Cores. Teoria e aplicações.

1.176 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.176
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • A cor não existe. Ela é tão somente uma sensação que temos, conseqüência da reflexão da luz incidente sobre um objeto. Se não há luz, não há cor. Como outras radiações, a luz é transmitida através de ondas magnéticas. Cada pessoa tem características físicas nos olhos que a tornam exclusiva, assim como torna exclusiva a percepção de uma pessoa para determinada cor enxergada.
  • Qual a sensação que temos ao olhar esses dois verdes numerados, são iguais, diferentes? Qual é mais escuro ou mais luminoso?
  • Qual a percepção que temos dos laranjas? São iguais?
  • As cores que estão ao redor de um objeto alteram nossa percepção de sua cor. Por isso devemos estudar qual é a melhor combinação entre duas cores que queremos utilizar. Ao escolher um azul e um verde para um trabalho, é necessário escolher o tom correto que traga o melhor resultado.
  • Se não tiver uma padronização de cor, o consumidor pode achar que o produto é velho.
  • Pode não identificar a marca à primeira vista.
  • Dentro das 7 luzes geradas na decomposição da luz branca, 3 grupos são os mais facilmente percebidas pelo ser humano. A Síntese aditiva é formada por esses 3 grupos de luzes. O Azul-violeta, o Vermelho e o Verde. Somando-se as luzes temos a luz branca. Todo equipamento que trabalha com luzes para formar imagens utiliza esse método. Na síntese aditiva, as cores primárias são as luzes Vermelho (R), (Verde (G) e Azul-violeta (B). Essas cores somadas alternadamente, formam as cores secundárias Cyan (C), Magenta (M) e Amarelo (Y). Tudo isso falando de luz. Com essas três matizes de luz, conseguimos representar quase a totalidade das cores que o ser humano enxerga. Isso por que no olho humano, as células Cones são também de três tipos: RGB. O ser humano enxerga em RGB.
  • Quando falamos de tinta, pigmento, falamos da síntese subtrativa. Por que esse nome sendo que quando eu adiciono (somo) uma cor à outra, tenho uma terceira? O que acontece é que o pigmento funciona como um filtro para a luz. Lembre-se que só percebemos a cor por causa da luz, logo é em relação à luz que nomeamos as duas teorias. Quando falamos em pigmentos, as cores primárias são Cyan, Magenta e Amarelo (CMY). Quando somamos dois pigmentos primários, eles SUBTRAEM da luz, dois dos grupos, refletindo somente um deles, a cor percebida é chamada de cor secundária na síntese subtrativa.
  • A produção de pigmento é um processo químico/mecânico e não consegue gerar pigmentos puros. Isso faz com que quando mistura-se os 3 pigmentos primários não é possível gerar um tom neutro, bloquear a mesma quantidade das 3 luzes que incidem sobre o objeto, fazendo com que percebamos um tom amarronzado. O preto vem no processo de impressão para corrigir essa falha dos pigmentos primários. Logo o preto serve para marcar as sombras e aperfeiçoar o volume de uma imagem.
  • As cores de processo não conseguem representar a totalidade de cores que o ser humano identifica, para suprir essa necessidade, foram criados padrões de cores que o processo CMYK não reproduz. Cores especiais são misturas de pigmentos para formar uma tinta no tom desejado. Enquanto as cores de processo são misturadas durante a impressão, as especiais entram na máquina já na cor real, são misturadas antes da impressão. O padrão mais conhecido, aceito e adotado mundialmente é o padrão PANTONE®. Uma escala de cores formadas por pigmentos especialmente criados sob ummaltíssimo controle de qualidade, garantindo assim a repetibilidade de uma cor na sua produção. Misturas precisamente medidas geram cores diferenciadas. Sua utilização ocorre em materiais que não podem perder a identidade da cor com a marca, caso de embalagens, impressos comerciais (papelaria) e impressos promocionais. O custo de um material fica mais elevado quando utilizamos cores especiais, mas temos a garantia de qualidade da cor. Em muitos impressos promocionais encontramos marcas e logotipos impressos utilizando cores de processo, isso se deve basicamente pelo custo que a cor especial impõe para um impresso.
  • Cores. Teoria e aplicações.

    1. 1. Composição e Projeto Gráfico - UNIP CORES
    2. 2. Composição e Projeto 2 O que é cor? • É a sensação SUBJETIVA causada pela LUZ e percebida pelo cérebro humano através dos olhos. • É transmitida por ondas eletromagnéticas. • Cada pessoa enxerga a cor de uma maneira. Um dos fatores mais importantes sobre a cor é como a gente a percebe.
    3. 3. Composição e Projeto 3 Como enxergamos as cores? • Emissão de luz por um corpo luminoso • Incidência dos raios de luz sobre o objeto • Reflexo da luz incidente • Captação pelas células do olho – Cones para cores – Bastonetes para movimento e pouca luz • Interpretação pelo cérebro
    4. 4. Composição e Projeto 4 A cor no ambiente • Interferência. • Resultado desejado: visual e psicológico. • Nossos olhos podem nos enganar!
    5. 5. Composição e Projeto 5 Verdes iguais ? 1 2 Alguns testes...
    6. 6. Composição e Projeto 6 1 2 Verdes iguais!!
    7. 7. Composição e Projeto 7 Diferentes?Iguais!
    8. 8. Composição e Projeto 8 Verdes diferentes? Verdes iguais!
    9. 9. Composição e Projeto 9
    10. 10. Composição e Projeto 10
    11. 11. Composição e Projeto 11
    12. 12. Composição e Projeto 12 Fatores que alteram a percepção • Condições de iluminação • Influência do meio • Daltonismo • Idade • Sexo do indivíduo • Fadiga visual • Recordabilidade • Estado emocional
    13. 13. Composição e Projeto 13 Qual a importância da cor? • Em editoriais • Em material promocional • Em embalagem • Em impressos em geral – Psicologia – Reprodução
    14. 14. Composição e Projeto 14
    15. 15. Composição e Projeto 15
    16. 16. Composição e Projeto 16 Qual é a cor mais séria?
    17. 17. Composição e Projeto 17 Qual passa mais credibilidade?
    18. 18. Composição e Projeto 18 Importância em Comunicação • Identidade do produto • Identificação com o público • Uniformidade = qualidade • Sensações • Conceitos
    19. 19. Composição e Projeto 19 Cores de monitor e cores de impressão • Por que o que eu vi na tela não foi o que saiu na impressão? • Como assim a cor está errada? Eu tô vendo na minha tela!!!
    20. 20. Composição e Projeto 20 Síntese Aditiva - RGB
    21. 21. Composição e Projeto 21 Síntese Aditiva • Baseada em luzes. A mistura das LUZES RGB formam as cores primárias. • O RBG é utilizado em monitores, scanners, câmeras digitais, projetores, fotografia e televisores em geral.
    22. 22. Composição e Projeto 22 Síntese Subtrativa - CMY
    23. 23. Composição e Projeto 23 Por que usar o Preto (K) REAL IDEAL
    24. 24. Composição e Projeto 24 Cores de processo • Baseada em tintas. A mistura das tintas CMYK formam a grande maioria das cores visíveis. • O K simboliza o preto. No processo de impressão, devido a impureza nas tintas, as 3 cores primárias não são suficientes para formar o preto, então utilizamos a tinta preta como cor chave no processo (K = key = chave). • O CMYK é utilizado em impressoras em geral, desde jatos de tinta caseiras até impressoras de larga escala como Off-set ou Rotogravura, entre outras.
    25. 25. Composição e Projeto 25 Cores de Processo • Como quase todas as cores que percebemos conseguem ser representadas pelas cores primárias + o preto, essas são utilizadas no processo de impressão, são as CORES DE PROCESSO. • Então, as cores de processo são o CIANO (ou cyan), o MAGENTA, o AMARELO e o PRETO e são impressas separada e seqüencialmente. • São representadas em um projeto gráfico como 4x4, 4x0, 2x2 etc.
    26. 26. Composição e Projeto 26 Cores Especiais • Cores especiais são aquelas que não conseguimos alcançar usando somente as cores de processo. São tintas preparadas antes de entrar em máquina e já tem sua cor final. • O padrão de cores especiais mais conhecido e utilizado em todo o mundo é a Escala Pantone®. É comum nos referirmos a determinada cor especial pelo código que a representa na escala. Ex.: Pantone 481 (vermelho). • São utilizadas para padronizar cores em projetos como embalagens e logotipos, garantindo a fidelidade de cor em qualquer canto do mundo.
    27. 27. Composição e Projeto 27 Separação de Cores - Quadricromia • Para imprimir qualquer material colorido, temos que separar e decompor as cores que enxergamos em uma linguagem (forma) que a máquina consiga imprimir. Para isso utilizamos a separação de cores. • A separação de cores só é possível através do fotolito no meio analógico ou via impressão digital.
    28. 28. Composição e Projeto 28
    29. 29. Composição e Projeto 29
    30. 30. Composição e Projeto 30
    31. 31. Composição e Projeto 31
    32. 32. Composição e Projeto 32
    33. 33. Composição e Projeto 33
    34. 34. Composição e Projeto 34
    35. 35. Composição e Projeto 35
    36. 36. Composição e Projeto 36 As cores falam • O uso das cores pode transformar uma página. • Cores transmitem sensações e podem tanto aperfeiçoar quanto confundir uma mensagem. A cor certa pode transmitir alegria, autoridade, segurança entre outras sensações
    37. 37. Composição e Projeto 37 Um pouco de psicologia Avermelhados: cores com forte predominância do Magenta • VERMELHO É SANGUE • Representam ações e sentimentos pessoais altamente carregados como agressividade, perigo, bravura e amor. • Uma das cores mais freqüentemente utilizadas em trabalhos criativos. • A cor que mais chama nossa atenção e que nos deixa alertas. Amarelados/alaranjados: cores com maior carga de Amarelo • AMARELO É ENERGIA • Representam incerteza e inquietação. Avisam para sermos cautelosos. • Quentes como o fogo. Cores das idéias e sonhos. • Estimula a criatividade e o surgimento de novas idéias.
    38. 38. Composição e Projeto 38
    39. 39. Composição e Projeto 39
    40. 40. Composição e Projeto 40
    41. 41. Composição e Projeto 41 Um pouco de psicologia Azulados: cores com predominância do Cyan • AZUL É PAZ • Assim como o céu, representa paz, calma e tranqüilidade. • É distante e remota. Exprime ordem, lógica e respeito. • A cor preferida pela maioria das pessoas. Esverdeados: o Amarelo invade o Cyan • VERDE É VIDA • Representam o eterno ciclo da vida, morte e renascimento. • Firme e confidente como a Mãe Natureza. • A cor da natureza: sempre natural.
    42. 42. Composição e Projeto 42
    43. 43. Composição e Projeto 43
    44. 44. Composição e Projeto 44 Cores complementares • Por definição, duas cores são complementares quando sua combinação bloqueia toda e qualquer reflexão da luz, ou quando produz um preto neutro. • Ao se colocar duas cores complementares lado a lado, temos a sensação de vibração. Isso acontece por que a cor faz com que sua complementar pareça mais brilhante. • As cores complementares apresentam um grau de contraste tão alto que formam um halo luminoso ao redor do menor objeto.
    45. 45. Composição e Projeto 45 Cores complementares Cores quentes Cores frias
    46. 46. Composição e Projeto 46 nayC %0 atnegaM 10 %0 Y wolle %02 CRIMSON Avermelhados ganham o poder do amarelo. Posição – Crimsom é um dos primeiros avermelhados com percentagem de amarelo. É um meio-vermelho. Psicologia – Poderoso – Agressivo – Dinâmico – Dramático Uso – Luxuoso, esplendoroso, de alta qualidade – Direciona o leitor à mensagem – Mais claro, apresenta o rosa, perdendo o poder e trazendo um clima mais leve à comunicação
    47. 47. Composição e Projeto 47 nayC %0 atnegaM 10 %0 Y wolle %05 Maduro (doce) e sensual. Posição – Com o poder do crimsom, a adição do amarelo esquenta a cor e transmite uma amigável e exuberante qualidade. Psicologia – Vívido – Confiável – Certeza – Efetivo Uso – Exagero no uso reduz o impacto – Alterando-se a textura e a densidade, ganha-se em autonomia VERMELHO VIVO
    48. 48. Composição e Projeto 48 nayC %0 atnegaM %04 Y wolle %001 Entre o laranja e o ouro. Posição – É um amarelo médio, mais quente que o ouro – Sua base é o amarelo. Psicologia – Suave, contido – Abundante – Fértil – Próspero Uso – Boa visibilidade sobre claros ou escuros, à noite ou durante o dia. – Permanece agradável, mesmo em grandes áreas. – Pela força, pode ser usado como cor especial. ÂMBAR
    49. 49. Composição e Projeto 49 nayC %0 atnegaM %02 Y wolle 1 %00 O sol veio até nós. Posição – Mantém a base amarela, mas com menos magenta que o Âmbar. Psicologia – Alegre – Ensolarado – Rico, caro – Incerto Uso – Apesar dos vermelhos chamarem mais a atenção, pessoas e plantas buscam a luz do sol, desde em um impresso até na cor de um carro. OURO
    50. 50. Composição e Projeto 50 nayC %07 atnegaM %0 Y wolle 01 %0 VERDE LUMINOSO Saindo do quente e entrando no frio. Posição – Um dos primeiro verde do sistema. Psicologia – Jovem – Fresco – Limpo, afiado – Lívido Uso – Não é azedo como o limão mas também não é doce. – Transmite uma sensação jovial para a peça.
    51. 51. Composição e Projeto 51 nayC %001 atnegaM %0 Y wolle %08 VERDE MAR Megulhando nas profundezas do verde. Posição – O cyan toma a base do verde enquanto o amarelo fica como suporte apenas. Psicologia – Maduro – Forte – Dinâmico – Incansável Uso – Clareza e distinção – Funciona bem em áreas extensas
    52. 52. Composição e Projeto 52 nayC %001 atnegaM %03 Y wolle %0 AZUL CÉU De bem com o mundo. Posição – Um dos primeiros azuis, já com um toque de magenta. – Esse toque de magenta traz uma suavidade à dureza do cyan. Psicologia – Honesto, verdadeiro – Bom – Calmo, pacífico – Limpo Uso – Quase sempre uma boa escolha. – Confortável e despretensioso como uma camiseta velha.
    53. 53. Composição e Projeto 53 nayC %001 atnegaM %001 Y wolle %0 VIOLETA A cor do solstício de inverno. Posição – Um tom mais perto do final do espectro. – É a cor com 100% de magenta e de cyan Psicologia – Depressiva – Sobriedade – Reflexão – Introspecção Uso – Como cor neutra assim como o preto – Trabalha sofisticação com alta legibilidade e precisão.
    54. 54. Composição e Projeto 54 Gradação e sombras • As áreas de sombra aumentam o contraste entre as cores e ressaltam as áreas de luz. • A adição de preto transmite a sensação de profundidade e dimensionalidade. • Com o preto, é possível alcançar milhões de cores com as cores básicas.
    55. 55. Composição e Projeto 55 Gradação e sombras VERDE TONS DE CINZA VERDE + TONS DE CINZA

    ×