Oracoes subordinadas ppt

220.772 visualizações

Publicada em

0 comentários
12 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
220.772
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
210.192
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
637
Comentários
0
Gostaram
12
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Oracoes subordinadas ppt

  1. 1. PORTUGUÊS
  2. 2. ORAÇÕESSUBORDINADAS
  3. 3. Tipos de orações subordinadas• Substantivas• Adjetivas• Adverbiais
  4. 4. Classificação das Orações Subordinadas Substantivas• Subjetiva• Objetiva Direta• Objetiva Indireta• Completiva Nominal• Predicativa• Apositiva
  5. 5. SubjetivasExerce função de Sujeito do Verbo da Oração PrincipalExemplo: “ É preciso que todos participem da campanha.”
  6. 6. Objetiva Direta Exerce função de Objeto Direto do Verbo da Oração PrincipalExemplo: “Espero que você seja aprovado.”
  7. 7. Objetiva Indireta Exerce papel de Objeto Indireto do Verbo da Oração PrincipalExemplo: “Lembrei-me de que a lição era para quarta-feira.
  8. 8. Completiva NominalExerce papel de Complemento Nominal de um termo da Oração Principal.Exemplo:“Tenho certeza de que alcançaremos a nota necessária.”
  9. 9. PredicativaExerce papel de Predicativo do Sujeito da Oração PrincipalExemplo: “Meu desejo é que você seja feliz.”
  10. 10. Apositiva Exerce função de Aposto de um temo da Oração PrincipalExemplo: “Só desejo uma coisa: que nossa situação melhore.”
  11. 11. Classificação da Orações Subordinadas Adjetivas“Existem dois tipos de Orações Subordinadas Adjetivas no que diz respeito ao sentido da relação que estabelecem com o antecedente. São elas:” • Restritiva • Explicativa
  12. 12. Restritiva “Delimita, define, especializa, restringe o sentido do antecedente, particularizando-o. Na fala, é proferido sem pausa acentuada:”Exemplo: “O mundo onde quero estar ao teu lado pertence a outra dimensão.”
  13. 13. Explicativa “Contem uma simples explicação, um detalhe do termo antecedente. Na fala, são separadas da oração principal por pausa forte, adquirindo função de um aposto.”Exemplo: “O mundo, onde quero estar ao teu lado, impõe-nos rígidas condições.”
  14. 14. Classificações das Orações Subordinadas Adverbiais• Causa • Conseqüência• Condição • Concessão• Comparação • Conformidade• Finalidade • Proporção• Tempo
  15. 15. Causa “As Orações Subordinadas Adverbiais Causais exprimem a causa.”Exemplo:“Eu Te Amo porque não amo bastante a mim mesmo.”
  16. 16. Conseqüência “As Orações Subordinadas Adverbiais Consecutivas exprimem um fato que é conseqüência, que é efeito do que se declara na Oração Principal.”Exemplo: “Estava tão cansado que adormeceu rapidamente.”
  17. 17. Condição “As Orações Subordinadas Adverbiais Condicionais exprimem uma condição necessária para que se realize o fato contido na Oração Principal.”Exemplo: “Tudo vale a pena se a alma não é pequena.”
  18. 18. Concessão “As Orações Subordinadas Adverbiais Concessivas exprimem um fato que - podendo interferir na realização daquilo que contem a Oração Principal - Não interfere.”Exemplo: “Mesmo observando minuciosamente nosso atos, fazemos coisas de que nos arrependemos.”
  19. 19. Comparação “As Orações Subordinadas Adverbiais Comparativas indicam o ser ou fato com que se compara o elemento presente na oração principal.”Exemplo: “Não, meu coração não é maior que o Mundo.”
  20. 20. Conformidade “As Orações Subordinadas Adverbiais Conformativas exprimem um fato que esta de acordo com o que se declara na oração principal.”Exemplo: “Como se lê num espelho, pude ler nos olhos seus !”
  21. 21. Finalidade “As Orações Subordinadas Adverbiais Finais indicam a intenção, a finalidade no que se declara na oração principal.”Exemplo:“Orai, porque não entreis em tentação.”
  22. 22. Proporção “As Orações Subordinadas Adverbiais Proporcionais exprimem fatos que aumentam ou diminuem em relação ao que se declara na oração principal.”Exemplo: “Quanto mais conheço os homens mais gosto das mulheres.”
  23. 23. Tempo ‘As Orações Subordinadas Adverbiais Temporais exprimem as varias modalidades de tempo em que se pode situar o fato expresso na oração principal.”Exemplo: “Quando você foi embora, fez-se noite em meu viver.”

×