SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
Baixar para ler offline
Curso de Naturopatia e Ciências Tradicionais Holísticas
Disciplina:
Medicina Ayurvédica
Elaborado por:
Luna Hora
nº7394
Ferula assafoetida
Sumário
● História: usos medicinais tradicionais; usos
tradicionais na Medicina Indiana.
● Propriedades Fitoterápicas
● Propriedades segundo a visão da Medicina
Ayurvédica
● Homeopatia
● Propriedades medicinais confirmadas por estudos
científicos
● Bibliografia; estudos científicos
História
● Na idade média, um pequeno pedaço da planta era utilizado
a volta do pescoço para afastar doenças como constipações e
febre.
Na Pérsia, foi utilizada como condimento e chamada “o
alimento dos deuses”.
É um grande componente da famosa fórmula Ayurvédica
Hingashtak, e o seu nome em Sânscrito é “hing”.
Tem valor medicinal na Europa e Europa de leste.
Na magia e mitologia, a asafoetida é utilizada para dar
“insight” e banir a energia negativa, espíritos maus e demónios.
É usada para invocar deuses masculinos, especialmente os de
natureza fálica. Um mito afirma que a asafoetida desenvolve-se
a partir do sémen de um deus da fertilidade quando desabrocha
a partir do solo.
É utilizada na Índia na gastronomia e como medicamento na
Medicina Ayurvedica Indiana. A asafoetida tem sido utilizada
entre indígenas, particularmente nos povos Unani dos tempos
antigos.
Utiliza-se como especiaria na Índia e no Irão. O nome em latin
“ferula” significa veículo, “asa” significa resina, “foetidus”
significa com cheiro fétido.
Na antiga Roma, asafoetida era guardada em jarros juntamente
com pinhões, que eram utilizados para aromatizar pratos
delicados.
Textos antigos descrevem-na com o nome de “hingu”, muitos
séculos do seu uso constante tem confirmado que os seus
usos enquanto especiaria e medicina são de confiança.
O seu sabor é amargo e picante mas o seu efeito é suave,
afiado, untuoso e quente. Os textos ayurvedicos tem-na
categorizado como deepniya e sanjna-sthapaka, o que
significa que é um estimulante do apetite e restaurador da
consciência.
Usos medicinais tradicionais
No Afeganistão, água quente extraída da goma seca e a planta é
tomada oralmente para a histeria e tosse convulsa e para tratar
úlceras.
A decocção da planta é tomada oralmente como vermífugo na
China.
O extracto de água quente da raíz seca é tomada oralmente como
antiespasmódico, diurético, vermífugo e analgésico no Egipto. A
A goma é mastigada para amenorreia na Malásia e como anti-
epiléptico em Marrocos.
O extracto aquooso da resina é utilizado no Nepal como anti-
helmintico e na Arábia Saudita a goma seca é usada medicinalmente
para tosse convulsa, asma e bronquite.
No Brasil o extracto aquooso da folha e do rebento são tomados
tradicionalmente por via oral, por homens para se utilizado como
afrodisíaco e o composto da resina oleosa, é amassado com os dedos
é utilizado como especiaria.
O extracto fluído da resina é tomado oralmente como emenagogo,
como expectorante estimulante, como anti-helmíntico, como
afrodisíaco e como estimulante cerebral e do sistema nervoso.
Usos tradicionais na Medicina Indiana
De tempos antigos da Índia, tem a reputação de ser uma droga que
retira vento do estômago e contra actua em desordens espasmódicas.
É também um estimulante do sistema nervoso, digestiva e
sedativa.
A planta seca Lampyris noctiluca é misturada com 200-300 mg de
Ferula e tomada de manhã e ao fim do dia para pedras nos rins e
na vesicula biliar, o nitrato de potássio é adicionado à mistura para
pedras mais antigas. A água quente da resina seca é tomada
oralmente como emenagogo e o extracto da água quente da goma
seca é tomado oralmente como carminativo, anti-espasmódico e
expectorante na bronquite crónica.
O exsudado da goma é comido para prevenir helmintas.
Propriedades Fitoterápicas
Esta planta é da família das Apiáceas. É uma planta annual ou
biena, natural das estepes desérticas do Turquestão, Afeganistão e
Pérsia.
As partes mais utilizadas desta planta são o gomo-óleo-resina obtida
por cortes transversais feitos nas raízes.
Farmalogicamente, é caracterizada por possuir acção anti-séptica e
espasmolítica. Além disso, reconhece-se que fluidifica as secreções
brônquicas.
As suas principais indicações são: gastrites, duodenites, colites,
síndroma do cólo irritável. Não se recomenda a sua utilização na
gravidez.
Propriedades segundo a Medicina
Indiana
A asafoetida permaneceu parte das especiarias comuns indianas
durante séculos e continua a ser utilizada até hoje na medicina e
culinária indianas.
O texto antigo “Kashyapa Samhita” (circa 200 AC) menciona o
momento em que foi pela primeira vez exportada do Afeganistão. O
grande épico indiano Lahabharatha (400 AC a 300AC) inclui
gráficos com descrições de festividades em que era servida.
Estes textos descrevem momentos em que os animais eram cobertos
de ghee, polvilhados com sal marinho, pimenta preta, grelhados e
guarnecidos com romãs., limões, asafoetida e gengibre.
Na Índia é especialmente utilizadas por seguidores do
Vaishhnavismo, Jainismo e pela classe mercantil.
Asafoetida foi o remedio popular mais utilizado para tratar
flatulência, cólicas e constipações em crianças, também foi utilizado
como contraceptivo.
Segundo a ayurveda, o óleo da asafoetida é um remédio promissor
para tratar problemas digestivos e respiratórios. A ayurveda é
conhecida como o sistema de saúde mais antigo do mundo, a
ayurveda é a mãe de todas as práticas médicas tendo as suas raízes
profundas na índia, o país com a tradição histórica mais antiga do
mundo.
AAyurveda é considerada como o único método de cura que
considera o corpo humano como um tempo onde a alma habita.
Afirma que a mãe natureza originou 5 elementos vitais: fogo, terra,
água, ar e éter. Sendo parte da Natureza, o ser humano são
tambémconstituídos desses 5 elementos fundamentais que juntam-se
e formam as energias biológicas chamadas doshas.
Cada pessoa possui um domínio de um desses doshas e isto
determina as suas características, temperamento e atributos
comportamentais. O equilíbrio entre os doshas indica saúde e o
desequilíbrio causa doença. Os medicamentos Ayurvédicos são
prescritos de forma a regular os desequilíbrios dos doshas.
O óleo de assafoetida chamado Heeng em Ayurvedica, aumenta a
energia do dosha pitta e equilibra os doshas Vata e Kapha com
o seu sabor forte e com enormes propriedades terapêuticas. No texto
Ayurvédico Ashtanga Hridaya Su Capítulo 1 é mencionado que: “A
asafoetida mitiga vata e kapha, alivia flatulência e dores de cólicas.
Tem sabor pungente e no fim da digestão agrava pitta, aumenta o
apetite, e melhora a digestão. É fácil de digerir.”
Os benefícios do óleo são benefícios sobre o sistema digestivo:
flatulência, cólicas e indigestões em crianças, adultos e idosos.
Propriedades carminativas, anti-oxidantes e anti-inflamatórias,
alivia gases absominais, intestinais e sensação de inchaço.
Limpa a flora intestinal e aumenta o fogo digestivo. Elimina
todos os tipos de estagnação no tracto gastrointestinal, alivia cólicas
e retira o gás intestinal. O seu aroma forte suaviza a linha do
intestino e do estômago, reduz a distenção, trata espasmos e
aumenta o apetite.
Pode-se massagear a barriga e o abdómen gentilmente com 2 gotas
do óleo de assafoetida centrifugado com 1 ml de óleo de sésamo que
será de grande ajuda no tratamento de vários tipos de estomaquite e
problemas intestinais de uma forma confortável.
Pode-se adicionar 1 gota de óleo Heeng quente na banheira com
água quente para estimular o processo metabólico e para aumentar a
estamina, uma vez que este óleo é conhecido por nutrir o elemento
terra que é responsável pela força e o vigor.
Benefício sobre o sistema respiratório: Foi usado para tratar
constipações, especialmente em crianças. Devido as suas propriedades
anti-microbianas e expectorantes, juntamente com a sua habilidade de
reduzir o kapha dosha, que é responsável pelo excesso de muco e fleuma
depositados que causam constipações e outros problemas respiratórios.
Adicionar 2 gotas de óleo de Heeng para inalações a vapor e massajear no
peito, pescoço e costas para expelir o muco e a fleuma que se deposita
nos brônquios e passagens nasal e respiratória. Asafoetida tem
propriedades antimicrobianas que impedem o crescimento de organismos
infecciosos que pioram a constipação e a tosse.
Benefício sobre o sistema reprodutor: Assafoetida ajuda em problemas
reprodutivos femininos e masculinos de uma forma natural. Pode curar a
impotência, ejaculação precoce e espematorreia em homens aumentando a
libido e age como efectivo afrodisíaco. Misturar 2 colheres de óleo Heeng
com 1 ml de azeite e gentimente massagear o abdómen inferior ou
adicionar 1 gota desse oleo na banheira e tomar banho antes de ir para a
cama. As moléculas terapeuticas do óleo irão penetrar profundamente no
organismo através da pele e estimular o sistema reprodutor masculino.
Benefícios na saúde oral: O óleo de Heeng tem propriedades
antimicrobianas e antisépticas que ajudam a tratar a dor de dentes,
sangramento das gengivas, mau hálito ou halitose e cáries.
Adicionar 1 gota de óleo de Heeg num copo de água quente e usá-lo
para gargarejar e livrar-se de vários problemas orais.
Benefícios sobre todo o corpo: asafoetida é eficiente para estimular
células pancreáticas que secretam insulina normalizando os níveis
de insulina e regulando os níveis de açucar no sangue.
De acordo com certos estudos, tem actividade antioxidante e anti-
cancerígena impedindo o crescimento de células malignas que
causam tumores. Desde tempos antigos é utilizada como antídoto do
opium.
É definida como “Tamásica” segundo a Ayurveda pelas suas
propriedades de resistência, reduz o embotamento, inercia e
escuridão da mente e pode equilibrar um sistema muito emocional,
hiperactivo e caótico.
Homeopatia
“O paciente tem uma grande sensibilidade às impressões
externas. É agitado e inquieto. Irritável.”
As pessoas que respondem bem a este remédio encontram-s num estado
de grande nervosismo, histéricas, hipersensíveis hipocondríacas. Tudo
isso se reflecte nos sintomas físicos, que em geral consistem em
perturbações digestivas e convulsões nervosas. Sensação de que o
estômago se deslocou e vai rebentar a boca, ou que há um caroço no
estômago que sobe em direcção à garganta.
Dor na parte frontal da cabeça, com uma espécie de batimentos dolorosos,
que agrava durante a noite. Nevralgia orbitária, que melhora pelo repouso
e pela pressão.
Sensação de plenitude no interior da cabeça.
O estômago está cheio de gases. Eructações pútridas, com gosto de
alho. Soluços. Emissão de gases com odor fétido, pútrido.
Diarreia causada pela mudança dos hábitos alimentares. As fezes
são aquosas, esverdeadas, e têm muito mau odor. Secreção nasal
com mau odor.
À volta do peito tem uma sensação de forte aperto, impedindo-o de
respirar.
Tendência ao aborto. Dores dos ossos com manifesta agravação
durante a noite.
Os sintomas agravam –durante a noite, ao repousar, quando se está
sentado, ao menor contacto.
Os sintomas melhoram –pelo movimento, ao ar livre, ao
pressionar a zona afectada, ao coçar.
Efeitos comprovados segundos estudos
científicos
● Constituintes fitoquímicos:
Em análises a asafoetida mostrou consistir de hidratos de carbono
(67,8% por 100 gms, 16% de proteína, gordura 1,1% e minerais 7%
e fibra 4,1 %).
Minerais e de vitaminas incluem cálcio, fosforo, ferro, caroteno,
riboflavina e niacina.
Cerca de 25% da goma é composta por glicose, galactose, l-
arabinose, rhamnose, e ácido glucurónico e óleos voláteis.
- Efeitos comprovados no tracto gastrointestinal.
- Considerada útil no tratamento de muitos problemas relacionados
com a mulher como a esterelidade, abortos espontâneos, parto pré-
maturo, leucorreia e dismenorreia
- Ferula asafoetida e a expressão genética: redução significativa
na peroxidação lipídica medida por substancias no fígado dos
ratos.
- Ferula asafoetica e o cancro:
Segundo estudos possui propriedades citoprotectoras,
antioxidantes e anticancerígenas, no entanto, são necessários
mais estudos nesta área.
-Ferula asafoetida e o seu efeito na pressão arterial
Estudos comprovam que tem efeitos hipotensores.
- Efeitos no sistema circulatório
- Protecção celular:
- Efeitos hepatoprotectores
Uma mistura da resina seca, com alho fresco, curcumina
demonstrou ter actividade hepatoprotectora. A oleoresina
isoladamente demonstrou inibição da oxidase hepática.
● Efeito antioxidante
Demonstrou ter efeitos antioxidantes.
● Contra-indicações
Pode podenciar o efeito da Warfarina.
Bibliografia
www.ncbi.lm.nih.gov
Plantas e Produtos Vegetais em Fitoterapia. Fundação Calouste
Gulbenkian. A. Proença da Cunha.
Enciclopédia de Homeopatia
Dr. Andrew Lockie
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3459456/
http://ayurvedicoils.com/tag/ferula-assa-foetida
https://www.planetherbs.com/specific-herbs/asafoetida.html
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25337361
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25237347

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A Importância dos Sub-Doshas No Diagnóstico
A Importância dos Sub-Doshas No DiagnósticoA Importância dos Sub-Doshas No Diagnóstico
A Importância dos Sub-Doshas No DiagnósticoMichele Pó
 
CANDOMBLE-43-Ervas.pdf
CANDOMBLE-43-Ervas.pdfCANDOMBLE-43-Ervas.pdf
CANDOMBLE-43-Ervas.pdfRubiaAlmeida6
 
Alimentação e Ayurveda
Alimentação e AyurvedaAlimentação e Ayurveda
Alimentação e AyurvedaMichele Pó
 
Doshas, fogo digestivo e os alimentos - Mónica Lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos  - Mónica LapaDoshas, fogo digestivo e os alimentos  - Mónica Lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos - Mónica LapaMichele Pó
 
Cartas ciganas e Orixás, por Cris Mendonça
Cartas ciganas e Orixás, por Cris MendonçaCartas ciganas e Orixás, por Cris Mendonça
Cartas ciganas e Orixás, por Cris MendonçaChris Wolf
 
Rituais da Umbanda e Posições Litúrgicas
Rituais da Umbanda e Posições LitúrgicasRituais da Umbanda e Posições Litúrgicas
Rituais da Umbanda e Posições Litúrgicaspaikachambi
 
Linha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraq
Linha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraqLinha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraq
Linha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraqAdri Nzambi
 
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria AfonsoOs gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria AfonsoMichele Pó
 
Prakriti Vata - Tiago Cabeleira
Prakriti Vata - Tiago CabeleiraPrakriti Vata - Tiago Cabeleira
Prakriti Vata - Tiago CabeleiraMichele Pó
 
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia AmoreirinhaA importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia AmoreirinhaMichele Pó
 
46578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp02
46578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp0246578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp02
46578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp02vitor haron
 

Mais procurados (20)

Exus
ExusExus
Exus
 
A Importância dos Sub-Doshas No Diagnóstico
A Importância dos Sub-Doshas No DiagnósticoA Importância dos Sub-Doshas No Diagnóstico
A Importância dos Sub-Doshas No Diagnóstico
 
CANDOMBLE-43-Ervas.pdf
CANDOMBLE-43-Ervas.pdfCANDOMBLE-43-Ervas.pdf
CANDOMBLE-43-Ervas.pdf
 
Alimentação e Ayurveda
Alimentação e AyurvedaAlimentação e Ayurveda
Alimentação e Ayurveda
 
Doshas, fogo digestivo e os alimentos - Mónica Lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos  - Mónica LapaDoshas, fogo digestivo e os alimentos  - Mónica Lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos - Mónica Lapa
 
Cartas ciganas e Orixás, por Cris Mendonça
Cartas ciganas e Orixás, por Cris MendonçaCartas ciganas e Orixás, por Cris Mendonça
Cartas ciganas e Orixás, por Cris Mendonça
 
Ewe orisa
Ewe orisaEwe orisa
Ewe orisa
 
Rituais da Umbanda e Posições Litúrgicas
Rituais da Umbanda e Posições LitúrgicasRituais da Umbanda e Posições Litúrgicas
Rituais da Umbanda e Posições Litúrgicas
 
Sub Dosha Pitta
Sub Dosha PittaSub Dosha Pitta
Sub Dosha Pitta
 
Ifá
IfáIfá
Ifá
 
Gunas e a Mente
Gunas e a MenteGunas e a Mente
Gunas e a Mente
 
Ewe esu
Ewe esuEwe esu
Ewe esu
 
Linha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraq
Linha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraqLinha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraq
Linha de-esquerda-qexu-e-pomba-giraq
 
Estudo sobre Exus
Estudo sobre ExusEstudo sobre Exus
Estudo sobre Exus
 
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria AfonsoOs gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
 
Marmas
MarmasMarmas
Marmas
 
Prakriti Vata - Tiago Cabeleira
Prakriti Vata - Tiago CabeleiraPrakriti Vata - Tiago Cabeleira
Prakriti Vata - Tiago Cabeleira
 
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia AmoreirinhaA importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
 
Insabas de angola
Insabas de angolaInsabas de angola
Insabas de angola
 
46578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp02
46578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp0246578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp02
46578542 tratado-dos-256-odus-de-ifa-brasil1-140828081551-phpapp02
 

Destaque

Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum lPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum lMichele Pó
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...Michele Pó
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta LongaPrincípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta LongaMichele Pó
 
Saúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do RioSaúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do RioMichele Pó
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos CominhosPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos CominhosMichele Pó
 
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca RebelaBhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca RebelaMichele Pó
 
Medicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa FalcãoMedicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa FalcãoMichele Pó
 
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela MassochinRasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela MassochinMichele Pó
 
Salakya Tantra por Joana Nascimento
Salakya Tantra por   Joana NascimentoSalakya Tantra por   Joana Nascimento
Salakya Tantra por Joana NascimentoMichele Pó
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela Michele Pó
 

Destaque (11)

Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum lPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
 
Sub-Doshas
Sub-DoshasSub-Doshas
Sub-Doshas
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta LongaPrincípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
 
Saúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do RioSaúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do Rio
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos CominhosPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
 
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca RebelaBhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
 
Medicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa FalcãoMedicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa Falcão
 
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela MassochinRasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
 
Salakya Tantra por Joana Nascimento
Salakya Tantra por   Joana NascimentoSalakya Tantra por   Joana Nascimento
Salakya Tantra por Joana Nascimento
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
 

Semelhante a Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida

P medicin..
P medicin..P medicin..
P medicin..6E
 
Plantas Medicinais
Plantas Medicinais Plantas Medicinais
Plantas Medicinais 6E
 
Apostila de fitoterapia prof. rogério versolatto
Apostila de fitoterapia prof. rogério versolattoApostila de fitoterapia prof. rogério versolatto
Apostila de fitoterapia prof. rogério versolattoAugusto Santana
 
Apostila do Curso de Fitoterapia Chinesa
Apostila do Curso de Fitoterapia ChinesaApostila do Curso de Fitoterapia Chinesa
Apostila do Curso de Fitoterapia ChinesaRogério Versolatto
 
Plantas medicinais
Plantas medicinaisPlantas medicinais
Plantas medicinais6E
 
Ervas de obaluaie
Ervas de obaluaieErvas de obaluaie
Ervas de obaluaieJuh Rosan
 
Ervas de xango
Ervas de xangoErvas de xango
Ervas de xangoJuh Rosan
 
Ervas aromáticas
Ervas aromáticas Ervas aromáticas
Ervas aromáticas ebsdlavitor
 
Ervas aromáticas (final)
Ervas aromáticas (final)Ervas aromáticas (final)
Ervas aromáticas (final)ebsdlavitor
 
Projeto recriar plantas medicinais
Projeto recriar plantas medicinaisProjeto recriar plantas medicinais
Projeto recriar plantas medicinais2016arqmiriam
 
Receitas Sucos Desintoxicantes 01
Receitas Sucos Desintoxicantes 01Receitas Sucos Desintoxicantes 01
Receitas Sucos Desintoxicantes 01frutadiferente
 
Aula fitoterapia2 (1)
Aula fitoterapia2 (1)Aula fitoterapia2 (1)
Aula fitoterapia2 (1)Simone Dreher
 
95 Tipos De Ervas para banho-1.pdf
95 Tipos De Ervas para banho-1.pdf95 Tipos De Ervas para banho-1.pdf
95 Tipos De Ervas para banho-1.pdfSimone Orlando
 
-Lista de plantas medicinais - nordeste
 -Lista de plantas medicinais - nordeste -Lista de plantas medicinais - nordeste
-Lista de plantas medicinais - nordesteinternet
 
Ervas de ogum
Ervas de ogumErvas de ogum
Ervas de ogumJuh Rosan
 
Cartilha Informativa de Plantas Medicinais
Cartilha Informativa de Plantas MedicinaisCartilha Informativa de Plantas Medicinais
Cartilha Informativa de Plantas MedicinaisPET Agronomia IFPA
 

Semelhante a Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida (20)

P medicin..
P medicin..P medicin..
P medicin..
 
Plantas Medicinais
Plantas Medicinais Plantas Medicinais
Plantas Medicinais
 
Apostila de fitoterapia prof. rogério versolatto
Apostila de fitoterapia prof. rogério versolattoApostila de fitoterapia prof. rogério versolatto
Apostila de fitoterapia prof. rogério versolatto
 
Apostila do Curso de Fitoterapia Chinesa
Apostila do Curso de Fitoterapia ChinesaApostila do Curso de Fitoterapia Chinesa
Apostila do Curso de Fitoterapia Chinesa
 
Plantas medicinais
Plantas medicinaisPlantas medicinais
Plantas medicinais
 
Ervas de obaluaie
Ervas de obaluaieErvas de obaluaie
Ervas de obaluaie
 
Ervas de xango
Ervas de xangoErvas de xango
Ervas de xango
 
Ervas aromáticas
Ervas aromáticas Ervas aromáticas
Ervas aromáticas
 
Ervas aromáticas (final)
Ervas aromáticas (final)Ervas aromáticas (final)
Ervas aromáticas (final)
 
Projeto recriar plantas medicinais
Projeto recriar plantas medicinaisProjeto recriar plantas medicinais
Projeto recriar plantas medicinais
 
Receitas Sucos Desintoxicantes 01
Receitas Sucos Desintoxicantes 01Receitas Sucos Desintoxicantes 01
Receitas Sucos Desintoxicantes 01
 
Livreto aromaterapia
Livreto aromaterapiaLivreto aromaterapia
Livreto aromaterapia
 
Aula fitoterapia2 (1)
Aula fitoterapia2 (1)Aula fitoterapia2 (1)
Aula fitoterapia2 (1)
 
95 Tipos De Ervas para banho-1.pdf
95 Tipos De Ervas para banho-1.pdf95 Tipos De Ervas para banho-1.pdf
95 Tipos De Ervas para banho-1.pdf
 
-Lista de plantas medicinais - nordeste
 -Lista de plantas medicinais - nordeste -Lista de plantas medicinais - nordeste
-Lista de plantas medicinais - nordeste
 
Ch 110331161531-phpapp01
Ch 110331161531-phpapp01Ch 110331161531-phpapp01
Ch 110331161531-phpapp01
 
Ervas de ogum
Ervas de ogumErvas de ogum
Ervas de ogum
 
Chás e cosmética natural
Chás e cosmética naturalChás e cosmética natural
Chás e cosmética natural
 
Feel in sp ace 3
Feel in sp ace 3Feel in sp ace 3
Feel in sp ace 3
 
Cartilha Informativa de Plantas Medicinais
Cartilha Informativa de Plantas MedicinaisCartilha Informativa de Plantas Medicinais
Cartilha Informativa de Plantas Medicinais
 

Mais de Michele Pó

Kaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia PiresKaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia PiresMichele Pó
 
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro SequeiraVaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro SequeiraMichele Pó
 
Toxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio LampreiaToxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio LampreiaMichele Pó
 
Kayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptistaKayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptistaMichele Pó
 
Astro Nutrição
Astro NutriçãoAstro Nutrição
Astro NutriçãoMichele Pó
 
Panchakarma - Rita Quintas
Panchakarma - Rita QuintasPanchakarma - Rita Quintas
Panchakarma - Rita QuintasMichele Pó
 
Doshas, fogo digestivo e os alimentos Mónica lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos   Mónica lapaDoshas, fogo digestivo e os alimentos   Mónica lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos Mónica lapaMichele Pó
 
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia AmoreirinhaA importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia AmoreirinhaMichele Pó
 
Rasayana - Carlos Nunes
Rasayana   - Carlos NunesRasayana   - Carlos Nunes
Rasayana - Carlos NunesMichele Pó
 
Nadis e marmas corporificação da energia e entrada do self
Nadis e marmas  corporificação da energia e entrada do self Nadis e marmas  corporificação da energia e entrada do self
Nadis e marmas corporificação da energia e entrada do self Michele Pó
 
Astrologia aplicada ao diagnóstico
Astrologia aplicada ao diagnóstico Astrologia aplicada ao diagnóstico
Astrologia aplicada ao diagnóstico Michele Pó
 
Os gunas e a mente Diana Silva
Os gunas e a mente Diana SilvaOs gunas e a mente Diana Silva
Os gunas e a mente Diana SilvaMichele Pó
 
História da medicina ayurvédica
História da medicina ayurvédicaHistória da medicina ayurvédica
História da medicina ayurvédicaMichele Pó
 

Mais de Michele Pó (13)

Kaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia PiresKaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia Pires
 
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro SequeiraVaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
 
Toxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio LampreiaToxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
 
Kayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptistaKayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptista
 
Astro Nutrição
Astro NutriçãoAstro Nutrição
Astro Nutrição
 
Panchakarma - Rita Quintas
Panchakarma - Rita QuintasPanchakarma - Rita Quintas
Panchakarma - Rita Quintas
 
Doshas, fogo digestivo e os alimentos Mónica lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos   Mónica lapaDoshas, fogo digestivo e os alimentos   Mónica lapa
Doshas, fogo digestivo e os alimentos Mónica lapa
 
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia AmoreirinhaA importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
A importância dos sub doshas no diagnóstico - Cátia Amoreirinha
 
Rasayana - Carlos Nunes
Rasayana   - Carlos NunesRasayana   - Carlos Nunes
Rasayana - Carlos Nunes
 
Nadis e marmas corporificação da energia e entrada do self
Nadis e marmas  corporificação da energia e entrada do self Nadis e marmas  corporificação da energia e entrada do self
Nadis e marmas corporificação da energia e entrada do self
 
Astrologia aplicada ao diagnóstico
Astrologia aplicada ao diagnóstico Astrologia aplicada ao diagnóstico
Astrologia aplicada ao diagnóstico
 
Os gunas e a mente Diana Silva
Os gunas e a mente Diana SilvaOs gunas e a mente Diana Silva
Os gunas e a mente Diana Silva
 
História da medicina ayurvédica
História da medicina ayurvédicaHistória da medicina ayurvédica
História da medicina ayurvédica
 

Último

UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSdjgsantos1981
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfRafaela Vieira
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMHenrique Pontes
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 

Último (20)

UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 

Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida

  • 1. Curso de Naturopatia e Ciências Tradicionais Holísticas Disciplina: Medicina Ayurvédica Elaborado por: Luna Hora nº7394 Ferula assafoetida
  • 2. Sumário ● História: usos medicinais tradicionais; usos tradicionais na Medicina Indiana. ● Propriedades Fitoterápicas ● Propriedades segundo a visão da Medicina Ayurvédica ● Homeopatia ● Propriedades medicinais confirmadas por estudos científicos ● Bibliografia; estudos científicos
  • 3. História ● Na idade média, um pequeno pedaço da planta era utilizado a volta do pescoço para afastar doenças como constipações e febre. Na Pérsia, foi utilizada como condimento e chamada “o alimento dos deuses”. É um grande componente da famosa fórmula Ayurvédica Hingashtak, e o seu nome em Sânscrito é “hing”. Tem valor medicinal na Europa e Europa de leste. Na magia e mitologia, a asafoetida é utilizada para dar “insight” e banir a energia negativa, espíritos maus e demónios.
  • 4. É usada para invocar deuses masculinos, especialmente os de natureza fálica. Um mito afirma que a asafoetida desenvolve-se a partir do sémen de um deus da fertilidade quando desabrocha a partir do solo. É utilizada na Índia na gastronomia e como medicamento na Medicina Ayurvedica Indiana. A asafoetida tem sido utilizada entre indígenas, particularmente nos povos Unani dos tempos antigos. Utiliza-se como especiaria na Índia e no Irão. O nome em latin “ferula” significa veículo, “asa” significa resina, “foetidus” significa com cheiro fétido. Na antiga Roma, asafoetida era guardada em jarros juntamente com pinhões, que eram utilizados para aromatizar pratos delicados.
  • 5. Textos antigos descrevem-na com o nome de “hingu”, muitos séculos do seu uso constante tem confirmado que os seus usos enquanto especiaria e medicina são de confiança. O seu sabor é amargo e picante mas o seu efeito é suave, afiado, untuoso e quente. Os textos ayurvedicos tem-na categorizado como deepniya e sanjna-sthapaka, o que significa que é um estimulante do apetite e restaurador da consciência.
  • 6. Usos medicinais tradicionais No Afeganistão, água quente extraída da goma seca e a planta é tomada oralmente para a histeria e tosse convulsa e para tratar úlceras. A decocção da planta é tomada oralmente como vermífugo na China. O extracto de água quente da raíz seca é tomada oralmente como antiespasmódico, diurético, vermífugo e analgésico no Egipto. A A goma é mastigada para amenorreia na Malásia e como anti- epiléptico em Marrocos. O extracto aquooso da resina é utilizado no Nepal como anti- helmintico e na Arábia Saudita a goma seca é usada medicinalmente para tosse convulsa, asma e bronquite.
  • 7. No Brasil o extracto aquooso da folha e do rebento são tomados tradicionalmente por via oral, por homens para se utilizado como afrodisíaco e o composto da resina oleosa, é amassado com os dedos é utilizado como especiaria. O extracto fluído da resina é tomado oralmente como emenagogo, como expectorante estimulante, como anti-helmíntico, como afrodisíaco e como estimulante cerebral e do sistema nervoso.
  • 8. Usos tradicionais na Medicina Indiana De tempos antigos da Índia, tem a reputação de ser uma droga que retira vento do estômago e contra actua em desordens espasmódicas. É também um estimulante do sistema nervoso, digestiva e sedativa. A planta seca Lampyris noctiluca é misturada com 200-300 mg de Ferula e tomada de manhã e ao fim do dia para pedras nos rins e na vesicula biliar, o nitrato de potássio é adicionado à mistura para pedras mais antigas. A água quente da resina seca é tomada oralmente como emenagogo e o extracto da água quente da goma seca é tomado oralmente como carminativo, anti-espasmódico e expectorante na bronquite crónica. O exsudado da goma é comido para prevenir helmintas.
  • 9. Propriedades Fitoterápicas Esta planta é da família das Apiáceas. É uma planta annual ou biena, natural das estepes desérticas do Turquestão, Afeganistão e Pérsia. As partes mais utilizadas desta planta são o gomo-óleo-resina obtida por cortes transversais feitos nas raízes. Farmalogicamente, é caracterizada por possuir acção anti-séptica e espasmolítica. Além disso, reconhece-se que fluidifica as secreções brônquicas. As suas principais indicações são: gastrites, duodenites, colites, síndroma do cólo irritável. Não se recomenda a sua utilização na gravidez.
  • 10. Propriedades segundo a Medicina Indiana A asafoetida permaneceu parte das especiarias comuns indianas durante séculos e continua a ser utilizada até hoje na medicina e culinária indianas. O texto antigo “Kashyapa Samhita” (circa 200 AC) menciona o momento em que foi pela primeira vez exportada do Afeganistão. O grande épico indiano Lahabharatha (400 AC a 300AC) inclui gráficos com descrições de festividades em que era servida. Estes textos descrevem momentos em que os animais eram cobertos de ghee, polvilhados com sal marinho, pimenta preta, grelhados e guarnecidos com romãs., limões, asafoetida e gengibre. Na Índia é especialmente utilizadas por seguidores do Vaishhnavismo, Jainismo e pela classe mercantil.
  • 11. Asafoetida foi o remedio popular mais utilizado para tratar flatulência, cólicas e constipações em crianças, também foi utilizado como contraceptivo. Segundo a ayurveda, o óleo da asafoetida é um remédio promissor para tratar problemas digestivos e respiratórios. A ayurveda é conhecida como o sistema de saúde mais antigo do mundo, a ayurveda é a mãe de todas as práticas médicas tendo as suas raízes profundas na índia, o país com a tradição histórica mais antiga do mundo. AAyurveda é considerada como o único método de cura que considera o corpo humano como um tempo onde a alma habita. Afirma que a mãe natureza originou 5 elementos vitais: fogo, terra, água, ar e éter. Sendo parte da Natureza, o ser humano são tambémconstituídos desses 5 elementos fundamentais que juntam-se e formam as energias biológicas chamadas doshas.
  • 12. Cada pessoa possui um domínio de um desses doshas e isto determina as suas características, temperamento e atributos comportamentais. O equilíbrio entre os doshas indica saúde e o desequilíbrio causa doença. Os medicamentos Ayurvédicos são prescritos de forma a regular os desequilíbrios dos doshas. O óleo de assafoetida chamado Heeng em Ayurvedica, aumenta a energia do dosha pitta e equilibra os doshas Vata e Kapha com o seu sabor forte e com enormes propriedades terapêuticas. No texto Ayurvédico Ashtanga Hridaya Su Capítulo 1 é mencionado que: “A asafoetida mitiga vata e kapha, alivia flatulência e dores de cólicas. Tem sabor pungente e no fim da digestão agrava pitta, aumenta o apetite, e melhora a digestão. É fácil de digerir.” Os benefícios do óleo são benefícios sobre o sistema digestivo: flatulência, cólicas e indigestões em crianças, adultos e idosos. Propriedades carminativas, anti-oxidantes e anti-inflamatórias, alivia gases absominais, intestinais e sensação de inchaço.
  • 13. Limpa a flora intestinal e aumenta o fogo digestivo. Elimina todos os tipos de estagnação no tracto gastrointestinal, alivia cólicas e retira o gás intestinal. O seu aroma forte suaviza a linha do intestino e do estômago, reduz a distenção, trata espasmos e aumenta o apetite. Pode-se massagear a barriga e o abdómen gentilmente com 2 gotas do óleo de assafoetida centrifugado com 1 ml de óleo de sésamo que será de grande ajuda no tratamento de vários tipos de estomaquite e problemas intestinais de uma forma confortável. Pode-se adicionar 1 gota de óleo Heeng quente na banheira com água quente para estimular o processo metabólico e para aumentar a estamina, uma vez que este óleo é conhecido por nutrir o elemento terra que é responsável pela força e o vigor.
  • 14. Benefício sobre o sistema respiratório: Foi usado para tratar constipações, especialmente em crianças. Devido as suas propriedades anti-microbianas e expectorantes, juntamente com a sua habilidade de reduzir o kapha dosha, que é responsável pelo excesso de muco e fleuma depositados que causam constipações e outros problemas respiratórios. Adicionar 2 gotas de óleo de Heeng para inalações a vapor e massajear no peito, pescoço e costas para expelir o muco e a fleuma que se deposita nos brônquios e passagens nasal e respiratória. Asafoetida tem propriedades antimicrobianas que impedem o crescimento de organismos infecciosos que pioram a constipação e a tosse. Benefício sobre o sistema reprodutor: Assafoetida ajuda em problemas reprodutivos femininos e masculinos de uma forma natural. Pode curar a impotência, ejaculação precoce e espematorreia em homens aumentando a libido e age como efectivo afrodisíaco. Misturar 2 colheres de óleo Heeng com 1 ml de azeite e gentimente massagear o abdómen inferior ou adicionar 1 gota desse oleo na banheira e tomar banho antes de ir para a cama. As moléculas terapeuticas do óleo irão penetrar profundamente no organismo através da pele e estimular o sistema reprodutor masculino.
  • 15. Benefícios na saúde oral: O óleo de Heeng tem propriedades antimicrobianas e antisépticas que ajudam a tratar a dor de dentes, sangramento das gengivas, mau hálito ou halitose e cáries. Adicionar 1 gota de óleo de Heeg num copo de água quente e usá-lo para gargarejar e livrar-se de vários problemas orais. Benefícios sobre todo o corpo: asafoetida é eficiente para estimular células pancreáticas que secretam insulina normalizando os níveis de insulina e regulando os níveis de açucar no sangue. De acordo com certos estudos, tem actividade antioxidante e anti- cancerígena impedindo o crescimento de células malignas que causam tumores. Desde tempos antigos é utilizada como antídoto do opium. É definida como “Tamásica” segundo a Ayurveda pelas suas propriedades de resistência, reduz o embotamento, inercia e escuridão da mente e pode equilibrar um sistema muito emocional, hiperactivo e caótico.
  • 16. Homeopatia “O paciente tem uma grande sensibilidade às impressões externas. É agitado e inquieto. Irritável.” As pessoas que respondem bem a este remédio encontram-s num estado de grande nervosismo, histéricas, hipersensíveis hipocondríacas. Tudo isso se reflecte nos sintomas físicos, que em geral consistem em perturbações digestivas e convulsões nervosas. Sensação de que o estômago se deslocou e vai rebentar a boca, ou que há um caroço no estômago que sobe em direcção à garganta. Dor na parte frontal da cabeça, com uma espécie de batimentos dolorosos, que agrava durante a noite. Nevralgia orbitária, que melhora pelo repouso e pela pressão. Sensação de plenitude no interior da cabeça.
  • 17. O estômago está cheio de gases. Eructações pútridas, com gosto de alho. Soluços. Emissão de gases com odor fétido, pútrido. Diarreia causada pela mudança dos hábitos alimentares. As fezes são aquosas, esverdeadas, e têm muito mau odor. Secreção nasal com mau odor. À volta do peito tem uma sensação de forte aperto, impedindo-o de respirar. Tendência ao aborto. Dores dos ossos com manifesta agravação durante a noite. Os sintomas agravam –durante a noite, ao repousar, quando se está sentado, ao menor contacto. Os sintomas melhoram –pelo movimento, ao ar livre, ao pressionar a zona afectada, ao coçar.
  • 18. Efeitos comprovados segundos estudos científicos ● Constituintes fitoquímicos: Em análises a asafoetida mostrou consistir de hidratos de carbono (67,8% por 100 gms, 16% de proteína, gordura 1,1% e minerais 7% e fibra 4,1 %). Minerais e de vitaminas incluem cálcio, fosforo, ferro, caroteno, riboflavina e niacina. Cerca de 25% da goma é composta por glicose, galactose, l- arabinose, rhamnose, e ácido glucurónico e óleos voláteis. - Efeitos comprovados no tracto gastrointestinal. - Considerada útil no tratamento de muitos problemas relacionados com a mulher como a esterelidade, abortos espontâneos, parto pré- maturo, leucorreia e dismenorreia
  • 19. - Ferula asafoetida e a expressão genética: redução significativa na peroxidação lipídica medida por substancias no fígado dos ratos. - Ferula asafoetica e o cancro: Segundo estudos possui propriedades citoprotectoras, antioxidantes e anticancerígenas, no entanto, são necessários mais estudos nesta área. -Ferula asafoetida e o seu efeito na pressão arterial Estudos comprovam que tem efeitos hipotensores. - Efeitos no sistema circulatório
  • 20. - Protecção celular: - Efeitos hepatoprotectores Uma mistura da resina seca, com alho fresco, curcumina demonstrou ter actividade hepatoprotectora. A oleoresina isoladamente demonstrou inibição da oxidase hepática. ● Efeito antioxidante Demonstrou ter efeitos antioxidantes. ● Contra-indicações Pode podenciar o efeito da Warfarina.
  • 21. Bibliografia www.ncbi.lm.nih.gov Plantas e Produtos Vegetais em Fitoterapia. Fundação Calouste Gulbenkian. A. Proença da Cunha. Enciclopédia de Homeopatia Dr. Andrew Lockie http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3459456/ http://ayurvedicoils.com/tag/ferula-assa-foetida https://www.planetherbs.com/specific-herbs/asafoetida.html http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25337361 http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25237347