Tf art ii_

182 visualizações

Publicada em

Trabalho Final de Conteúdos e Metodologias do Ensino de Artes II
Grupo: Jane e Mônia

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
182
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tf art ii_

  1. 1. Plano de Aula DISCIPLINA: Conteúdos e Metodologias do Ensino de Arte II SEMESTRE: 6º semestre ALUNO(S): Jane Vitório Rosa da Cunha e Mônia de Labernarda Medeiros Contexto educacional: 5ª Série dos anos iniciais Faixa etária dos estudantes: 10 anos Disciplina: Artes Professor: Jane Vitório Rosa da Cunha e Mônia de Labernarda Medeiros Carga horária: Ementa: Artes Visuais e a História local Objetivo geral: Conhecer a história da cidade em que vivemos através da arte visual. Objetivos específicos: • Estimular a criatividade e imaginação do aluno; • Ampliar as experiências sensoriais, afetivas e intelectuais; • Ampliar o senso crítico e de invento; • Utilizar a linguagem do desenho, da colagem, da pintura, da modelagem para produção de trabalhos de arte, a fim de desenvolver o gosto em produzir e criar; • Desenvolver a coordenação motora e cognitiva. Metodologia/desenvolvimento da aula: Em nossa primeira aula, iniciaremos falando sobre a história de nosso município, sua colonização, cultura, pontos turísticos entre outros. Em seguida faremos uma roda de conversa onde cada um vai falar o que mais chamou atenção na cidade , ou seja o que eles acharam mais interessante e/ou bonito. Feito isso faremos uma votação sugerindo algumas opções de visita onde a opção mais votada será o destino rumo aos nossos trabalhos. Como tarefa para casa os alunos terão que fazer uma pesquisa sobre a opção escolhida. Na segunda aula faremos uma visita ao local escolhido onde serão analisados cada detalhe do local e dos objetos. No decorrer das aulas iremos realizar atividades como: construção de maquetes, desenhos, produção de esculturas e objetos com massa de modelar nessa última atividade iremos fazer com que todos os alunos tentem identificar os objetos feitos uns dos outros apenas pelo tato.
  2. 2. Lembrando que temos um aluno cego dentro da sala que através do tato e da audição poderá sentir as formas dos objetos e ouvir o som que caracteriza a cidade,o meio urbano. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DATA CONTEÚDOS AÇÕES PEDAGÓGICAS TEMPO ESTIMADO 10/10 Conhecendo a cidade teoricamente Contação de história, bate-papo com a turma e escolha do local a ser explorado na cidade. Solicitar uma pesquisa sobre o local escolhido. 4 horas 13/10 Visita ao ponto turístico escolhido Levar os alunos ao ponto turístico eleito para ser analisado e durante o passeio relacionar os objetos e locais com a pesquisa feita por eles anteriormente. 4 horas 16/10 e 17/10 Construindo uma maquete Auxiliados pelas professoras, os alunos representarão o local visitado através de uma maquete, incentivando-os a detalhar os objetos conhecidos e a serem críticos. 8 horas 20/10 Desenhando, criando esculturas e conhecendo as criações dos colegas por meio do tato As atividades sugeridas serão de criar esculturas, desenhos, com formas, texturas, de modo que ao concluir os trabalhos possamos fazer a identificação destes com os alunos vendados, demonstrando como seu colega vê. 4 horas Materiais necessários para as ações planejadas: Tecidos de diversas texturas, cartolinas, placas de isopor, palitos, caixas de papel, folhas sulfites, folhas de árvores, pétalas de flor, lã, papel laminado, lápis de cor, giz de cera, canetas, massa de biscuit, corantes, câmera fotográfica, papel cartão, papel pardo, E.V.A., tesoura, cola branca, cola para E.V.A., pincéis, tinta guache, massa de modelar,uma venda para os olhos. Sistema de Avaliação: A avaliação se dará através da observação realizada durante o período que será trabalhado o assunto, serão considerados apenas o nível de interesse, o desempenho crítico de cada aluno e a maneira como se socializam. Registraremos por meio de fotografias algumas atividades, nas quais identificaremos o entrosamento de uns com os outros. Reavaliação: Para aqueles alunos que não conseguiram alcançar os objetivos será apresentado em Power point imagens relacionadas ao local que foi
  3. 3. visitado onde será comentado e conversado sobre cada detalhe para que assim os alunos compreendam melhor e possam ter um bom desempenho na realização das atividades. Novas sugestões: No caso de não ser possível uma visita ao local escolhido, as professoras irão reunir o máximo de informações possíveis para reproduzir em sala de aula o que seria visto e percebido no passeio, podem até mesmo ser levados para a sala de aula alguns objetos semelhantes aos que seriam conhecidos. Questionamentos que surgiram com a aplicação da aula: Espera-se que os questionamentos sejam muitos referentes a explorar o local onde vivem e descobrir curiosidades da cidade, certamente surgirão curiosidades também da forma com a qual nosso aluno cego se relaciona e percebe os objetos ao seu redor. BIBLIOGRAFIA: ROMANELLI, Berenice Marie Ballande; ROMANELLI, Guilherme Gabriel Ballande; Conteúdos e Metodologias do Ensino de Artes II. Florianópolis: UDESC/UAB/CEAD, 2010.

×