Responsabilidade nasrelações de trabalho
SUMÁRIONegócio, missão, visão e valores................................................................4Mensagem da Direto...
5                                                             Mensagem da DiretoriaNegócio                                ...
A MRVENGENHARIA
8                                                                                                                         ...
10                                                                                                                        ...
RELAÇÕESDE TRABALHO
14                                                                                                                        ...
Gestão dosprestadoresde serviços
18                                                                                                                        ...
CONDIÇÕESDE TRABALHO
22                                                                                                                        ...
24                                                                                                                        ...
26                                                                                                                        ...
28                                                                                                                        ...
MRV Engenharia: Responsabilidade nas Relações de Trabalho
MRV Engenharia: Responsabilidade nas Relações de Trabalho
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

MRV Engenharia: Responsabilidade nas Relações de Trabalho

2.684 visualizações

Publicada em

Book informativo MRV Engenharia sobre a Responsabilidade nas Relações de Trabalho.
A MRV Engenharia sempre prezou pela formação de um time de colaboradores preparados e comprometidos com os propósitos e valores. Para tanto, oferece remuneração compatível com o mercado, estrutura e medidas que assegurem a saúde e a segurança de todos os trabalhadores, tanto próprios, quanto terceiriza­dos, propiciando-lhes desenvolvimento profissional.

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.684
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

MRV Engenharia: Responsabilidade nas Relações de Trabalho

  1. 1. Responsabilidade nasrelações de trabalho
  2. 2. SUMÁRIONegócio, missão, visão e valores................................................................4Mensagem da Diretoria..................................................................................5A MRV ENGENHARIA.........................................................7Qualidade a toda prova..................................................................................10Governança corporativa.................................................................................10Relações de trabalho..............................................13Terceirização: característica do setor.......................................................15Remuneração e benefícios............................................................................15Gestão dos prestadores de serviços..........17Rede social a favor do controle...................................................................19Condições de trabalho............................................21Compromisso nacional...................................................................................22Alojamentos......................................................................................................23Áreas de vivência.............................................................................................24Saúde e segurança..........................................................................................24Sinalização das obras....................................................................................25Conduta ética....................................................................................................26Relacionamento com empreiteiros............................................................27Canal confidencial...........................................................................................28
  3. 3. 5 Mensagem da DiretoriaNegócio A MRV Engenharia nasceu com o foco em construções econô­Incorporação, construção e venda de unidades habitacionais micas e, ao longo de 33 anos, reúne seus esforços para congregar as melhores soluções e oferecer imóveis com qualidade, preços e formas de pagamento diferenciadas.Missão A MRV Engenharia sempre prezou pela formação de um time de colaboradores preparados e comprometidos com os propósitosConcretizar o sonho da casa própria oferecendo imóveis da Companhia. Para tanto, oferece remuneração compatível comcom a melhor relação custo/benefício para o cliente. o mercado, estrutura e medidas que assegurem a saúde e a segu­ rança de todos os trabalhadores, tanto próprios, quanto terceiriza­ dos, propi­ iando-lhes desenvolvimento profissional. cVisão Empresa de capital aberto, a MRV Engenharia se guia por um modelo de governança corporativa regido pela ética e pela transpa­Ser a melhor empresa de incorporação, construção rência. Esses preceitos são seguidos pela Companhia em toda a suae venda de empreendimentos econômicos do Brasil. atuação e nas relações com seus públicos: colaboradores, clientes, acionistas, imprensa, comunidades e autoridades públicas. Este documento reflete os principais valores da MRV Engenharia no ambiente de trabalho.Valores Boa leitura.Ética e transparência;Pensar como o cliente;Geração de valor para o acionista; Maria Fernanda Menin MaiaTime comprometido; Diretora Executiva JurídicaDividir o sucesso;Sustentabilidade.
  4. 4. A MRVENGENHARIA
  5. 5. 8 9 fortaleza são luis rio grande ceará do norte maranhão natal paraíba joão pessoa recife pernambuco alagoas maceió sergipe aracajú mato grosso salvador bahia distrito federal cuiabá goiás Fundada em 1979, a MRV Engenha­ Vida (MCMV), lançado em 2009. A par­ goiânia minas gerais ri­a tem sede em Belo Horiz­on­te, Mi­n­a­s ticipação da Companhia nesse progra­ G­rais, e atuação em 117 municípios e ma de redução do déficit de moradia do belo horizonte mato grosso brasileiros de 18 estados, além do país tem sido fundamental, propiciando do sul espírito Distri­o Federal. Desde o início de suas t a reali­ a­ ão do sonho da casa própria z ç santo operações, a Companhia tem foco em para milhares de pessoas. campo grande construções econômicas, concili­ ando são paulo RJ custos e benefícios, para atender às O programa do Governo Federal foi um classes média e média baixa. Líder nes­ importante marco na história da Compa­ rio de janeiro são paulo se segmento, a empresa contabiliza nhia, que sempre apostou no crescimen­ mais de 200 mil imóveis construídos, to orgânico, buscan­o profissionalizar d sempre oferecendo boa localização, cada vez mais sua gestão, amparada por preço e condições acessíveis de finan­ preceitos éticos e em conformidade com santa catarina ciamento. as legislações aplicáveis. A MRV conta com um time forte, composto por en­ Nossa Atuação rio grande do sul Com sua expertise, a MRV Engenharia genheiros, arquitetos, especialistas dos A MRV está presente em 117 cidades, contribuiu sobremaneira para a elabo­ diversos setores da construção e pessoal porto alegre de 18 estados, e também no Distrito ração do programa habitacional do de apoio administrativo, com mão de Federal, figurando entre as maiores Governo Federal Minha Casa, Minha obra qualificada em todos os âmbitos. construtoras do país.
  6. 6. 10 11 Qualidade a toda prova Governança corporativa A qualidade de seus empreendimen­ A MRV Engenharia está listada no Novo O Novo Mercado é o mais alto tos e o aprimoramento da gestão são Mercado da Bolsa de Valores, Merca­ nível de governança corporativa da certi­ ficados pelo Programa Brasi­ dorias e Futuros (BM&FBovespa), o BM&FBovespa. Estar nessa posição leiro da Qualidade e Produtividade do mais alto nível de governança corpora­ significa adotar práticas éticas e trans­ tiva do Brasil. O Conselho de Adminis­ parentes, que assegurem os direitos Habitat (PBQP-H) em nível A e pela ISO tração é formado por sete inte­ rantes, g de todos os acionistas e steakholders 9001, norma que estabelece critérios em geral. para um adequado gerenciamento do dos quais cinco são inde­endentes p negócio, tendo como foco principal a e dois integram a diretoria executiva satisfação do cliente. da Companhia. Conta com seis comi­ tês execu­ tivos: Recursos Humanos; Gover­nança Corporativa, Relaciona­ mento com Cliente, Desenvolvimen­ to Imobiliário, de Gestão de Riscos e de Ética.
  7. 7. RELAÇÕESDE TRABALHO
  8. 8. 14 15 Terceirização: característica do setor Adotada nos mais diversos setores da economia desde o final da segunda guerra mundial, a terceirização passou a ser praticada na construção civil a partir da década de 1980, em razão da necessidade de especialização e otimização dos serviços. No Brasil, a complexidade do mercado da construção civil tem levado a grande maioria das empresas a promoverem a contratação de prestado­ res de serviços. E, como muitas das atividades realizadas nos canteiros de obras são sazonais, a terceirização acaba por contribuir para a redução do índice de desemprego. Como comprova o gráfico abaixo, a indústria da construção civil apresentou, em 2012, o maior percentual de crescimento no nível de emprego da indústria brasileira. Setores de Atividade Saldo de Janeiro a Novembro de 2012 com Ajuste Econômica Variação Absoluta Variação Relativa (%) Construção Civil 236.233 8,18 Extrativa Mineral 12.595 6,09 Agropecuária 87.462 5,61 Serviços 773.687 5,02 Comércio 360.658 4,24 Administração Pública 29.294 3,67 Indústria de transformação 260.753 3,20 Serviços Industriais de 10.894 2,88 A MRV Engenharia reconhece seus traba­ Utilidade Pública - SIUP lhadores como peças-chave para o suce­sso. Total 1.771.576 4,67 E estabelece com eles uma rela­ão de ç parceria, garantindo condições adequa­ Fonte: Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) - Ministério do Trabalho e Emprego das para o desenvolvimento das ativida­ des profissionais e a preservação de sua integridade, saúde e segurança. Remuneração e benefícios A MRV Engenharia oferece remuneração condições estabelecidas nas convenções Atualmente, a MRV Engenharia emprega e benefícios alinhados aos praticados no e nos acordos coletivos locais, conside­ 33.800 trabalhadores, diretos e indiretos, mercado da construção e exige o mesmo rando as especificidades de cada um dos sendo que desses, aproximadamente das prestadoras de serviços. Para as 117 municípios em que a MRV atua. 31.800 atuam nos canteiros de obra. defi­ ições dos valores, são atendidas as n
  9. 9. Gestão dosprestadoresde serviços
  10. 10. 18 19 A MRV adota rigoroso critério na escolha trar no canteiro da MRV, o prestador de e contratação das empresas prestadoras servi­ o deve apresentar os documentos ç de serviços. Para tanto, possui normas dos trabalhadores que ali atuarão. que regem todas as etapas, desde a habi­ litação da empresa até a efetiva Como forma de controle, a MRV checa cele­ ração do contrato. b mensalmente os documentos legais, tais como comprovantes de pagamentos O primeiro passo é a realização de uma e recolhimento de tributos relacionados entrevista, seguida de um processo de a prestação de serviço. Além disso, fis­ check-list de documentos. Nessa etapa caliza in loco as condições de trabalho, são checadas, entre outros aspectos, das áreas de vivência e dos alojamentos, a qualificação técnica e a legalidade de para garantir a qualidade destes locais. práticas da empresa. Ainda, para en­ A MRV é uma empresa muito rigorosa, que cobra da gente o cumprimento de todas as normas trabalhistas e confere, a cada mês, os holerites assinados e também os comprovantes de pagamentos de impostos relacionados aos trabalhadores. As condições de trabalho que a empresa oferece são 100%. Os treinamentos são constantes, aplicados para toda e qualquer atividade, e há dois técnicos de segurança que acompanham a gente o tempo todo. Além disso, a empresa realiza eventos com palestras, ações de promoção da saúde, em que todos participam. Rede social a favor do controle Alcides Martins, proprietário da AM Batista edificações e paisagismo. Para aumentar a eficácia das fiscalizações, a MRV utiliza uma rede social corporativa Atualmente, ele presta serviço para denominada Pódio. A ferramenta permite o acompanhamento online das condições dos a MRV Engenharia junto com uma canteiros e alojamentos, possibilitando ainda a correção de eventuais inadequações iden- equipe de oito pessoas na obra do tificadas a partir de documentos, relatórios e registros fotográficos inseridos. Durante o condomínio Asteca, em Americana, ano de 2012, foram feitas mais de 4 mil postagens no Pódio. interior de São Paulo.
  11. 11. CONDIÇÕESDE TRABALHO
  12. 12. 22 23 Compromisso nacional O Governo Federal, por meio da Secreta­ 2012. Por meio da adesão, a Companhia As estruturas são montadas seguindo re- • A altura livre permitida entre uma ria Geral da Presidência e do Ministério assegura e reforça as melhores condi­ comendações da norma regulamentadora cama e outra e entre a última e o teto do Trabalho, celebrou o “Compromisso ções de trabalho a todos os colabora­ NR-18, do Ministério do Trabalho, que de- é de, no mínimo, 1,20m. A cama su- Nacional para Aperfeiçoar as Condições dores da MRV e de suas prestadoras de termina que os alojamentos dos canteiros perior do beliche deve ter proteção de Trabalho na Indústria da Construção”. serviços. de obra tenham, entre outras exigências: lateral e escada; Esse documento foi elaborado em con­ • paredes de alvenaria, madeira ou mate­ • As dimensões mínimas das camas junto com a Câmara Brasileira da Indús­ Alojamentos devem ser de oitenta centímetros por tria na Construção, a Central dos Traba­ rial equivalente; 1,90m e distância entre o ripamen- lhadores do Brasil, a Central Única dos A MRV tem compromisso em oferecer • piso de concreto, cimentado, madeira ou to do estrado de cinco centímetros, Trabalhadores, a Força Sindical, a Confe­ boas condições de trabalho para todos material equivalente; dispon­ o ainda de colchão com den- d deração Nacional dos Trabalhadores da os seus colaboradores, bem como os sidade 26 e espessura mínima de dez Indústria e a Confederação Nacional na cola­oradores das empresas presta­ b • cobertura que proteja das intempéries; centímetros; Indústria da Construção. doras de serviços. Para formação das equipes dos canteiros de obras, a pre­ • área de ventilação de no mínimo um déci- • As camas devem dispor de lençol, O compromisso estabelece diversas ferência é por mão de obra local. Na mo da área do piso; fronha e travesseiro em condições obrigações a serem cumpridas pelas impossibilidade, são instalados aloja­ • iluminação natural e/ou artificial; adequadas de higiene, bem como co- partes compromissárias, todas elas vi­ mentos para acolher colaboradores de bertor, quando as condições climáti- sando ao aperfeiçoamento das condições outras regiões, oferecendo-lhes condi­ • área mínima de três metros quadra­ os d cas assim o exigirem; de trabalho. Dentre elas, a de se manter ções adequadas de moradia, bem-estar por módulo cama/armário, incluindo a um representante sindical dentro de cada e segurança. área de circulação; • O alojamento deve ser mantido em canteiro de obra. A adesão ao compro­ permanente estado de conservação, • pé-direito de 2,50m para cama simples e higiene e limpeza e não estar situados misso é espontânea e se dá por meio da A MRV fiscaliza semanalmente os aloja­ de 3m para camas duplas; em subsolos ou porões das edificações. assinatura de um documento específico. mentos, assegurando uma convivência adequada e saudável. Todos os trabalha­ • armários duplos individuais; A MRV Engenharia foi a única empresa dores alojados são estimulados a preser­ da construção civil a aderir ao referido varem as condições de higiene, saúde e • instalações elétricas adequadamente compromisso e o fez em meados de habitabilidade do alojamento. protegidas;
  13. 13. 24 25 Áreas de vivência Sinalização das obras Para oferecer conforto e qualidade de vida Para prevenir inadequações, a Compa­ em outros locais de amplo acesso das aos trabalhadores, a MRV Engenha­ia im­ r nhia intensificou seus meca­ ismos de n obras. O objetivo é alertar aos traba­ planta áreas de vivência em todas as suas controle e abriu novos canais de diálo­ lhadores sobre canais para relatos de obras, seguindo as recomendações da nor­ go com os colaboradores e sindicatos. qualquer irregularidade, como o atra­ ma NR-18 do Ministério do Trabalho. Os Placas informativas são distribuídas nas so de pagamentos ou condições de ambientes são estruturados nos cantei­ áreas de vivência, nos alojamentos e trabalho e alojamento não adequadas. ros de obras para refeições, lazer e des­ canso. As áreas são dimen­ ionadas de s acordo com o previsto na NR-18, incluin­ do ventiladores, armários individuais, televisão, micro-ondas, dentre outros itens. Saúde e segurança A MRV investe permanentemente em programas e ações voltados para os cui­ dados com a saúde e a segurança do tra­ balhador. A empresa implementa ações e campanhas educativas para esti­ ular m a conscientização, o envolvimento e o compromisso dos colaboradores. Para Há cinco anos eu trabalho para a MRV em obras nessa região e, como alcançar os milhares de profissionais sou da Paraíba, moro em alojamento oferecido pela construtora. O ambiente atuantes nas cidades brasileiras em que do alojamento é muito bom, está sempre limpo e organizado. Temos todo o está presente, a MRV conta com equipe conforto de uma casa, com cama, colchão, coberta, armário. Não nos falta nada. de Serviços Especializados em Engenha­ Recebemos café da manhã todos os dias, além de cesta básica mensalmente, ria de Segurança e Medicina do Trabalho que envio para a minha família. (SESMT), formada por 412 profis­ ionais, s que fazem cumprir as normas de segu­ Elieldo Fernandes dos Santos, trabalhador terceirizado que atua no canteiro rança do trabalho. de obra do edifício Patagônia, em Paulínia, interior de São Paulo.
  14. 14. 26 27 Conduta ética Para manter um time comprometido e • Preferências, favorecimentos ou privi­ alinhado com seus valo­es, a MRV ado­ r légios em função de posição social, ta, desde 2007, um Código de Conduta hierárquica ou tempo de trabalho na aplicável em sua totalidade a todos seus companhia; trabalhadores. • Intimidações ou ameaças, atitudes O Código de Conduta ressalta os valores abusivas, seja por meio de gestos, da empresa, o compromisso com a inte­ palavras ou comportamento contra gridade profissional, os relacionamentos a integridade física e moral de com os stakeholders, a gestão de ética e qualquer pessoa; os canais de comunicação oferecidos aos trabalhadores e demais públicos interes­ • Atitudes ou palavras que possam ser sados, para tirar dúvidas ou fazer denún­ caracterizadas como assédio moral cias de descumprimento do Código. ou assédio sexual; A MRV acredita que, para manter sua con­ • Discriminação em função de raça, fiabilidade junto à sociedade, deve garan­ sexo, idade, estado civil, religião, tir que a atuação de todos seja guiada orientação sexual, necessidades pelos valores e princípios de respeito espe­ ciais, nacionalidade, convicção mútuo, tratamento justo e igualitário, e política e qualquer outra forma de comprometimento. Assim, a empresa preconceito; não pratica e não tolera que haja em seus Relacionamento com empreiteiros ambientes de trabalho condutas incom­ • Adoção de condições inadequadas de patíveis a esses princípios, tais como: trabalho, bem como utilização de mão A MRV Engenharia preza por uma relação • O não cumprimento das regras e de obra escrava ou trabalho infantil. profissional, ética e transparente com seus proce­ imentos de segurança e saúde d empreiteiros e destes com seus colabo­ no trabalho; radores. No Códi­ o de Conduta e no dia a g dia, reforça e exige uma atuação alinhada • Atrasos em pagamentos da remu­ com seus princípios, normas, regulações e neração dos trabalhadores e nos legislação vigente. devidos recolhimentos de encargos sociais e impostos; Conforme registra no Código de Condu­a, t em nenhuma hipótese a MRV Enge­ haria n • Ações que prejudiquem o meio ambi­ aceita condutas contrárias às suas práticas ente e o ambiente do trabalho. e valores, tais como: • Adoção de condições inadequadas de trabalho e alojamento; As dúvidas relacionadas ao Código de Conduta podem ser encaminhadas ao Comitê de Ética por meio do canal: comitedeetica@mrv.com.br
  15. 15. 28 29 Canal confidencial Para assegurar a conduta ética em todos gurado o anonimato, a fim de garantir a os seus ambientes, a MRV conta com imparcialidade na apuração e ausência um Canal Confidencial, instrumento de retaliação aos denunciantes. volta­ o para relatos de descumprimen­ d to ou viola­ ões do Código de Conduta, ç No período de cinco meses – de junho bem como de políticas, procedimentos de 2012, quando o canal foi lançado, até e regu­amentos internos e da legislação l outu­ ro deste ano – foi possível perceber b vigen­te. a eficiência da ferramenta. Todos os traba­ lhadores são incentivados a acessar o Ca­ O canal é gerido por uma empre­ a es­ s nal sempre que julgarem necessário. Em pecializada, que apura os rela­os e os t reforço a essa diretriz, a MRV Engenharia repassa ao Comitê de Ética da empre­ afixou, nas áreas de produção, alojamen­ sa, responsável por investigar e buscar tos e nos espaços de vivên­ ia dos cantei­ c solu­ões para todas as manifestações ç ros de obra, placas que infor­ am sobre m recebidas. Em todo o processo, é asse­ os meios para acessar o canal. Os seguintes caminhos levam ao Canal Confidencial da MRV: Por telefone: 0800 888 2833 - atendimento via atendente de segunda a sexta-feira, de 9 às 17 horas; e fora deste horário, via secretária eletrônica. Ligação Quando há uma denúncia relacionada à minha área de gratuita de qualquer local do país. atuação, eu recebo um chamado do Comitê de Ética por Por e-mail: canalconfidencialmrv@ictsglobal.com telefone, que é como se fosse uma sirene de emergência na obra. Somos orientados a dar prioridade total e investigar o Pelo site: www.canalconfidencial.com.br/mrv fato em questão com a máxima urgência e responsabilidade. Nosso papel é apurar e dar retorno imediato ao Comitê colaborando para que qualquer irregularidade possa ser rapidamente corrigida. José Luiz Esteves da Fonseca, gestor de Saúde e Segurança do trabalho, controle de alojamentos e de subempreiteiros da Ficha Técnica MRV Engenharia Realização: Diretoria Jurídica da MRV Engenharia Coordenação técnica: Júnia Drummond e Simone Maia Execução: BH Press Comunicação Edição de Arte: Movida Comunicação Fotografia: Bruno Magalhães e Leo Drumond / Nitro Imagens Dezembro de 2012

×