Lessons Learned nº1          Equipa 35portuguese ARCHITECT  Contact: alucenafaria@gmail.com    www.fabricadestartups.com
Membros da Equipa• António Ferreira – 35 anos   – Quase Advogado, empreendedor por vocação e a terminar      uma formação ...
Ideia de Negócio• VisãoPromover e internacionalizar os Arquitectos Portugueses.• MissãoA Portuguese Architect, quer ser o ...
Versão: 1.0Tela do Modelo de Negócio:8. Parceiros               7. Actividades Chave           2. Proposta de Valor       ...
Dimensão do Mercado• Quantos arquitectos portugueses estão  inscritos na ordem? 16.000• N.º de Arquitectos que têm na arqu...
Tarefas Realizadas• Afinámos a versão 1.0 do Modelo de Negócio• Identificámos as 10 pessoas a entrevistar• Preparámos a ap...
Principais Lições da Semana• Não há adversidades intransponíveis• Os problemas são oportunidades• 1+1>2• Equipas com perfi...
Próximos Passos•   Marcar entrevistas•   Avaliar o perfil do nosso mercado potencial•   Abordar possíveis parceiros•   Act...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Lessons learned n.º 1 equipa 35 portuguese architect

355 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
355
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
84
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lessons learned n.º 1 equipa 35 portuguese architect

  1. 1. Lessons Learned nº1 Equipa 35portuguese ARCHITECT Contact: alucenafaria@gmail.com www.fabricadestartups.com
  2. 2. Membros da Equipa• António Ferreira – 35 anos – Quase Advogado, empreendedor por vocação e a terminar uma formação em Import/Export – Portugal Telecom, Caixa Galicia• Miguel Pinheiro de Melo – 53 anos – Arquitecto e Artista Plástico – Freelancer – MPM Estudos e Proj. + Comp. Port. De Arte em têxteis + loja óká• Tiago Alvarez – 37 anos – Formado em Engenharia, MBA IE Business School – BP Portugal – Quickwin portuguese ARCHITECT
  3. 3. Ideia de Negócio• VisãoPromover e internacionalizar os Arquitectos Portugueses.• MissãoA Portuguese Architect, quer ser o parceiro para adivulgação dos Arquitectos em mercados estratégicos,promover a divulgação de oportunidades de negóciointernacionais, preparação de participação em Feiras eoutros certames, ajudar na definição e nodesenvolvimento de estratégias de internacionalização. portuguese ARCHITECT
  4. 4. Versão: 1.0Tela do Modelo de Negócio:8. Parceiros 7. Actividades Chave 2. Proposta de Valor 4. Relacionamento 1. Segmentos de • Bloggers / Social com Clientes Clientes• Ordem dos media • Plataforma de • Acompanhamento Arquitectos • Road show / promoção pessoal • Arquitectos• Faculdades de Exhbitions • Visibilidade • Comunidade de Portugueses Arquitectura • Marketing internacional Arquitectos• Editoras • Prod. de conteúdos • Serviço• Trienal de • Consultoria actualmente • Networking Arquitectura inexistente• Web designer 6. Recursos Chave • Customized 3. Canais approach • Pessoas • WEB • Getting the job • Web site • Força de vendas done • Recursos • Passa-palavra financeiros • Ordem dos Arquitectos9. Estrutura de Custos 5. Fontes de Receitas• People • Sucess Fee• Criação e manutenção do PortugueseArchitect.com • Quota anual• Produção de conteúdos • Vendas de Livros/DVDs• Marketing • Publicidade Adaptado pela Fábrica de Startups, baseado no Business Model Canvas disponível em www.businessmodelgeneration.com
  5. 5. Dimensão do Mercado• Quantos arquitectos portugueses estão inscritos na ordem? 16.000• N.º de Arquitectos que têm na arquitectura a sua actividade principal: 38.5% -> 6.930 portuguese ARCHITECT
  6. 6. Tarefas Realizadas• Afinámos a versão 1.0 do Modelo de Negócio• Identificámos as 10 pessoas a entrevistar• Preparámos a apresentação das “Lessons Learned”• Criámos o nosso Blog portuguese ARCHITECT
  7. 7. Principais Lições da Semana• Não há adversidades intransponíveis• Os problemas são oportunidades• 1+1>2• Equipas com perfis iguais tem mais dificuldades em funcionar• É importante a opinião de elementos exteriores às equipas• Temos de ter a capacidade de ceder nos nossos pontos de vista portuguese ARCHITECT
  8. 8. Próximos Passos• Marcar entrevistas• Avaliar o perfil do nosso mercado potencial• Abordar possíveis parceiros• Actualização do Blog portuguese ARCHITECT

×