Curso Profissional: Técnico de Energias RenováveisDisciplina: Área de IntegraçãoProfessor: Maria Helena Roque
•Um em seis cidadãos da União Europeia é portador deuma deficiência, mais ou menos profunda, o querepresenta cerca de 80 m...
•A Estratégia Europeia para a Deficiência tem comoobjetivo permitir que os deficientes possam ter uma vidacomo qualquer ou...
• A Comissão Europeia considerará também aoportunidade de propor uma «Lei Europeia daAcessibilidade» para desenvolver norm...
•Significa que as pessoas com deficiência têm acesso, emcondições de igualdade com os demais cidadãos, aoambiente físico, ...
•São ainda muitos os obstáculos que impedem aspessoas com deficiência de exercerem a sua participaçãona sociedade com os o...
•A Comissão promoverá a igualdade de tratamento daspessoas com deficiência, através de uma abordagemassente em duas verten...
•A taxa de emprego das pessoas com deficiência fica-sepelos 50%.•Para concretizar as metas de crescimento da UE, énecessár...
•O acesso ao ensino regular das crianças comdeficiências profundas é difícil e por vezes segregado. Aspessoas com deficiên...
•As pessoas com deficiência têm o poder debeneficiar dos sistemas de proteção social e dosprogramas de redução da pobreza,...
•As pessoas com deficiência nem sempre têm plenoacesso aos serviços de saúde, incluindo tratamentosmédicos de rotina, o qu...
• O mais importante é conseguir uma maior taxa deemprego para pessoas com deficiência.•A única forma de atingir este objet...
•Desenvolver normas de acessibilidade para exercer odireito de voto e ter acesso ao material das campanhaseleitorais.•Ter ...
http://ec.europa.eu/news/justice/101115_pt.htmDocumentos fornecidos pela professora - “EstratégiaEuropeia para a Deficiênc...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estratégia europeia para a deficiência inês 12ºer (2)

153 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
153
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estratégia europeia para a deficiência inês 12ºer (2)

  1. 1. Curso Profissional: Técnico de Energias RenováveisDisciplina: Área de IntegraçãoProfessor: Maria Helena Roque
  2. 2. •Um em seis cidadãos da União Europeia é portador deuma deficiência, mais ou menos profunda, o querepresenta cerca de 80 milhões de pessoas que, comfrequência, se vêm impedidas de participar plenamente nasociedade e na economia devido a barreiras físicas ecomportamentais. A taxa de pobreza das pessoas comdeficiência é 70% superior à média, em parte devido alimitações no acesso ao emprego e a baixos níveis deeducação.
  3. 3. •A Estratégia Europeia para a Deficiência tem comoobjetivo permitir que os deficientes possam ter uma vidacomo qualquer outra pessoa e usufruir de todos os direitosque lhes assistem enquanto cidadãos da UE.
  4. 4. • A Comissão Europeia considerará também aoportunidade de propor uma «Lei Europeia daAcessibilidade» para desenvolver normas europeiasaplicáveis a produtos, serviços e edifícios públicos. Issofacilitaria, por exemplo, o comércio transfronteiras ebaixaria o custo de dispositivos de assistência, comocadeiras de rodas ou teclados adaptados.• A Comissão identificou 8 áreas de ação para grandesobjetivos de estratégia : a acessibilidade, a participação, aigualdade, o emprego, a educação e formação, a proteçãosocial, a saúde e ação externa.
  5. 5. •Significa que as pessoas com deficiência têm acesso, emcondições de igualdade com os demais cidadãos, aoambiente físico, aos transportes, aos sistemas e tecnologiasda informação e comunicação (TIC) e a outras instalaçõese serviços.•A acessibilidade é uma condição prévia da participaçãona sociedade e na economia, mas a UE tem ainda umlongo caminho a percorrer para alcançar este objetivo.•Garantir às pessoas com deficiência a acessibilidade debens e serviços, incluindo os serviços públicos, e dedispositivos de assistência.
  6. 6. •São ainda muitos os obstáculos que impedem aspessoas com deficiência de exercerem a sua participaçãona sociedade com os outros cidadãos.•A participação das atividades culturais, recreativas edesportivas são um dos obstáculos pela qual os deficientestentam modificar.
  7. 7. •A Comissão promoverá a igualdade de tratamento daspessoas com deficiência, através de uma abordagemassente em duas vertentes: a legislação da UE atualgarante a proteção contra a discriminação e a melhoria daigualdade de oportunidades nas políticas da UE.•A Comissão terá ainda em consideração o impactoassociado à discriminação de que possam ser vítimas aspessoas com deficiência por outros motivos, tais como anacionalidade, a idade, a raça ou etnia, o sexo, a religiãoou crença ou a orientação sexual.
  8. 8. •A taxa de emprego das pessoas com deficiência fica-sepelos 50%.•Para concretizar as metas de crescimento da UE, énecessário que mais pessoas com deficiência possamexercer uma atividade remunerada no mercado geral doemprego, por isso até 2020 irá ser criado NovasCompetências e Novos Empregos.
  9. 9. •O acesso ao ensino regular das crianças comdeficiências profundas é difícil e por vezes segregado. Aspessoas com deficiências, em particular as crianças, têm deser integradas no sistema geral de ensino e beneficiar deapoio individual, no interesse dessas crianças.
  10. 10. •As pessoas com deficiência têm o poder debeneficiar dos sistemas de proteção social e dosprogramas de redução da pobreza, dos apoios àdeficiência, dos programas de habitação pública eoutros serviços de base, bem como de programas emmatéria de reforma e prestações sociais.
  11. 11. •As pessoas com deficiência nem sempre têm plenoacesso aos serviços de saúde, incluindo tratamentosmédicos de rotina, o que conduz a desigualdades nodomínio da saúde que não têm a ver com as suasdeficiências.
  12. 12. • O mais importante é conseguir uma maior taxa deemprego para pessoas com deficiência.•A única forma de atingir este objetivo é a inclusão daspessoas com deficiência, para que a taxa de emprego em2020 seja de 75%.•Adotar medidas, para atingir a meta de uma educação eformação inclusivas e de qualidade.•Contribuir para o reconhecimento mútuo dos cartões dedeficiência em toda a UE com vista a assegurar a igualdadede tratamento das pessoas que trabalham, vivem ou viajamno espaço europeu.
  13. 13. •Desenvolver normas de acessibilidade para exercer odireito de voto e ter acesso ao material das campanhaseleitorais.•Ter em conta os direitos das pessoas com deficiêncianos programas de desenvolvimento destinados aos paísesterceiros e no âmbito do alargamento da UE.
  14. 14. http://ec.europa.eu/news/justice/101115_pt.htmDocumentos fornecidos pela professora - “EstratégiaEuropeia para a Deficiência 2010-2020”

×