ÁFRICA ASPECTOS HUMANOS
 
<ul><li>53 países – 30,2 milhões de km² </li></ul><ul><li>Dividida em 2 regiões com características naturais e culturais d...
A HISTÓRIA DE  VÁRIOS POVOS...
 
Uma história a ser escrita...
Europa - África <ul><li>Desorganização e regressão das atividades produtivas, cujos efeitos são sentidos até os dias atuai...
Europa - África <ul><li>Divisão Internacional do trabalho ou da produção </li></ul><ul><li>Criação de fronteiras políticas...
Descolonização <ul><li>No final da década de 1940, apenas 4 países independentes: Libéria, Etiópia, Egito e União Sul-Afri...
 
Conflitos <ul><li>As fronteiras políticas artificiais não representam a unidade nacional de seus povos. </li></ul><ul><li>...
APARTHEID <ul><li>Regime de discriminação étnica, política e social que restringiu os direitos da população negra. </li></...
Leis do Apartheid <ul><li>1949 – proibição oficial do casamento inter-racial (1984) </li></ul><ul><li>1950 – obrigatorieda...
Leis do Congresso Nacional Africano <ul><li>Lei de Direitos sobre a Terra – devolução das propriedades confiscadas às famí...
Aspectos  sócio-culturais  do  continente africano
Moçambique - Tocador de tambuleta, instrumento musical Makonde
Pinturas Rupestres - Rodésia
Sociedade Africana <ul><li>868 milhões de habitantes (2004) </li></ul><ul><li>29 hab/km² </li></ul><ul><li>Megacidades: La...
 
Sociedade Africana <ul><li>Países rurais – rápido processo de urbanização </li></ul><ul><li>Dos 32 países com IDH baixo, 3...
 
Aspectos Econômicos
Aspectos Econômicos <ul><li>Não está integrado a globalização </li></ul><ul><li>Fluxo de investimentos externos baixo </li...
Aspectos Econômicos <ul><li>FOME – renda insuficiente, guerras civis, secas periódicas, pobreza </li></ul><ul><li>Subsídio...
Pretória – África do Sul
Divisão geoeconômica <ul><li>Grupo 1: Países com certo nível de desenvolvimento industrial: África do Sul e Egito </li></u...
Grupo 1: África do Sul <ul><li>Maior taxa de urbanização </li></ul><ul><li>Agricultura modernizada e diversificada </li></...
Grupo 1: África do Sul <ul><li>Cidades políticas: Pretória (governo), Cidade do Cabo (Legislativo) e Bloemfontein (Judiciá...
Johannesburgo – África do Sul
Grupo 2 <ul><li>Este grupo apresenta duas subdivisões: </li></ul><ul><li>Países de economia de base agropecuária </li></ul...
Grupo 2: Países de base agropecuária <ul><li>Nos casos de agricultura de auto-subsistência e subsistência são cultivados: ...
Grupo 2: Países de base agropecuária <ul><li>Café – Costa do Marfim, Camarões, República do Congo, Etiópia, Quênia, Madaga...
 
Grupo 2: Países de base mineral <ul><li>Níquel – Botsuana, Zimbábue </li></ul><ul><li>Cobre – Botsuana (5º), República Dem...
Grupo 2: Países de base mineral <ul><li>Cobalto – República Democrática do Congo, Zâmbia (5º) </li></ul><ul><li>Urânio – N...
 
 
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

áFrica ilustrada

6.216 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.216
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
99
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
235
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

áFrica ilustrada

  1. 2. ÁFRICA ASPECTOS HUMANOS
  2. 4. <ul><li>53 países – 30,2 milhões de km² </li></ul><ul><li>Dividida em 2 regiões com características naturais e culturais distintas, separadas pelo deserto do Saara </li></ul><ul><li>África do Norte/ Branca : Egito, Líbia, Argélia, Tunísia e Marrocos. Extensão do Oriente Médio. Povos que vivem no deserto e professam, predominantemente, o islamismo e falam a língua árabe. </li></ul><ul><li>África Subsaariana/ Negra : negros, enorme diversidade étnico-cultural. Muçulmanos em áreas do Saara, mas a religião predominante é o animismo. </li></ul>
  3. 5. A HISTÓRIA DE VÁRIOS POVOS...
  4. 7. Uma história a ser escrita...
  5. 8. Europa - África <ul><li>Desorganização e regressão das atividades produtivas, cujos efeitos são sentidos até os dias atuais </li></ul><ul><li>Diminuição da população africana causada pela escravização de sua gente </li></ul><ul><li>Consolidação de uma classe dirigente africana em estreita aliança com os comerciantes europeus </li></ul>
  6. 9. Europa - África <ul><li>Divisão Internacional do trabalho ou da produção </li></ul><ul><li>Criação de fronteiras políticas artificiais </li></ul><ul><li>Instituição do racismo amparado em lei na África do Sul </li></ul><ul><li>Imposição de mudanças de hábitos, costumes e religião, colocando o povo africano como inferior. </li></ul>
  7. 10. Descolonização <ul><li>No final da década de 1940, apenas 4 países independentes: Libéria, Etiópia, Egito e União Sul-Africana (África do Sul) </li></ul><ul><li>1957 – Gana: “É melhor ser livre para governar bem ou mal a si próprio do que ser governado por outro” Kuame Nkrumah </li></ul><ul><li>Década de 60 e 70: vários países lutaram por sua independência </li></ul><ul><li>Nos anos 80, ainda faltava a Namíbia e o Saara Ocidental. </li></ul>
  8. 12. Conflitos <ul><li>As fronteiras políticas artificiais não representam a unidade nacional de seus povos. </li></ul><ul><li>Guerra de Biafra (Nigéria) </li></ul><ul><li>Ruanda e Burundi – guerra entre hutus e tutsis </li></ul><ul><li>Racismo - Apartheid </li></ul>
  9. 13. APARTHEID <ul><li>Regime de discriminação étnica, política e social que restringiu os direitos da população negra. </li></ul><ul><li>Segregação racial comandada por minoria branca </li></ul><ul><li>Herança do colonialismo </li></ul><ul><li>Nelson Mandela </li></ul><ul><li>Eleições multirraciais em 1994 </li></ul>
  10. 14. Leis do Apartheid <ul><li>1949 – proibição oficial do casamento inter-racial (1984) </li></ul><ul><li>1950 – obrigatoriedade do registro da raça na certidão de nascimento (1991) </li></ul><ul><li>1950 – obrigatoriedade de os brancos, negros e mestiços viverem em áreas separadas, e a proibição ao negro de comprar terras (1991) </li></ul><ul><li>1952 – locomoção de negros estava condicionada ao porte de um “passe” (1986) </li></ul><ul><li>1953 – proibição de greve de negros e divisão dos serviços públicos em locais para brancos e locais para negros (1990) </li></ul>
  11. 15. Leis do Congresso Nacional Africano <ul><li>Lei de Direitos sobre a Terra – devolução das propriedades confiscadas às famílias negras </li></ul><ul><li>Leis contra a discriminação de cor e do uso de expressões racistas pelos meios de comunicação </li></ul><ul><li>Ainda existem diversos desafios a serem vencidos. </li></ul>
  12. 16. Aspectos sócio-culturais do continente africano
  13. 17. Moçambique - Tocador de tambuleta, instrumento musical Makonde
  14. 18. Pinturas Rupestres - Rodésia
  15. 19. Sociedade Africana <ul><li>868 milhões de habitantes (2004) </li></ul><ul><li>29 hab/km² </li></ul><ul><li>Megacidades: Lagos (Nigéria),Cairo(Egito) </li></ul><ul><li>Concentração populacional: Golfo da Guiné, nas megacidades, Johannesburgo (África do Sul) </li></ul><ul><li>Vazios demográficos: desertos e no centro </li></ul><ul><li>Cidades mais importantes são as capitais </li></ul>
  16. 21. Sociedade Africana <ul><li>Países rurais – rápido processo de urbanização </li></ul><ul><li>Dos 32 países com IDH baixo, 30 estão na África Subsaariana </li></ul><ul><li>Metade da população adulta nunca freqüentou a escola ou abandonou os estudos antes da alfabetização básica </li></ul><ul><li>Pobreza é fruto da falência política dos Estados africanos. </li></ul>
  17. 23. Aspectos Econômicos
  18. 24. Aspectos Econômicos <ul><li>Não está integrado a globalização </li></ul><ul><li>Fluxo de investimentos externos baixo </li></ul><ul><li>Baixo grau de industrialização </li></ul><ul><li>Agricultura e mineração </li></ul><ul><li>Região tropical – monoculturas: café, cacau, algodão, açúcar, etc </li></ul><ul><li>Grandes propriedades – modernizada e exportação </li></ul><ul><li>Pequenas propriedades – subsistência e abastecimento local </li></ul>
  19. 25. Aspectos Econômicos <ul><li>FOME – renda insuficiente, guerras civis, secas periódicas, pobreza </li></ul><ul><li>Subsídios mínimo e até inexistentes </li></ul><ul><li>MAGREB – culturas mediterrâneas irrigadas </li></ul><ul><li>Culturas temperadas – trigo </li></ul><ul><li>Riquezas minerais: Serra Leoa, Líbia, Argélia, África do Sul, República Democrática do Congo </li></ul>
  20. 26. Pretória – África do Sul
  21. 27. Divisão geoeconômica <ul><li>Grupo 1: Países com certo nível de desenvolvimento industrial: África do Sul e Egito </li></ul><ul><li>Grupo 2: Países cujas economias têm por base produtos primários </li></ul>
  22. 28. Grupo 1: África do Sul <ul><li>Maior taxa de urbanização </li></ul><ul><li>Agricultura modernizada e diversificada </li></ul><ul><li>Parque industrial diversificado: metalúrgicas, siderúrgicas, etc </li></ul><ul><li>Elite branca </li></ul><ul><li>Riquezas no subsolo </li></ul><ul><li>Acordo com o Reino Unido </li></ul><ul><li>Infra-estrutura e indústrias de base </li></ul>
  23. 29. Grupo 1: África do Sul <ul><li>Cidades políticas: Pretória (governo), Cidade do Cabo (Legislativo) e Bloemfontein (Judiciário) </li></ul><ul><li>Cidades econômicas: Cidade do Cabo, Durban e Port Elizabeth </li></ul><ul><li>Setor primário – 4% PIB </li></ul><ul><li>Criação de aves e carneiros </li></ul><ul><li>Turismo rural </li></ul>
  24. 30. Johannesburgo – África do Sul
  25. 31. Grupo 2 <ul><li>Este grupo apresenta duas subdivisões: </li></ul><ul><li>Países de economia de base agropecuária </li></ul><ul><li>Países de economia de base mineral e petróleo </li></ul>
  26. 32. Grupo 2: Países de base agropecuária <ul><li>Nos casos de agricultura de auto-subsistência e subsistência são cultivados: mandioca, milhete, inhame, arroz, batata, etc. </li></ul><ul><li>Agricultura comercial – forma de plantation , produtos exportados principalmente para Europa: </li></ul><ul><li>Cacau – Costa do Marfim (1º), Gana, Camarões e Nigéria </li></ul><ul><li>Chá – Quênia, Ruanda, Seicheles </li></ul>
  27. 33. Grupo 2: Países de base agropecuária <ul><li>Café – Costa do Marfim, Camarões, República do Congo, Etiópia, Quênia, Madagascar, Uganda, Ruanda e Tanzânia </li></ul><ul><li>Algodão – Egito (cultura tradicional), República Centro-Africana, Togo, Chade </li></ul><ul><li>Amendoim – Gâmbia, Guiné Bissau, Senegal, Sudão, etc </li></ul><ul><li>Tabaco – Malauí e Egito </li></ul><ul><li>Cana-de-açúcar – África do Sul, Angola e Moçambique </li></ul>
  28. 35. Grupo 2: Países de base mineral <ul><li>Níquel – Botsuana, Zimbábue </li></ul><ul><li>Cobre – Botsuana (5º), República Democrática do Congo, Zâmbia, Zimbábue </li></ul><ul><li>Cromo – África do Sul (1º), Zimbábue (4º) </li></ul><ul><li>Platina – África do Sul (1º) </li></ul><ul><li>Minério de ferro e manganês – Gabão, Libéria, Mauritânia, Zimbábue </li></ul><ul><li>Zinco e chumbo – Zâmbia e Namíbia </li></ul><ul><li>Titânio - África do Sul (2º) </li></ul>
  29. 36. Grupo 2: Países de base mineral <ul><li>Cobalto – República Democrática do Congo, Zâmbia (5º) </li></ul><ul><li>Urânio – Namíbia (3º), Níger (4º) </li></ul><ul><li>Diamante – República Democrática do Congo (1º), Namíbia (3º), África do Sul (4º), Botsuana e Serra Leoa </li></ul><ul><li>Mercúrio – Argélia (5º) </li></ul><ul><li>Ouro - África do Sul (1º), Zimbábue </li></ul><ul><li>Bauxita – Guiné (2º) </li></ul><ul><li>Petróleo e gás natural – Congo, Argélia, Líbia, Nigéria, etc </li></ul>

×