Marketing esportivo

2.138 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Marketing esportivo

  1. 1. Marketing Esportivo Objetivos, estratégias e como funciona, principalmente, no futebol brasileiro
  2. 2. Objetivos • • • • aumentar o reconhecimento público, reforçar a imagem corporativa; estabelecer identificação com os segmentos específicos de mercado; envolver a empresa com a comunidade; conferir credibilidade ao produto com a associação à qualidade e a emoção do evento;
  3. 3. Estratégias • Esporte = Rejuvenescimento da marca; • Relação de cumplicidade entre empresa e a performance de uma equipe e credibilidade dos atletas; • Bom desempenho de atleta ou equipe pode mudar a visão do mercado em relação ao patrocinador; • Comportamento inadequado de algum jogador o patrocinador pode ser prejudicado;
  4. 4. Marketing Esportivo no Brasil • • • • Estágio muito primitivo de desenvolvimento no Brasil; Marketing esportivo movimenta apenas 0,1% do PIB, cerca de R$ 800 milhões por ano; Desses, R$ 250 milhões referem-se ao contrato entre a Nike e a CBF; Números considerados baixos, principalmente quando comparados aos investimentos nos EUA; • O Brasil movimenta anualmente cerca de US$ 2 bilhões por ano; • Já os Estados Unidos respondem por 87 bilhões de dólares;
  5. 5. Faturamento no futebol • O faturamento dos time brasileiros depende basicamente da televisão, dos patrocínios e das bilheterias, cerca de 72% das receitas; • Apenas 28% do caixa é feito com operações de merchandising, licenciamento e exploração do estádio; • Já na Inglaterra, por exemplo, essas receitas respondem por cerca de 40%;
  6. 6. Faturamento no futebol Corinthians (2011) Flamengo (2011)
  7. 7. História no Brasil • Os patrocínios em camisas de futebol no Brasil começaram a aparecer no início dos anos 80; • Em 1981 o CND autorizou o uso de propagandas em camisas esportivas; • No futebol só começou em 1982 com o Corinthians. Foi estampado “Dia 15, vote!” nas costas da camisa;
  8. 8. História no Brasil • Em 1982, a Topper foi a primeira empresa a estampar o seu escudo na camisa de um time (Corinthians); • No mesmo ano, a BomBrill colocou sua marca no único lugar permitido: nas costas do uniforme do Corinthians;
  9. 9. • Em 83, o Corinthians foi o primeiro time brasileiro a estampar a marca do patrocinador na frente da camisa; • Já o contrato mais duradouro do futebol brasileiro foi entre o Flamengo e a Petrobras que foi de 84 até 2009;
  10. 10. • Em um período de dez anos (2003 a 2012), a receita com patrocínios no futebol brasileiro cresceu 511% acima da inflação; • Mas nos últimos anos o ritmo vem diminuindo: de 2011 para 2012, a receita dos clubes aumentou cerca de 2,5%, abaixo da inflação – 5,84%; • Em 2012 o futebol brasileiro obteve R$ 767 milhões em receitas diretas com patrocínios, considerando-se contratos feitos pelos maiores clubes, CBF e federações estaduais; • A CBF foi responsável por faturar 31% da verba destinada por patrocínio para o futebol brasileiro no último ano (R$ 236 milhões); • Clubes ficaram com 65% (R$ 497 milhões) e federações com 4% (R$ 34 milhões); • Nike (R$ 61,7 mi), Itaú (R$ 30,1 mi) e Vivo (R$ 29 mi) são as marcas que mais investiram na CBF;
  11. 11. Patrocínios pelo Brasil • Corinthians foi quem mais arrecadou com marketing em 2012. Foram R$ 64 milhões. O segundo foi o Santos, com arrecadação de R$ 50 milhões. • A Bozzano, do grupo Hypermarcas, investiu cerca de US$ 30 milhões nos últimos dois anos e não conquistou nem 2% do mercado;
  12. 12. Patrocínios pelo Brasil Paraná (TFI) Paraná (Cemitério) River Plate-SE (Banda)

×