
 
Justiça e reconciliação
Justiça e reconciliaçãoJustiça e reconciliação
Justiça e reconciliação
 
A cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus eA cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus e
 
Psicologia do Esporte
Psicologia do EsportePsicologia do Esporte
Psicologia do Esporte
 
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp0110 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
 
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventistaParalelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
 
C01 batismo
C01 batismoC01 batismo
C01 batismo
 
Perfeição cristã
Perfeição cristãPerfeição cristã
Perfeição cristã
 
Q1304 a reconciliacao
Q1304 a reconciliacaoQ1304 a reconciliacao
Q1304 a reconciliacao
 
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
 
OPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERGOPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERG
 
Esportes e jogos alternativos (slide)
Esportes e jogos alternativos (slide)Esportes e jogos alternativos (slide)
Esportes e jogos alternativos (slide)
 
Psicologia Esportiva 2
Psicologia Esportiva 2Psicologia Esportiva 2
Psicologia Esportiva 2
 
Teste de personalidade
Teste de personalidadeTeste de personalidade
Teste de personalidade
 
Slide de jogos educativo 2011 abertura1-certa
Slide de jogos educativo 2011 abertura1-certaSlide de jogos educativo 2011 abertura1-certa
Slide de jogos educativo 2011 abertura1-certa
 
Slides personalidade jurídica
Slides personalidade jurídicaSlides personalidade jurídica
Slides personalidade jurídica
 
Teste Personalidade
Teste PersonalidadeTeste Personalidade
Teste Personalidade
 
Personalidade na visão analítico-comportamental
Personalidade na visão analítico-comportamentalPersonalidade na visão analítico-comportamental
Personalidade na visão analítico-comportamental
 
O que é Personalidade?
O que é Personalidade?O que é Personalidade?
O que é Personalidade?
 

Semelhante a Personalidade e esporte

Introdução à psicologia 1
Introdução à psicologia   1Introdução à psicologia   1
Introdução à psicologia 1
Célio Alves de Moura
 
Apresentação personalidade e valores
Apresentação personalidade e valoresApresentação personalidade e valores
Apresentação personalidade e valores
Mariana Rezende
 
psicologia e psicopatologia
psicologia e psicopatologiapsicologia e psicopatologia
psicologia e psicopatologia
Faculdade Metropolitanas Unidas - FMU
 
Aconselhamento baseado em traços e factores
Aconselhamento baseado em traços e factoresAconselhamento baseado em traços e factores
Aconselhamento baseado em traços e factores
Lara Moura
 
Aula 3 - Comportamento Microorganizacional
Aula 3 - Comportamento MicroorganizacionalAula 3 - Comportamento Microorganizacional
Aula 3 - Comportamento Microorganizacional
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
Comportamento microorganizacional
Comportamento microorganizacionalComportamento microorganizacional
Comportamento microorganizacional
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
Introdução Psicologia
Introdução Psicologia Introdução Psicologia
Introdução Psicologia
João Carlos Gomes
 
Filosofia e psicologia
Filosofia e psicologiaFilosofia e psicologia
Filosofia e psicologia
José Roberto Pinto
 
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos BásicosAula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
AULA 02 PERSONALIDADES.pptx
AULA 02 PERSONALIDADES.pptxAULA 02 PERSONALIDADES.pptx
AULA 02 PERSONALIDADES.pptx
MirnaKathary1
 
Aula Introdução aos Métodos de 2024.pdf
Aula Introdução aos Métodos de 2024.pdfAula Introdução aos Métodos de 2024.pdf
Aula Introdução aos Métodos de 2024.pdf
MarceloHenriques20
 
História da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdf
História da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdfHistória da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdf
História da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdf
Pedro R. Coutinho
 
O SELF E O SOCIAL
O SELF E O SOCIALO SELF E O SOCIAL
O SELF E O SOCIAL
Victor Nóbrega
 
PERSONALIDADE
PERSONALIDADEPERSONALIDADE
PERSONALIDADE
Leticia Costa
 
aula entrevista avaliação exame do paciente.ppt
aula entrevista avaliação exame do paciente.pptaula entrevista avaliação exame do paciente.ppt
aula entrevista avaliação exame do paciente.ppt
Daiana Moreira
 
LIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIAL
LIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIALLIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIAL
LIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIAL
ANA BELA DOS SANTOS
 
Abordagem psicométrica em orientação vocacional
Abordagem psicométrica em orientação vocacionalAbordagem psicométrica em orientação vocacional
Abordagem psicométrica em orientação vocacional
Tiago Malta
 
sadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdf
sadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdfsadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdf
sadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdf
Karlaejobson
 
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidadeSaúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Aroldo Gavioli
 
Psicologia Experimental
Psicologia ExperimentalPsicologia Experimental
Psicologia Experimental
Marcus Alves
 

Semelhante a Personalidade e esporte (20)

Introdução à psicologia 1
Introdução à psicologia   1Introdução à psicologia   1
Introdução à psicologia 1
 
Apresentação personalidade e valores
Apresentação personalidade e valoresApresentação personalidade e valores
Apresentação personalidade e valores
 
psicologia e psicopatologia
psicologia e psicopatologiapsicologia e psicopatologia
psicologia e psicopatologia
 
Aconselhamento baseado em traços e factores
Aconselhamento baseado em traços e factoresAconselhamento baseado em traços e factores
Aconselhamento baseado em traços e factores
 
Aula 3 - Comportamento Microorganizacional
Aula 3 - Comportamento MicroorganizacionalAula 3 - Comportamento Microorganizacional
Aula 3 - Comportamento Microorganizacional
 
Comportamento microorganizacional
Comportamento microorganizacionalComportamento microorganizacional
Comportamento microorganizacional
 
Introdução Psicologia
Introdução Psicologia Introdução Psicologia
Introdução Psicologia
 
Filosofia e psicologia
Filosofia e psicologiaFilosofia e psicologia
Filosofia e psicologia
 
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos BásicosAula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
 
AULA 02 PERSONALIDADES.pptx
AULA 02 PERSONALIDADES.pptxAULA 02 PERSONALIDADES.pptx
AULA 02 PERSONALIDADES.pptx
 
Aula Introdução aos Métodos de 2024.pdf
Aula Introdução aos Métodos de 2024.pdfAula Introdução aos Métodos de 2024.pdf
Aula Introdução aos Métodos de 2024.pdf
 
História da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdf
História da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdfHistória da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdf
História da Psicologia Social - aulas 1, 2 e 3.pdf
 
O SELF E O SOCIAL
O SELF E O SOCIALO SELF E O SOCIAL
O SELF E O SOCIAL
 
PERSONALIDADE
PERSONALIDADEPERSONALIDADE
PERSONALIDADE
 
aula entrevista avaliação exame do paciente.ppt
aula entrevista avaliação exame do paciente.pptaula entrevista avaliação exame do paciente.ppt
aula entrevista avaliação exame do paciente.ppt
 
LIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIAL
LIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIALLIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIAL
LIDERANÇA E DESENVOLVIMENTO GERENCIAL
 
Abordagem psicométrica em orientação vocacional
Abordagem psicométrica em orientação vocacionalAbordagem psicométrica em orientação vocacional
Abordagem psicométrica em orientação vocacional
 
sadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdf
sadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdfsadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdf
sadementaledesenvolvimentodapersonalidade-140813214028-phpapp01.pdf
 
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidadeSaúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
Saúde mental, desenvolvimento e transtornos da personalidade
 
Psicologia Experimental
Psicologia ExperimentalPsicologia Experimental
Psicologia Experimental
 

Mais de Mundus Esportivus

Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
Mundus Esportivus
 
Direito desportivo
Direito desportivoDireito desportivo
Direito desportivo
Mundus Esportivus
 
Desenvolvimento da criança por meio do esporte
Desenvolvimento da criança por meio do esporteDesenvolvimento da criança por meio do esporte
Desenvolvimento da criança por meio do esporte
Mundus Esportivus
 
Psicologia
PsicologiaPsicologia
Psicologia
Mundus Esportivus
 
Meditação
MeditaçãoMeditação
Meditação
Mundus Esportivus
 
Conflitos e resoluções
Conflitos e resoluçõesConflitos e resoluções
Conflitos e resoluções
Mundus Esportivus
 
Coaching
CoachingCoaching
Biofeedback
BiofeedbackBiofeedback
Biofeedback
Mundus Esportivus
 
Apresentação
ApresentaçãoApresentação
Apresentação
Mundus Esportivus
 
Dinâmica de grupo
Dinâmica de grupoDinâmica de grupo
Dinâmica de grupo
Mundus Esportivus
 
Liderança no esporte
Liderança no esporteLiderança no esporte
Liderança no esporte
Mundus Esportivus
 
Sociologia do esporte
Sociologia do esporteSociologia do esporte
Sociologia do esporte
Mundus Esportivus
 
Aula gestão esporte
Aula gestão esporteAula gestão esporte
Aula gestão esporte
Mundus Esportivus
 
Sobre atletas
Sobre atletasSobre atletas
Sobre atletas
Mundus Esportivus
 
Sobre atletas
Sobre atletasSobre atletas
Sobre atletas
Mundus Esportivus
 
Equipe de coordenadores e palestrantes.
Equipe de coordenadores e palestrantes.Equipe de coordenadores e palestrantes.
Equipe de coordenadores e palestrantes.
Mundus Esportivus
 

Mais de Mundus Esportivus (16)

Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
 
Direito desportivo
Direito desportivoDireito desportivo
Direito desportivo
 
Desenvolvimento da criança por meio do esporte
Desenvolvimento da criança por meio do esporteDesenvolvimento da criança por meio do esporte
Desenvolvimento da criança por meio do esporte
 
Psicologia
PsicologiaPsicologia
Psicologia
 
Meditação
MeditaçãoMeditação
Meditação
 
Conflitos e resoluções
Conflitos e resoluçõesConflitos e resoluções
Conflitos e resoluções
 
Coaching
CoachingCoaching
Coaching
 
Biofeedback
BiofeedbackBiofeedback
Biofeedback
 
Apresentação
ApresentaçãoApresentação
Apresentação
 
Dinâmica de grupo
Dinâmica de grupoDinâmica de grupo
Dinâmica de grupo
 
Liderança no esporte
Liderança no esporteLiderança no esporte
Liderança no esporte
 
Sociologia do esporte
Sociologia do esporteSociologia do esporte
Sociologia do esporte
 
Aula gestão esporte
Aula gestão esporteAula gestão esporte
Aula gestão esporte
 
Sobre atletas
Sobre atletasSobre atletas
Sobre atletas
 
Sobre atletas
Sobre atletasSobre atletas
Sobre atletas
 
Equipe de coordenadores e palestrantes.
Equipe de coordenadores e palestrantes.Equipe de coordenadores e palestrantes.
Equipe de coordenadores e palestrantes.
 

Último

A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptxA Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
tamirissousa11
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 

Último (20)

A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptxA Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 

Personalidade e esporte

  • 2. Aline  Arias  Wolff   PERSONALIDADE  E  ESPORTE  
  • 3. Roteiro       •  Definição     •  Teorias  da  personalidade   •  O  modelo  cogni8vo-­‐comportamental   •  Histórico  da  avaliação  de  personalidade   •  Avaliando  a  personalidade   •  Instrumentos  de  avaliação   •  Personalidade  X  Desempenho  espor8vo  
  • 4. Definição   •  Conjunto  de  caracterís8cas  que  representam  o  caráter   singular  de  cada  indivíduo  (Cox  in  Weinberg,  2011)   •  Interrelação  entre  os  vários  traços  de  personalidade     Padrões   rela8vamente   persistentes   e   consistentes   de   comportamento   que   se   manifestam   em   uma   vasta   gama  de  circunstâncias  (Cabral  e  Nick,  2006)   •  Organização   dinâmica   dos   sistemas   psicoWsicos   que   determinam   dentro   do   indivíduo   o   seu   comportamento   e   pensamentos   caracterís8cos      É   uma  organização  em  movimento  (Allport,  1937)  
  • 5. A personalidade diz respeito a características da pessoa que explicam suas regularidades (padrões consistentes), em termos de sentimentos, comportamentos e pensamentos.
  • 6. •  Como as pessoas se tornam o que são? •  Por que são como são? – Estrutura – Processo – Crescimento e desenvolvimento – Relação entre genética e ambiente Teorias  da  Personalidade  
  • 7. •  Estrutura – Aspectos mais estáveis – Sério, brincalhão, honesto... – As estruturas podem ser mais complexas ou mais simples. Teorias  da  Personalidade  
  • 8. •  Processo •  Conceitos motivacionais dinâmicos utilizados para explicar o comportamento •  Motivos de prazer •  Motivos de crescimento ou auto-realização •  Motivos cognitivos Teorias  da  Personalidade  
  • 9. •  Crescimento e desenvolvimento (das diferenças individuais) •  Determinantes genéticos – Inteligência, temperamento, fazem parte da estrutura... •  Determinantes ambientais – Valores, crenças... – São definidos a partir da interação com a cultura, classe social, família e pares.
  • 10. Mo8vações   Aspectos   ambientais   PERSONALIDADE   Aspectos   estruturais     Desenvolvimento  
  • 11. Teorias  Psicológicas  e  Personalidade     •  Psicanálise  –  foco  nos  aspectos  inconscientes  e   consolidados   em   fases   iniciais   do   desenvolvimento   •  Humanismo  –  foco  nos  aspectos  mo8vacionais   e  busca  da  autorealização  (Maslow  e  Murray)   •  Behaviriosmo  –  personalidade  como  resposta   ao  meio   •  Cogni8vismo  
  • 13. Sobre a consistência em diferentes situações ao longo do tempo. – As pessoas mudam?
  • 14. Avaliando  e  compreendendo  a   personalidade  no  contexto  espor8vo   •  Quando  avaliar?   •  Por  que  avaliar?   •  Quem  avalia?   •  Como  se  avalia?  
  • 15. Histórico  Inventários  de  Personalidade   •  Hipócrates,  filósofo  grego  (480  a.C.),  considerado  o  pai  da   medicina   –  Estudo   do   temperamento   baseado   na   teoria   dos   quatro   elementos   •  Sanguíneo:  expansivo,o8mista,  irritável  e  impulsivo   •  Fleumá8co:  sonhador,  dócil,  preso  aos  hábitos  e  distante  das  paixões   •  Colérico:  ambicioso,  dominador  e  impulsivo   •  Melancólico:  nervoso,  excitável,  pessimista   •  Wundt   –  Baseado  na  teoria  de  Hipócrates,  postulou  duas  dimensões  do   temperamento   •  Intensidade  dos  movimentos  internos   •  Velocidade  de  variação  dos  movimentos  internos  
  • 16. Temperamento •  “Nós temos a mesma possibilidade de escolha com relação a certos aspectos de nossa personalidade, que temos com relação à forma de nosso nariz ou ao tamanho de nossos pés. Os psicólogos denominam essa dimensão inata da personalidade de ‘temperamento’.” (Hamer e Copeland, 1998, p.7 apud Pervin & John, 2003)
  • 17. •  Eysenck  e  Tipologia  de  Jung     -­‐   Baseado   nos   postulados   de   Wundt,   criou   as   dimensões:   Extroversão,  Introversão  e  Neuro8cismo   •  Big  Five     –  Modelo   mais   difundido   atualmente   para   avaliação   da   personalidade  e  temperamento  -­‐  BFP   –  5  grandes  fatores:     •  Neuro8cismo   •  Extroversão   •  Sociabilidade   •  Escrupulosidade   •  Abertura  para  experiência   Voltada  para  fora  –   comunica8va,   expansiva   Voltada  para   dentro–   reservada,   instrospec8va   Instabilidade   emocional  
  • 18. Instrumentos  de  avaliação   •  Medidas  de  temperamento  de  Hipócrates   •  Medidas  de  personalidade  validadas  pelo  CFP   – BFP  –  Bateria  Fatorial  de  Personalidade     – IFP  –  Inventário  Fatorial  de  Personalidade   – EFS,  EFEX,  EFN  –  Escalas  de  socialização,   extroversão  e  neuro8cismo   – Testes  proje8vos:  Rorschach,  Zulliger  
  • 19. •  Ques8onários  de  auto-­‐relato  para   iden8ficação  de  esquemas  disfuncionais   – Inventário  de  esquemas  de  Young   – Ques8onário  de  crenças   •  Entrevista  Psicológica  e  Observação  
  • 20. Personalidade     X    Desempenho  EsporCvo  
  • 21. •  Existem   perfis   ideais   de   personalidade   para   atletas?     •  A  personalidade  prediz  desempenho?  
  • 22. As  respostas  do  cenário  ciensfico   Bara  Filho  (2005),  Weinberg  e  Gould  (2011)   •  Duas  vertentes   •  Não   existem   evidências   que   diferenciam   atletas  de  não  atletas   •  Aspectos   ligados   a   personalidade   podem   predizer   o   sucesso   espor8vo,   mas   os   dados   não  são  precisos,  nem  conclusivos     •  A  personalidade  é  mais  um  dado    
  • 23. •  O  estudo  compara8vo  de  Schurr,  Ashley  e  Joy,   1977)   demonstra   que   a   personalidade   difere   de  esporte  para  esporte  quando  comparada  a   de  não  atletas.  Indicando:   – Atletas   de   esportes   cole8vos   apresentam   menos   pensamento   abstrato,   são   mais   extrover8dos,   mais  dependentes   – Atletas  de  esportes  individuais  são  mais  obje8vos,   dependentes,   menos   ansiedade   e   menos   pensamento  abstrato  
  • 24. Personalidade  X  Modalidade  espor8va   •  A   personalidade   pode   influenciar   na   escolha   da  modalidade   •  A   modalidade   pode   influenciar   na   personalidade   •  A   iniciação   é   prematura,   em   uma   idade   em   que   a   personalidade   ainda   não   está   formada                    tendência  baseada  no  temperamento  
  • 25. #ficaadica   •  Não   existem   instrumentos   mágicos   que   nos   permitam   fazer   generalizações   e   predições   sobre   comportamentos   dos   atletas   e,   sobretudo,  por  seu  RESULTADO!