Ebd lição 03 Testemunhas de Jeová

1.592 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.592
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
69
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ebd lição 03 Testemunhas de Jeová

  1. 1. EBD lição 03 As testemunhas de Jeová
  2. 2. Introdução “eles se destacam pela organização” “ fazem proselitismo”=Dic. Aurélio: prosélito  1 Pagão que se converteu à religião de Israel. 2 Aquele que se converteu a uma religião diferente da que tinha. 3 Indivíduo que aderiu a uma doutrina, ideia ou sistema. 4 Partidário, sectário. “Têm treinamento especial”
  3. 3. Tópico 01 O Surgimento do Russelismo “Charles Taze Russell (1852-1916), o fundador”. “Russelita, nome inicial dessa seita” “Sociedade Torre de Vigília de Sião de Bíblias e Tratados. Nome posterior”1884 “Contam com seis milhões de adeptos”
  4. 4. Tópico 1.1continuação “chegaram ao Brasil através de oito marujos, em 1920” “Em 1922, enviou ao Brasil seu primeiro representante - à cidade do Rio de Janeiro”. “gerou-se uma vasta corporação, com um formidável patrimônio formado por parques gráficos, fazendas "do Reino", conjuntos de edifí-cios, etc”. O Brasil é, atualmente, um dos países com maior nú-mero de Testemunhas de Jeová.
  5. 5. 1.2. Falsas Profecias de Russell “profetizou que a vinda de Jesus ocorreria em 1914”. “ao refazer os cálculos, marcou para o ano de 1915 e, depois para 1918. Nada aconteceu...” “Profetizou que até 1914 viria um tempo de tribulação para que fosse estabelecido o Reino de Deus na Terra”. 
  6. 6. 1.3.Falsas profecias dos sucessores de Russell  “Com a morte de Russell em 1916, Joseph Franklin Rutherford assume a liderança da seita”  “As Teste-munhas de Jeová: nome dado por Joseph”  “Característica continua: falsas profecias...”  “Joseph estabeleceu o ano de 1925 como o início do milénio. Isso também não se cumpriu.”
  7. 7. Tópico 02. A "Tradução Novo Mundo" da Bíblia “com a morte de Joseph Franklin Rutherford, as-sume a presidência Nathan Homer Knorr.” “em 1961, publicaram a primeira edição completa da "Tradução do Novo Mundo" da Bíblia Sagrada (na língua inglesa).”
  8. 8. 2.1. Modificação nos Textos de João 1.1,2 na Tradução Novo Mundo  "No princípio era a Palavra, e a Palavra estava com o Deus, e a Palavra era [um] deus. Este estava no princípio como o Deus" (Jo 1.1,2  “adicionaram o artigo indefinido antes do substantivo Deus, que por sua vez está em minúsculo: "um deus". Acres-centaram também no versículo seguinte (Jo 1.2), um artigo defi-nido: como "o" Deus.”  Os artigos definidos (o, a, os, as), de modo geral, indicam seres determinados, conhecidos da pessoa que fala ou escreve. Os artigos indefinidos (um, uma , uns, umas) indicam os seres de modo vago, impreciso.
  9. 9. “Ao traduzir "era Deus" por: "um deus", nega que Jesus é a segunda pessoa da trindade.” Texto de João 1.1,2. “Negar que Jesus é Deus, é anular a mensagem Cristo Centrica da Bíblia Sagrada (IJo 5.20).” Nota: no texto grego, há o artigo definido “o” = com o Deus...no texto de João 1.1.
  10. 10. 2.2. Ausência do texto de Atos 8.37 na tradução Novo Mundo. “Na tradução "Novo Mundo" aparece apenas um traço em At 8.37. “Negação da divindade de Cristo. O que o texto diz: É lícito, se crês de todo o coração. E, respondendo ele, disse: Creio que Jesus Cris-to é o Filho de Deus" (Almeida corrigida).
  11. 11. 2.3. Ausência do texto de Marcos 9.44,46 na "Tra-dução Novo Mundo"  “também aparece apenas um traço, ao invés de: "Onde o seu bicho não morre, e o fogo nunca se apaga" (Almeida corrigida)”  “Porque não acreditam no inferno, tiveram que "arrancar", literalmente, o texto sagrado.”  “Três palavras são utilizadas na Bíblia: Sheol (Hebraico) que sig-nifica "túmulo", "cova"; Geena (Hebraico) que significa "vale de hinom", local de um antigo lixão em Jerusalém; Hades (Grego) que significa "lugar invisível". Neste ultimo lugar, atribuído por Jesus como local onde estão aguardando o julgamento, os mortos sem Cristo (Lc 16.23).”
  12. 12. 3. Falsos Ensinos das Testemunhas de Jeová “Ao longo dos anos, constituíramse em uma das maiores divulga-doras de heresias”.
  13. 13. 3.1. As Testemunhas de Jeová negam a doutrina da Trindade.  “A palavra Trindade nas Sagradas Escritu-ras, mas isso não significa que a doutrina não exista. “  “Observe o texto em Gn 1.26,27. Esta sei-ta argumenta que o pronome "nossa", encontrado no verso 26, é uma referência aos anjos.” . “Entretanto, essa interpretação não faz sentido, uma vez que, no verso 26, Deus diz: "Façamos o homem a nossa imagem", e o verso 27 deixa claro: "E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou", a imagem é a de Deus, e não à imagem de anjos. “
  14. 14. Nota: Deus no hebraico bíblico.  No hebraico, idioma utiliza-do para escrever o Antigo Testa-mento, em Gn 1.1, declara: "No princípio Deus (Elohim) criou os Céus e a Terra". A palavra "Elohim" é o plural da palavra "Eloah". Ou seja, no primeiro versículo da Bíblia, temos a configuração do Deus Trino. Qual a justificativa para a ausência do termo Trindade nos registros do Antigo Testamento? . Os judeus estavam saindo do Egito, uma nação politeísta, tinham difi-culdades para entender a dou-trina da Trindade.  Deus foi, aos pouco, revelando essa verdade através dos relatos históricos, a qual pode ser observada nos seguintes textos bíblicos: Gn 1.26 "Façamos o homem", note a colocação do plural da palavra façamos; Gn 3.22 "como um de nós"; Gn 11.7
  15. 15. 3.2. As Testemunhas de Jeová e os 144.000 Salvos  “As Testemunhas de Jeová usam o texto de Apocalipse 7.4, para afirmar que somente 144.000 habitarão no Céu.”  “O que o texto traz, literalmente, é uma referência às 12.000 pessoas de cada uma das doze tribos de Israel, totalizando 144.000, que "foram assinalados com o selo" (Ap 7.4). Em toda a Bíblia, a palavra "tribo" faz referência a um grupo étnico, e, nesse caso específico, aos Judeus.”
  16. 16. Nota  Na verdade, esta heresia foi uma tentativa de livrar o vexame de Russell, quando ini-cialmente ensinava que somente seus seguidores iriam para o céu, e isso ocorreria quando completasse 144.000 adeptos; assim, completando o número do "rebanho de Deus". Só que o número de membros de sua de-nominação cresceu além de suas expectativas e superou este nú-mero. Para justificar mais uma mentira de Russell, Rutherford criou a "Doutrina da Grande Multidão", onde, explica ele que, 144.000 irão habitar nos Céus, os demais salvos, (também membros de sua seita), ficarão aqui na terra mesmo. O primei-ro grupo (os 144.000), vive com a esperança de morar no Céu enquanto o outro grupo tem espe-rança de viver aqui na terra; um tipo de segunda classe dentro de sua religião.  Como no Hinduísmo, as Testemunhas de Jeová também fazem separação de castas entres os seus fiéis. Ensinam que terá tratamento diferenciado entre os 144.000 e as "outras ovelhas". Eles desprezam os versículos seguintes
  17. 17. 3.3. As Testemunhas de Jeová e o Paraíso na Terra  As Testemunhas de Jeová pregam que, exceto os 144.000 que reinarão com Jesus nos Céus, todos demais salvos fica-rão aqui na terra para sempre.  . É mais uma heresia, pois apoiam em textos bíblicos que não fa-zem alusão a uma morada para os salvos aqui na terra, mas se referem ao milênio (SI 72.8-14; Is 11.6-8; Mt 5.5).  Quando Jesus cita "outras ove-lhas" (Jo 10.16), Ele faz referência aos gentios que se converteriam, em contraste com as "ovelhas per-didas da casa de Israel" (Mt 10.6; 15.24) que eram os Judeus que não tinha recebido a Jesus. Assim, quando Jesus disse: “Ainda tenho outras ovelhas que não são desse aprisco", não significa que Deus terá 144.000 morando no Céu e os demais, "outro rebanho", morando na terra, como ensina esta seita.
  18. 18. Conclusão  Os membros desta seita são treinados especial-mente para confrontar os ensinos da Palavra de Deus, e para confundir os desavisados, usam sua própria tradução da Bíblia, a Tradução Novo Mundo. É bom lembrar aos Cristãos a recomen-dação feita pelo Após-tolo João, que é de bom alvitre em relação a esta seita (Jo 1.10).

×