SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
Trabalho de Gonçalo Gomes – 5º A nº 9
A alimentação tem sido, ao longo da história, uma
constante nas preocupações do Homem. O desenvolvimento das
civilizações tem estado intimamente ligado à forma como o
indivíduo se alimenta. Pode mesmo afirmar-se que a alimentação
tem determinado o futuro e o destino das civilizações.
Para além de uma necessidade fundamental do ser
humano, a alimentação é um dos fatores do ambiente que mais
afeta a saúde.
“Somos o que comemos” é um velho provérbio que traduz
bem este facto.
2
O papel da família na alimentação e na educação
alimentar das crianças e jovens é portanto indiscutível.
Mas, para além da família, a escola e, em especial, o
jardim-de-infância assumem uma particular importância, na
medida em que podem oferecer um contexto de aprendizagem
formal sobre esta e outras matérias, complementando o papel
familiar.
É essencial proporcionar às crianças uma alimentação
equilibrada e saudável. A alimentação infantil tem um papel
fulcral no desenvolvimento e crescimento das crianças, sendo
essencial ensinar os mais novos acerca da importância do
equilíbrio nas escolhas alimentares.
3
Todos sabemos que, para se viver com saúde, é necessário ingerir
alimentos de diferentes tipos, em quantidade adequada. Estes alimentos
fornecem substâncias ao organismo para que se mantenha vivo (respirar,
conservar a temperatura corporal, movimentar-se, crescer, brincar,
trabalhar, estudar, etc.).Os constituintes dos alimentos designam-se por
nutrimentos.
Em função das suas propriedades químicas podem classificar-se em
hidratos de carbono, proteínas, gorduras, vitaminas, sais minerais, fibras
alimentares e água. Estes sete grupos de nutrimentos desempenham no
organismo humano três funções principais: função energética, função
plástica ou reparadora e função reguladora.
5
Uma das principais funções dos alimentos é a de fornecer
energia ao organismo, para o seu bom funcionamento e para a
manutenção da vida. A energia no organismo é necessária para manter
constante a temperatura corporal e para permitir o trabalho muscular.
A função de reserva é também muito importante, já que
permite ao organismo armazenar energia quando o que se ingere excede
as necessidades, sendo esta transformada em tecido gordo ou adiposo,
pronto a ser utilizado em situações de carência.
6
Durante os primeiros tempos de vida, as necessidades
energéticas são superiores às registadas durante a velhice. Tal facto
resulta, por um lado, de uma maior atividade física durante a infância
e a juventude e, por outro, de um aumento das necessidades e
exigências de funcionamento do organismo, próprio ao processo de
crescimento da infância e da adolescência.
A atividade física é o fator que mais altera as necessidades
energéticas de um indivíduo, já que o trabalho muscular é um grande
consumidor de oxigénio e, por conseguinte, de energia. 7
Função plástica ou
construtora
Leite e derivados: 2 a 3
porções diárias.
Leguminosas: 1 porção
diária
Peixe, carne e ovos : 1 a 2
porções diárias
8
Os nutrimentos plásticos ou construtores são principalmente
as proteínas, que fazem parte da constituição de todos os tecidos,
contribuindo para a sua reconstituição ou crescimento e para a
formação dos que estão sujeitos a uma renovação constante.
Alguns sais minerais, como o cálcio ou o fósforo, que integram
os ossos, ou o ferro que existe no sangue, e a própria água,
necessária ao bom funcionamento das células, têm também funções
plásticas.
9
Função reguladora
Frutas : 3 a 5 porções
diárias
Verduras e legumes; 4 a 5
porções diárias.
10
Os nutrimentos reguladores são aqueles que, apesar de
não fornecerem energia, promovem e facilitam quase todas as
reações bioquímicas no organismo humano. Sem a sua ação, a vida
não seria possível, nem os outros nutrimentos corretamente
aproveitados.
Os nutrimentos reguladores mais importantes são as
vitaminas, os minerais e as fibras alimentares.
11
Proteínas
Gorduras
Hidratos de carbono
Água
12
13
 As proteínas são os tijolos do nosso corpo. Sem elas
não seriamos capazes de repor ou reparar as células
do corpo. Um homem comum de 70 kg possui por volta
de 11 kg de proteínas. Aproximadamente metade
delas nos músculos do esqueleto.
 Elas desempenham um papel muito importante no
nosso organismo, pois fornecem material tanto para a
construção como para a manutenção de todos os
nossos órgãos e tecidos.
 As gorduras são substâncias de composição extremamente
variável e que têm o pormenor de ser insolúveis na água.
 São nutrimentos basicamente energéticos, embora também
lhes estejam associadas outras funções importantes, como,
por exemplo, servirem de transporte às vitaminas
lipossolúveis – A, D, E e K –, fornecerem ácidos gordos
essenciais e contribuírem para a formação do tecido gordo do
organismo.
14
 Os hidratos de carbono são os principais fornecedores de
energia. Encontram-se, sobretudo, nos alimentos de origem
vegetal.
 As farinhas, o pão, o arroz, as massas, a batata e outros
tubérculos, o grão, o feijão e a castanha são ricos em hidratos
de carbono.
15
 A água é essencial para a vida dos seres vivos, sendo
considerada um verdadeiro nutrimento. É parte
integrante de quase todos os alimentos, em quantidades
extremamente variáveis, à exceção, por exemplo, de
azeites e óleos alimentares.
 A sua ausência inviabilizaria a vida, na medida em que é
o constituinte mais importante do corpo humano.
16
O total de alimentos, ingeridos ao longo
do dia, deve respeitar as proporções da
pirâmide dos alimentos, incluindo
hortaliças, legumes e frutos, não
esquecendo os alimentos do grupo do
leite, os cereais e derivados como o pão,
passando pelas leguminosas.
O consumo de carne deve ser
moderado, sendo de retirar as gorduras
visíveis e de preferir o peixe uma vez por
dia. Reduzir o sal, as gorduras e o açúcar
na confeção e tempero dos alimentos.
Usar gorduras com moderação, preferindo
o azeite.
E, finalmente, variar o mais
possível, dando primazia aos produtos de
cada estação do ano.
17
18

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 2 composição química das células
Aula 2   composição química das célulasAula 2   composição química das células
Aula 2 composição química das célulasEd_Fis_2015
 
compostos orgânicos e inorgânicos
compostos orgânicos e inorgânicoscompostos orgânicos e inorgânicos
compostos orgânicos e inorgânicosRonaldo Assis
 
Xilema e floema
Xilema e floemaXilema e floema
Xilema e floema00367p
 
vitaminas
vitaminas vitaminas
vitaminas divadias
 
Biologia- Ciclo da Água - Ensino Médio
Biologia- Ciclo da Água - Ensino MédioBiologia- Ciclo da Água - Ensino Médio
Biologia- Ciclo da Água - Ensino MédioChrislaine1999
 
I.3 classificação seres vivos
I.3 classificação seres vivosI.3 classificação seres vivos
I.3 classificação seres vivosRebeca Vale
 
Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...
Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...
Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...Ronaldo Santana
 
Modelos atômicos ( 9 ano)
Modelos atômicos ( 9 ano)Modelos atômicos ( 9 ano)
Modelos atômicos ( 9 ano)Karol Maia
 
II. 3 Os ácidos nucléicos
II. 3 Os ácidos nucléicosII. 3 Os ácidos nucléicos
II. 3 Os ácidos nucléicosRebeca Vale
 
Recursos Nao Renovaveis
Recursos Nao RenovaveisRecursos Nao Renovaveis
Recursos Nao Renovaveisguestbcba34
 
Composição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser VivoComposição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser VivoKiller Max
 
IV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentosIV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentosRebeca Vale
 
Bioquimica. agua
Bioquimica. aguaBioquimica. agua
Bioquimica. aguaNaisa Leal
 

Mais procurados (20)

Aula 2 composição química das células
Aula 2   composição química das célulasAula 2   composição química das células
Aula 2 composição química das células
 
compostos orgânicos e inorgânicos
compostos orgânicos e inorgânicoscompostos orgânicos e inorgânicos
compostos orgânicos e inorgânicos
 
Xilema e floema
Xilema e floemaXilema e floema
Xilema e floema
 
vitaminas
vitaminas vitaminas
vitaminas
 
Biologia- Ciclo da Água - Ensino Médio
Biologia- Ciclo da Água - Ensino MédioBiologia- Ciclo da Água - Ensino Médio
Biologia- Ciclo da Água - Ensino Médio
 
A importancia da água
A importancia da águaA importancia da água
A importancia da água
 
Reino Plantas
Reino PlantasReino Plantas
Reino Plantas
 
I.3 classificação seres vivos
I.3 classificação seres vivosI.3 classificação seres vivos
I.3 classificação seres vivos
 
Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...
Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...
Aula Biologia: Ciclos Biogeoquímicos e Relações ecológicas [1° Ano do Ensino ...
 
Minerais
MineraisMinerais
Minerais
 
Modelos atômicos ( 9 ano)
Modelos atômicos ( 9 ano)Modelos atômicos ( 9 ano)
Modelos atômicos ( 9 ano)
 
II. 3 Os ácidos nucléicos
II. 3 Os ácidos nucléicosII. 3 Os ácidos nucléicos
II. 3 Os ácidos nucléicos
 
A Célula
A CélulaA Célula
A Célula
 
Recursos Nao Renovaveis
Recursos Nao RenovaveisRecursos Nao Renovaveis
Recursos Nao Renovaveis
 
Poluição ambiental
Poluição ambientalPoluição ambiental
Poluição ambiental
 
Composição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser VivoComposição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser Vivo
 
Bio vol único - Sônia lopes
Bio vol único - Sônia lopes Bio vol único - Sônia lopes
Bio vol único - Sônia lopes
 
Bacterias
BacteriasBacterias
Bacterias
 
IV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentosIV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentos
 
Bioquimica. agua
Bioquimica. aguaBioquimica. agua
Bioquimica. agua
 

Destaque

Ficha de trabalho sistema digestivo
Ficha de trabalho sistema digestivoFicha de trabalho sistema digestivo
Ficha de trabalho sistema digestivoCristina Jesus
 
RespiraçãO Celular
RespiraçãO CelularRespiraçãO Celular
RespiraçãO Celulars1lv1alouro
 
184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-ano
184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-ano184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-ano
184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-anoMárcia Marques
 
Eliminação dos produtos resultantes da atividade celular
Eliminação dos produtos resultantes da atividade celularEliminação dos produtos resultantes da atividade celular
Eliminação dos produtos resultantes da atividade celularMargarida Catarro
 
6º Ano Sistema Excretor
6º Ano Sistema Excretor6º Ano Sistema Excretor
6º Ano Sistema Excretors1lv1alouro
 
Teste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-ano
Teste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-anoTeste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-ano
Teste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-anoffthebest
 
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratóriomarcommendes
 
Ficha orientacao de estudo sistema digestivo humano
Ficha orientacao de estudo sistema digestivo humanoFicha orientacao de estudo sistema digestivo humano
Ficha orientacao de estudo sistema digestivo humanoOI Tavares
 
8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...
8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...
8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...Alda Lima
 
1820 e o liberalismo
1820 e o liberalismo1820 e o liberalismo
1820 e o liberalismocruchinho
 
Ficha informativa sistema digestivo nhumano
Ficha informativa sistema digestivo nhumanoFicha informativa sistema digestivo nhumano
Ficha informativa sistema digestivo nhumanoHelena Ferreira
 
Sistema Digestivo Nos Animais
Sistema Digestivo Nos AnimaisSistema Digestivo Nos Animais
Sistema Digestivo Nos AnimaisRosa Pereira
 
O sistema respiratório h
O sistema respiratório hO sistema respiratório h
O sistema respiratório hCristina Jesus
 
Trabalho sobre a Alimentação
Trabalho sobre a AlimentaçãoTrabalho sobre a Alimentação
Trabalho sobre a Alimentaçãoraquelpiress
 
Sistema digestivo perguntas e respostas
Sistema digestivo   perguntas e respostasSistema digestivo   perguntas e respostas
Sistema digestivo perguntas e respostasAfonso Sousa
 

Destaque (20)

O sistema digestivo do homem
O sistema digestivo do homemO sistema digestivo do homem
O sistema digestivo do homem
 
Sistema digestivo
Sistema digestivoSistema digestivo
Sistema digestivo
 
Ficha de trabalho sistema digestivo
Ficha de trabalho sistema digestivoFicha de trabalho sistema digestivo
Ficha de trabalho sistema digestivo
 
RespiraçãO Celular
RespiraçãO CelularRespiraçãO Celular
RespiraçãO Celular
 
Ficha de avaliação CN6 - alimentação e s. digestivo
Ficha de avaliação CN6 - alimentação e s. digestivoFicha de avaliação CN6 - alimentação e s. digestivo
Ficha de avaliação CN6 - alimentação e s. digestivo
 
184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-ano
184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-ano184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-ano
184669409 ficha-alimentos-e-sistema-digestivo-6-ano
 
Eliminação dos produtos resultantes da atividade celular
Eliminação dos produtos resultantes da atividade celularEliminação dos produtos resultantes da atividade celular
Eliminação dos produtos resultantes da atividade celular
 
6º Ano Sistema Excretor
6º Ano Sistema Excretor6º Ano Sistema Excretor
6º Ano Sistema Excretor
 
Teste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-ano
Teste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-anoTeste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-ano
Teste avaliacao-alimentacao-digestao-e-respiracao-6-ano
 
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratório
 
1ª ficha avalia_aliment_sist_dig
1ª ficha avalia_aliment_sist_dig1ª ficha avalia_aliment_sist_dig
1ª ficha avalia_aliment_sist_dig
 
Ficha orientacao de estudo sistema digestivo humano
Ficha orientacao de estudo sistema digestivo humanoFicha orientacao de estudo sistema digestivo humano
Ficha orientacao de estudo sistema digestivo humano
 
8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...
8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...
8700358 ficha-de-avaliacao-de-ciencias-da-natureza-do-6-ano-sistema-respirato...
 
1820 e o liberalismo
1820 e o liberalismo1820 e o liberalismo
1820 e o liberalismo
 
Ava ciencias 8ano
Ava ciencias 8anoAva ciencias 8ano
Ava ciencias 8ano
 
Ficha informativa sistema digestivo nhumano
Ficha informativa sistema digestivo nhumanoFicha informativa sistema digestivo nhumano
Ficha informativa sistema digestivo nhumano
 
Sistema Digestivo Nos Animais
Sistema Digestivo Nos AnimaisSistema Digestivo Nos Animais
Sistema Digestivo Nos Animais
 
O sistema respiratório h
O sistema respiratório hO sistema respiratório h
O sistema respiratório h
 
Trabalho sobre a Alimentação
Trabalho sobre a AlimentaçãoTrabalho sobre a Alimentação
Trabalho sobre a Alimentação
 
Sistema digestivo perguntas e respostas
Sistema digestivo   perguntas e respostasSistema digestivo   perguntas e respostas
Sistema digestivo perguntas e respostas
 

Semelhante a Alimentação saudável 5º a

Professor Gil Motta - 7a Série - Alimentos
Professor Gil Motta - 7a Série - AlimentosProfessor Gil Motta - 7a Série - Alimentos
Professor Gil Motta - 7a Série - Alimentosmestregil
 
Comportamentos Alimentares
Comportamentos AlimentaresComportamentos Alimentares
Comportamentos Alimentaresivasantos
 
Alimentação humana
Alimentação humanaAlimentação humana
Alimentação humanaEdvan Araújo
 
Almentação saudável
Almentação saudávelAlmentação saudável
Almentação saudávelPatrys Gen
 
AlimentacaoAdequada.pdf
AlimentacaoAdequada.pdfAlimentacaoAdequada.pdf
AlimentacaoAdequada.pdfTniaMarie
 
Alimentos e qualidade de vida
Alimentos  e qualidade de vida Alimentos  e qualidade de vida
Alimentos e qualidade de vida DonaRayane
 
Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4Helena Rocha
 
Educação Alimentar
Educação AlimentarEducação Alimentar
Educação Alimentarguestf1aa8e3
 
Alimentação e saúde
Alimentação e saúdeAlimentação e saúde
Alimentação e saúderaianegomes94
 
Capítulo 02 alimentos e sistema digestório
Capítulo 02  alimentos e sistema digestórioCapítulo 02  alimentos e sistema digestório
Capítulo 02 alimentos e sistema digestórioIgor Brant
 
Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1celiasantos75
 
Celiacardoso mod3ativ3
Celiacardoso mod3ativ3Celiacardoso mod3ativ3
Celiacardoso mod3ativ3celiacardoso
 

Semelhante a Alimentação saudável 5º a (20)

Professor Gil Motta - 7a Série - Alimentos
Professor Gil Motta - 7a Série - AlimentosProfessor Gil Motta - 7a Série - Alimentos
Professor Gil Motta - 7a Série - Alimentos
 
Comportamentos Alimentares
Comportamentos AlimentaresComportamentos Alimentares
Comportamentos Alimentares
 
Alimentação
AlimentaçãoAlimentação
Alimentação
 
Alimentação da vida
Alimentação da vidaAlimentação da vida
Alimentação da vida
 
Alimentação humana
Alimentação humanaAlimentação humana
Alimentação humana
 
Almentação saudável
Almentação saudávelAlmentação saudável
Almentação saudável
 
AlimentacaoAdequada.pdf
AlimentacaoAdequada.pdfAlimentacaoAdequada.pdf
AlimentacaoAdequada.pdf
 
Alimentação
AlimentaçãoAlimentação
Alimentação
 
Alimentos e qualidade de vida
Alimentos  e qualidade de vida Alimentos  e qualidade de vida
Alimentos e qualidade de vida
 
Alimentos texto 2015
Alimentos texto 2015 Alimentos texto 2015
Alimentos texto 2015
 
ALIMENTACAO SAUDAVEL (1).pptx
ALIMENTACAO SAUDAVEL (1).pptxALIMENTACAO SAUDAVEL (1).pptx
ALIMENTACAO SAUDAVEL (1).pptx
 
Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4
 
Alimentação e saúde
Alimentação e saúdeAlimentação e saúde
Alimentação e saúde
 
Alimentos e nutrientes
Alimentos e nutrientesAlimentos e nutrientes
Alimentos e nutrientes
 
Educação Alimentar
Educação AlimentarEducação Alimentar
Educação Alimentar
 
Alimentação e saúde
Alimentação e saúdeAlimentação e saúde
Alimentação e saúde
 
Capítulo 02 alimentos e sistema digestório
Capítulo 02  alimentos e sistema digestórioCapítulo 02  alimentos e sistema digestório
Capítulo 02 alimentos e sistema digestório
 
Guia alimentacao-saudavel
Guia alimentacao-saudavelGuia alimentacao-saudavel
Guia alimentacao-saudavel
 
Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1
 
Celiacardoso mod3ativ3
Celiacardoso mod3ativ3Celiacardoso mod3ativ3
Celiacardoso mod3ativ3
 

Mais de Licínia Simões

Ficha de trabalho resolucao
Ficha de trabalho   resolucaoFicha de trabalho   resolucao
Ficha de trabalho resolucaoLicínia Simões
 
Square, rectangle and parallelepiped
Square, rectangle and parallelepipedSquare, rectangle and parallelepiped
Square, rectangle and parallelepipedLicínia Simões
 
Postais da Páscoa - Projeto etwinning
Postais da Páscoa - Projeto etwinningPostais da Páscoa - Projeto etwinning
Postais da Páscoa - Projeto etwinningLicínia Simões
 
The squares , rectangles and cubes in my city or village
The squares , rectangles and cubes in my city or villageThe squares , rectangles and cubes in my city or village
The squares , rectangles and cubes in my city or villageLicínia Simões
 
Triangles and pyramids around me.
Triangles and pyramids around me.Triangles and pyramids around me.
Triangles and pyramids around me.Licínia Simões
 
The circumferences and the circles around us!
The circumferences and the circles around us!The circumferences and the circles around us!
The circumferences and the circles around us!Licínia Simões
 
Dia mundial da Higiene das Mãos
Dia mundial da Higiene das MãosDia mundial da Higiene das Mãos
Dia mundial da Higiene das MãosLicínia Simões
 
Programa seminário cuidados paliativos
Programa seminário cuidados paliativosPrograma seminário cuidados paliativos
Programa seminário cuidados paliativosLicínia Simões
 
Cdc violencia juvenil brochura
Cdc violencia juvenil  brochuraCdc violencia juvenil  brochura
Cdc violencia juvenil brochuraLicínia Simões
 
Relatorio de Violência no namoro - 2017
Relatorio de Violência no namoro - 2017Relatorio de Violência no namoro - 2017
Relatorio de Violência no namoro - 2017Licínia Simões
 
Perfil do aluno à saída da escolaridade obrigatória
Perfil do aluno à saída da escolaridade obrigatóriaPerfil do aluno à saída da escolaridade obrigatória
Perfil do aluno à saída da escolaridade obrigatóriaLicínia Simões
 
Regulamento concurso criatividade -Geração saudável
Regulamento concurso criatividade -Geração saudávelRegulamento concurso criatividade -Geração saudável
Regulamento concurso criatividade -Geração saudávelLicínia Simões
 
Jornal público sono 2017_01_20
Jornal público sono  2017_01_20Jornal público sono  2017_01_20
Jornal público sono 2017_01_20Licínia Simões
 
Relatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_nov
Relatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_novRelatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_nov
Relatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_novLicínia Simões
 
Dados dos alunos na internet - legislação
Dados dos alunos na internet - legislaçãoDados dos alunos na internet - legislação
Dados dos alunos na internet - legislaçãoLicínia Simões
 

Mais de Licínia Simões (20)

Ficha de trabalho resolucao
Ficha de trabalho   resolucaoFicha de trabalho   resolucao
Ficha de trabalho resolucao
 
Square, rectangle and parallelepiped
Square, rectangle and parallelepipedSquare, rectangle and parallelepiped
Square, rectangle and parallelepiped
 
Projeto etwinning 6 d
Projeto etwinning   6 dProjeto etwinning   6 d
Projeto etwinning 6 d
 
Postais da Páscoa - Projeto etwinning
Postais da Páscoa - Projeto etwinningPostais da Páscoa - Projeto etwinning
Postais da Páscoa - Projeto etwinning
 
The squares , rectangles and cubes in my city or village
The squares , rectangles and cubes in my city or villageThe squares , rectangles and cubes in my city or village
The squares , rectangles and cubes in my city or village
 
Ficha de trabalho
Ficha de trabalhoFicha de trabalho
Ficha de trabalho
 
Ficha de trabalho
Ficha de trabalho Ficha de trabalho
Ficha de trabalho
 
Triangles and pyramids around me.
Triangles and pyramids around me.Triangles and pyramids around me.
Triangles and pyramids around me.
 
The circumferences and the circles around us!
The circumferences and the circles around us!The circumferences and the circles around us!
The circumferences and the circles around us!
 
Lanches escolares
Lanches escolaresLanches escolares
Lanches escolares
 
Dia mundial da Higiene das Mãos
Dia mundial da Higiene das MãosDia mundial da Higiene das Mãos
Dia mundial da Higiene das Mãos
 
Programa seminário cuidados paliativos
Programa seminário cuidados paliativosPrograma seminário cuidados paliativos
Programa seminário cuidados paliativos
 
Cdc violencia juvenil brochura
Cdc violencia juvenil  brochuraCdc violencia juvenil  brochura
Cdc violencia juvenil brochura
 
Relatorio de Violência no namoro - 2017
Relatorio de Violência no namoro - 2017Relatorio de Violência no namoro - 2017
Relatorio de Violência no namoro - 2017
 
Perfil do aluno à saída da escolaridade obrigatória
Perfil do aluno à saída da escolaridade obrigatóriaPerfil do aluno à saída da escolaridade obrigatória
Perfil do aluno à saída da escolaridade obrigatória
 
Regulamento concurso criatividade -Geração saudável
Regulamento concurso criatividade -Geração saudávelRegulamento concurso criatividade -Geração saudável
Regulamento concurso criatividade -Geração saudável
 
Jornal público sono 2017_01_20
Jornal público sono  2017_01_20Jornal público sono  2017_01_20
Jornal público sono 2017_01_20
 
Programa vacinação SNS
Programa vacinação SNSPrograma vacinação SNS
Programa vacinação SNS
 
Relatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_nov
Relatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_novRelatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_nov
Relatório de avaliação do pnse 2014 2015 final_nov
 
Dados dos alunos na internet - legislação
Dados dos alunos na internet - legislaçãoDados dos alunos na internet - legislação
Dados dos alunos na internet - legislação
 

Último

Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdfLindinhaSilva1
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxCarolineWaitman
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASricardo644666
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfMarcianaClaudioClaud
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAbdLuxemBourg
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfCsarBaltazar1
 

Último (20)

Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 

Alimentação saudável 5º a

  • 1. Trabalho de Gonçalo Gomes – 5º A nº 9
  • 2. A alimentação tem sido, ao longo da história, uma constante nas preocupações do Homem. O desenvolvimento das civilizações tem estado intimamente ligado à forma como o indivíduo se alimenta. Pode mesmo afirmar-se que a alimentação tem determinado o futuro e o destino das civilizações. Para além de uma necessidade fundamental do ser humano, a alimentação é um dos fatores do ambiente que mais afeta a saúde. “Somos o que comemos” é um velho provérbio que traduz bem este facto. 2
  • 3. O papel da família na alimentação e na educação alimentar das crianças e jovens é portanto indiscutível. Mas, para além da família, a escola e, em especial, o jardim-de-infância assumem uma particular importância, na medida em que podem oferecer um contexto de aprendizagem formal sobre esta e outras matérias, complementando o papel familiar. É essencial proporcionar às crianças uma alimentação equilibrada e saudável. A alimentação infantil tem um papel fulcral no desenvolvimento e crescimento das crianças, sendo essencial ensinar os mais novos acerca da importância do equilíbrio nas escolhas alimentares. 3
  • 4. Todos sabemos que, para se viver com saúde, é necessário ingerir alimentos de diferentes tipos, em quantidade adequada. Estes alimentos fornecem substâncias ao organismo para que se mantenha vivo (respirar, conservar a temperatura corporal, movimentar-se, crescer, brincar, trabalhar, estudar, etc.).Os constituintes dos alimentos designam-se por nutrimentos. Em função das suas propriedades químicas podem classificar-se em hidratos de carbono, proteínas, gorduras, vitaminas, sais minerais, fibras alimentares e água. Estes sete grupos de nutrimentos desempenham no organismo humano três funções principais: função energética, função plástica ou reparadora e função reguladora.
  • 5. 5
  • 6. Uma das principais funções dos alimentos é a de fornecer energia ao organismo, para o seu bom funcionamento e para a manutenção da vida. A energia no organismo é necessária para manter constante a temperatura corporal e para permitir o trabalho muscular. A função de reserva é também muito importante, já que permite ao organismo armazenar energia quando o que se ingere excede as necessidades, sendo esta transformada em tecido gordo ou adiposo, pronto a ser utilizado em situações de carência. 6
  • 7. Durante os primeiros tempos de vida, as necessidades energéticas são superiores às registadas durante a velhice. Tal facto resulta, por um lado, de uma maior atividade física durante a infância e a juventude e, por outro, de um aumento das necessidades e exigências de funcionamento do organismo, próprio ao processo de crescimento da infância e da adolescência. A atividade física é o fator que mais altera as necessidades energéticas de um indivíduo, já que o trabalho muscular é um grande consumidor de oxigénio e, por conseguinte, de energia. 7
  • 8. Função plástica ou construtora Leite e derivados: 2 a 3 porções diárias. Leguminosas: 1 porção diária Peixe, carne e ovos : 1 a 2 porções diárias 8
  • 9. Os nutrimentos plásticos ou construtores são principalmente as proteínas, que fazem parte da constituição de todos os tecidos, contribuindo para a sua reconstituição ou crescimento e para a formação dos que estão sujeitos a uma renovação constante. Alguns sais minerais, como o cálcio ou o fósforo, que integram os ossos, ou o ferro que existe no sangue, e a própria água, necessária ao bom funcionamento das células, têm também funções plásticas. 9
  • 10. Função reguladora Frutas : 3 a 5 porções diárias Verduras e legumes; 4 a 5 porções diárias. 10
  • 11. Os nutrimentos reguladores são aqueles que, apesar de não fornecerem energia, promovem e facilitam quase todas as reações bioquímicas no organismo humano. Sem a sua ação, a vida não seria possível, nem os outros nutrimentos corretamente aproveitados. Os nutrimentos reguladores mais importantes são as vitaminas, os minerais e as fibras alimentares. 11
  • 13. 13  As proteínas são os tijolos do nosso corpo. Sem elas não seriamos capazes de repor ou reparar as células do corpo. Um homem comum de 70 kg possui por volta de 11 kg de proteínas. Aproximadamente metade delas nos músculos do esqueleto.  Elas desempenham um papel muito importante no nosso organismo, pois fornecem material tanto para a construção como para a manutenção de todos os nossos órgãos e tecidos.
  • 14.  As gorduras são substâncias de composição extremamente variável e que têm o pormenor de ser insolúveis na água.  São nutrimentos basicamente energéticos, embora também lhes estejam associadas outras funções importantes, como, por exemplo, servirem de transporte às vitaminas lipossolúveis – A, D, E e K –, fornecerem ácidos gordos essenciais e contribuírem para a formação do tecido gordo do organismo. 14
  • 15.  Os hidratos de carbono são os principais fornecedores de energia. Encontram-se, sobretudo, nos alimentos de origem vegetal.  As farinhas, o pão, o arroz, as massas, a batata e outros tubérculos, o grão, o feijão e a castanha são ricos em hidratos de carbono. 15
  • 16.  A água é essencial para a vida dos seres vivos, sendo considerada um verdadeiro nutrimento. É parte integrante de quase todos os alimentos, em quantidades extremamente variáveis, à exceção, por exemplo, de azeites e óleos alimentares.  A sua ausência inviabilizaria a vida, na medida em que é o constituinte mais importante do corpo humano. 16
  • 17. O total de alimentos, ingeridos ao longo do dia, deve respeitar as proporções da pirâmide dos alimentos, incluindo hortaliças, legumes e frutos, não esquecendo os alimentos do grupo do leite, os cereais e derivados como o pão, passando pelas leguminosas. O consumo de carne deve ser moderado, sendo de retirar as gorduras visíveis e de preferir o peixe uma vez por dia. Reduzir o sal, as gorduras e o açúcar na confeção e tempero dos alimentos. Usar gorduras com moderação, preferindo o azeite. E, finalmente, variar o mais possível, dando primazia aos produtos de cada estação do ano. 17
  • 18. 18