Mala posta

1.822 visualizações

Publicada em

Trabalho dos alunos Patrícia e Tomás da escola de Alcocete

Publicada em: Educação
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.822
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mala posta

  1. 1. A mala-posta ou diligência
  2. 2. Antigamente a correspondência era entregue a pé e depois a cavalo Até que surgiu a entrega pela mala-posta, primeiro apenas entre Lisboa e Coimbra -1798
  3. 3. O termo Mala – Posta vem de MALA = caixa, saco e POSTA = postal de correio Este termo passou a designar o primeiro transporte público de passageiros e correios. A mala-posta era mais rápida e podia transportar mais coisas, mas era muito cara. Só depois, quando passou a transportar também passageiros é que se consegiu economias para o estado porque os passageiros pagavam bilhete.(1852).
  4. 4. A DILIGÊNCIA OU MALA-POSTA Partida da Mala-Posta em Loures ( reconstituição em 1934)
  5. 5. A mala-posta é uma diligência de transporte de passageiros e de correio que começou Em 1798 e foi até 1804. Parou por causa das Invasões francesas e guerra civil.
  6. 6. O serviço de mala posta só foi retomado em 1852 , sendo uma das reformas do Fontismo.
  7. 7. FONTISMO política de desenvolvimento das vias de comunicação e transportes iniciada em 1851,por Fontes Pereira de Melo .Foi Ministro dos reis D.Maria II, D.Pedro V e D. Luís. As infraestruturas eram a base do desenvolvimento de Portugal para apoiar a agricultura, indústria e comércio. O fontismo caracterizou-se por : renovação da rede de estradas, instalação da rede de caminhos de ferro, construção de pontes, túneis, viadutos e melhoramentos dos portos.
  8. 8. RENOVAÇÃO DA REDE DE ESTRADAS Construção de estradas em Macadame (vem de John MacAdam ,escocês que inventou esta forma de fazer estradas). Pavimentação de estradas e ruas com brita(pedras) e saibro(terra) que se recalca com cilindro.
  9. 9. Antes de 1852 , a maior parte das estradas eram romanas. Neste ano só havia 218 km de estradas construídas em Macadame. O tempo de viagem era muito grande: Lisboa -Porto = 7 dias Lisboa Algarve = 8 dias Lisboa -Bragança = 15 dias
  10. 10. 14. 230 km de estradas modernas ANO 1900
  11. 11. Como funcionava a mala – posta? o Partida de diligência em Lamego
  12. 12. Cocheiro da mala posta O cocheiro tinha que controlar 4 cavalos e claro a própria diligência ( 2 parelhas de 2 cavalos)
  13. 13. Tinham horários
  14. 14. E tabela de preços
  15. 15. Os passageiros embarcavam com os seus pertences
  16. 16. E o correio
  17. 17. No caminho a diligência tinha que parar em vários locais ao longo do percurso para mudar de cavalos e para intercâmbio do correio. A estes locais chama-se Estações de Muda
  18. 18. O tempo de paragem era de 5 minutos nas estações de muda que era o tempo para trocar os cavalos e trocar a correspondência.( se necessário). Apenas nas estações de Caldas da Rainha,Leiria, Coimbra e Oliveira de Azeméis se permitia demorar mais tempo para que os passageiros tomassem as suas refeições. Pernoitavam nas Caldas da Rainha e Oliveira de Azeméis.
  19. 19. Estes eram os principais percursos da Mala-Posta Porto – Braga- Guimarães 1852 - 1871 Aldeia Galega – Badajoz 1854 - 1863 Lisboa – Porto 1855 - 1864
  20. 20. casa da Mala-posta na segunda metade do século XIX
  21. 21. O Rei D. João V viajou na mala-posta em 1860 até ao Porto ! Pernoitou em Condeixa e Oliveira de Azeméis.
  22. 22. Os assaltos eram frequentes, em especial no interior do país. O mais conhecido foi Zé do Telhado, a quem chamavam o Robin dos bosques português.
  23. 23. A primeira estação de comboio no Carregado foi inaugurada em 1856 e ligava Lisboa ao Carregado , pelo que os passageiros já não tinham que ir de barco de Lisboa ao Carregado.
  24. 24. A mala-posta entre Lisboa e Porto deixou de existir em julho de 1864 quando ficou concluída a linha férrea entre estas cidades. Continuou, no entanto, noutros pontos do país, como por exemplo entre Porto, Braga e Guimarães até 1871.
  25. 25. Bibliografia www.google.com/imagens www.restosdecoleccao.blogspot.pt www.fpc.pt www.wikipedia.org www.slideshare.net História e Geografia de Portugal 6º ano, Saber em ação 6 de Eliseu Alves Ana Isabel Silva Manuela Mendes Sónia Botelho
  26. 26. Trabalho realizado por Patrícia Goulart nº. 16 e Tomás Ferreira nº. 18 Ano : 6º Turma J – 2012-2013 Para : História e Geografia de Portugal Obrigado pela vossa atenção

×