Aula 1 velocidade média

12.810 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
16 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.810
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.395
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
719
Comentários
0
Gostaram
16
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 1 velocidade média

  1. 1. FÍSICAProf. Amilcar
  2. 2. INTRODUÇÃO AO ESTUDODA MECÂNICA
  3. 3. GRANDEZAS FÍSICASO que é Grandeza?Grandeza é tudo o que pode sermedido.Comprimento, tempo, força, massa,velocidade entre outros são grandezasporque podem ser medidos.
  4. 4. GRANDEZAS ESCALARESAlgumas grandezas físicas exigem,para sua perfeita caracterização,apenas uma intensidade.Essas grandezas são denominadasgrandezas escalares.São exemplos: massa, comprimento,tempo, temperatura, densidade emuitas outras.
  5. 5. GRANDEZAS VETORIAISAs grandezas físicas que, para suaperfeita caracterização, exigem, alémda intensidade, uma orientaçãoespacial (direção e sentido) sãodenominadas grandezas vetoriais.São exemplos: força, impulso,quantidade de movimento,velocidade, aceleração ...
  6. 6. INTRODUÇÃOÀ CINEMÁTICA
  7. 7. Imagine que você esteja viajando ecomeça a observar nesta viagem omovimento do carro.Na física, o estudo do movimento édenominado MECÂNICA.Mas a observação desse movimentopode ser feita de formas distintas, porexemplo:
  8. 8. CINEMÁTICAVocê pode observar a estrada, o tempode percurso, a velocidade do carro e asua aceleração. Pode-se dizer que você tem uma observação “cinemática”.
  9. 9. DINÂMICAVocê também pode prestar atenção naresistência do ar, no atrito dos pneuscom o asfalto, na potência desenvolvidapelo motor do carro, a ação dos freios, eneste caso sua observação é “dinâmica”.
  10. 10. PONTO MATERIAL / CORPO EXTENSOConsidere um veículo de 3 m decomprimento em duas situaçõesdistintas: Numa estrada que une duas cidadesdistantes 400 km uma da outra. Num estacionamento de um shopping.
  11. 11. No caso da viagem, otamanho do veículo édesprezível quandocomparado com ocomprimento daestrada, assim, épossível supor que ocarro, nessa situação,seja apenas um pontomaterial.
  12. 12. No caso doestacionamento otamanho do carro éimportante comparadocom a vaga que elevai ocupar, sendoconsiderado corpoextenso.
  13. 13. REPOUSO E MOVIMENTOImagine que você esteja sentado dentrode um carro de formula 1 e o velocímetroindica 200 km/h.
  14. 14. REPOUSO E MOVIMENTOVocê está em repousoou em movimento ?
  15. 15. REPOUSO E MOVIMENTOVocê está em repousoou em movimento ?Em relação ao carro você está emrepouso,mas em relação às placas desinalização, você está em movimento.
  16. 16. REPOUSO E MOVIMENTOOs conceitos de repouso e movimentodependem de um referencial, umsistema ou corpo adotado comoreferência para indicar se o corpo estáem repouso ou movimento.
  17. 17. A partir de um referencial:- um corpo encontra-se em REPOUSOquando a distância entre o corpo e oreferencial não se altera.- o corpo está em MOVIMENTO quando adistância entre o corpo e o referencial éalterada.OBS. Esta ponderação não é válida para movimentocircular com referencial no centro da circunferência.
  18. 18. TRAJETÓRIAÉ o lugar geométrico das posiçõesocupadas pelo ponto no decorrer dotempo.A trajetória pode ser retilínea oucurvilínea, dependendo do referencialconsiderado.
  19. 19. POSIÇÃO ou ESPAÇOÉ a localização de um corpo.É determinada pela distância a umreferencial chamado “origem dosespaços” (S = 0)É representada pela letra S ou x.
  20. 20. Qual a posição das partículas x, y e z?
  21. 21. É necessário determinar umreferencial, o marco zero, a partir do qualé feita a medida da distância que indicaráa posição da partícula.
  22. 22. Considerando o ponto D comomarco zero, tem-se:
  23. 23. Considerando o ponto D como marco zero, tem-se:Sx = -2 m Sy = 1 m Sz = 6 m
  24. 24. ESPAÇO PERCORRIDO e DESLOCAMENTOUma partícula em movimento passapor várias posições.
  25. 25. Considera-se deslocamento (S) adistância medida entre as posições finale inicial. S = Sfinal - SinicialA distância percorrida (d) é determinadapela soma dos módulos dosdeslocamentos parciais. d =  S
  26. 26. Então, o deslocamento é determinado por: S = Sfinal – Sinicial S = 6 – (-2) S = 8 mA distância percorrida possui o mesmo módulo do deslocamento.
  27. 27. Considere que a partícula tenhapassado da posição B para a posição Je em seguida para a posição G.
  28. 28. Pode-se determinar o deslocamento pelavariação da posição do móvel.S = Sfinal – SinicialS = 3 – (-2)S = 5 m
  29. 29. A distância percorrida será determinadapela soma dos módulos dos deslocamentosparciais. d = SBJ  + SJG  d = 8+-3 d = 11 m
  30. 30. VELOCIDADEA velocidade é uma grandezafísica que exprime de maneiraquantitativa a idéia de rapidezdo movimento.
  31. 31. VELOCIDADE ESCALAR MÉDIAConsidere um carro que percorre 100 kmem 2 horas.A razão entre o deslocamento e o temponecessário caracteriza a velocidadeescalar média do carro.Pode-se dizer que a velocidade escalarmédia do carro foi igual a 50 km/h.
  32. 32. VELOCIDADE ESCALAR MÉDIAA velocidade escalar média corresponde àvelocidade que o carro deveria manterconstante para sofrer o mesmodeslocamento (ΔS) no mesmo tempo (Δt). S vM  t
  33. 33. Qual a velocidade do corpo que parte daposição B e chega na posição J em 4 s ?
  34. 34. Qual a velocidade do corpo que parte da posição B e chega na posição J em 4 s ?S = 6 – (-2) = 8 mt = 4 s
  35. 35. Qual a velocidade do corpo que parte da posição B e chega na posição J em 4 s ?S = 6 – (-2) = 8 m S 8 vM    2m/st = 4 s t 4
  36. 36. Qual a velocidade do corpo que parte daposição B passa pela posição J e chegana posição G em 5 s ?
  37. 37. Qual a velocidade do corpo que parte da posição B passa pela posição J e chega na posição G em 5 s ?S = 3 – (-2) = 5 mt = 5 s
  38. 38. Qual a velocidade do corpo que parte da posição B passa pela posição J e chega na posição G em 5 s ?S = 3 – (-2) = 5 m S 5t = 5 s vM    1m / s t 5
  39. 39. MOVIMENTO PROGRESSIVOSe um carro se movimenta no sentido datrajetória, sua velocidade será positiva.Nesse caso, o movimento é chamadoprogressivo.
  40. 40. MOVIMENTO RETRÓGRADOSe um carro se movimenta em sentidocontrário à orientação da trajetória, suavelocidade será negativa.Nesse caso, o movimento é retrógrado.
  41. 41. A distância, por estrada de rodagem,entre Cuiabá e Salvador é de 3 400,8km.Um ônibus demora dois dias e quatrohoras desde a saída de Cuiabá até achegada a Salvador, incluindo dez horasde paradas para refeições,abastecimentos etc. Qual a velocidadeescalar média desse ônibus, durante osdois dias e quatro horas de viagem emkm/h? S = 3.400,8 km t = 2 dias + 4 h = 52 h
  42. 42. S = 3.400,8 km t = 2 dias + 4 h = 52 h S 3400,8vM   t 52v M  65,4 km / h
  43. 43. Um trem de 200 m de comprimento,com velocidade escalar constante de 54km/h, gasta 20 s para atravessarcompletamente uma ponte. Qual aextensão da ponte?
  44. 44. comprimento da comprimento do ponte tremv = 54 km/h S = v . t Cponte + Ctrem = 300 mv = 15 m/s S = 15 . 20 Cponte + 200 = 300t = 20 s S = 300 m Cponte = 300 – 200Ctrem = 200 m Cponte = 100 m

×