Pulgas: Como Eliminar

44 visualizações

Publicada em

Saiba como eliminar as pulgas dos seus cães e gatos, bem como desinfestar a casa e prevenir o seu reaparecimento. https://www.mundodosanimais.pt/

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
44
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pulgas: Como Eliminar

  1. 1. PULGAS: COMO ELIMINAR www.mundodosanimais.pt
  2. 2. TODAS AS EDIÇÕES EM: www.mundodosanimais.pt/ revista
  3. 3. ARTIGO DISP www.mundodosanimais.pt/anim caes-
  4. 4. PONÍVEL EM: mais-estimacao/eliminar-pulgas- gatos
  5. 5. MUNDO DOS ANIMAIS Pulgas Como Eliminar Texto Sara Guiomar e Sara Bastos A s pulgas são um dos maiores pesade- los que assombram os donos de cães e gatos. Principalmente nos meses mais quentes, como no Verão, conseguem infestar rapidamente um animal e a casa intei- ra onde ele vive. Não é por acaso que a pulga é “apenas” o parasita externo mais comum que existe em cães e gatos. Apesar de ser uma praga mais antiga que o pró- prio ser humano, muitas pessoas com animais de estimação não sabem como eliminar as pul- gas de forma segura e eficaz. Existe uma vasta gama de produtos destinados a eliminar pulgas, mas só funcionam quando bem escolhidos ten- do em conta o animal, o ambiente e as diferen- tes etapas da infestação. Uma má escolha do produto pode inclusive colocar em risco a saúde do seu amigo, pelo que não deve descuidar este assunto. Mas então, o que é preciso fazer para conseguir acabar com as pulgas? Antes demais, temos de perceber o que são pulgas.
  6. 6. www.mundodosanimais.pt Eli Duke via Flickr
  7. 7. MUNDO DOS ANIMAIS A s pulgas são insetos que gostam de tempe- raturas quentes, humi- dade e que se alimen- tam do sangue (hematófagos) de animais com sangue quen- te, especialmente cães, gatos, coelhos, esquilos, guaxinins, ratos e sim, seres humanos. Apesar de poderem parecer todas iguais – castanhas escu- ras e do tamanho da cabeça de um alfinete – já foram descritas mais de duas mil espécies de pulgas em todo o mundo. Uma das principais caracterís- ticas das pulgas é a sua enor- me capacidade de salto: con- seguem catapultar-se até cerca de 200 vezes o seu próprio ta- manho. Quando encontra uma pulga e a tenta apanhar, o sal- to é a sua arma de defesa para escapar. Uma pulga pode viver até um ano (ou mais em determinadas condições) e, no caso das fê- meas, pôr mais de dois mil ovos durante a sua vida. Não admira que o número de pulgas numa infestação aumente tão rapida- mente. As pulgas transmitem-se pelo contacto com animais infeta- dos ou com ambientes onde elas estejam presentes. As pul- gas que parasitam cães e ga- tos não estão relacionadas com qualquer tipo de classe social ou condições de higiene, pois basta passear com o seu cão num jardim onde tenha passa- do anteriormente outro animal com pulgas, para as poder tra- zer para casa. Uma vez em casa, basta uma pulga fêmea colocar ovos para dar início à infestação. Os ovos caem do pêlo do seu animal e ficam instalados em frestas de soalho, carpetes, a cama do animal, o seu jardim (se for o caso), ou outros locais menos acessíveis. Estes ovos desenvolvem-se e deles nas- cem larvas, que se deslocam para locais quentes ao abrigo da luz, sendo as frestas dos soalhos os seus locais de elei- ção. As larvas vão-se alimentando da matéria orgânica que encon- tram pelo chão, principalmente nopó.Estaslarvasevoluempara um casulo, onde aguardam con- dições favoráveis para eclodir.
  8. 8. www.mundodosanimais.pt Basta pressentirem um ligeiro aumento de temperatura, ou a respiração (dióxido de carbono) de um animal, para eclodirem em pulgas adultas. Como o ci- clo de vida das pulgas, desde o ovo à pulga adulta, está de- pendente das condições que encontra no meio, a limpeza e desinfeção da casa é um dos passos mais importantes para as eliminar. Já lá vamos.
  9. 9. MUNDO DOS ANIMAIS Os Perigos das Pulgas Para a Saúde As pulgas não são simplesmente parasitas incó- modos. Podem mesmo causar doenças e trans- mitir parasitas internos: • A saliva que a pulga injeta para melhor sugar o sangue, pode provocar irritação, eczemas e outras doenças cutâneas, como a DAPP (Der- matite Alérgica à Picada da Pulga); • Se o número de pulgas for elevado, o ani- mal pode ficar anémico devido à quantidade de sangue perdida; • As pulgas podem transmitir parasitas inter- nos como é o caso do verme intestinal Dipyli- dium caninum, que além de infetar o intestino dos cães e dos gatos, também é transmitido a seres humanos, em especial crianças; • O constante desassossego do animal, em stress com a comichão incessante, pode levar o animal a comer menos, tornar-se deprimido e até agressivo, dependendo da sua persona- lidade.
  10. 10. www.mundodosanimais.pt Pulga-de-cão (Ctenocephalides canis) Luis Fernández García via Wikimedia Commons
  11. 11. MUNDO DOS ANIMAIS U m dos erros que as pessoas frequente- mente cometem ao tentar eliminar as pul- gas, é só desparasitarem os seus animais. A verdade é que quando en- contra uma pulga no pêlo do seu animal, isso significa que a sua casa já terá uma infestação em curso. Dizem as estimativas que os animais possuem ape- nas entre 5 a 10% das pulgas presentes em casa. Portanto vamos começar pelo ambiente / casa. • Aspire tudo o que for possí- vel: chão (principalmente frin- chas), carpetes, móveis (por baixo e nos cantos), caixas de transporte, tapetes, almofadas, sofás, porão (se for o caso), etc; • Tenha especial atenção em zonas mais húmidas e que não estejam muito expostas à luz do Sol, pois é onde as larvas se refugiam até se tornarem pulgas adultas; • Quando terminar de aspirar, coloque o saco do aspirador dentro de outro saco ou reci- piente isolado (para evitar fuga de pulgas) e deposite-o fora de casa no ponto de recolha de lixo habitual; • Lave toda a roupa em que o animal tenha estado em con- tacto, em especial das camas (a dele e a sua), com água bem quente; • Note que a eliminação das pulgas pode demorar um par de semanas ou mesmo um mês, pelo que as lavagens e aspira- ções devem ser repetidas com frequência até que não existam quaisquer pulgas no ambiente; • Se for uma infestação mais grave, poderá ter de recorrer a um inseticida antipulgas em casa, sendo mais recomenda- do o Biokill. Caso escolha outro produto, tenha muita atenção aos rótulos para se certificar que não corre o risco de into- xicação de pessoas e animais; • Em casos de gravidade ex- trema, recorrer aos serviços de uma empresa de desinfestação poderá ser a solução para re- solver de vez o problema.
  12. 12. www.mundodosanimais.pt A desparasitação nos ani- mais deve começar após ter feito a primeira aspiração e lim- peza em casa. Todos os cães e gatos em casa devem ser tra- tados, mesmo que acredite que apenas um deles está com pul- gas. Apesar de existirem diversos tipos de produtos, não acon- selhamos o uso de sabonetes ou champôs antipulgas (salvo recomendação do seu veteriná- rio), devido ao fraco efeito resi- dual assim que é enxaguado e por alguns riscos associados a animais idosos ou debilitados. Tenha atenção a talcos antipul- gas ou outros venenos inseti- cidas, pois podem ser tóxicos para os animais e criar proble- mas sérios, inclusivamente fa- tais. Tenha também especial cuidado com alguns antipulgas para cães, como o Advantix e o Pulvex, pois são altamente tóxicos para gatos. Certifique-se que o produto que vai utilizar é 1) de uso veteri- nário e 2) indicado para o ani- mal que pretende desparasitar. Consulte primeiro o seu veteri- nário para dissipar qualquer dú- vida.
  13. 13. MUNDO DOS ANIMAIS chris jd via Flickr
  14. 14. www.mundodosanimais.pt Como Evitar o Reaparecimento A pós eliminar com su- cesso as pulgas do seu animal e da sua casa, deve adotar me- didas preventivas para que es- tas não reapareçam. Como em muitos problemas, a prevenção é o melhor remédio. Existem algumas dicas práticas que pode aplicar, para evitar que as pulgas voltem a entrar em sua casa. Nomeadamente: • Manter o ambiente limpo e arejado, evitando a humidade excessiva; • Aspirar frequentemente a casa e ter especial atenção a cestas e roupas em contacto com os animais (como as ca- mas deles); • Encerar os soalhos, pois a cera é tóxica para as pulgas; • No jardim / exterior, pode apli- car produtos biodegradáveis contra pulgas. Quanto ao seu animal, certi- fique-se de que lhe dá banho frequentemente (nos cães, me- nos frequente nos gatos) e de que não entra em contacto com outros animais que possam ter pulgas. Caso tenha dúvidas sobre qual o produto mais aconselhável para o seu animal, ou se o seu animal foi afetado por outros problemas associados a uma infestação de pulgas (como alergias e parasitas internos), deve consultar o veterinário as- sistente, que saberá qual a me- lhor estratégia a adotar. Leia mais sobre animais de estimação em: www.mundodosanimais.pt/animais-estimacao
  15. 15. Inspirar pessoas a melhor dos ani
  16. 16. a cuidar imais Produção: Carlos Gandra Conteúdos: Sara Guiomar e Sara Bastos Contacto geral geral@mundodosanimais.pt Colaboração editor@mundodosanimais.pt A Revista Mundo dos Animais é uma publicação gratuita. Sinta-se livre para a distribuir por email, twitter, blog ou qualquer outro meio, desde que nenhum dos conteúdos seja de alguma forma alterado. Todas as edições podem ser ace- didas gratuitamente em: www.mundodosanimais.pt/revista Visite-nos em: © 2016 Mundo dos Animais www.mundodosanimais.pt /mundodosanimais @mundodosanimais +MundodosanimaisPt

×