SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
16                     livros
                       infanto-juvenil
Público 3 julho 2004




| letra pequena |
                   rita     pimenta




                                                                                                                                                                                    GémEo luís




                                                                    Sexo para menores
                                                                 não faça essa cara, este título malandro só quer chamar a atenção para
      Quem irá ocupar                                            livros que explicam a sexualidade às crianças. Com verdade e sem medo.
         o trono?                                                | Rita Pimenta                 dentro. A barriga da Dona       crianças, à margem (em le-      faz sentido por outra razão:
Um reino sem rei nem sucessor. Qualquer semelhança                                              Alice foi crescendo, cres-      tra mais pequena, destinada     trata-se de um pleonasmo,
com a actualidade política nacional é coincidência. Pura.        Impensável até há poucos       cendo… O resto da história      ao adulto) há comentários       todos os homens — e mu-
Falamos de Nárnia, um universo paralelo a braços com o           anos, a produção de livros     o nosso leitor já conhece. O    ou opiniões de especialis-      lheres! — são sexuais. Não
desaparecimento do filho do rei. O príncipe deixou-se en-        sobre a sexualidade desti-     miúdo não. Cabe-lhe a si        tas, e alguns poemas. As        por praga ou bênção; por
feitiçar por uma malévola e bela dama, ninguém sabe dele,        nados a um público infantil    contá-la. Os livros só dão      ilustrações (mais conceptu-     natureza.”
e o rei está doente. Mesmo em ficção, numa monarquia não         e juvenil é agora diversifi-   uma ajuda, nunca substi-        ais que meramente ilustra-         No final do livro, é-nos
há eleições. É então urgente encontrar o príncipe.               cada, bem-disposta e qua-      tuem o adulto. Neste caso,      tivas) obrigam a parar e a      dada uma lista de possíveis
“O Trono de Prata”, de C.S. Lewis, é o quinto volume da          se sempre de qualidade.        o título “Para Onde Foi o       reflectir sobre o que é dito.   instrumentos pedagógicos
colecção As Crónicas de Nárnia e o que mais tem encan-           Alheias a discussões sobre     Zezinho?” é um bom ponto        Esta diversidade de registos    ou de interesse formativo
tado os seus leitores. Desta vez, os dois jovens Jill e Eus-     i nteg ração d a educação      de partida.                     dá grande originalidade à       para consulta: filmes, mate-
tace serão soprados por um leão para estranhas terras de         sexual nos currículos, as        “Para descongelar o me-       obra, criada por Ilda Ta-       rial audiovisual educativo,
gigantes, cidades subterrâneas e seres fantásticos. Missão:      obras esclarecem os mais       do de falar disto e daquilo”,   borda e Gémeo Luís, e que       “sites”, livros e jogos. Edi-
encontrar o príncipe e libertá-lo do feitiço.                    novos, respondem às ine-       surge o corajoso e atraente     conta com a colaboração de      tada pelo Colégio Primeiros
                                  Clive Staple Lewis, irlan-     vitáveis perguntas dos pri-    livro “O Que É Um Ho-           especialistas.                  Passos, do Porto (“porque
o Trono de Prata — As dês, nasceu em 1898, mui-                  meiros anos e atenuam os       mem Sexual”. Não foge à            Na pergunta escolhida        os primeiros passos nunca
crónicas de Nárnia                to antes da recente febre      receios das primeiras des-     curiosidade da criança que,     para título do livro, é o       são de fuga, mas de des-
Autor c.S. lewis                  dos universos paralelos.       cobertas. E não se limitam     por não saber pronunciar        sexólogo Júlio Machado          cober ta”, escreve Emílio
trAdutor Ana Falcão               A principal responsável        aos aspectos anatómicos,       a palavra “homossexual”,        Vaz quem comenta. Sugere        Remelhe), esta é uma obra
bastos                            por este vício juvenil do      reprodutivos ou de saúde.      pergunta: “Professora, o        o médico que, depois de se      muito recomendável.
IlustrAdor Pauline                fantástico, J. K. Rowling, a   Falam de amor.                 que é um homem sexual?”         explicar ao miúdo que “um          Nu m registo mais hu-
baynes                            autora do famoso feiticeiro       Comecemos pela diver-       A resposta: “Uma pessoa         homossexual é um homem          morístico, mas igualmente
EdItor Editorial Presença Harry Potter, afirma ter-se            tida história do esperma-      qualquer, sem saber como        como os outros”, se leve à      rigoroso na abordagem, o
                                  inspirado nas narrativas de    tozóide Zezinho, que, não      aconteceu, ama muito uma        letra a expressão “homem        “Guia da Vida Sexual da
168 págs., 7,49
                                  Lewis na criação do seu        sendo bom a fazer contas,      pe ssoa do me smo sexo          sexual”. E diz: “O sexo de      Malta Nova” destina-se a
                                  herói e do imaginário que      nadava que se fartava. Foi     que o seu. / Se alguém se       quem nos acolhe o desejo        leitores dos 9 aos 13 anos.
                                  o rodeia. Uma boa fonte.       assim que venceu a corrida     apaixona por outra pessoa       não pode ser tão importante     Aí surgem as inevitáveis
                                  O talento e imaginação de      contra os seus 300 milhões     diferente, é heterossexual e    que esconda a verdade acer-     perguntas: o que é estar
                                  C.S. Lewis, assim como o       de companheiros. Teve en-      ama muito, igualmente.”         ca de nós. Depois de isso fi-   apaixonado? Como é uma
                                  seu fino humor, tornam a       tão direito a um “óvulo lin-     Cada página deste livro       car claro, poderíamos dizer     rapariga? Como é um ra-
                                  leitura dos seus livros em     do e macio” e enfiou-se lá     re s p onde a dúv id a s de     que o homem sexual não          paz? O que é a puberdade?
                                  verdadeiros momentos de                                                                                                       O que é fazer amor? As res-
                                  prazer. A escrita é fluente,                                                                                                  postas são acompanhadas
                                  delicada e rica, mas tam-                                                                                                     de desenhos expressivos
                                  bém simples. Ou não fosse                                                                                                     e, nalguns casos, bastante
                                  ele o autor da frase: “Qual-                                                                                                  cómicos.
                                  quer néscio pode escrever                                                                                                        Num dos capítulos finais
em linguagem erudita. A verdadeira prova é a linguagem                                                                                                          (e porque infelizmente nem
corrente.” E não apetece parar de ler, excepto quando o                                                                                                         sempre a iniciação sexual é
final se aproxima e não queremos despedirmo-nos das                                                                                                             vivida de uma forma feliz e
personagens. Aí, vamos lendo mais devagarinho.                                                                                                                  sã) sugere-se que a criança
As ilustrações de Pauline Baynes estão completamente à                                                                                                          contacte instit uições ou
altura do texto e é difícil dissociar os dois nomes. A artista                                                                                                  linhas telefónicas de ajuda,
ganhou notoriedade através desta colecção, que começa                                                                                                           caso alguma coisa grave
com o título “O Sobrinho do Mágico”.                                                                                                                            lhe esteja a acontecer. As-
                                                                 Para onde Foi o                Guia da Vida Sexual da          o Que É um homem
Professor de Literatura Medieval e Renascentista na Uni-                                                                                                        sim, constam os números
                                                                 Zezinho? — A grande            Malta Nova                      Sexual
versidade de Cambridge, o autor também leccionou His-                                                                                                           de telefone da SOS Crian-
                                                                 história de um pequeno         Autor hélène bruller            Autor ilda Taborda
tória Medieval em Oxford e escreveu livros para adultos.                                                                                                        ça, Cr iança Malt rat ada,
                                                                 espermatozóide                 trAdutor helena Sousa           (e colaboradores)
Contudo, foi com as Crónicas de Nárnia, considerado um                                                                                                          Recados da Criança, Linha
                                                                 Autor Nicholas Allan           Pereira                         IlustrAdor Gémeo luís
clássico da literatura juvenil, que o autor se imortalizou.                                                                                                     de Emergência Social e As-
                                                                 trAdutor Andrea Alves          IlustrAdor Zep
Quanto ao príncipe e ao trono, tudo acabará por se resolver.                                                                                                    sociação Portuguesa para
                                                                                                                                EdItor Colégio Primeiros
                                                                 Silva
No outro mundo e neste. •                                                                                                                                       o Direito dos Menores e
                                                                                                EdItor ASA                      Passos
                                                                                                                                                                da Família. Esta é a parte
                                                                 EdItor Gailivro                92 págs., 12,3                 32 págs., 9
#Letra Pequena sai no primeiro sábado de cada mês.                                                                                                              triste da história. •
                                                                 32 págs., 8,45

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (19)

Mf18 Letras E Letrias
Mf18 Letras E LetriasMf18 Letras E Letrias
Mf18 Letras E Letrias
 
PáG.Pública Dinossauros
PáG.Pública DinossaurosPáG.Pública Dinossauros
PáG.Pública Dinossauros
 
Despereaux
DespereauxDespereaux
Despereaux
 
Novos Pdf Ser
Novos Pdf SerNovos Pdf Ser
Novos Pdf Ser
 
Tangerina Quando Eu Nasci
Tangerina Quando Eu NasciTangerina Quando Eu Nasci
Tangerina Quando Eu Nasci
 
Maria Keil em entrevista
Maria Keil em entrevistaMaria Keil em entrevista
Maria Keil em entrevista
 
Pág.Farol de Sonhos 2006
Pág.Farol de Sonhos 2006Pág.Farol de Sonhos 2006
Pág.Farol de Sonhos 2006
 
Página Chocolata
Página ChocolataPágina Chocolata
Página Chocolata
 
Luis Fernando Verissimo O Santinho (Doc) (Rev)
Luis Fernando Verissimo   O Santinho (Doc) (Rev)Luis Fernando Verissimo   O Santinho (Doc) (Rev)
Luis Fernando Verissimo O Santinho (Doc) (Rev)
 
Mf Tempo
Mf TempoMf Tempo
Mf Tempo
 
Livros da literatura brasileira
Livros da literatura brasileiraLivros da literatura brasileira
Livros da literatura brasileira
 
BernardJeunet5
BernardJeunet5BernardJeunet5
BernardJeunet5
 
Escola verão2010
Escola verão2010Escola verão2010
Escola verão2010
 
Revista literatas edição 7
Revista literatas   edição 7Revista literatas   edição 7
Revista literatas edição 7
 
Dom Casmurro
Dom CasmurroDom Casmurro
Dom Casmurro
 
Dom Casmurro
Dom CasmurroDom Casmurro
Dom Casmurro
 
Saramago - Merecida Homenagem
Saramago - Merecida HomenagemSaramago - Merecida Homenagem
Saramago - Merecida Homenagem
 
Homenagem a Saramago
Homenagem a SaramagoHomenagem a Saramago
Homenagem a Saramago
 
Saramago
SaramagoSaramago
Saramago
 

Semelhante a Mf16 EducaçãO Sexual

Luis fernando verissimo o santinho (doc) (rev)
Luis fernando verissimo   o santinho (doc) (rev)Luis fernando verissimo   o santinho (doc) (rev)
Luis fernando verissimo o santinho (doc) (rev)Mara Virginia
 
Da crítica e da seleção de livros para crianças e jovens
Da crítica e da seleção de livros para crianças e jovensDa crítica e da seleção de livros para crianças e jovens
Da crítica e da seleção de livros para crianças e jovensleandronegreiros2004
 
Ilca vieira-de-oliveira unimontes
Ilca vieira-de-oliveira unimontesIlca vieira-de-oliveira unimontes
Ilca vieira-de-oliveira unimontesRafaella Portilho
 
PNL - AquisiçõEs 20092010
PNL - AquisiçõEs 20092010PNL - AquisiçõEs 20092010
PNL - AquisiçõEs 20092010Paula Morgado
 
A literatura contra o efêmero umberto eco i
A literatura contra o efêmero   umberto eco iA literatura contra o efêmero   umberto eco i
A literatura contra o efêmero umberto eco iLidia Maria de Melo
 
PESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinas
PESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinasPESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinas
PESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinasCaioVitor52
 
Dez obras para ler em família
Dez obras para ler em famíliaDez obras para ler em família
Dez obras para ler em famíliacpssbeja
 
Semana Da Leitura Filipa
Semana Da Leitura FilipaSemana Da Leitura Filipa
Semana Da Leitura Filipaportuguese24
 
10 livros da literatura brasileira
10 livros da literatura brasileira10 livros da literatura brasileira
10 livros da literatura brasileiraDiego Peterson
 
10 livros essenciais da literatura brasileira
10 livros essenciais da literatura brasileira10 livros essenciais da literatura brasileira
10 livros essenciais da literatura brasileiraAna Sales
 

Semelhante a Mf16 EducaçãO Sexual (20)

Luis fernando verissimo o santinho (doc) (rev)
Luis fernando verissimo   o santinho (doc) (rev)Luis fernando verissimo   o santinho (doc) (rev)
Luis fernando verissimo o santinho (doc) (rev)
 
Tarefa 9 1 Em
Tarefa 9   1 EmTarefa 9   1 Em
Tarefa 9 1 Em
 
Da crítica e da seleção de livros para crianças e jovens
Da crítica e da seleção de livros para crianças e jovensDa crítica e da seleção de livros para crianças e jovens
Da crítica e da seleção de livros para crianças e jovens
 
Ilca vieira-de-oliveira unimontes
Ilca vieira-de-oliveira unimontesIlca vieira-de-oliveira unimontes
Ilca vieira-de-oliveira unimontes
 
PNL - AquisiçõEs 20092010
PNL - AquisiçõEs 20092010PNL - AquisiçõEs 20092010
PNL - AquisiçõEs 20092010
 
A literatura contra o efêmero umberto eco i
A literatura contra o efêmero   umberto eco iA literatura contra o efêmero   umberto eco i
A literatura contra o efêmero umberto eco i
 
Obras-oferta
Obras-ofertaObras-oferta
Obras-oferta
 
Livros-oferta
Livros-ofertaLivros-oferta
Livros-oferta
 
livro infantil
livro infantillivro infantil
livro infantil
 
PESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinas
PESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinasPESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinas
PESQUISA DE LIVROS de Mulheres atuais latinas
 
Autor do mês janeiro 2014
Autor do mês   janeiro 2014Autor do mês   janeiro 2014
Autor do mês janeiro 2014
 
Sugestões de leitura
Sugestões de leituraSugestões de leitura
Sugestões de leitura
 
Sugestões de leitura
Sugestões de leituraSugestões de leitura
Sugestões de leitura
 
Dez obras para ler em família
Dez obras para ler em famíliaDez obras para ler em família
Dez obras para ler em família
 
Realismo Machado de Assis
Realismo   Machado de AssisRealismo   Machado de Assis
Realismo Machado de Assis
 
Semana Da Leitura Filipa
Semana Da Leitura FilipaSemana Da Leitura Filipa
Semana Da Leitura Filipa
 
10 livros da literatura brasileira
10 livros da literatura brasileira10 livros da literatura brasileira
10 livros da literatura brasileira
 
Ilse losa
Ilse losaIlse losa
Ilse losa
 
10 livros essenciais da literatura brasileira
10 livros essenciais da literatura brasileira10 livros essenciais da literatura brasileira
10 livros essenciais da literatura brasileira
 
Contacto 1.º período
Contacto   1.º períodoContacto   1.º período
Contacto 1.º período
 

Mais de mrvpimenta

Crianças 19 maio pjl47
Crianças   19 maio  pjl47Crianças   19 maio  pjl47
Crianças 19 maio pjl47mrvpimenta
 
Cultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonha
Cultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonhaCultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonha
Cultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonhamrvpimenta
 
Pág. crianças 4 fev.
Pág. crianças 4 fev.Pág. crianças 4 fev.
Pág. crianças 4 fev.mrvpimenta
 
Pág. miúdos gatafunho 220112
Pág. miúdos gatafunho 220112Pág. miúdos gatafunho 220112
Pág. miúdos gatafunho 220112mrvpimenta
 
Pág.crianças28 01-12
Pág.crianças28 01-12Pág.crianças28 01-12
Pág.crianças28 01-12mrvpimenta
 
Pág.crianças21 janeiro
Pág.crianças21 janeiroPág.crianças21 janeiro
Pág.crianças21 janeiromrvpimenta
 
Pág,crianças14 janeiro2012
Pág,crianças14 janeiro2012Pág,crianças14 janeiro2012
Pág,crianças14 janeiro2012mrvpimenta
 
Cultura folio ilustrarte120112
Cultura folio ilustrarte120112Cultura folio ilustrarte120112
Cultura folio ilustrarte120112mrvpimenta
 
Miúdos ilustrarte 080112
Miúdos ilustrarte 080112Miúdos ilustrarte 080112
Miúdos ilustrarte 080112mrvpimenta
 
Pág.crianças17 dezembro de 2011
Pág.crianças17 dezembro de 2011Pág.crianças17 dezembro de 2011
Pág.crianças17 dezembro de 2011mrvpimenta
 
Pág. crianças 10 dezembro
Pág. crianças 10 dezembroPág. crianças 10 dezembro
Pág. crianças 10 dezembromrvpimenta
 
Pág. crianças 3 dezembro2011
Pág. crianças 3 dezembro2011Pág. crianças 3 dezembro2011
Pág. crianças 3 dezembro2011mrvpimenta
 
Pág.crianças 19 nov
Pág.crianças 19 novPág.crianças 19 nov
Pág.crianças 19 novmrvpimenta
 
Miudos - adolescentes e livros 061111
Miudos - adolescentes e livros 061111Miudos - adolescentes e livros 061111
Miudos - adolescentes e livros 061111mrvpimenta
 
Pág.crianças12 novembro
Pág.crianças12 novembroPág.crianças12 novembro
Pág.crianças12 novembromrvpimenta
 
Pág.crianças 5 novembro2011
Pág.crianças 5 novembro2011Pág.crianças 5 novembro2011
Pág.crianças 5 novembro2011mrvpimenta
 
Pág. crianças 29 outubro
Pág. crianças 29 outubroPág. crianças 29 outubro
Pág. crianças 29 outubromrvpimenta
 
Pág.crianças 22 10-11
Pág.crianças 22 10-11Pág.crianças 22 10-11
Pág.crianças 22 10-11mrvpimenta
 
Pública zoom Conservas portuguesas 161011
Pública zoom Conservas portuguesas 161011Pública zoom Conservas portuguesas 161011
Pública zoom Conservas portuguesas 161011mrvpimenta
 

Mais de mrvpimenta (20)

Alice pdf
Alice pdfAlice pdf
Alice pdf
 
Crianças 19 maio pjl47
Crianças   19 maio  pjl47Crianças   19 maio  pjl47
Crianças 19 maio pjl47
 
Cultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonha
Cultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonhaCultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonha
Cultura 3435 03 23-12 p1 s lc01-bolonha
 
Pág. crianças 4 fev.
Pág. crianças 4 fev.Pág. crianças 4 fev.
Pág. crianças 4 fev.
 
Pág. miúdos gatafunho 220112
Pág. miúdos gatafunho 220112Pág. miúdos gatafunho 220112
Pág. miúdos gatafunho 220112
 
Pág.crianças28 01-12
Pág.crianças28 01-12Pág.crianças28 01-12
Pág.crianças28 01-12
 
Pág.crianças21 janeiro
Pág.crianças21 janeiroPág.crianças21 janeiro
Pág.crianças21 janeiro
 
Pág,crianças14 janeiro2012
Pág,crianças14 janeiro2012Pág,crianças14 janeiro2012
Pág,crianças14 janeiro2012
 
Cultura folio ilustrarte120112
Cultura folio ilustrarte120112Cultura folio ilustrarte120112
Cultura folio ilustrarte120112
 
Miúdos ilustrarte 080112
Miúdos ilustrarte 080112Miúdos ilustrarte 080112
Miúdos ilustrarte 080112
 
Pág.crianças17 dezembro de 2011
Pág.crianças17 dezembro de 2011Pág.crianças17 dezembro de 2011
Pág.crianças17 dezembro de 2011
 
Pág. crianças 10 dezembro
Pág. crianças 10 dezembroPág. crianças 10 dezembro
Pág. crianças 10 dezembro
 
Pág. crianças 3 dezembro2011
Pág. crianças 3 dezembro2011Pág. crianças 3 dezembro2011
Pág. crianças 3 dezembro2011
 
Pág.crianças 19 nov
Pág.crianças 19 novPág.crianças 19 nov
Pág.crianças 19 nov
 
Miudos - adolescentes e livros 061111
Miudos - adolescentes e livros 061111Miudos - adolescentes e livros 061111
Miudos - adolescentes e livros 061111
 
Pág.crianças12 novembro
Pág.crianças12 novembroPág.crianças12 novembro
Pág.crianças12 novembro
 
Pág.crianças 5 novembro2011
Pág.crianças 5 novembro2011Pág.crianças 5 novembro2011
Pág.crianças 5 novembro2011
 
Pág. crianças 29 outubro
Pág. crianças 29 outubroPág. crianças 29 outubro
Pág. crianças 29 outubro
 
Pág.crianças 22 10-11
Pág.crianças 22 10-11Pág.crianças 22 10-11
Pág.crianças 22 10-11
 
Pública zoom Conservas portuguesas 161011
Pública zoom Conservas portuguesas 161011Pública zoom Conservas portuguesas 161011
Pública zoom Conservas portuguesas 161011
 

Último

Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...LizanSantos1
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoMary Alvarenga
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfManuais Formação
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfAdrianaCunha84
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 

Último (20)

Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
 
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 

Mf16 EducaçãO Sexual

  • 1. 16 livros infanto-juvenil Público 3 julho 2004 | letra pequena | rita pimenta GémEo luís Sexo para menores não faça essa cara, este título malandro só quer chamar a atenção para Quem irá ocupar livros que explicam a sexualidade às crianças. Com verdade e sem medo. o trono? | Rita Pimenta dentro. A barriga da Dona crianças, à margem (em le- faz sentido por outra razão: Um reino sem rei nem sucessor. Qualquer semelhança Alice foi crescendo, cres- tra mais pequena, destinada trata-se de um pleonasmo, com a actualidade política nacional é coincidência. Pura. Impensável até há poucos cendo… O resto da história ao adulto) há comentários todos os homens — e mu- Falamos de Nárnia, um universo paralelo a braços com o anos, a produção de livros o nosso leitor já conhece. O ou opiniões de especialis- lheres! — são sexuais. Não desaparecimento do filho do rei. O príncipe deixou-se en- sobre a sexualidade desti- miúdo não. Cabe-lhe a si tas, e alguns poemas. As por praga ou bênção; por feitiçar por uma malévola e bela dama, ninguém sabe dele, nados a um público infantil contá-la. Os livros só dão ilustrações (mais conceptu- natureza.” e o rei está doente. Mesmo em ficção, numa monarquia não e juvenil é agora diversifi- uma ajuda, nunca substi- ais que meramente ilustra- No final do livro, é-nos há eleições. É então urgente encontrar o príncipe. cada, bem-disposta e qua- tuem o adulto. Neste caso, tivas) obrigam a parar e a dada uma lista de possíveis “O Trono de Prata”, de C.S. Lewis, é o quinto volume da se sempre de qualidade. o título “Para Onde Foi o reflectir sobre o que é dito. instrumentos pedagógicos colecção As Crónicas de Nárnia e o que mais tem encan- Alheias a discussões sobre Zezinho?” é um bom ponto Esta diversidade de registos ou de interesse formativo tado os seus leitores. Desta vez, os dois jovens Jill e Eus- i nteg ração d a educação de partida. dá grande originalidade à para consulta: filmes, mate- tace serão soprados por um leão para estranhas terras de sexual nos currículos, as “Para descongelar o me- obra, criada por Ilda Ta- rial audiovisual educativo, gigantes, cidades subterrâneas e seres fantásticos. Missão: obras esclarecem os mais do de falar disto e daquilo”, borda e Gémeo Luís, e que “sites”, livros e jogos. Edi- encontrar o príncipe e libertá-lo do feitiço. novos, respondem às ine- surge o corajoso e atraente conta com a colaboração de tada pelo Colégio Primeiros Clive Staple Lewis, irlan- vitáveis perguntas dos pri- livro “O Que É Um Ho- especialistas. Passos, do Porto (“porque o Trono de Prata — As dês, nasceu em 1898, mui- meiros anos e atenuam os mem Sexual”. Não foge à Na pergunta escolhida os primeiros passos nunca crónicas de Nárnia to antes da recente febre receios das primeiras des- curiosidade da criança que, para título do livro, é o são de fuga, mas de des- Autor c.S. lewis dos universos paralelos. cobertas. E não se limitam por não saber pronunciar sexólogo Júlio Machado cober ta”, escreve Emílio trAdutor Ana Falcão A principal responsável aos aspectos anatómicos, a palavra “homossexual”, Vaz quem comenta. Sugere Remelhe), esta é uma obra bastos por este vício juvenil do reprodutivos ou de saúde. pergunta: “Professora, o o médico que, depois de se muito recomendável. IlustrAdor Pauline fantástico, J. K. Rowling, a Falam de amor. que é um homem sexual?” explicar ao miúdo que “um Nu m registo mais hu- baynes autora do famoso feiticeiro Comecemos pela diver- A resposta: “Uma pessoa homossexual é um homem morístico, mas igualmente EdItor Editorial Presença Harry Potter, afirma ter-se tida história do esperma- qualquer, sem saber como como os outros”, se leve à rigoroso na abordagem, o inspirado nas narrativas de tozóide Zezinho, que, não aconteceu, ama muito uma letra a expressão “homem “Guia da Vida Sexual da 168 págs., 7,49 Lewis na criação do seu sendo bom a fazer contas, pe ssoa do me smo sexo sexual”. E diz: “O sexo de Malta Nova” destina-se a herói e do imaginário que nadava que se fartava. Foi que o seu. / Se alguém se quem nos acolhe o desejo leitores dos 9 aos 13 anos. o rodeia. Uma boa fonte. assim que venceu a corrida apaixona por outra pessoa não pode ser tão importante Aí surgem as inevitáveis O talento e imaginação de contra os seus 300 milhões diferente, é heterossexual e que esconda a verdade acer- perguntas: o que é estar C.S. Lewis, assim como o de companheiros. Teve en- ama muito, igualmente.” ca de nós. Depois de isso fi- apaixonado? Como é uma seu fino humor, tornam a tão direito a um “óvulo lin- Cada página deste livro car claro, poderíamos dizer rapariga? Como é um ra- leitura dos seus livros em do e macio” e enfiou-se lá re s p onde a dúv id a s de que o homem sexual não paz? O que é a puberdade? verdadeiros momentos de O que é fazer amor? As res- prazer. A escrita é fluente, postas são acompanhadas delicada e rica, mas tam- de desenhos expressivos bém simples. Ou não fosse e, nalguns casos, bastante ele o autor da frase: “Qual- cómicos. quer néscio pode escrever Num dos capítulos finais em linguagem erudita. A verdadeira prova é a linguagem (e porque infelizmente nem corrente.” E não apetece parar de ler, excepto quando o sempre a iniciação sexual é final se aproxima e não queremos despedirmo-nos das vivida de uma forma feliz e personagens. Aí, vamos lendo mais devagarinho. sã) sugere-se que a criança As ilustrações de Pauline Baynes estão completamente à contacte instit uições ou altura do texto e é difícil dissociar os dois nomes. A artista linhas telefónicas de ajuda, ganhou notoriedade através desta colecção, que começa caso alguma coisa grave com o título “O Sobrinho do Mágico”. lhe esteja a acontecer. As- Para onde Foi o Guia da Vida Sexual da o Que É um homem Professor de Literatura Medieval e Renascentista na Uni- sim, constam os números Zezinho? — A grande Malta Nova Sexual versidade de Cambridge, o autor também leccionou His- de telefone da SOS Crian- história de um pequeno Autor hélène bruller Autor ilda Taborda tória Medieval em Oxford e escreveu livros para adultos. ça, Cr iança Malt rat ada, espermatozóide trAdutor helena Sousa (e colaboradores) Contudo, foi com as Crónicas de Nárnia, considerado um Recados da Criança, Linha Autor Nicholas Allan Pereira IlustrAdor Gémeo luís clássico da literatura juvenil, que o autor se imortalizou. de Emergência Social e As- trAdutor Andrea Alves IlustrAdor Zep Quanto ao príncipe e ao trono, tudo acabará por se resolver. sociação Portuguesa para EdItor Colégio Primeiros Silva No outro mundo e neste. • o Direito dos Menores e EdItor ASA Passos da Família. Esta é a parte EdItor Gailivro 92 págs., 12,3 32 págs., 9 #Letra Pequena sai no primeiro sábado de cada mês. triste da história. • 32 págs., 8,45