Doença cardíaca crônica e Anemia

216 visualizações

Publicada em

A insuficiência cardíaca é uma doença muito comum, com morbidade e mortalidade severa, e é um motivo freqüente de internação.
A anemia e uma insuficiência renal concomitante são dois principais fatores de risco que contribuem para a gravidade do caso

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
216
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Doença cardíaca crônica e Anemia

  1. 1. Doença cardíaca crônica e Anemia A insuficiência cardíaca é uma doença muito comum, com morbidade e mortalidade severa, e é um motivo freqüente de internação. A anemia e uma insuficiência renal concomitante são dois principais fatores de risco que contribuem para a gravidade do caso.
  2. 2. Doença cardíaca crônica e Anemia A anemia na insuficiência cardíaca é complexa e multifatorial. A hemodiluição, a deficiência de ferro absoluta ou funcional, a ativação da cascata inflamatória e a produção e a atividade diminuídas da eritropoietina são alguns mecanismos patofisiológicos envolvidos na anemia relacionada à insuficiência cardíaca.
  3. 3. Doença cardíaca crônica e Anemia Doenças cardiovasculares estão entre as causas mais freqüentes de morte em todo o mundo. A insuficiência cardíaca é um enorme fardo médico e social e uma das principais causas de hospitalização. Estima-se que 2,6 milhões de hospitalizações por ano nos EUA são devidas à insuficiência cardíaca como um diagnóstico primário ou secundário.
  4. 4. Doença cardíaca crônica e Anemia A anemia é comum em pacientes com doença cardíaca. Encontra-se presente em cerca de um terço dos pacientes com insuficiência cardíaca congestiva (CHF) e em 10% a 20% dos doentes com doença cardíaca coronária (CHD).
  5. 5. Mais de um quarto da população do mundo está anêmica. Aproximadamente metade dessa fatia é resultado de anemia por deficiência de ferro, sendo mais prevalente entre as mulheres e as crianças em fase pré-escolar. O diagnóstico, prevenção e tratamento da deficiência de ferro é, obviamente, uma importante meta de saúde pública, especialmente em países de baixa e média renda. Doença cardíaca crônica e Anemia
  6. 6. Doença cardíaca crônica e Anemia Anemia por inflamação crônica é a causa mais comum de anemia e ocorre em 58% dos pacientes com insuficiência cardíaca com anemia. Anemia por inflamação crônica é um tipo de anemia que comumente ocorre associada a doenças ou infecções crônicas, ou de longa duração.
  7. 7. Solução A absorção do ferro heme é várias vezes maior e a taxa de efeitos colaterais significativamente menor do que para o ferro oral não-heme. O ferro heme é absorvido através de um processo em separado e não tem que ser suspenso quando o tratamento por via intravenosa é iniciado. Isso pode permitir maiores intervalos entre injeções dispendiosas, inconvenientes e dolorosas. O estresse oxidativo também é evitado. O ferro heme não precisa ser suspenso durante as injeções ou terapia EPO, assim como o ferro oral não-heme.
  8. 8. OptiFer® A série OptiFer® de suplementos alimentares de ferro é segura, eficaz e muito bem tolerada, o que é crucial para o sucesso da terapia. Os suplementos podem ser usados durante longos períodos sem nenhuma alteração na eficácia ou a tolerância.

×