Pesquisa de tendências de design
e experiência do usuário para
o mercado editorial:
como as pessoas lerão no futuro?
Como as pessoas lerão livros daqui 10 anos?
Descobrir de que forma as pessoas lerão no futuro,
usando que tipo de artefato...
CONCLUSÃO
CONVERGÊNCIA

DIVERGÊNCIA
Compilação de Dados
(palavras-chaves)
DEFINIÇÕES
Entrevista e Observação com Usuário
O...
OBJETIVO
Como as pessoas lerão livros daqui 10 anos? Descobrir de que forma as
pessoas lerão no futuro, usando que tipo de...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Estudo de Caso

Obse...
Entrevista e Observação com Usuário

Ricardo Orengo

Entrevista e Observação e Livraria

Marco Prybysz

13 anos

11 anos

...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Estudo de Caso

Cons...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista e Observação em Livraria
Foi realizada...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Estudo de Caso

Como...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Comparação dos valores cobrados
pelos e-books e p...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Estudo de Caso

Entr...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Monica Fernandes
Esp...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Estudo de Caso

CONS...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Estudo de Caso
Pottermore é a mais recente (2011)...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Estudo de Caso

Para...
Entrevista e Observação com Usuário

Entrevista e Observação e Livraria

Entrevista com Especialista

Estudo de Caso

CONS...
E-books Web
Games

Livros
Redes Sociais Técnicos

Simulação de
Livro Impresso

Hábito
de Leitura
Conclusão
A pesquisa realizada identificou a tendência e disposição
dos usuários em ter um device (aparelho eletrônico)

p...
TAL, F. de. Nome do trabalho publicado. In: Congresso Brasileiro de Exemplo, 1., Antares, 29 a 31 fev. 2005.
Anais do I Co...
Obrigado!
Ludmyla Gaudeda
Rafael Miashiro
Universidade Positivo
Design Centrado no Usuário

Projeto Final

Prof. Marcio Fa...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Pesquisa de tendência de design e experiência do usuário para o mercado editorial: como as pessoas lerão no futuro?

639 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
639
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pesquisa de tendência de design e experiência do usuário para o mercado editorial: como as pessoas lerão no futuro?

  1. 1. Pesquisa de tendências de design e experiência do usuário para o mercado editorial: como as pessoas lerão no futuro?
  2. 2. Como as pessoas lerão livros daqui 10 anos? Descobrir de que forma as pessoas lerão no futuro, usando que tipo de artefato (digital ou não) e quais tipos de experiências serão interessantes.
  3. 3. CONCLUSÃO CONVERGÊNCIA DIVERGÊNCIA Compilação de Dados (palavras-chaves) DEFINIÇÕES Entrevista e Observação com Usuário Objetivos Entrevista com Especialista Objetivos Específicos Entrevista e Observação e Livraria Hipoteses Estudo de Caso Plano de Pesquisa
  4. 4. OBJETIVO Como as pessoas lerão livros daqui 10 anos? Descobrir de que forma as pessoas lerão no futuro, usando que tipo de artefato (digital ou não) e quais tipos de experiências serão interessantes. OBJETIVOS ESPECÍFICOS 1. Verificar a aderência do público-alvo frente aos dispositivos eletrônicos disponíveis para leitura; 2. Mostrar possibilidades de novas experiências de leitura. HIPÓTESE Com as novas possibilidades que o meio digital traz, a leitura será feita através de imagens e links, e a cada novo capítulo lido, as pessoas compartilharão e comentarão com seus amigos através de redes sociais. Apesar de crescente as mudanças tecnológicas, daqui a 10 anos - em 2022, a leitura com o livro físico e a leitura com o livro digital coexistirão, dependendo do usuário e da característica de cada livro.
  5. 5. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Estudo de Caso Observação e Entrevistas com pré-adolescentes O foco da observação e entrevista foi baseado em pessoas com interesse na leitura e idade entre 11 a 15 anos. Esse público-alvo foi destacado pelo fato de: se há habito de leitura nessa idade, grandes chances de serem leitores futuramente. Os pré-adolescentes observados e entrevistados nesta etapa da pesquisa tem uma característica em comum, são pessoas com altas habilidades (super-dotação). A definição desse perfil ocorreu pelo acolhimento na que tange a concessão para observação passiva e uma possível abordagem direta liberada pela coordenação da oficina de altas habilidades localizada no Instituto de Educação do Paraná.
  6. 6. Entrevista e Observação com Usuário Ricardo Orengo Entrevista e Observação e Livraria Marco Prybysz 13 anos 11 anos playstation God of War internet 12 horas diárias tumblr leitura no futuro? “ A leitura vai estar na internet as pessoas vão dar mais preferência em e-book.” Rap Eminem games quer ser Biólogo Gosta de ler Mangá estilo estilo games Estudo de Caso Taylor de Lara 15 anos Rock Alternativo Metallica Entrevista com Especialista Vampiro - O Diário Perdido playstation God of War leitura no futuro? “ Você poderá folhear o livro no ar, (...) como se não precisasse segurar.” primeiro lugar olimpíadas de matemática quer ser Engenheiro Gosta de ler de aviões João Guimarães Rosa games playstation 3 Gosta de miniatura leitura no futuro? “ A leitura vai ser
  7. 7. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Estudo de Caso Considerações Um item incomum nos três entrevistados é o interesse pelo video game Playstation, o que pode citar uma tendência em “gamification” para o futuro da leitura, pois um nicho de mercado que costuma ler livros físicos, poderá também integrar a leitura com jogos.
  8. 8. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista e Observação em Livraria Foi realizada uma pesquisa de campo na Livraria Cultura, em Curitiba. O objetivo foi colher informações sobre a venda de e-books: como é realizada, valores comparados com livros impressos e opiniões de vendedores. Entrevista com Especialista Estudo de Caso
  9. 9. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Estudo de Caso Como é feita a venda de e-books dentro da livraria? Exposta ao lado dos livros impressos. A compra de um e-book pode ser realizada pela internet ou pela livraria. O cliente efetua o pagamento e recebe um link para download do livro (PDF ou ePub), e pode fazer o download até 6 vezes. Não possuem proteção contra cópia.
  10. 10. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Comparação dos valores cobrados pelos e-books e pelos livros impressos Os e-books ainda não possuem um preço muito abaixo dos livros impressos, apesar da tendência de diminuição do preço ao passar dos meses, segundo os vendedores. Ainda é possível encontrar e-books acima de R$70,00. Entrevista com Especialista Estudo de Caso
  11. 11. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Estudo de Caso Entrevista com vendedores da livraria O principal motivo identificado para a compra de e-books é o excessivo peso que todos os livros necessários para as aulas possuem. E-book pela praticidade, e não pelo preço. Os vendedores também percebem uma diminuição do preço dos e-books, que segundo eles, é uma tendência devido a cada vez maior popularização dos aparelhos para leitura digital.
  12. 12. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Monica Fernandes Especialista em Experiência do Usuário na Positivo Informática O objetivo principal da entrevista com a especialista foi tentar identificar tendências para o mercado editorial, para isso, foi questionado a questão de direitos autorais de autores, crescimento do hábito de leitura, modelos de negócios de start ups relacionados a livros digitais bem como alguns problemas encontrados em devices para leitura digital. Entrevista completa em: http://designcentradonousuario.wordpress.com Estudo de Caso
  13. 13. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Estudo de Caso CONSIDERAÇÕES Durante a entrevista, os pontos mais citados foram: 1. Tela de computador é ruim para leitura: computador não é adequado para leituras. 2. Hábito de leitura começa em casa: o aumento no número de leitores depende da educação. 3. Interação: interfaces precisam ser consistentes. 4. Qualidade de texto: o papel da editora é essencial para manter a qualidade do livro. 5. Livros técnicos: a venda de e-books é maior na área de livros técnicos, devido ao excesso de peso dos livros impressos. 6. Compartilhamento: seria interessante uma “leitura social”, onde a pessoa mostra o que está lendo para seus amigos.
  14. 14. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Estudo de Caso Pottermore é a mais recente (2011) iniciativa do popular universo de Harry Potter, de J.K. Rowling. A iniciativa é uma transmídia voltada para milhões de fãs de Harry Potter ao redor do mundo. A autora define Pottermore como uma experência online interativa para a “geração digital”. Entrevista com Especialista Estudo de Caso
  15. 15. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Estudo de Caso Para esta análise, a plataforma foi utilizada até o capítulo, sendo marcada nas imagens vários tipos de interação. Rede social própria Nova forma de ler um texto Elementos WEB Complementação com vídeo Elementos de jogo Simulação de Livro Impresso
  16. 16. Entrevista e Observação com Usuário Entrevista e Observação e Livraria Entrevista com Especialista Estudo de Caso CONSIDERAÇÕES Pottermore é uma plataforma interessante por englobar várias mídias, algo pioneiro no setor editorial. O sucesso se deve em grande parte por se tratar de um público extremamente engajado e jovem, aberto à mudanças de paradigmas. Porém, talvez não seja aplicável à vários tipos de livros, pois depende muito do público-alvo. Um público que não esteja habituado às mídias digitais e games, poderá encontrar dificuldades para utilizá-lo. Outra questão importante é salientar que a plataforma não é voltada para a primeira leitura do livro. A autora deixa claro que é uma nova experiência de leitura, porém, complementar à leitura tradicional. Pottermore é uma plataforma inovadora se levarmos em conta o ano atual. Mas como vivemos em uma fase em que cada vez as mídias digitais são utilizadas, é possível que daqui a 10 anos não haja grandes dificuldades de utilizá-la e ela pode ser tornar comum.
  17. 17. E-books Web Games Livros Redes Sociais Técnicos Simulação de Livro Impresso Hábito de Leitura
  18. 18. Conclusão A pesquisa realizada identificou a tendência e disposição dos usuários em ter um device (aparelho eletrônico) para leitura, principalmente movidos pela facilidade de transporte. Foram percebidas diversas tendências que transformam a leitura convencional em uma experiência diferenciada. Tais como não-linearidade (proporcionada por hiperlinks e games), gamification e leitura social (diálogos e compartilhamentos). As novas gerações não apresentam barreiras pessoais contra a adoção de devices de leitura e nem contra novas formas de leitura. Isso pode significar para o mercado editorial uma oportunidade de negócio gigantesca. Há muitas possibilidades de proporcionar experiências de leitura diversificadas para cada público.
  19. 19. TAL, F. de. Nome do trabalho publicado. In: Congresso Brasileiro de Exemplo, 1., Antares, 29 a 31 fev. 2005. Anais do I Congresso Brasileiro de Exemplo. Antares: Instituição, 2005. p.102-118. AMBROSE, G.; HARRIS,P. Design Thinking. Bookman, 2011. BOTTENTUIT, J.B.; COUTINHO, C. P. A Problemática dos E-Books: um contributo para o estado da arte. Memorias da 6a Conferencia Ibero- americana em Sistemas, Cibernética e Informática (CISCI). Pg.106-111, Vol. 2. Orlando, EUA, 2007. BRUCE, M. ; J. BESSANT, J. Design in business : strategic innovation through design. Harlow, Financial Times Prentice Hall, 2002. CAMPBELL, D. T. ; STANLEY, J. C. Experimental and quasi-experimental designs for research. Chicago: Rand McNally, 1963. DENZIN, N. K.; LINCOLN, Y. S. Introduction: entering the field of qualitative research. In:. DENZIN, N. K.; LINCOLN, Y. S. Handbook of qualitative research. Thousand Oaks: Sage, 1994. FLICK, U. Entrevista episódica. Em M. W. Bauer & G. Gaskell, G. (Orgs.), Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático (pp. . (P. A. Guareschi, Trad.). Petrópolis: Vozes, 2000. GÜNTHER, I. A. Pesquisa para conhecimento ou pesquisa para decisão? Psicologia: Reflexão e Crítica, 1, 1986. MAYRING, Ph. Einführung in die qualitative Sozialforschung [Introdução à pesquisa social qualitativa]. (5a ed.). Weinheim: Beltz, 2002. PROCÓPIO, E. O livro na era digital: o mercado editorial e as mídias digitais, 2010. PUCHASKI, K. Feel the Future: Perceptions of branding and design towards product development in the motor industry. Thesis submitted to the Board of Research of the Royal College of Art for the degree of Doctor of Philosophy, 2008. UNGER, R.; CHANDLER, C. Guia para projetar UX. Rio de Janeiro: Alta Books, 2009. VOGT, W. P. Dictionary of statistics and methodology: A nontechnical guide for the social scientist. Newbury Park: Sage, 1993. VON STAMM, B. Managing innovation, design and creativity. Chichester, Wiley, 2003. YIN, R. K. Case study research: Design and methods (3rd ed.). Thousand Oaks, CA: Sage, 2003. LEEDY, P.D. Practical Research: Planning and design (6th ed.). Columbus, OH: Merrill, 1997.
  20. 20. Obrigado! Ludmyla Gaudeda Rafael Miashiro Universidade Positivo Design Centrado no Usuário Projeto Final Prof. Marcio Fabio Leite

×