O astronauta brasileiro e o “Regresso das  Estrelas”: mito e política científica na  análise de conteúdo da cobertura da m...
IntroduçãoAnálise de conteúdo do jornal digital Folha Online durante o vôoespacial do primeiro astronauta brasileiro.A div...
Fundamentação teórica        Divulgação e jornalismo        científico        •Opinião pública e financiamento da        p...
Exploração espacial e jornalismo             científico • Motivação estratégica • Suporte e financiamento • Relação simbió...
Divulgação científica e mito• Caro (1993):   – Divulgação como “ato     literário”: temas     românticos, metáforas e     ...
Metodologia• Amostragem intencionada   – Jornal digital Folha Online   – 9 de fevereiro a 26 de abril de     2006• Análise...
Análise semiótica das imagens
Picos de concentração:                                                    •Lançamento (28-30/3)Distribuição dos textos    ...
GêneroPredomínioda notícia e              2,20%   1,10%                                          2,20%                    ...
CaráterPredominânciado caráter              10,99%            caráter                                            Positivop...
Enquadramento midiáticoDivulgaçãocientífica:transmitir                                                        enquadrament...
Caráter x enquadramentoValoraçãonegativa ocorresomente nos        Div ulgação científica                                  ...
Enquadramento x gênero                            enquadramentoVariedade                Editorial                         ...
Temas e figuras narrativas                          Ufanismo                            49Lula                 17Comunicaç...
Divulgaçãocientífica e  humor
Discussão• Cobertura se centrou no personagem  do astronauta Marcos Pontes, como  “pioneiro”, “herói”, “homem de família”,...
• Destacam as figuras ufanistas e  patrióticas: “verde-amarelo”, o futebol e  o “orgulho de ser brasileiro” .• Conteúdo de...
Considerações finais• Estratégia baseada no relato  mitológico e simbólico serviu para  concentrar a atenção do público.• ...
O astronauta brasileiro e o “Regresso das Estrelas”: mito e política científica na análise de conteúdo da cobertura da mis...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O astronauta brasileiro e o “Regresso das Estrelas”: mito e política científica na análise de conteúdo da cobertura da missão Centenário da Agência Espacial Brasileira

1.077 visualizações

Publicada em

Trabalho apresentado no Intercom 2006, Brasília.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.077
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
236
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O astronauta brasileiro e o “Regresso das Estrelas”: mito e política científica na análise de conteúdo da cobertura da missão Centenário da Agência Espacial Brasileira

  1. 1. O astronauta brasileiro e o “Regresso das Estrelas”: mito e política científica na análise de conteúdo da cobertura da missão Centenário da Agência Espacial Brasileira Marcelo Sabbatini POSMEX-UFRPE
  2. 2. IntroduçãoAnálise de conteúdo do jornal digital Folha Online durante o vôoespacial do primeiro astronauta brasileiro.A divulgação científica envolvida na cobertura da missão,relacionando-a com a discussão da política espacial brasileira e dautilização do mito como elemento narrativo
  3. 3. Fundamentação teórica Divulgação e jornalismo científico •Opinião pública e financiamento da pesquisa científica •Aumento de interesse pelas profissões científicas •Preencher lacunas do ensino •Vigilância sobre o desenvolvimento científico •Benefícios estéticos, morais e culturais •Dialética ciência-tecnologia-sociedade
  4. 4. Exploração espacial e jornalismo científico • Motivação estratégica • Suporte e financiamento • Relação simbiótica com meios de comunicação (exemplo, NASA).• No Brasil: AEB e Programa de Popularização do Espaço e da Ciência (PPEC) » “ausência de explicações sobre a importância do Programa” (CALDAS et al. 2004).
  5. 5. Divulgação científica e mito• Caro (1993): – Divulgação como “ato literário”: temas românticos, metáforas e mitos de criação e de heróis – A “rota do espetáculo”: consumo dos conhecimentos científicos e tecnológicos
  6. 6. Metodologia• Amostragem intencionada – Jornal digital Folha Online – 9 de fevereiro a 26 de abril de 2006• Análise quantitativa- qualitativa – Instrumento de coleta de dados – Análise textual baseada em códigos
  7. 7. Análise semiótica das imagens
  8. 8. Picos de concentração: •Lançamento (28-30/3)Distribuição dos textos •Retorno (7-8/3) 6 0 0 2 - R P A - 6 2 6 0 0 2 - R P A - 5 2 6 0 R P A - 2 6 0 0 2 - R P A - 1 2 6 0 0 2 - R P A - 0 2 6 0 2 R P A - 9 1 6 0 2 R P A - 1 6 0 0 2 - R P A - 0 1 6 0 0 2 - R P A - 9 0 6 2 R P A - 8 0 6 0 0 2 - R P A - 7 0 6 0 0 2 - R P A - 6 0 6 2 R P A - 5 0 6 0 0 2 - R P A - 4 0 data 6 0 0 2 - R P A - 3 0 6 R P A - 2 0 6 2 R P A - 1 0 6 0 0 2 - R A M - 1 3 6 0 0 2 - R A M - 0 3 6 0 R A M - 9 2 6 0 0 2 - R A M - 8 2 6 0 0 2 - R A M - 6 1 6 0 2 R A M - 5 1 6 2 R A M - 8 0 6 0 0 2 - R A M - 7 0 6 0 0 2 - R A M - 6 0 6 2 R A M - 4 0 6 0 0 2 - R A M - 1 0 6 0 0 2 - B E F - 9 0 0 8 0 6 2 4 1
  9. 9. GêneroPredomínioda notícia e 2,20% 1,10% 2,20% tipoda nota 12,09% Col una Notíciabreve. Nota breve Crôni ca Entrevi staAusência degênerosinterpretativos. 82,42%
  10. 10. CaráterPredominânciado caráter 10,99% caráter Positivopositivo. 3,30% Negativo Neutro 85,71%
  11. 11. Enquadramento midiáticoDivulgaçãocientífica:transmitir enquadramentoconhecimentos Divul gação científi ca Pol íti ca científi cacientíficos a um Economi apúblico amplo 38,46% Interface CTS 42,86%InterfaceCTS:relações entrea comunidadecientífica e asociedade em geral 3,30% 15,38%
  12. 12. Caráter x enquadramentoValoraçãonegativa ocorresomente nos Div ulgação científica carátertextos de Positi vo 7,69% Negativo Política científica Neutroorientação à Economia 19,05% 2,70% 38,10%política Interface CTS 33,33% 2,70%científica. 66,67% 94,59%Gênero notícia é 42,86%fortemente 92,31%marcado pelocaráter positivo
  13. 13. Enquadramento x gênero enquadramentoVariedade Editorial Divul gação científi ca Artigo Pol íti ca científi cano gênero Coluna Economi a Notícia Interface CTSnotícia Nota brev e Crônica Entrev istaCTSpresente emtodos osgêneros
  14. 14. Temas e figuras narrativas Ufanismo 49Lula 17Comunicação social 14 Pioneirismo 45Santos Dumont 13 Mitos e símbolos 40Educação 12 Retorno 24Gagarin 12 AEB 20Filho da terra 11 Superstição/Misticismo/EspiritualSergio Gaudenzi 11 idade 19Sonho 10 Família 18Sergio Rezende 9 Personalidade 18Centenário 14 bis 8 Juventude 17Nova era 4 Total : 91 temas
  15. 15. Divulgaçãocientífica e humor
  16. 16. Discussão• Cobertura se centrou no personagem do astronauta Marcos Pontes, como “pioneiro”, “herói”, “homem de família”, “filho da terra”, “brasileiro típico”.• Estrutura da cobertura pode ser interpretada como um relato, como a construção de um mito.
  17. 17. • Destacam as figuras ufanistas e patrióticas: “verde-amarelo”, o futebol e o “orgulho de ser brasileiro” .• Conteúdo de divulgação em relação ao Programa Espacial Brasileiro nulo.• Prevalência dos gêneros notícia e nota breve, com pouco espaço para os gêneros opinativos.
  18. 18. Considerações finais• Estratégia baseada no relato mitológico e simbólico serviu para concentrar a atenção do público.• Perda da oportunidade de envolver ativamente a sociedade no desenvolvimento da política espacial brasileira.

×