SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 33
CEDULAS DO BRASIL
(Padrão Real - 1833/1888)   IMPÉRIO DO BRASIL
REPÚBLICA MIL-REIS - 1888/1942
O Cruzeiro foi criado dia 5 de Outubro de 1942, mas só passou a valer como unidade monetária a partir da meia-noite do dia 31 de Outubro de 1942. Ele substituiu o padrão  Mil-Réis , que causava problemas por ter divisão milesimal. Outro objetivo dessa mudança foi unificar o meio circulante, já que na época existiam 56 tipos diferentes de cédulas, sendo 35 do tesouro nacional, 14 do Banco do Brasil e 7 da extinta Caixa de Estabilização. Foram usadas aproximadamente 8 notas do padrão  Mil-Réis , carimbadas para o novo valor.     1$000 = Cr$ 1,00
 
 
 
Cruzeiro Novo foi implantado no dia 13 de fevereiro de 1967. O  Cruzeiro , padrão monetário desde 1942, perdia três zeros e se transformava em Cruzeiro Novo. O Cruzeiro Novo foi o único padrão monetário que não teve cédulas próprias. Banco Central reaproveitou cédulas do  Cruzeiro , carimbando-as para o Cruzeiro Novo. O carimbo utilizado era formado por 2 círculos concêntricos, com o valor expresso no centro e as palavras BANCO CENTRAL e CENTAVOS ou CRUZEIROS NOVOS no espaço entre os círculos. Cr$ 1.000  = NCr$ 1,00
 
O Cruzeiro substituiu o Cruzeiro Novo em 15 de Maio de 1970, sendo que um Cruzeiro valia um Cruzeiro Novo. Durou até 27 de fevereiro de 1986.  NCr$ 1,00 = Cr$ 1,00 .
 
 
 
 
O Cruzado é proveniente do Plano Cruzado, implantado pelo governo Sarney. O Plano tinha como objetivo combater a inflação e aumentar o poder aquisitivo da população. A partir do dia 28 de Fevereiro de 1986, mil  cruzeiros  passaram a valer um cruzado.   Para implantar o Cruzado o governo aproveitou as cédulas de 10 mil, 50 mil e 100 mil  cruzeiros , carimbando-as para o novo padrão. O Carimbo era circular com as palavras "Banco Central do Brasil" e "Cruzado", com o valor no centro. Cr$ 1.000 = Cz$ 1,00
 
 
 
Cruzado Novo entrou em circulação no dia 15 de janeiro de 1989, na segunda reforma monetária do presidente José Sarney. A nova moeda substituía o  Cruzado , sendo que um Cruzado Novo valia 1000  Cruzados .  Foram aproveitadas as cédulas de mil, 5 mil e 10 mil  Cruzados , que receberam um carimbo para o novo padrão monetário. O carimbo adotado era um triangulo  com as palavras "cruzado novo" em duas linhas próximas à base do triângulo.   Cz$ 1.000,00 = NCz$ 1,00
 
 
O Cruzeiro foi reintroduzido como padrão monetário em substituição ao " Cruzado Novo ", como parte do "Plano Collor", sem ocorrer a perda de três zeros.     NCz$ 1,00 = Cr$ 1,00
 
 
 
O Cruzeiro Real foi implantado no 1 o  de Agosto de 1993, substituindo o  Cruzeiro , por excesso de zeros. Foram aproveitadas as notas de 50 mil, 100 mil e 500 mil  Cruzeiros , devidamente carimbadas para o novo padrão. Cr$ 1.000,00 = CR$ 1,00
 
 
O Real foi lançado em 01/07/1994 pelo Plano Real no governo Itamar Franco, com o objetivo de criar uma moeda forte e acabar com a inflação. Primeiramente foi estabelecido um índice paralelo para efeito de transição, a Unidade Real de Valor (URV). A Conversão de  Cruzeiros Reais  para Reais foi feita mediante a divisão do valor em Cruzeiros Reais pelo valor da URV de CR$2.750,00. CR$ 2.750,00 = R$ 1,00
 
 
RESUMO ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
PERGUNTE AO SEUS PAIS OU AO SEUS AVOS O QUE PODIA SER FEITO COM     2.750.000.000.000.000$000 PARA COMPARAR EM 1940 - 1$000 = US$ 0,06 PORTANTO  R$ 1,00 = US$ 165.000.000.000.000,00

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (6)

Moeda Brasileira
Moeda BrasileiraMoeda Brasileira
Moeda Brasileira
 
Moedas brasileiras
Moedas brasileirasMoedas brasileiras
Moedas brasileiras
 
HistóRia Da Moeda Brasileira
HistóRia Da Moeda BrasileiraHistóRia Da Moeda Brasileira
HistóRia Da Moeda Brasileira
 
Moeda Brasileira
Moeda BrasileiraMoeda Brasileira
Moeda Brasileira
 
história do Dinheiro no Brasil
história do Dinheiro no Brasilhistória do Dinheiro no Brasil
história do Dinheiro no Brasil
 
Dinheiro brasil
Dinheiro brasilDinheiro brasil
Dinheiro brasil
 

Destaque

Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012
Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012
Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012JALRAKSHAK
 
Indarkeria
IndarkeriaIndarkeria
Indarkerialeire1
 
Hsbc watch your water foot print trivandrum
Hsbc watch your water foot print  trivandrumHsbc watch your water foot print  trivandrum
Hsbc watch your water foot print trivandrumJALRAKSHAK
 
5 06-12 - andheri - foot print activity
5 06-12 - andheri - foot print activity5 06-12 - andheri - foot print activity
5 06-12 - andheri - foot print activityJALRAKSHAK
 
Arizona property tax overview
Arizona property tax overviewArizona property tax overview
Arizona property tax overviewZoeBruno
 
FirstEnergy Corporate_Profile
FirstEnergy Corporate_ProfileFirstEnergy Corporate_Profile
FirstEnergy Corporate_Profilefinance21
 
Empresas y Bancos del siglo XIX
Empresas y Bancos del siglo XIXEmpresas y Bancos del siglo XIX
Empresas y Bancos del siglo XIXnatalia BUSTAMANTE
 
The Twelve Gifts of Naomi
The Twelve Gifts of NaomiThe Twelve Gifts of Naomi
The Twelve Gifts of NaomiFotenosFamily
 
Strengthening Families in Child Welfare Professional Development
Strengthening Families in Child Welfare Professional DevelopmentStrengthening Families in Child Welfare Professional Development
Strengthening Families in Child Welfare Professional Developmentk.stepleton
 
PresentacióN Varias
PresentacióN VariasPresentacióN Varias
PresentacióN VariasMijina88
 
Laws Affecting And Protecting Homeless Youth
Laws Affecting And Protecting Homeless YouthLaws Affecting And Protecting Homeless Youth
Laws Affecting And Protecting Homeless Youthswood97
 
Italian Odyssey Part 4
Italian Odyssey Part 4Italian Odyssey Part 4
Italian Odyssey Part 4Ian Hamilton
 
Bloque De Cierre En Un Eva
Bloque De Cierre En Un EvaBloque De Cierre En Un Eva
Bloque De Cierre En Un Evaprojv
 
Colombia moderna siglo xix
Colombia moderna siglo xixColombia moderna siglo xix
Colombia moderna siglo xixYuliana__
 
Medical Librarians Symposium 3 09
Medical Librarians Symposium 3 09Medical Librarians Symposium 3 09
Medical Librarians Symposium 3 09t2hughes
 
Jornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTiva
Jornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTivaJornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTiva
Jornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTivamariacarmef
 

Destaque (20)

Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012
Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012
Hsbc mumbai vile parle water point ppt 6 6-2012
 
Indarkeria
IndarkeriaIndarkeria
Indarkeria
 
Hsbc watch your water foot print trivandrum
Hsbc watch your water foot print  trivandrumHsbc watch your water foot print  trivandrum
Hsbc watch your water foot print trivandrum
 
5 06-12 - andheri - foot print activity
5 06-12 - andheri - foot print activity5 06-12 - andheri - foot print activity
5 06-12 - andheri - foot print activity
 
Dennis Mulrane Skills
Dennis Mulrane SkillsDennis Mulrane Skills
Dennis Mulrane Skills
 
Vlast_inform
Vlast_informVlast_inform
Vlast_inform
 
Arizona property tax overview
Arizona property tax overviewArizona property tax overview
Arizona property tax overview
 
FirstEnergy Corporate_Profile
FirstEnergy Corporate_ProfileFirstEnergy Corporate_Profile
FirstEnergy Corporate_Profile
 
Empresas y Bancos del siglo XIX
Empresas y Bancos del siglo XIXEmpresas y Bancos del siglo XIX
Empresas y Bancos del siglo XIX
 
Open End Y Closed End
Open End Y Closed EndOpen End Y Closed End
Open End Y Closed End
 
The Twelve Gifts of Naomi
The Twelve Gifts of NaomiThe Twelve Gifts of Naomi
The Twelve Gifts of Naomi
 
Strengthening Families in Child Welfare Professional Development
Strengthening Families in Child Welfare Professional DevelopmentStrengthening Families in Child Welfare Professional Development
Strengthening Families in Child Welfare Professional Development
 
PresentacióN Varias
PresentacióN VariasPresentacióN Varias
PresentacióN Varias
 
Laws Affecting And Protecting Homeless Youth
Laws Affecting And Protecting Homeless YouthLaws Affecting And Protecting Homeless Youth
Laws Affecting And Protecting Homeless Youth
 
Abilied
AbiliedAbilied
Abilied
 
Italian Odyssey Part 4
Italian Odyssey Part 4Italian Odyssey Part 4
Italian Odyssey Part 4
 
Bloque De Cierre En Un Eva
Bloque De Cierre En Un EvaBloque De Cierre En Un Eva
Bloque De Cierre En Un Eva
 
Colombia moderna siglo xix
Colombia moderna siglo xixColombia moderna siglo xix
Colombia moderna siglo xix
 
Medical Librarians Symposium 3 09
Medical Librarians Symposium 3 09Medical Librarians Symposium 3 09
Medical Librarians Symposium 3 09
 
Jornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTiva
Jornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTivaJornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTiva
Jornades Sobre ConvivèNcia Escolar XàTiva
 

Semelhante a Moeda Brasileira

Semelhante a Moeda Brasileira (15)

Moeda brasileira
Moeda brasileiraMoeda brasileira
Moeda brasileira
 
História do dinheiro no brasil
História do dinheiro no brasilHistória do dinheiro no brasil
História do dinheiro no brasil
 
Moeda brasileira
Moeda brasileiraMoeda brasileira
Moeda brasileira
 
Evolucao Da Moeda Brasileira
Evolucao Da Moeda BrasileiraEvolucao Da Moeda Brasileira
Evolucao Da Moeda Brasileira
 
Dos réis ao real.pptx
Dos réis ao real.pptxDos réis ao real.pptx
Dos réis ao real.pptx
 
Dos réis ao real.pptx
Dos réis ao real.pptxDos réis ao real.pptx
Dos réis ao real.pptx
 
Slides sistema monetário
Slides sistema monetárioSlides sistema monetário
Slides sistema monetário
 
Brasil
BrasilBrasil
Brasil
 
Histórico de moedas brasileiras
Histórico de moedas brasileirasHistórico de moedas brasileiras
Histórico de moedas brasileiras
 
Reis
ReisReis
Reis
 
Slides sistema monetário
Slides sistema monetárioSlides sistema monetário
Slides sistema monetário
 
Padrão monetário brasileiro
Padrão monetário brasileiroPadrão monetário brasileiro
Padrão monetário brasileiro
 
Padrão monetário brasileiro
Padrão monetário brasileiroPadrão monetário brasileiro
Padrão monetário brasileiro
 
Cédulas do brasil (xxv)
Cédulas do brasil (xxv)Cédulas do brasil (xxv)
Cédulas do brasil (xxv)
 
Cédulas do brasil histórico
Cédulas do brasil históricoCédulas do brasil histórico
Cédulas do brasil histórico
 

Mais de Milene Cristina (20)

Arroba1
Arroba1Arroba1
Arroba1
 
Elis regina 26 anos (m
Elis regina 26 anos   (m Elis regina 26 anos   (m
Elis regina 26 anos (m
 
El angulo perfecto
El angulo perfectoEl angulo perfecto
El angulo perfecto
 
Desejos
DesejosDesejos
Desejos
 
Gelandoumacervejacompapeltoalha (1)
Gelandoumacervejacompapeltoalha (1)Gelandoumacervejacompapeltoalha (1)
Gelandoumacervejacompapeltoalha (1)
 
Humor
HumorHumor
Humor
 
Como cuidar de seus olhos no uso de computadores
Como cuidar de seus olhos no uso de computadoresComo cuidar de seus olhos no uso de computadores
Como cuidar de seus olhos no uso de computadores
 
Arte con frutas y verduras
Arte con frutas y verdurasArte con frutas y verduras
Arte con frutas y verduras
 
Edibar
EdibarEdibar
Edibar
 
Perolas do humor fino.pps nil
Perolas do humor fino.pps nilPerolas do humor fino.pps nil
Perolas do humor fino.pps nil
 
Feliz pascoa 4
Feliz pascoa 4Feliz pascoa 4
Feliz pascoa 4
 
45+fotogr
45+fotogr45+fotogr
45+fotogr
 
45+fotogr
45+fotogr45+fotogr
45+fotogr
 
Frases ilustradas
Frases ilustradasFrases ilustradas
Frases ilustradas
 
Frases ilustradas
Frases ilustradasFrases ilustradas
Frases ilustradas
 
Fotos nanos do corpo humano fj
Fotos nanos do corpo humano fjFotos nanos do corpo humano fj
Fotos nanos do corpo humano fj
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
 
Feliz2012
Feliz2012Feliz2012
Feliz2012
 
Thelatesttechnology
ThelatesttechnologyThelatesttechnology
Thelatesttechnology
 
Escultor de arvores
Escultor de arvoresEscultor de arvores
Escultor de arvores
 

Último

relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfHELLEN CRISTINA
 
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptxDesenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptxCoca Pitzer
 
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - AtualizadoCatálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - AtualizadoWagnerSouza717812
 
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccssDespertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccssGuilhermeMelo381677
 
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.JosineiPeres
 
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdfSoluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdfSabrinaPrado11
 

Último (6)

relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptxDesenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
 
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - AtualizadoCatálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
 
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccssDespertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
 
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
 
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdfSoluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
 

Moeda Brasileira

  • 2. (Padrão Real - 1833/1888) IMPÉRIO DO BRASIL
  • 4. O Cruzeiro foi criado dia 5 de Outubro de 1942, mas só passou a valer como unidade monetária a partir da meia-noite do dia 31 de Outubro de 1942. Ele substituiu o padrão Mil-Réis , que causava problemas por ter divisão milesimal. Outro objetivo dessa mudança foi unificar o meio circulante, já que na época existiam 56 tipos diferentes de cédulas, sendo 35 do tesouro nacional, 14 do Banco do Brasil e 7 da extinta Caixa de Estabilização. Foram usadas aproximadamente 8 notas do padrão Mil-Réis , carimbadas para o novo valor. 1$000 = Cr$ 1,00
  • 5.  
  • 6.  
  • 7.  
  • 8. Cruzeiro Novo foi implantado no dia 13 de fevereiro de 1967. O Cruzeiro , padrão monetário desde 1942, perdia três zeros e se transformava em Cruzeiro Novo. O Cruzeiro Novo foi o único padrão monetário que não teve cédulas próprias. Banco Central reaproveitou cédulas do Cruzeiro , carimbando-as para o Cruzeiro Novo. O carimbo utilizado era formado por 2 círculos concêntricos, com o valor expresso no centro e as palavras BANCO CENTRAL e CENTAVOS ou CRUZEIROS NOVOS no espaço entre os círculos. Cr$ 1.000 = NCr$ 1,00
  • 9.  
  • 10. O Cruzeiro substituiu o Cruzeiro Novo em 15 de Maio de 1970, sendo que um Cruzeiro valia um Cruzeiro Novo. Durou até 27 de fevereiro de 1986. NCr$ 1,00 = Cr$ 1,00 .
  • 11.  
  • 12.  
  • 13.  
  • 14.  
  • 15. O Cruzado é proveniente do Plano Cruzado, implantado pelo governo Sarney. O Plano tinha como objetivo combater a inflação e aumentar o poder aquisitivo da população. A partir do dia 28 de Fevereiro de 1986, mil cruzeiros passaram a valer um cruzado. Para implantar o Cruzado o governo aproveitou as cédulas de 10 mil, 50 mil e 100 mil cruzeiros , carimbando-as para o novo padrão. O Carimbo era circular com as palavras "Banco Central do Brasil" e "Cruzado", com o valor no centro. Cr$ 1.000 = Cz$ 1,00
  • 16.  
  • 17.  
  • 18.  
  • 19. Cruzado Novo entrou em circulação no dia 15 de janeiro de 1989, na segunda reforma monetária do presidente José Sarney. A nova moeda substituía o Cruzado , sendo que um Cruzado Novo valia 1000 Cruzados . Foram aproveitadas as cédulas de mil, 5 mil e 10 mil Cruzados , que receberam um carimbo para o novo padrão monetário. O carimbo adotado era um triangulo com as palavras "cruzado novo" em duas linhas próximas à base do triângulo. Cz$ 1.000,00 = NCz$ 1,00
  • 20.  
  • 21.  
  • 22. O Cruzeiro foi reintroduzido como padrão monetário em substituição ao " Cruzado Novo ", como parte do "Plano Collor", sem ocorrer a perda de três zeros. NCz$ 1,00 = Cr$ 1,00
  • 23.  
  • 24.  
  • 25.  
  • 26. O Cruzeiro Real foi implantado no 1 o de Agosto de 1993, substituindo o Cruzeiro , por excesso de zeros. Foram aproveitadas as notas de 50 mil, 100 mil e 500 mil Cruzeiros , devidamente carimbadas para o novo padrão. Cr$ 1.000,00 = CR$ 1,00
  • 27.  
  • 28.  
  • 29. O Real foi lançado em 01/07/1994 pelo Plano Real no governo Itamar Franco, com o objetivo de criar uma moeda forte e acabar com a inflação. Primeiramente foi estabelecido um índice paralelo para efeito de transição, a Unidade Real de Valor (URV). A Conversão de Cruzeiros Reais para Reais foi feita mediante a divisão do valor em Cruzeiros Reais pelo valor da URV de CR$2.750,00. CR$ 2.750,00 = R$ 1,00
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.
  • 33. PERGUNTE AO SEUS PAIS OU AO SEUS AVOS O QUE PODIA SER FEITO COM 2.750.000.000.000.000$000 PARA COMPARAR EM 1940 - 1$000 = US$ 0,06 PORTANTO R$ 1,00 = US$ 165.000.000.000.000,00