Reflexão final

204 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
204
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Reflexão final

  1. 1. Oficina de Formação – A Biblioteca Escolar Web 2.0 REFLEXÃO FINALAo chegar ao final deste ciclo, é imperativo fazer-se uma avaliação do trabalho efetuado.Há que fazer uma reflexão sobre o ponto de partida, o percurso e o ponto de chegada.O ponto de partida, foi um quase completo desconhecimento acerca deste “mundo” que éa Web 2.0.O percurso foi uma longa caminhada de muita descoberta, muita aprendizagem e muitotrabalho.O ponto de chegada é a certeza de que continua a haver um mundo por descobrir, agoraum pouco menos desconhecido, cheio de potencialidades, com um longo caminho, aindaa descobrir.Terminado o trabalho, é altura para fazer um balanço muito positivo em termos deobjetivos. Consegui perceber o conceito da web 2.0., conhecer as suas enormespotencialidades e esclarecer alguns conceitos associados, sentindo-me muito mais àvontade para a sua utilização. Consequentemente e muito importante foi o refletir sobrea importância que o professor bibliotecário tem na assunção da Web 2.0 junto da escola,em geral e, dos alunos, em particular. Para que isso seja possível, o PB tem que, elepróprio e antes de mais nada, dominar as ferramentas da Web 2.0, pois só assimdesempenhará corretamente o seu papel rumo à criação de uma Biblioteca Escolar 2.0..Nesta medida, a formação teve um papel importantíssimo.No que diz respeito ao cronograma da ação, horas despendidas e componenteteórico/prática, tendo em conta o cariz da formação (formação online), penso que nãopoderia ter sido de outra forma. Por vezes, confesso que senti muita dificuldade, sentinecessidade de uma formação presencial onde as tarefas iam sendo executadas passo apasso, com o auxílio do formador a cada dificuldade sentida. Esta dificuldade acabou porse transformar num desfio que foi vencer as dificuldades com recurso às formadoras, àdocumentação apresentada e, muito importante, ao trabalho em rede com todos osrestantes formandos.Uma formação online com esta temática, com a quantidade, variedade e complexidade deferramentas a explorar, exigiu o dispêndio de bastante tempo que, por vezes, foi difícil deconciliar com as restantes atribuições de um PB, contudo, manifestamente insuficientespara tudo aquilo que há a explorar.Maria de Fátima Lopes Silva Correia
  2. 2. Oficina de Formação – A Biblioteca Escolar Web 2.0A minha motivação para realização desta ação foi muito grande por ser uma temáticaque considero de vital importância, por um lado; por outro lado, por sentir ser um dever,uma obrigação da minha parte, como professora bibliotecária, adquirir maisconhecimentos nesta área.Durante o decorrer da formação, executei sempre as tarefas distribuídas nas váriassessões, encarando-as como uma mais-valia na aquisição de mais saber acerca datemática. Senti uma enorme satisfação ao conseguir a concretização de cada uma dastarefas, sentindo a evolução acontecer de sessão para sessão. Os desafios lançadosfizeram com que eu fosse descobrindo cada vez mais e, por outro lado, sentisse quehavia ainda muito trabalho a fazer, muito a descobrir (mas agora com mais segurança).A partilha conseguida neste formato de formação, é, sem dúvida um dos seus pontosmais positivos. É muito positivo e enriquecedor partilhar, comentar, participarpositivamente na rede criada, saindo todos, com toda a certeza, muito mais ricos.Para a consecução dos objetivos foi decisiva a documentação fornecida, sempreoportuna, pertinente, adequada e fundamental, agora e no futuro.Para finalizar e globalmente, a formação foi muito interessante, pertinente, adequada eútil. Superou as minhas expetativas, sentindo-me hoje mais capaz e confiante com osconhecimentos adquiridos e simultaneamente muito mais consciente do árduo e urgentecaminho que todos temos que percorrer rumo à Biblioteca 2.0..O caminho é longo! Não podemos perder tempo; contudo, com esta formação, sinto-memais desperta, mais capaz de me aventurar na aventura das enormes potencialidades daWeb 2.0. pois, sei que só assim poderei oferecer um serviço/apoio de qualidade na BEonde sou professora bibliotecária.Deixo ainda uma referência aos colegas. Apesar de não ser presencial, senti-me semprepróxima dos colegas, aprendendo com os trabalhos deles, enriquecendo com aspartilhas, fomentando um trabalho colaborativo que, sem dúvida, nos enriquecerá atodos.Para finalizar, uma palavra de congratulação às formadoras que, como é habitual, com asua visão estratégica, nos apresentaram esta formação tão pertinente e que, sem dúvidaalguma, muito nos enriqueceu.Um bem haja a todos os envolvidos nesta formação pela oportunidade.A formandaMaria de Fátima Lopes Silva Correia
  3. 3. Oficina de Formação – A Biblioteca Escolar Web 2.0Fátima CorreiaMaria de Fátima Lopes Silva Correia

×