SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
História – Capuchinho Vermelho
Era uma vez uma menina chamada Capuchinho Vermelho, era tratada
assim por causa da sua longa capa vermelha com um capucho.

Certo dia a sua mãe estava a preparar uns bolinhos e uns biscoitos e
chamou a Capuchinho Vermelho ate á cozinha:

- Minha filha, será que podes ir entregar estes biscoitos e uns suminhos á
tua avó que está doente?

- Sim mãezinha posso ir! – Respondeu a Capuchinho Vermelho.

- muito obrigada Capuchinho. Mas lembra-te não vás pela floresta! – disse
a mãe

- Sim mãe! – respondeu a Capuchinho Vermelho

Capuchinho vestiu a sua capa vermelha e foi em direção á casa da sua avó.
Chegou a uma parte do caminho em que a menina tinha que decidir entre
dois caminhos, ambos davam para a casa da sua avozinha, mas um ia pela
floresta e o outro era um caminho mais longo que ia pela aldeia. Mas a
menina reparou numas linda flores que existiu pelo caminho da floresta,
então Capuchinho Vermelho esqueceu-se das palavras da sua mãe e foi
pela floresta. A floresta estava cheia de flores magnificas, arvores grandes
e várias espécies de animais, borboletas, pássaros, lagartas, etc.
Capuchinho Vermelho estava a apanhar as suas flores para oferecer á sua
avozinha quando vê alguém a esconder-se nas arvores…

-Quem está ai? – pergunta a Capuchinho Vermelho

- Desculpa não te queria assustar. Sou o lobo aqui da floresta! –
respondeu o lobo mau.

- Há está bem… -disse a Capuchinho Vermelho.

- E tu, como te chamas? – perguntou o Lobo Mau.

- Sou a Capuchinho Vermelho! – respondeu-lhe a Capuchinho Vermelho.
- E o que é que uma menina tão bonita como tu faz aqui nesta floresta
sozinha? – questiona-lhe o Lobo.

- Estou a apanhar umas flores para a minha avozinha que está doente em
casa. – respondeu a Capuchinho.

- Será que posso ir contigo dar as flores á tua avozinha? – perguntou o
Lobo.

- Claro que podes! – respondeu a Capuchinho Vermelho.

- Então fazemos assim, vamos fazer uma corrida, tu vais por esse caminho
e eu vou por este, ok? – desafiou o Lobo Mau.

- Sim vamos! – Respondeu a Capuchinho Vermelho.

O Lobo mau conhecia a floresta melhor que ninguém e sabia bem que ia
ganhar aquela corrida e então aproveitou-se disso e correu o mais rápido
possível e chegou finalmente á casa da avozinha da Capuchinho Vermelho.
Tocou então á porta, quando lhe respondeu uma senhora com uma
enorme rouquidão na voz.

- Quem é?

Lobo Mau não queria que a senhora soubesse quem ele era, portanto fez-
se passar pela Capuchinho Vermelho.

- Sou eu avozinha, a Capuchinho Vermelho!

- Oh minha netinha entra então, a porta está aberta!

Lobo Mau entrou rapidamente em casa e engoliu a avozinha sem a
mastigar. A avozinha nem teve tempo de pedir socorro.

Lobo Mau foi ao armário da avozinha e vestiu rapidamente uma das
camisas de noite da senhora, meteu os óculos e o gorro e enfiou-se dentro
da cama, mesmo a tempo da Capuchinho Vermelho chegar á casa.

Truz truz – bateu a Capuchinho Vermelho á porta da casa da avozinha.

- Quem é? – respondeu o Lobo Mau fazendo-se passar pela Avozinha.

- Sou eu avozinha, a Capuchinho Vermelho!
- Entra netinha, a porta está aberta! – Respondeu o Lobo.

- Olá avozinha, olhe tenho aqui uns bolinhos muito docinhos e uns sumos
para acompanhar que mandou a minha mãe! Há e trouxe-lhe também
umas belas flores que acabei de apanhar na floresta. – Disse a
Capuchinho.

- Ai muito obrigada minha netinha. – Disse o Lobo Mau.

Capuchinho Vermelho aproxima-se da avó e começa a reparar em certas
coisas que são estranhas e, por isso, começa a fazer perguntas á avó:

- Oh avo, porque é que tens umas orelhas maiores?

- É para te ouvir melhor, minha netinha! – Responde o Lobo.

- Oh avó e então porque é que tens um nariz tão grande?

- É para te cheirar melhor minha netinha! – Respondeu o Lobo.

- E então porque tens uns olhos tão grande avozinha?

- São para te ver melhor minha netinha? – Respondeu novamente o Lobo.

- E porque tens uma boca tão grande avozinha?

- É PARA TE COMER MELHOR MINHA NETINHA! – Gritou o Lobo Mau.

Lobo Mau saltou da cama para comer a Capuchinho Vermelho. Com esta
reação desatou a correr pela floresta gritando socorro,

Até que um lenhador ouviu os gritos assutados da Capuchinho Vermelho e
correu até ela, para perceber o que se passava. Até que viu o Lobo Mau
atras da menina a querer come-la, por isso, foi até ao Lobo Mau e bateu-
lhe com o seu grande machado na cabeça. Ate que deixou o Lobo a
dormir, depois fez-lhe um grande corte na barriga, tirou de la a avozinha
que ainda estava viva e os três (a avozinha, o lenhador e a Capuchinho
Vermelho) colocaram la muitas pedras.

Quando o Lobo Mau acordou sentia-se MUITOO pesado, foi tentar beber
água na fonte e quando se inclinou caiu para o riu com tanto peso que
estava na sua barriga.
Capuchinho Vermelho, a Avozinha e o Lenhador riram muito e depois
aproveitaram os bolinhos e os sumos que a mãe de Capuchinho fez e
foram todos lanchar!



Vitória vitória, acabou-se a história! :D

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

História 3º ano B
História 3º ano BHistória 3º ano B
História 3º ano BMarilena
 
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015ColegioCanarinho
 
Nx zero e chapeuzinho[1]
Nx zero e chapeuzinho[1]Nx zero e chapeuzinho[1]
Nx zero e chapeuzinho[1]sallesz
 
Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]
Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]
Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]VERA OLIVEIRA
 
CHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOM
CHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOMCHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOM
CHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOMpedagogiafour
 
Chapeuzinho vermelho e o incrível lobo bom
Chapeuzinho vermelho e o incrível lobo bomChapeuzinho vermelho e o incrível lobo bom
Chapeuzinho vermelho e o incrível lobo bomladydanasoares
 
Capuchinho Vermelho Contado Por NóS
Capuchinho Vermelho Contado Por NóSCapuchinho Vermelho Contado Por NóS
Capuchinho Vermelho Contado Por NóScuriososavista
 
Lurdes Serrano (FT1)
Lurdes Serrano (FT1)Lurdes Serrano (FT1)
Lurdes Serrano (FT1)efaesan
 
Recriando um conto de fadas
Recriando um conto de fadasRecriando um conto de fadas
Recriando um conto de fadasSILVIA MESSIAS
 
A menina do capuchinho vermelho no século xxi
A menina do capuchinho vermelho no século xxiA menina do capuchinho vermelho no século xxi
A menina do capuchinho vermelho no século xxiFernanda Sousa
 
Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.
Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.
Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.Milena Sampaio
 
O capuchinho vermelho
O capuchinho vermelhoO capuchinho vermelho
O capuchinho vermelhopaulasalvador
 

Mais procurados (19)

História 3º ano B
História 3º ano BHistória 3º ano B
História 3º ano B
 
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 B 2015
 
Nx zero e chapeuzinho[1]
Nx zero e chapeuzinho[1]Nx zero e chapeuzinho[1]
Nx zero e chapeuzinho[1]
 
Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]
Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]
Dinamica historia do_chapeuzinho_vermelho-1[1]
 
CHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOM
CHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOMCHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOM
CHAPEUZINHO VERMELHO E O LOBO BOM
 
Chapeuzinho vermelho e o incrível lobo bom
Chapeuzinho vermelho e o incrível lobo bomChapeuzinho vermelho e o incrível lobo bom
Chapeuzinho vermelho e o incrível lobo bom
 
A menina do chapelinho vermelho
 A menina do chapelinho vermelho A menina do chapelinho vermelho
A menina do chapelinho vermelho
 
Ficha de trabalho e conto integral
Ficha de trabalho e conto integralFicha de trabalho e conto integral
Ficha de trabalho e conto integral
 
Capuchinho Vermelho Contado Por NóS
Capuchinho Vermelho Contado Por NóSCapuchinho Vermelho Contado Por NóS
Capuchinho Vermelho Contado Por NóS
 
Lurdes Serrano (FT1)
Lurdes Serrano (FT1)Lurdes Serrano (FT1)
Lurdes Serrano (FT1)
 
Recriando um conto de fadas
Recriando um conto de fadasRecriando um conto de fadas
Recriando um conto de fadas
 
A menina do capuchinho vermelho no século xxi
A menina do capuchinho vermelho no século xxiA menina do capuchinho vermelho no século xxi
A menina do capuchinho vermelho no século xxi
 
Avaliação fluência e compreensão da leitura
Avaliação fluência e compreensão da leituraAvaliação fluência e compreensão da leitura
Avaliação fluência e compreensão da leitura
 
Os sapatinhos encantados
Os sapatinhos encantadosOs sapatinhos encantados
Os sapatinhos encantados
 
Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.
Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.
Chapeuzinho feliz maria tereza e verônica.
 
O capuchinho vermelho
O capuchinho vermelhoO capuchinho vermelho
O capuchinho vermelho
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Chapeuzinho
ChapeuzinhoChapeuzinho
Chapeuzinho
 
Capuchinho Vermelho[1]
Capuchinho Vermelho[1]Capuchinho Vermelho[1]
Capuchinho Vermelho[1]
 

Semelhante a Capuchinho Vermelho floresta

Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015ColegioCanarinho
 
Chapeuzinho Vermelho
Chapeuzinho VermelhoChapeuzinho Vermelho
Chapeuzinho VermelhoANDRÉA LEMOS
 
Slaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escolaSlaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escolaanaparecidaraca
 
A historia da chapeuzinho vermelho
A  historia da chapeuzinho vermelhoA  historia da chapeuzinho vermelho
A historia da chapeuzinho vermelhoDebora Cruz
 
Apresentação1livrovirtual atualizada
Apresentação1livrovirtual atualizadaApresentação1livrovirtual atualizada
Apresentação1livrovirtual atualizadaedneiaparaujo
 
Conto de história (nivea e renata)
Conto de história (nivea e renata)Conto de história (nivea e renata)
Conto de história (nivea e renata)matonny
 
Chapeuzinho vermelho - Patrick e Carolina
Chapeuzinho vermelho - Patrick e  CarolinaChapeuzinho vermelho - Patrick e  Carolina
Chapeuzinho vermelho - Patrick e CarolinaMilena Sampaio
 
Chapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLL
Chapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLLChapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLL
Chapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLLJoyceMantzos1
 
Chapeuzinho Vermelho - Uma Aventura Borbulhante
Chapeuzinho Vermelho - Uma Aventura BorbulhanteChapeuzinho Vermelho - Uma Aventura Borbulhante
Chapeuzinho Vermelho - Uma Aventura Borbulhantemarciaco
 
Reescrita do Livro Chapeuzinho Vermelho
Reescrita do Livro Chapeuzinho VermelhoReescrita do Livro Chapeuzinho Vermelho
Reescrita do Livro Chapeuzinho Vermelhomarciaco
 
O capuchinho vermelho (adaptação)
O capuchinho vermelho (adaptação)O capuchinho vermelho (adaptação)
O capuchinho vermelho (adaptação)Constantino Alves
 
Chapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelhoChapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelhomarciaco
 
Capuchinho Vermelho
Capuchinho VermelhoCapuchinho Vermelho
Capuchinho VermelhoHelena Maia
 
Webquest
WebquestWebquest
WebquestVPS1
 
O CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docx
O CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docxO CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docx
O CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docxVirgínia Santos
 

Semelhante a Capuchinho Vermelho floresta (20)

Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015
Chapeuzinho Vermelho Infantil 1 A 2015
 
Apresentação2
Apresentação2Apresentação2
Apresentação2
 
Chapeuzinho Vermelho
Chapeuzinho VermelhoChapeuzinho Vermelho
Chapeuzinho Vermelho
 
Slaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escolaSlaides contos infantis na pré escola
Slaides contos infantis na pré escola
 
A historia da chapeuzinho vermelho
A  historia da chapeuzinho vermelhoA  historia da chapeuzinho vermelho
A historia da chapeuzinho vermelho
 
Apresentação1livrovirtual atualizada
Apresentação1livrovirtual atualizadaApresentação1livrovirtual atualizada
Apresentação1livrovirtual atualizada
 
Conto de história (nivea e renata)
Conto de história (nivea e renata)Conto de história (nivea e renata)
Conto de história (nivea e renata)
 
Chapeuzinho vermelho - Patrick e Carolina
Chapeuzinho vermelho - Patrick e  CarolinaChapeuzinho vermelho - Patrick e  Carolina
Chapeuzinho vermelho - Patrick e Carolina
 
Chapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLL
Chapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLLChapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLL
Chapeuzinho vermelho.pptx RJKGgsGKLlgLLLL
 
Livro gabriele2
Livro gabriele2Livro gabriele2
Livro gabriele2
 
Chapeuzinho Vermelho - Uma Aventura Borbulhante
Chapeuzinho Vermelho - Uma Aventura BorbulhanteChapeuzinho Vermelho - Uma Aventura Borbulhante
Chapeuzinho Vermelho - Uma Aventura Borbulhante
 
Reescrita do Livro Chapeuzinho Vermelho
Reescrita do Livro Chapeuzinho VermelhoReescrita do Livro Chapeuzinho Vermelho
Reescrita do Livro Chapeuzinho Vermelho
 
Chapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelhoChapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelho
 
O capuchinho vermelho (adaptação)
O capuchinho vermelho (adaptação)O capuchinho vermelho (adaptação)
O capuchinho vermelho (adaptação)
 
Chapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelhoChapeuzinho vermelho
Chapeuzinho vermelho
 
Capuchinho Vermelho
Capuchinho VermelhoCapuchinho Vermelho
Capuchinho Vermelho
 
História corre, corre, cabacinha
História   corre, corre, cabacinhaHistória   corre, corre, cabacinha
História corre, corre, cabacinha
 
Webquest
WebquestWebquest
Webquest
 
O CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docx
O CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docxO CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docx
O CAPUCHINHO VERMELHO articulação.docx
 
Webquest
WebquestWebquest
Webquest
 

Capuchinho Vermelho floresta

  • 1. História – Capuchinho Vermelho Era uma vez uma menina chamada Capuchinho Vermelho, era tratada assim por causa da sua longa capa vermelha com um capucho. Certo dia a sua mãe estava a preparar uns bolinhos e uns biscoitos e chamou a Capuchinho Vermelho ate á cozinha: - Minha filha, será que podes ir entregar estes biscoitos e uns suminhos á tua avó que está doente? - Sim mãezinha posso ir! – Respondeu a Capuchinho Vermelho. - muito obrigada Capuchinho. Mas lembra-te não vás pela floresta! – disse a mãe - Sim mãe! – respondeu a Capuchinho Vermelho Capuchinho vestiu a sua capa vermelha e foi em direção á casa da sua avó. Chegou a uma parte do caminho em que a menina tinha que decidir entre dois caminhos, ambos davam para a casa da sua avozinha, mas um ia pela floresta e o outro era um caminho mais longo que ia pela aldeia. Mas a menina reparou numas linda flores que existiu pelo caminho da floresta, então Capuchinho Vermelho esqueceu-se das palavras da sua mãe e foi pela floresta. A floresta estava cheia de flores magnificas, arvores grandes e várias espécies de animais, borboletas, pássaros, lagartas, etc. Capuchinho Vermelho estava a apanhar as suas flores para oferecer á sua avozinha quando vê alguém a esconder-se nas arvores… -Quem está ai? – pergunta a Capuchinho Vermelho - Desculpa não te queria assustar. Sou o lobo aqui da floresta! – respondeu o lobo mau. - Há está bem… -disse a Capuchinho Vermelho. - E tu, como te chamas? – perguntou o Lobo Mau. - Sou a Capuchinho Vermelho! – respondeu-lhe a Capuchinho Vermelho.
  • 2. - E o que é que uma menina tão bonita como tu faz aqui nesta floresta sozinha? – questiona-lhe o Lobo. - Estou a apanhar umas flores para a minha avozinha que está doente em casa. – respondeu a Capuchinho. - Será que posso ir contigo dar as flores á tua avozinha? – perguntou o Lobo. - Claro que podes! – respondeu a Capuchinho Vermelho. - Então fazemos assim, vamos fazer uma corrida, tu vais por esse caminho e eu vou por este, ok? – desafiou o Lobo Mau. - Sim vamos! – Respondeu a Capuchinho Vermelho. O Lobo mau conhecia a floresta melhor que ninguém e sabia bem que ia ganhar aquela corrida e então aproveitou-se disso e correu o mais rápido possível e chegou finalmente á casa da avozinha da Capuchinho Vermelho. Tocou então á porta, quando lhe respondeu uma senhora com uma enorme rouquidão na voz. - Quem é? Lobo Mau não queria que a senhora soubesse quem ele era, portanto fez- se passar pela Capuchinho Vermelho. - Sou eu avozinha, a Capuchinho Vermelho! - Oh minha netinha entra então, a porta está aberta! Lobo Mau entrou rapidamente em casa e engoliu a avozinha sem a mastigar. A avozinha nem teve tempo de pedir socorro. Lobo Mau foi ao armário da avozinha e vestiu rapidamente uma das camisas de noite da senhora, meteu os óculos e o gorro e enfiou-se dentro da cama, mesmo a tempo da Capuchinho Vermelho chegar á casa. Truz truz – bateu a Capuchinho Vermelho á porta da casa da avozinha. - Quem é? – respondeu o Lobo Mau fazendo-se passar pela Avozinha. - Sou eu avozinha, a Capuchinho Vermelho!
  • 3. - Entra netinha, a porta está aberta! – Respondeu o Lobo. - Olá avozinha, olhe tenho aqui uns bolinhos muito docinhos e uns sumos para acompanhar que mandou a minha mãe! Há e trouxe-lhe também umas belas flores que acabei de apanhar na floresta. – Disse a Capuchinho. - Ai muito obrigada minha netinha. – Disse o Lobo Mau. Capuchinho Vermelho aproxima-se da avó e começa a reparar em certas coisas que são estranhas e, por isso, começa a fazer perguntas á avó: - Oh avo, porque é que tens umas orelhas maiores? - É para te ouvir melhor, minha netinha! – Responde o Lobo. - Oh avó e então porque é que tens um nariz tão grande? - É para te cheirar melhor minha netinha! – Respondeu o Lobo. - E então porque tens uns olhos tão grande avozinha? - São para te ver melhor minha netinha? – Respondeu novamente o Lobo. - E porque tens uma boca tão grande avozinha? - É PARA TE COMER MELHOR MINHA NETINHA! – Gritou o Lobo Mau. Lobo Mau saltou da cama para comer a Capuchinho Vermelho. Com esta reação desatou a correr pela floresta gritando socorro, Até que um lenhador ouviu os gritos assutados da Capuchinho Vermelho e correu até ela, para perceber o que se passava. Até que viu o Lobo Mau atras da menina a querer come-la, por isso, foi até ao Lobo Mau e bateu- lhe com o seu grande machado na cabeça. Ate que deixou o Lobo a dormir, depois fez-lhe um grande corte na barriga, tirou de la a avozinha que ainda estava viva e os três (a avozinha, o lenhador e a Capuchinho Vermelho) colocaram la muitas pedras. Quando o Lobo Mau acordou sentia-se MUITOO pesado, foi tentar beber água na fonte e quando se inclinou caiu para o riu com tanto peso que estava na sua barriga.
  • 4. Capuchinho Vermelho, a Avozinha e o Lenhador riram muito e depois aproveitaram os bolinhos e os sumos que a mãe de Capuchinho fez e foram todos lanchar! Vitória vitória, acabou-se a história! :D