SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
RTC
Marcos Abreu
Rendimento Total Corrigido
Conceito do Indicador - RTC
• Sigla de Rendimento Total Corrigido;
• Índice que correlaciona os diversos parâmetros da indústria,
quando se compara unidades de mix distintos de açúcar e
álcool;
• Sugestão FERMENTEC;
• Não confundir RTC com Recup. Total (Eficiência Industrial):
Como o RTC é calculado
( )( )
100
)(%
*)(
)
5957,0
)(
(63,52*
CanaART
kgMoídaCana
PROCESSOL
PROCESSOA
RTC
∆+
+∆+
=
A = Sacos de Açúcar Remanescente
L = Litros de Álcool Absoluto
Processo = Envolve Álcool, Açúcar e mais Remanescente Comprado,
Vendido e Estocado.
Fator de Conversão
de VHP em ART
Fator de Conversão
de Álcool Absoluto
em ART
Fatores Impactantes no RTC
RTC
Dextrana
Perdas
Industriais
Produção
de Álcool
%ART
Cana Entrada
Cana Moída
Produção
de Açúcar
Fatores Impactantes no RTC
Perdas
Industriais
Físicas
Químicas
Bagaço
Torta
Pó de Açúcar
Vazamentos
Microbiológicas
Hidrólise da
Sacarose
Ação de Enzimas
pH
Temperatura
Hidrólise da
Sacarose
Ação de Bactérias
Ação de Leveduras
Classificação das Perdas
Gerenciamento da Rotina
Caso: Perdas na Destilação
Ver PTP
Ver IT
Perda na Vinhaça
0,000
0,010
0,020
0,030
0,040
0,050
0,060
0,070
16-set 17-set 18-set 19-set 20-set 21-set 22-set 23-set 24-set 25-set 26-set 27-set 28-set 29-set 30-set
%PerdanaVinhaça
Turno A
Turno B
Turno C
Média
% Perda aceitavel no GL
da vinhaça menor que
0,030%
Parabens Pessoal atingimos a melhor média da safra na Perda da Vinhaça
no mês de Setembro que foi de 0,017% continuemos assim, melhorando cada
Benchmark = 95,50
91,80% – 90,54% = 1,26%
(Meta) (Recuperado)(Realizado)
280.000 ton de ART
717.000 L Álcool Hidratado
2.506,76 ton VHP
+
Impacto na receita – RTC acima da meta
* estimativa
y = -0,4274x + 51,249
R
2
= 0,9842
-
2,0
4,0
6,0
8,0
10,0
12,0
14,0
16,0
84,00 86,00 88,00 90,00 92,00 94,00 96,00
RTC (%)
Custo(R$/m3-
-absoluto)
Definição de Negócio,
característica do produto e itens
de controle
Produzir com Qualidade
Eficácia: Fazer as coisas certas. Fazer o que
deve ser feito. O grau com que as
expectativas dos clientes são atendidas pelo
produto.
Eficiência: Fazer as coisas do jeito certo.
Grau de aproveitamento dos recursos
utilizados para produzir bens e serviços
aos clientes.
Efetividade:
Eficácia + eficiência!!!
Obrigada pela atenção!!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento Fermentador
Treinamento FermentadorTreinamento Fermentador
Treinamento FermentadorMarcos Abreu
 
5-Treinamento Fermentação /Destilação
5-Treinamento Fermentação /Destilação5-Treinamento Fermentação /Destilação
5-Treinamento Fermentação /DestilaçãoLeandro Cândido
 
Modulo 02 fluxograma de fabricação do açúcar
Modulo 02 fluxograma de fabricação do açúcarModulo 02 fluxograma de fabricação do açúcar
Modulo 02 fluxograma de fabricação do açúcarconfidencial
 
Apostila açúcar e álcool
Apostila açúcar e álcoolApostila açúcar e álcool
Apostila açúcar e álcoolRicardo Ferreira
 
Extração e Tratamento de Caldo
Extração e Tratamento de Caldo Extração e Tratamento de Caldo
Extração e Tratamento de Caldo Leandro Cândido
 
Pagamento de cana por teor de sacarose
Pagamento de cana por teor de sacarose Pagamento de cana por teor de sacarose
Pagamento de cana por teor de sacarose Leandro Cândido
 
6-Treinamento Levedura Seca
6-Treinamento Levedura Seca6-Treinamento Levedura Seca
6-Treinamento Levedura SecaLeandro Cândido
 
O processo de fabricação de açúcar e álcool na usina
O processo de fabricação de açúcar e álcool na usinaO processo de fabricação de açúcar e álcool na usina
O processo de fabricação de açúcar e álcool na usinaCleuber Martins
 
Apresentação Açucar e Alcool
Apresentação Açucar e AlcoolApresentação Açucar e Alcool
Apresentação Açucar e AlcoolWagner Gonsalez
 
Centrifugas de fermento
Centrifugas de fermentoCentrifugas de fermento
Centrifugas de fermentoMágda Correia
 
Aula 4. balanço de massa com reação química
Aula 4. balanço de massa com reação químicaAula 4. balanço de massa com reação química
Aula 4. balanço de massa com reação químicaLéyah Matheus
 
Treinamento Operador de Separadora de Fermento
Treinamento Operador de Separadora de FermentoTreinamento Operador de Separadora de Fermento
Treinamento Operador de Separadora de FermentoMarcos Abreu
 

Mais procurados (20)

Treinamento Fermentador
Treinamento FermentadorTreinamento Fermentador
Treinamento Fermentador
 
5-Treinamento Fermentação /Destilação
5-Treinamento Fermentação /Destilação5-Treinamento Fermentação /Destilação
5-Treinamento Fermentação /Destilação
 
Alcool
AlcoolAlcool
Alcool
 
Modulo 02 fluxograma de fabricação do açúcar
Modulo 02 fluxograma de fabricação do açúcarModulo 02 fluxograma de fabricação do açúcar
Modulo 02 fluxograma de fabricação do açúcar
 
Apostila açúcar e álcool
Apostila açúcar e álcoolApostila açúcar e álcool
Apostila açúcar e álcool
 
Extração e Tratamento de Caldo
Extração e Tratamento de Caldo Extração e Tratamento de Caldo
Extração e Tratamento de Caldo
 
Pagamento de cana por teor de sacarose
Pagamento de cana por teor de sacarose Pagamento de cana por teor de sacarose
Pagamento de cana por teor de sacarose
 
6-Treinamento Levedura Seca
6-Treinamento Levedura Seca6-Treinamento Levedura Seca
6-Treinamento Levedura Seca
 
O processo de fabricação de açúcar e álcool na usina
O processo de fabricação de açúcar e álcool na usinaO processo de fabricação de açúcar e álcool na usina
O processo de fabricação de açúcar e álcool na usina
 
Apresentação Açucar e Alcool
Apresentação Açucar e AlcoolApresentação Açucar e Alcool
Apresentação Açucar e Alcool
 
Centrifugas de fermento
Centrifugas de fermentoCentrifugas de fermento
Centrifugas de fermento
 
Preparo da Cana-de-açúcar
Preparo da Cana-de-açúcarPreparo da Cana-de-açúcar
Preparo da Cana-de-açúcar
 
Dornas de fermentacao
Dornas de fermentacaoDornas de fermentacao
Dornas de fermentacao
 
Regulagem das moendas
Regulagem das moendasRegulagem das moendas
Regulagem das moendas
 
Açucar e Alcool
Açucar e AlcoolAçucar e Alcool
Açucar e Alcool
 
Elaboraçao de vinhos
Elaboraçao de vinhosElaboraçao de vinhos
Elaboraçao de vinhos
 
Fabricação do alcool
Fabricação do alcoolFabricação do alcool
Fabricação do alcool
 
Açúcar e Alcool
Açúcar e AlcoolAçúcar e Alcool
Açúcar e Alcool
 
Aula 4. balanço de massa com reação química
Aula 4. balanço de massa com reação químicaAula 4. balanço de massa com reação química
Aula 4. balanço de massa com reação química
 
Treinamento Operador de Separadora de Fermento
Treinamento Operador de Separadora de FermentoTreinamento Operador de Separadora de Fermento
Treinamento Operador de Separadora de Fermento
 

Semelhante a O que é RTC e como calcular

121128 luciano-rodrigues
121128 luciano-rodrigues121128 luciano-rodrigues
121128 luciano-rodriguesAgroTalento
 
Seminário stab 2013 industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...
Seminário stab 2013   industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...Seminário stab 2013   industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...
Seminário stab 2013 industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...STAB Setentrional
 
Studies on sugarcane energy in Brazil.pptx
Studies on sugarcane energy in Brazil.pptxStudies on sugarcane energy in Brazil.pptx
Studies on sugarcane energy in Brazil.pptxgusgrafon
 
Proposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptx
Proposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptxProposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptx
Proposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptxFilipeQuintino5
 
Como calcular o valor da tonelada de cana
Como calcular o valor da tonelada de canaComo calcular o valor da tonelada de cana
Como calcular o valor da tonelada de canaRural Pecuária
 
Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011
Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011
Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011CelpaRI
 
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa NacionalRio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa NacionalRio Info
 
Principais calculos de eficiencia indust
Principais calculos de eficiencia industPrincipais calculos de eficiencia indust
Principais calculos de eficiencia industEvertonDias41
 

Semelhante a O que é RTC e como calcular (9)

121128 luciano-rodrigues
121128 luciano-rodrigues121128 luciano-rodrigues
121128 luciano-rodrigues
 
Seminário stab 2013 industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...
Seminário stab 2013   industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...Seminário stab 2013   industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...
Seminário stab 2013 industrial - 02. evolução do modelo consecana no estado...
 
Etanol16.ppt
Etanol16.pptEtanol16.ppt
Etanol16.ppt
 
Studies on sugarcane energy in Brazil.pptx
Studies on sugarcane energy in Brazil.pptxStudies on sugarcane energy in Brazil.pptx
Studies on sugarcane energy in Brazil.pptx
 
Proposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptx
Proposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptxProposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptx
Proposta Técnica Comercial BOILER TECH rev1.pptx
 
Como calcular o valor da tonelada de cana
Como calcular o valor da tonelada de canaComo calcular o valor da tonelada de cana
Como calcular o valor da tonelada de cana
 
Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011
Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011
Apresentação da Reunião Pública Apimec-Rio 2011
 
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa NacionalRio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
 
Principais calculos de eficiencia indust
Principais calculos de eficiencia industPrincipais calculos de eficiencia indust
Principais calculos de eficiencia indust
 

Mais de Marcos Abreu

Relatório TUV NANO
Relatório TUV NANORelatório TUV NANO
Relatório TUV NANOMarcos Abreu
 
Apresentacao nano.docx 2
Apresentacao nano.docx 2Apresentacao nano.docx 2
Apresentacao nano.docx 2Marcos Abreu
 
Perguntas e Respostas - nine® Protection Motor Renew
Perguntas e Respostas - nine® Protection Motor RenewPerguntas e Respostas - nine® Protection Motor Renew
Perguntas e Respostas - nine® Protection Motor RenewMarcos Abreu
 
Prova Cientifica e Cases - nine® Protection Motor Renew
Prova Cientifica e Cases - nine® Protection Motor RenewProva Cientifica e Cases - nine® Protection Motor Renew
Prova Cientifica e Cases - nine® Protection Motor RenewMarcos Abreu
 
O que é - nine® protection motor renew .ppt
O que é - nine® protection motor renew .pptO que é - nine® protection motor renew .ppt
O que é - nine® protection motor renew .pptMarcos Abreu
 
Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew
Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew
Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew Marcos Abreu
 
COMPROVANDO A EFICACIA - nine® Protection Motor Renew
COMPROVANDO A  EFICACIA - nine® Protection Motor Renew COMPROVANDO A  EFICACIA - nine® Protection Motor Renew
COMPROVANDO A EFICACIA - nine® Protection Motor Renew Marcos Abreu
 
Método e Analise de Solução de Problemas
Método e Analise de Solução de Problemas Método e Analise de Solução de Problemas
Método e Analise de Solução de Problemas Marcos Abreu
 
Gestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em ResultadosGestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em ResultadosMarcos Abreu
 
GESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAO
GESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAOGESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAO
GESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAOMarcos Abreu
 
Gestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em Resultados Gestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em Resultados Marcos Abreu
 
GESTÃO de Excelência na LUBRIFICAÇÃO
GESTÃO de Excelência na  LUBRIFICAÇÃO                GESTÃO de Excelência na  LUBRIFICAÇÃO
GESTÃO de Excelência na LUBRIFICAÇÃO Marcos Abreu
 
Procedimento Tratamento de Anomalias
Procedimento Tratamento de AnomaliasProcedimento Tratamento de Anomalias
Procedimento Tratamento de AnomaliasMarcos Abreu
 
Procedimento de Treinamento e Qualificação
Procedimento de Treinamento e QualificaçãoProcedimento de Treinamento e Qualificação
Procedimento de Treinamento e QualificaçãoMarcos Abreu
 
Procedimento de Controle de Documentos
Procedimento de Controle de DocumentosProcedimento de Controle de Documentos
Procedimento de Controle de DocumentosMarcos Abreu
 
Procedimento de Elaboracao de Documentos
Procedimento de Elaboracao de DocumentosProcedimento de Elaboracao de Documentos
Procedimento de Elaboracao de DocumentosMarcos Abreu
 
Consumo Diesel Transporte
Consumo Diesel Transporte Consumo Diesel Transporte
Consumo Diesel Transporte Marcos Abreu
 
Planta de Biodigestao da Palha da Cana
Planta de Biodigestao da Palha da CanaPlanta de Biodigestao da Palha da Cana
Planta de Biodigestao da Palha da CanaMarcos Abreu
 
Cuidados Operacionais e Manutenção Sistema Moagem
Cuidados Operacionais e Manutenção  Sistema MoagemCuidados Operacionais e Manutenção  Sistema Moagem
Cuidados Operacionais e Manutenção Sistema MoagemMarcos Abreu
 

Mais de Marcos Abreu (20)

Relatório TUV NANO
Relatório TUV NANORelatório TUV NANO
Relatório TUV NANO
 
Apresentacao nano.docx 2
Apresentacao nano.docx 2Apresentacao nano.docx 2
Apresentacao nano.docx 2
 
Perguntas e Respostas - nine® Protection Motor Renew
Perguntas e Respostas - nine® Protection Motor RenewPerguntas e Respostas - nine® Protection Motor Renew
Perguntas e Respostas - nine® Protection Motor Renew
 
Prova Cientifica e Cases - nine® Protection Motor Renew
Prova Cientifica e Cases - nine® Protection Motor RenewProva Cientifica e Cases - nine® Protection Motor Renew
Prova Cientifica e Cases - nine® Protection Motor Renew
 
O que é - nine® protection motor renew .ppt
O que é - nine® protection motor renew .pptO que é - nine® protection motor renew .ppt
O que é - nine® protection motor renew .ppt
 
Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew
Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew
Ensaios Técnicos 1 - nine® Protection Motor Renew
 
COMPROVANDO A EFICACIA - nine® Protection Motor Renew
COMPROVANDO A  EFICACIA - nine® Protection Motor Renew COMPROVANDO A  EFICACIA - nine® Protection Motor Renew
COMPROVANDO A EFICACIA - nine® Protection Motor Renew
 
Método e Analise de Solução de Problemas
Método e Analise de Solução de Problemas Método e Analise de Solução de Problemas
Método e Analise de Solução de Problemas
 
Gestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em ResultadosGestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em Resultados
 
GESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAO
GESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAOGESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAO
GESTAO de Excelencia na LUBRIFICACAO
 
Gestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em Resultados Gestão pela Excelência em Resultados
Gestão pela Excelência em Resultados
 
A águia
A águia A águia
A águia
 
GESTÃO de Excelência na LUBRIFICAÇÃO
GESTÃO de Excelência na  LUBRIFICAÇÃO                GESTÃO de Excelência na  LUBRIFICAÇÃO
GESTÃO de Excelência na LUBRIFICAÇÃO
 
Procedimento Tratamento de Anomalias
Procedimento Tratamento de AnomaliasProcedimento Tratamento de Anomalias
Procedimento Tratamento de Anomalias
 
Procedimento de Treinamento e Qualificação
Procedimento de Treinamento e QualificaçãoProcedimento de Treinamento e Qualificação
Procedimento de Treinamento e Qualificação
 
Procedimento de Controle de Documentos
Procedimento de Controle de DocumentosProcedimento de Controle de Documentos
Procedimento de Controle de Documentos
 
Procedimento de Elaboracao de Documentos
Procedimento de Elaboracao de DocumentosProcedimento de Elaboracao de Documentos
Procedimento de Elaboracao de Documentos
 
Consumo Diesel Transporte
Consumo Diesel Transporte Consumo Diesel Transporte
Consumo Diesel Transporte
 
Planta de Biodigestao da Palha da Cana
Planta de Biodigestao da Palha da CanaPlanta de Biodigestao da Palha da Cana
Planta de Biodigestao da Palha da Cana
 
Cuidados Operacionais e Manutenção Sistema Moagem
Cuidados Operacionais e Manutenção  Sistema MoagemCuidados Operacionais e Manutenção  Sistema Moagem
Cuidados Operacionais e Manutenção Sistema Moagem
 

Último

Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréEletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréGuilhermeLucio9
 
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaLEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaGuilhermeLucio9
 
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.pptA EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.pptssuserb964fe
 
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção IndividualTreinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individualpablocastilho3
 
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfLivro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfSamuel Ramos
 
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralA Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralFranciscaArrudadaSil
 
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraTecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraGuilhermeLucio9
 

Último (7)

Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréEletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
 
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaLEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
 
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.pptA EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
 
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção IndividualTreinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
 
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfLivro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
 
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralA Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
 
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraTecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
 

O que é RTC e como calcular

  • 2. Conceito do Indicador - RTC • Sigla de Rendimento Total Corrigido; • Índice que correlaciona os diversos parâmetros da indústria, quando se compara unidades de mix distintos de açúcar e álcool; • Sugestão FERMENTEC; • Não confundir RTC com Recup. Total (Eficiência Industrial):
  • 3. Como o RTC é calculado ( )( ) 100 )(% *)( ) 5957,0 )( (63,52* CanaART kgMoídaCana PROCESSOL PROCESSOA RTC ∆+ +∆+ = A = Sacos de Açúcar Remanescente L = Litros de Álcool Absoluto Processo = Envolve Álcool, Açúcar e mais Remanescente Comprado, Vendido e Estocado. Fator de Conversão de VHP em ART Fator de Conversão de Álcool Absoluto em ART
  • 4. Fatores Impactantes no RTC RTC Dextrana Perdas Industriais Produção de Álcool %ART Cana Entrada Cana Moída Produção de Açúcar
  • 5. Fatores Impactantes no RTC Perdas Industriais Físicas Químicas Bagaço Torta Pó de Açúcar Vazamentos Microbiológicas Hidrólise da Sacarose Ação de Enzimas pH Temperatura Hidrólise da Sacarose Ação de Bactérias Ação de Leveduras
  • 7. Gerenciamento da Rotina Caso: Perdas na Destilação Ver PTP Ver IT
  • 8.
  • 9. Perda na Vinhaça 0,000 0,010 0,020 0,030 0,040 0,050 0,060 0,070 16-set 17-set 18-set 19-set 20-set 21-set 22-set 23-set 24-set 25-set 26-set 27-set 28-set 29-set 30-set %PerdanaVinhaça Turno A Turno B Turno C Média % Perda aceitavel no GL da vinhaça menor que 0,030% Parabens Pessoal atingimos a melhor média da safra na Perda da Vinhaça no mês de Setembro que foi de 0,017% continuemos assim, melhorando cada
  • 10.
  • 12. 91,80% – 90,54% = 1,26% (Meta) (Recuperado)(Realizado) 280.000 ton de ART 717.000 L Álcool Hidratado 2.506,76 ton VHP + Impacto na receita – RTC acima da meta * estimativa
  • 13. y = -0,4274x + 51,249 R 2 = 0,9842 - 2,0 4,0 6,0 8,0 10,0 12,0 14,0 16,0 84,00 86,00 88,00 90,00 92,00 94,00 96,00 RTC (%) Custo(R$/m3- -absoluto)
  • 14. Definição de Negócio, característica do produto e itens de controle
  • 15.
  • 16. Produzir com Qualidade Eficácia: Fazer as coisas certas. Fazer o que deve ser feito. O grau com que as expectativas dos clientes são atendidas pelo produto. Eficiência: Fazer as coisas do jeito certo. Grau de aproveitamento dos recursos utilizados para produzir bens e serviços aos clientes. Efetividade: Eficácia + eficiência!!!