Abordagem desenvolvimentista

24.948 visualizações

Publicada em

Licenciatura em Educação Física

Publicada em: Esportes
0 comentários
13 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
24.948
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
51
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
479
Comentários
0
Gostaram
13
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Abordagem desenvolvimentista

  1. 1. Abordagem Desenvolvimentista Licenciatura em Educação Física
  2. 2. 08 de Abril de 2014 Disciplina: Professor(a): Alunos: Margarida Torres Gloria Junior Bruno Eduardo Elioterio
  3. 3. Sumário: •Modelo Desenvolvimentista. •Progressão Normal do Crescimento Físico. •Movimento. •Aprendizagem Motora. •Habilidades Básicas e Específicas •Observando o Comportamento. •Nível de desenvolvimento motor.
  4. 4. Modelo Desenvolvimentista Foi dirigido inicialmente para crianças de 4 a 14 anos, buscando, nos processos de aprendizagem e desenvolvimento, uma fundamentação para a Educação Física escolar.
  5. 5. Progressão Normal do Crescimento Físico Desenvolvimento fisiológico, motor, cognitivo e afetivo - social na aprendizagem motora e, em função dessas características, sugerir aspectos relevantes para a estruturação das aulas.
  6. 6. Movimento • É o principal meio e fim da Educação Física, garantindo a especificidade do seu objeto. • Sua função não é desenvolver capacidades que auxiliem a alfabetização e o pensamento lógico-matemático, embora isso possa ocorrer como um subproduto da prática motora. • A proposta também não é buscar na Educação Física solução para todos os problemas sociais do País, com discursos genéricos que não dão conta da realidade.
  7. 7. Uma aula de Educação Física deve privilegiar a aprendizagem do movimento... Aprendizagem Motora
  8. 8. Aprendizagem Motora • Uma aula de Educação Física deve privilegiar a aprendizagem do movimento, embora possam estar ocorrendo outras aprendizagens em decorrência da prática das habilidades motoras um dos conceitos mais importantes dentro dessa abordagem , pois é através delas que os seres humanos se adaptam aos problemas do cotidiano , resolvendo problemas motores . • Como as habilidades mudam ao longo da vida, originaram uma importante área de conhecimento : a área de Desenvolvimento Motor. Uma outra área também foi estruturada em torno da questão de como os seres humanos aprendem essas habilidades motoras: a área da Aprendizagem Motora.
  9. 9. •Para a abordagem desenvolvimentista , a Educação Física deve proporcionar ao aluno condições para que seu comportamento motor seja desenvolvido, oferecendo experiências de movimento adequadas às faixas etárias. •Foi proposta uma taxionomia para o desenvolvimento motor: o estabelecimento de uma classificação hierárquica dos movimentos dos seres humanos durante seu ciclo de vida, desde a fase dos movimentos fetais , espontâneos e reflexos , rudimentares e fundamentais , até a combinação de movimentos fundamentais e culturalmente determinados.
  10. 10. Habilidades Básicas e Específicas • As básicas podem ser classificadas em habilidades locomotoras (por exemplo: andar, correr e saltar ), manipulativas (por exemplo: arremessar, chutar e rebater) e de estabilização (por exemplo : girar, rolar e realizar posições invertidas ). • As específicas são mais influenciadas pela cultura e estão relacionadas à prática do esporte, do jogo, da dança e das atividades industriais.
  11. 11. Observando o Comportamento • É sugerido que os professores observem sistematicamente o comportamento dos seus alunos , no sentido de verificar em que fase eles se encontram , localizar os erros e oferecer informações relevantes para que os erros sejam superados . • Os autores mostram- se preocupados com a valorização do processo de aquisição de habilidades, evitando o que denominam imediatismo e a busca do produto.
  12. 12. Nível de desenvolvimento motor Idade em que o comportamento deve aparecer. Por exemplo, aos 7 anos, a criança deve apresentar padrões maduros nas habilidades básicas, ou seja, movimentos executados com qualidade próxima à execução de um adulto.
  13. 13. • Será que todas as habilidades apresentam o mesmo nível de complexidade? • Ou será que chutar, principalmente em função da história cultural do nosso país, não é mais simples para os meninos do que a habilidade de rebater? • Ensinar a nadar em cidades litorâneas deve ser diferente de outras regiões, tanto no que diz respeito aos objetivos de ensinar e aprender a nadar, quanto às experiências que as crianças têm em relação ao meio líquido? Uma das limitações dessa abordagem refere-se à pouca importância dada à influência do contexto sociocultural sobre a aquisição das habilidades motoras, e algumas questões ilustram este problema:
  14. 14. FIM

×