C.R. Thind, S. Tan, S.Desmond, O. HarrisLiverpool UKSNOLL Sentinel node and occult(impalpable) lesion localization in brea...
Introdução• Aumento do rastreio de CA de mama aumento da detecção de tumoresimpalpáveis• Achados incidentais em MMG de si...
• Sítio de inserção do fio às vezes não é o mesmo que o daincisão cirúrgica causando extenso dano tecidual paraalcançar o ...
ROLL• ROLL: injeção de RT no interior da lesão usando USG, MMGou RNM.• Identificação cirúrgica feita por Gamma probe permi...
• Envolvimento linfático pode ser determinado pela análise dostatus do linfonodo sentinela, prevenindo esvaziamento axilar...
SNOLL• Diferentes técnicas :azul patente, radioisótopos e acombinação dos dois• Azul patente + RF = melhor método• Alguns ...
•Estabelecer o uso de 2 RT para a localização de lesãoimpalpável e do LS em relação à eficácia e segurança dométodo.OBJETI...
Material e métodos• Pcts com Ca de mama invasivo impalpável• Diagnóstico confirmado por core-biopsy (guiado por USG oueste...
• Estudo prospectivo• 127 procedimentos em 124 pcts (3 com CA bilateral)• Entre janeiro 2008 e abril 2010• Dose calculada ...
• Linfocintigrafia: 0,2ml de Tc-99m nanocolóide (0,54 mCi)contendo 95% de partículas <80nm suspensas em albumina• Injeção ...
• Critério para ressecção cirúrgica do LS: estarem captantese/ou azuis• Nódulos palpáveis (intraoperatório) foram ressecad...
Resultados• 127 procedimentos SNOLL• Média de idade: 62 anos• Lesões detectáveis por screening= 93• Lesões em familiares d...
• Tpo médio de localização guiada por USG = 8 min e guiada porestereotaxia = 20 min• 77 massas / 20 massas + calcificações...
• Tamanho médio do tumor = 13mm• Peso médio = 35g• Margens negativas em 94,8%• 219 linfonodos retirados de 124 pcts• 18 li...
Discussão• É necessário treinamento dos cirurgiões para uso doNeoprobe• Mariani et al descreveu os 3 principais parâmetros...
• Técnicas:- Injeção intratumoral: não é sítio ideal  ausência de sistemalinfático no interior do tumor e presença de alt...
Nos 5 estudos:- 100% de localização do tumor- 78- 100% de localização do LS  em função do sítio deinjeção, dose do RT e u...
2 estudos usaram RT diferentes-0,2 - 0,4 mCi de MAA- Tc 99m para lesão primária-RT injetado no centro da lesão para detect...
Sarlos et al:•MAA- Tc-99m (0,5-1 mCi) intratumoral•Tc-99m-nanocolóide (20-40 MBq) ID 17-22h antes da cirurgia•100% das les...
• Conclusão do estudo:- Não houve diferença estatística nas taxas de localização dotumor mas houve na detecção do LS- Méto...
Monti et al:Maior taxa de localização do LS usando injeção IDVia linfática comum da glândula mamária e da peleA drenagem...
No presente estudo:- 0,2ml de nanocolóide (0,5mCi) ID periareolar + 0,2ml de MAA(0,02 mCi) intratumoral de MAA100% de LS ...
Conclusão:• Uso de 2 radioisótopos na localização do CA de mama e LS éconfiável e tem o potencial de contribuir com as exp...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Snoll sentinel node and occult (impalpable)

772 visualizações

Publicada em

Sessão de Med Nuclear do HUAP: Cirurgia de mama radioguiada

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
772
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
293
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Snoll sentinel node and occult (impalpable)

  1. 1. C.R. Thind, S. Tan, S.Desmond, O. HarrisLiverpool UKSNOLL Sentinel node and occult(impalpable) lesion localization in breastcancerClin Radiol. 2011 Sep;66(9):833-9. doi: 10.1016/j.crad.2011.02.017. Epub 2011 May 4
  2. 2. Introdução• Aumento do rastreio de CA de mama aumento da detecção de tumoresimpalpáveis• Achados incidentais em MMG de sintomáticos ou em rastreamento deassintomáticos• Método tradicional: localização por fio• Desvantagens:- alta taxa de reintervenção por envolvimento da margem,- dificuldade em mamas densas,- risco de má posicionamento do fio- deslocamento deste podendo levar a complicações graves comopneumotórax
  3. 3. • Sítio de inserção do fio às vezes não é o mesmo que o daincisão cirúrgica causando extenso dano tecidual paraalcançar o tumor• Procedimento desconfortável e doloroso• Técnica alternativa: ROLL (Localização radioguiada de lesãooculta)
  4. 4. ROLL• ROLL: injeção de RT no interior da lesão usando USG, MMGou RNM.• Identificação cirúrgica feita por Gamma probe permitindolocalização acurada da lesão e remoção com excisão mínimade tecido são.
  5. 5. • Envolvimento linfático pode ser determinado pela análise dostatus do linfonodo sentinela, prevenindo esvaziamento axilardesnecessário• Biópsia do LS prediz o status axilar em 95% dos casos• Esvaziamento axilar: procedimento padrão em Ca de mamainvasivo no passado, associado com alta taxa de morbidadecomplicações pós-operatórias (dormência, fraqueza elinfedema do MS acometido)
  6. 6. SNOLL• Diferentes técnicas :azul patente, radioisótopos e acombinação dos dois• Azul patente + RF = melhor método• Alguns estudos preferem o uso de dois RT diferentes enqtooutros preferem um só para as duas técnicas
  7. 7. •Estabelecer o uso de 2 RT para a localização de lesãoimpalpável e do LS em relação à eficácia e segurança dométodo.OBJETIVO DO ESTUDO
  8. 8. Material e métodos• Pcts com Ca de mama invasivo impalpável• Diagnóstico confirmado por core-biopsy (guiado por USG ouestereotaxia)• Linfonodos negativos (clinicamente e radiologicamente)• USG de axilas e aspiração por agulha fina de linfonodosanormais  pcts com citologia positiva forma excluídos doestudo
  9. 9. • Estudo prospectivo• 127 procedimentos em 124 pcts (3 com CA bilateral)• Entre janeiro 2008 e abril 2010• Dose calculada com a ajuda de um físico baseado em: RT seriainjetado 1 a 4 h antes da cirurgia, com a menor dose possível
  10. 10. • Linfocintigrafia: 0,2ml de Tc-99m nanocolóide (0,54 mCi)contendo 95% de partículas <80nm suspensas em albumina• Injeção ID periareolar, na noite antes ou na manhã da cirurgia• Azul patente: injeção de 2ml pelo cirurgião na regiãoperiareolar após o pct ser anestesiado
  11. 11. • Critério para ressecção cirúrgica do LS: estarem captantese/ou azuis• Nódulos palpáveis (intraoperatório) foram ressecados(mesmo não estando captantes nem azuis)• Lesões impalpáveis foram localizadas por US ou estereotaxia.Injeção de 0,2ml de Tc-99m MAA (0,02mCi) com partículas de10-90 mcm (ROLL) 1-4h antes da cirurgia• MMG não foi realizada após a localização• A lesão primária e o LS foram localizadas usando o Neoprobe(Johnson & Johnson)
  12. 12. Resultados• 127 procedimentos SNOLL• Média de idade: 62 anos• Lesões detectáveis por screening= 93• Lesões em familiares de portadores de CA de mama emacompanhamento = 32• Pcts sintomáticos = 2• 114 lesões localizadas por US• 13 lesões localizadas por estereotaxia
  13. 13. • Tpo médio de localização guiada por USG = 8 min e guiada porestereotaxia = 20 min• 77 massas / 20 massas + calcificações• 13 microcalcificações• 17 deformidades do estroma/ densidades assimétricas• 2/3 das lesões no QS• 100% de localização da lesão
  14. 14. • Tamanho médio do tumor = 13mm• Peso médio = 35g• Margens negativas em 94,8%• 219 linfonodos retirados de 124 pcts• 18 linfonodos de 16 pcts foram positivos (sendo que 14 foramquentes e 4 quentes e azuis)• 34 linfonodos retirados por serem palpáveis• 100% de localização do LS
  15. 15. Discussão• É necessário treinamento dos cirurgiões para uso doNeoprobe• Mariani et al descreveu os 3 principais parâmetros para umatécnica ótima de administração de RF:- Sítio de injeção- Volume a ser injetado- Dose injetadaO tamanho da partícula tb tem papel fundamental nalinfocintigrafia já que determina a cinética da drenagemlinfática
  16. 16. • Técnicas:- Injeção intratumoral: não é sítio ideal  ausência de sistemalinfático no interior do tumor e presença de alta pressãointratumoral  maior dose de radiocolóide e maior volume aser injetado- Dose 0,20- 3,5mCi- Tamanho das partículas < 80nm- Sítio de injeção  intratumoral- 1 dia antes da cirurgia , no mesmo dia- Cintilografia pós injeção
  17. 17. Nos 5 estudos:- 100% de localização do tumor- 78- 100% de localização do LS  em função do sítio deinjeção, dose do RT e uso do azul patente- Causas de LS não achado: não migração do colóide, evidênciade Mtx na excisão, presença de músculo Langer
  18. 18. 2 estudos usaram RT diferentes-0,2 - 0,4 mCi de MAA- Tc 99m para lesão primária-RT injetado no centro da lesão para detectar tumor e ID paraLS- 99,6% de localização do tumor e 99,9% de LS-0,4% de tumor não localizado por causa do espalhamento doRT pelo parênquima mamário
  19. 19. Sarlos et al:•MAA- Tc-99m (0,5-1 mCi) intratumoral•Tc-99m-nanocolóide (20-40 MBq) ID 17-22h antes da cirurgia•100% das lesões achadas e 98,6% dos LSDi Cicco et al:•227 pcts divididos em 3 gpos•1oe 2ogpo receberam 0,18-0,27 mCi (0.2ml) de MAA intratumoral•1ogpo recebeu mesma dose de nanocolóide peritumoral•2ogpo recebeu mesma dose de nanocolóide ID•3ogpo recebeu a mesma dose de nanocolóide intratumoral•Foi realizada linfocintigrafia com 30 min e 3h
  20. 20. • Conclusão do estudo:- Não houve diferença estatística nas taxas de localização dotumor mas houve na detecção do LS- Método ID: 98,8% de identificação (p<0.0001)- Melhor técnica= admnistração de MAA intratumoral enanocolóide ID
  21. 21. Monti et al:Maior taxa de localização do LS usando injeção IDVia linfática comum da glândula mamária e da peleA drenagem da pele é maior e mais rápida do que a doparênquima mamário. Detecção do LS em 20-30 min.
  22. 22. No presente estudo:- 0,2ml de nanocolóide (0,5mCi) ID periareolar + 0,2ml de MAA(0,02 mCi) intratumoral de MAA100% de LS e lesão sendo 94,8% de margens livres de tumor.• O uso de azul patente é recomendado pois pode haver perdado LS com RT apenas.• A dose injetada foi calculada para realizar a cirurgia após 4h.
  23. 23. Conclusão:• Uso de 2 radioisótopos na localização do CA de mama e LS éconfiável e tem o potencial de contribuir com as expectativasda mulher com bons resultados estéticos.• É de fácil utilização, tem melhor aceitação pelo paciente e écusto efetivo.

×