Brazil Wind Energy Conference                 Abril 2012, São Paulo                            Rethinking Energy Worldwide...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Índice    Sobre a MEGAJOULE    A MEGAJOULE no Brasil    A impor...
Sobre a MEGAJOULE                    3
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE    Fundada em 4 de Fevereiro de 2004         ...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE                    0,8m          12          ...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE                                     Energia S...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULEABO Wind                     ENERSIS          ...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE                                              ...
A MEGAJOULE no Brasil                        9
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A MEGAJOULE no Brasil MEGAJOULE do Brasil, Ltda      • Fundada ...
A importância daavaliação do recurso         para lá do óbvio…                             11
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A importância da avaliação do recurso A potência disponível var...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A importância da avaliação do recursoComplexidade dos fenómenos...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Essencial para a decisão de investimento   Projetos de energia ...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Seleção do modelo de aerogerador  Considerar a relação custo/de...
Avaliação de recurso      no Brasil                       16
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Avaliação de recurso eólico no Brasil Perceção de que há muito ...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Avaliação de recurso eólico no Brasil Se mesmo em terreno plano...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Experiência Europeia O grande volume de projetos em pouco tempo...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Project Finance - Condições Os projetos são submetidos a uma de...
Incerteza na avaliação      do recurso                         21
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Fontes de incerteza     • Medições            Qualidade da inst...
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Implicações da incerteza      Exemplo:      P50 = 79.5 GWh/ano ...
A incerteza no sistema de leilões Brasileiro                         24
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A incerteza no sistema de leilões Brasileiro O valor da incerte...
Observações finais                     26
Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Observações finais  Os assuntos relacionados com a avaliação do...
Obrigado pela atenção!           Rethinking Energy Worldwide                           miguel.ferreira@megajoule.pt       ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Metodologias de avaliação de recursos eólicos: o caso Brasileiro

619 visualizações

Publicada em

Esta apresentação em Português aborda o estado da arte das metodologias de avaliação de recursos eólicos e como minimizar a incerteza, focando em questões específicas do mercado Brasileiro

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Metodologias de avaliação de recursos eólicos: o caso Brasileiro

  1. 1. Brazil Wind Energy Conference Abril 2012, São Paulo Rethinking Energy WorldwideAvaliação de recurso eólico e o financiamento dos projetos Miguel de Vasconcelos Ferreira
  2. 2. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Índice Sobre a MEGAJOULE A MEGAJOULE no Brasil A importância da avaliação do recurso Avaliação de recurso eólico no Brasil A incerteza e suas implicações A incerteza no sistema de leilões Brasileiro Observações finais Miguel de Vasconcelos Ferreira 2
  3. 3. Sobre a MEGAJOULE 3
  4. 4. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE Fundada em 4 de Fevereiro de 2004 por fundadores com mais de 10 anos de experiência na consultoria em energia eólica Consultoria em energias renováveis com foco na avaliação de recursos eólicos Líder Portuguesa na consultoria em energia eólica A caminho da expansão global Projetos em Portugal, Espanha, França, Itália, Eslováquia, Polónia, Roménia, Bulgária, Croácia, Bósnia, Moldávia, Ucrânia, Grécia, Turquia, Israel, Marrocos, Brasil, Uruguai, EUA, México, Angola, Cabo Verde, África do Sul, Austrália e Timor-Leste Miguel de Vasconcelos Ferreira 4
  5. 5. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE 0,8m 12 0° 2m 1m 1,5m Energia Eólica 1,5m 0,2m 1,5m Modelação de mesoescala 0,2m 61m er er gg gg Lo Lo a a at at D D 30m Campanhas de medição do vento 12m 10,5m Definição de layout e estimativa de produção Site Assessment (IEC) Estudos de vento independentes Auditorias a projetos (due-dilgence) Verificação de garantias e medição de curva de potência Miguel de Vasconcelos Ferreira 5
  6. 6. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE Energia Solar Mapeamento da radiação solar Definição de layout Auditoria a projetos Avaliação de sítios Cálculo de produção de energia
  7. 7. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULEABO Wind ENERSIS MECIAfrican Development Bank Eólica CESA (Acciona) MundipotênciaALINSO FDO Neoenergia (Brazil)Banco BPI FINERGE (Endesa) NorventoEuropean Investment Bank Fomentinvest Pacific HydroBES Investimento Fundação Oriente PetrobrásCaixa BI GALP Power PROEFCatavento GE Wind Energy PSWContinental Wind Partners GENERG REpowerUniv. Lusófona Porto GESFINU RP GlobalEDF EN Green Energy Group SEELogica CMG IBERWIND SGEEDP Renováveis INFRACO SiemensEFACEC INFUSION SSE RenewablesEletrosul International Power SuzlonENEOP2 Jaguar Capital TPENERCON Jaime Ribeiro & Filhos TractebelENERGI E2 (eoN) MARTIFER Renewables VentinvesteEnergiekontor MARTIFER Energy Systems Voltalia Miguel de Vasconcelos Ferreira 7
  8. 8. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Sobre a MEGAJOULE Miguel de Vasconcelos Ferreira 8
  9. 9. A MEGAJOULE no Brasil 9
  10. 10. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A MEGAJOULE no Brasil MEGAJOULE do Brasil, Ltda • Fundada no final de 2009 • Sedeada em Fortaleza, Ceará • Com uma equipa permanente de 8 pessoas • Beneficiando do apoio da estrutura do Grupo MEGAJOULE • Realizou mais de 100 estudos de vento em 2011 e aumentou as suas vendas em cerca de 60% em relação ao ano anterior • Conta com clientes importantes, nacionais e estrangeiros Miguel de Vasconcelos Ferreira 10
  11. 11. A importância daavaliação do recurso para lá do óbvio… 11
  12. 12. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A importância da avaliação do recurso A potência disponível varia com o cubo da velocidade Assim sendo, diferenças mínimas na velocidade média anual do vento, imperceptíveis para o ser humano, podem resultar em diferenças muito significativas na energia produzida anualmente. Variabilidade do vento As características do vento variam ao longo do ano, bem como de ano para ano. Não ter em conta os efeitos da sazonalidade e variabilidade anual pode levar a erros importantes nas estimativas da produção anual de energia. Também muito importante é a variabilidade espacial das características do vento. Em terreno complexo, como regiões montanhosas, as características do vento variam significativamente, por vezes em escassas centenas de metros. Miguel de Vasconcelos Ferreira 12
  13. 13. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A importância da avaliação do recursoComplexidade dos fenómenos físicos Devido à complexidade dos fenómenos físicos presentes no escoamenteo atmosférico, efeitos locais, como a orografia, rugosidade característica ou obstáculos, levam a significativas variações locais do regime de ventos e, por isso, impõem a necessidade da utilização de modelos de simulação. Contudo, qualquer modelo de simulação tem também associada uma determinada incerteza. Entre os diferentes tipos de modelos disponíveis é necessário procurar o equilíbrio entre incerteza e tempo de cáclulo (por vezes muito grande). Miguel de Vasconcelos Ferreira 13
  14. 14. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Essencial para a decisão de investimento Projetos de energia eólica são de capital intensivo O recurso eólico determina o cash-flow do projeto Deve ser feita uma análise detalhada ao recurso eólico Caracterização detalhada do regime de ventos Análise do regime de ventos de longo termo Otimização da configuração do parque (layout) Validação da adequabilidade do modelo de aerogerador Análise detalhada da incerteza Estimativa da produção anual (P50 e P90 no mínimo) Miguel de Vasconcelos Ferreira 14
  15. 15. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Seleção do modelo de aerogerador Considerar a relação custo/desempenho do aerogerador Adequar a escolha às características do regime de ventos do sítio Velocidade média do vento Velocidade extrema (50 anos) Intensidade de turbulência Perfil vertical da velocidade do vento Inclinação do escoamento Cálculo dos parâmetros para a localização de cada aerogerador (Site Assessment) É um dos tópicos em que a exigência de rigor tem evoluído mais nos últimos anos Miguel de Vasconcelos Ferreira 15
  16. 16. Avaliação de recurso no Brasil 16
  17. 17. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Avaliação de recurso eólico no Brasil Perceção de que há muito vento, leva a que às vezes se encare a avaliação de recurso com pouco cuidado, mas: A variabilidade anual é grande e com ciclos diferentes Características do regime de ventos (fator de forma de Weibull elevado) implicam elevada sensibilidade a pequenas variações da velocidade média A qualidade dos dados de vento locais é uma condição essencial E se nem no Nordeste os sítios são todos iguais, o Brasil não é só o Nordeste! Miguel de Vasconcelos Ferreira 17
  18. 18. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Avaliação de recurso eólico no Brasil Se mesmo em terreno plano, basear as estimativas de produção em estações situadas a km dos aerogeradores é arriscado, em terreno complexo isso pode conduzir a erros muito significativos Tão ou mais importante do que dispor de 2 anos de dados com muito poucas falhas é dispor de uma correlação representativa, que permita extrapolar para o longo termo (10 anos é, em geral, uma boa aproximação) Para além da estimativa da produção anual de energia, com uma incerteza tão baixa quanto possível, é importante avaliar a adequabilidade dos aerogeradores ao regime de ventos do sítio (IEC Site Assessment) Miguel de Vasconcelos Ferreira 18
  19. 19. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Experiência Europeia O grande volume de projetos em pouco tempo conduz, por vezes, a análises mais superficiais O crescimento muito rápido do mercado tende a ser dificilmente acompanhado pela formação de recursos humanos qualificados Na Europa, as exigências de financiamento têm sido um grande motor do aumento da qualidade da avaliação do recurso, sendo impensável conseguir financiar um projeto (a não ser que o financiamento não se baseie no projeto em si mas noutras garantias!) : Sem medições locais em número adequado à quantidade de aerogeradores Sem caracterização do regime de ventos de longo termo Sem validar a adequabilidade dos aerogeradores ao regime de ventos do sítio Miguel de Vasconcelos Ferreira 19
  20. 20. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Project Finance - Condições Os projetos são submetidos a uma detalhada análise de riscos, tendo como pontos essenciais: Enquadramento legal do negócio estável Due diligence legal (contratos, licenças) Risco da tecnologia (track record do fabricante e do modelo) Riscos de construção (projetos de engenharia – EPC favorecido) Risco ligado ao cash flow do projeto Avaliação do recurso é um ponto crítico (cobertura do serviço da dívida) Análise de sensibilidade, tendo em conta a incerteza (P90) Miguel de Vasconcelos Ferreira 20
  21. 21. Incerteza na avaliação do recurso 21
  22. 22. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Fontes de incerteza • Medições Qualidade da instrumentação Adequação dos mastros e montagem dos instrumentos Verificação e validação de dados Minimização de perdas de dados • Variabilidade anual do vento Disponibilidade/qualidade de séries de dados de longo termo Metodologias de correlação • Variabilidade espacial do vento Características do terreno: orografia, florestas Localização da torre de medição/quantidade de torres Modelos de simulação do escoamento Miguel de Vasconcelos Ferreira 22
  23. 23. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Implicações da incerteza Exemplo: P50 = 79.5 GWh/ano Inc. 10% => P90 = 69 GWh/ano (-13%) Inc. 20% => P90 = 59 GWh/ano (-26%) Com uma tarifa de R$ 100/MWh, significa uma diferença anual de R$ 1 000 000 na cobertura do serviço da dívida! Miguel de Vasconcelos Ferreira 23
  24. 24. A incerteza no sistema de leilões Brasileiro 24
  25. 25. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos A incerteza no sistema de leilões Brasileiro O valor da incerteza associado à energia produzida é essencial para uma análise de sensibilidade e avaliação dos riscos do investimento Quanto menor for a incerteza, mais capaz está o investidor adotar uma postura de risco calculado e assim fazer uma licitação consciente Adicionalmente, nos leilões Brasileiros existe a necessidade de garantir energia produzida e a aplicam-se penalidades por incumprimento, sendo por isso acrescida a importância da minimização da incerteza Em suma, o sistema Brasileiro aconselha a que se tenha um cuidado acrescido com a minimização da incerteza associada à avaliação do recurso eólico, adotando por isso as melhores práticas e metodologias Miguel de Vasconcelos Ferreira 25
  26. 26. Observações finais 26
  27. 27. Avaliação do recurso eólico e o financiamento dos projetos Observações finais Os assuntos relacionados com a avaliação do recurso eólico têm impacto em todas as fases do projeto, desde a escolha do sítio até à fase de operação. A avaliação do recurso deve ser cuidadosamente planeada, desde o início, já que, por vezes, pode não ser possível corrigir incorreções iniciais, penalizando o projeto na sua fase final. Os custos associados à utilização de metodologias de ponta para a avaliação do recurso são muito baixos, quando comparados com os custos totais do investimento. Uma correta avaliação do recurso eólico acrescenta valor ao projeto, ao permitir minimizar a incerteza, mitigar os riscos do projeto e obter melhores condições de financiamento. Miguel de Vasconcelos Ferreira 27
  28. 28. Obrigado pela atenção! Rethinking Energy Worldwide miguel.ferreira@megajoule.pt Tel: +351 220 915 480 Fax: +351 229 488 166 www.megajoule.pt

×