Análise Capitulo XV - Os Maias

991 visualizações

Publicada em

Suporte visual usado para apresentação do Capitulo XV dos Maias

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
991
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Análise Capitulo XV - Os Maias

  1. 1. CAPITULO XV – OS MAIAS Português Língua e Literatura Mónica Santos Silva Ms. Gisel 2015-2016
  2. 2. RESUMO - Consideração do casamento de Carlos e Maria por: Rosa e Afonso da Maia - Vida e educação de Maria Eduarda - Visitas dos amigos à “Toca”: Cruges, Ega, Marquês Souzela - Episódio na “Corneta do Diabo” • Carta de Ega • Crítica aos jornais e reações • Processo de descobrir o autor - Maria Eduarda encontra-se com Guimarães – tio de Dâmaso - Episódio no jornal “A Tarde”
  3. 3. PERSONAGENS - Principais Carlos da Maia: compreensível, sentimental, precipitado Maria Eduarda: honesta, amável, passado difícil, símbolo de mulher típica, João da Ega: bom amigo, solucionista, simples, atual (democrático), planejador, vingativo
  4. 4. SECUNDÁRIAS E TIPO - Rosa: espevitada, relação com a natureza, inocente, carinhosa - Afonso da Maia: dúctil e mundano, velho e frágil, teimoso - Dâmaso Salcede: começa feliz, orgulhoso e poderoso e acaba inútil, esmagado, enervado -Cruges: intelectual, não gosta de confusões, calmo e curioso - Steinbroken: pouca opnião - Marquês de Sousela: vai jantar à Toca, Chic  Personagens Tipo -Palma Cavalão: diretor do jornal “ A corneta do Diabo”, desonesto, subornável - Neves: diretor do jornal “A Tarde”, interesses desleais e revela
  5. 5. NARRADOR - Narrador Heterodiegético e omnisciente (relata na 3ª pessoa e tem conhecimento ilimitado dos acontecimentos) Citação: - Corneta do Diabo: focalização interna (ponto de vista de Carlos) Citação: - Apresenta-se maioritariamente um narrador subjetivo Citação:
  6. 6. ESPAÇO Físicos: “Toca” : ninho do amor de Carlos e Maria Lisboa: • No jornal “A Corneta do Diabo” • Grémio • Em casa do Dâmaso • No Teatro • No jornal “A Tarde” Psicológicos: Viena, Paris, Tours, Inglaterra
  7. 7. TEMPO - Cronológico - Começa no final de Setembro “as ultimas rosas do verão” - Acaba por volta do inverno - Analepses
  8. 8. CRÓNICA DE COSTUMES - Vícios da população: álcool, jogo, drogas, mulheres - Violência - Bisbilhotice
  9. 9. CRÍTICA SOCIAL - Ao povo: uns enriquecem pelo trabalhos dos outros (377) - Governo “um país governado com imenso talento… o mais estupidamente governado” (395) - Ética do jornalismo em Portugal : “tais jornais tal país” • Corrupto e desprovido de ética – interesses económicos • Compadrios Políticos – Dâmasos • A apetência pelos escândalos

×