SlideShare uma empresa Scribd logo
A PEDAGOGIA DA MUDANÇA: REVISITANDO A
PEDAGOGIA DO OPRIMIDO DE PAULO FREIRE PARA
SONDAR CAMINHOS PARA A MUDANÇA EM ANGOLA
REGIME AUTORITÁRIO
Gandhi:
“existem em nosso planeta recursos suficientes para atender às
necessidades de todos, mas, em compensação, eles não bastarão se o
objectivo for satisfazer o desejo de posse, a avidez, a cobiça, mesmo que
seja de alguns.”
PATRICK VIVERET

“a miséria material de uns está directamente relacionada à
miséria ética, afectiva e espiritual de outros” (VIVERET, 2013)
FILOSOFIA DO FRACTAL:
O TODO ESTÁ PARA A PARTE
COMO A PARTE ESTÁ PARA O
TODO
Humanização e desumanização dentro da história, num contexto real,
concreto, objectivo, são possibilidades dos seres humanos como seres
inconclusos e conscientes da sua inconclusão. (E diz mais) se ambas são

posssibilidades, só a primeira nos parece ser o que chamamos de vocação dos
homens. Vocação negada na injustiça, na exploração, na opressão, na violência
dos opressores. Mas afirmada no anseio de liberdade, de justiça, de luta dos

oprimidos, pela recuperação de sua humanidade roubada (FREIRE, 2005, pág.
32).
A liberdade, que é uma conquista, e não uma doação, exige uma
permanente busca. Busca permanente que só existe no acto responsável
de quem a faz. Ninguém tem liberdade para ser livre: pelo contrário, luta
por ela precisamete porque não a tem. Não é também a liberdade um

ponto ideal, fora dos homens, ao qual inclusive eles se alienam. Não é
ideia que se faça mito. É condição indispensável ao movimento de busca
em que estão inscritos os homens como seres inconclusos (FREIRE, 2005,

pág. 37).
Apesar do oprimido reconhecer a contradição que o opõe
ao opressor ele é levado por várias circunstâncias a
desenvolver medo da liberdade, resignando-se.

É por isso necessário, por meio de acção pedagógica
apropriada, levar o oprimido a reconhecer dentro de si as
forças, enfim, a potência que carrega para empreender a
conquista da liberdade.
A libertação, por isto, é um parto. E um
parto doloroso. O homem que nasce
deste parto é um homem novo que só é
viável na e pela superação da
contradição opressores-oprimidos, que
é a libertação de todos.
A superação da contradição é o parto
que traz ao mundo este homem novo não
mais opressor; não mais oprimido, mas
homem libertando-se.

Paulo Freire
Colóquio sobreReflexões Multidisciplinares no Contexto Angolano do Pós-guerra

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Karl marx crítica da filosofia do direito de hegel
Karl marx   crítica da filosofia do direito de hegelKarl marx   crítica da filosofia do direito de hegel
Karl marx crítica da filosofia do direito de hegel
Praxisfhycs
 
TEOLOGIA NAZISTA
TEOLOGIA NAZISTATEOLOGIA NAZISTA
15 04 2016 A FOFOCA E O PRECONTEITO
15 04 2016   A FOFOCA E O PRECONTEITO15 04 2016   A FOFOCA E O PRECONTEITO
15 04 2016 A FOFOCA E O PRECONTEITO
Lar Irmã Zarabatana
 
O mundo narcisico
O mundo narcisicoO mundo narcisico
O mundo narcisico
Giba Canto
 
A angústia e o desespero como fundamento ontológico
A angústia e o desespero como fundamento ontológicoA angústia e o desespero como fundamento ontológico
A angústia e o desespero como fundamento ontológico
Simone Cristina
 
Huberto Rohden - O Homem
Huberto Rohden - O HomemHuberto Rohden - O Homem
Huberto Rohden - O Homem
Universalismo Cultura
 
Palestra governantes invisiveis
Palestra governantes invisiveisPalestra governantes invisiveis
Palestra governantes invisiveis
Panyatara
 
Huberto Rohden - Que vos Parece do Cristo
Huberto Rohden - Que vos Parece do CristoHuberto Rohden - Que vos Parece do Cristo
Huberto Rohden - Que vos Parece do Cristo
universalismo-7
 
O ESPIRITISMO E OS ESPÍRITAS
O ESPIRITISMO E OS ESPÍRITASO ESPIRITISMO E OS ESPÍRITAS
O ESPIRITISMO E OS ESPÍRITAS
Jorge Luiz dos Santos
 
O Poder da Boa Vontade
O Poder da Boa VontadeO Poder da Boa Vontade
O Poder da Boa Vontade
Andrea Oliveira
 
A Grande Síntese - Apresentação
A Grande Síntese - ApresentaçãoA Grande Síntese - Apresentação
A Grande Síntese - Apresentação
jmeirelles
 
Friedrich nietzsche
Friedrich  nietzscheFriedrich  nietzsche
Friedrich nietzsche
Alexandre Misturini
 
Israel Texto De Pietro Ubaldi
Israel   Texto De Pietro UbaldiIsrael   Texto De Pietro Ubaldi
Israel Texto De Pietro Ubaldi
jmeirelles
 
2 ano slides
2 ano slides2 ano slides
2 ano slides
Victor França
 
1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração
1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração
1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração
Márcia Albuquerque
 

Mais procurados (15)

Karl marx crítica da filosofia do direito de hegel
Karl marx   crítica da filosofia do direito de hegelKarl marx   crítica da filosofia do direito de hegel
Karl marx crítica da filosofia do direito de hegel
 
TEOLOGIA NAZISTA
TEOLOGIA NAZISTATEOLOGIA NAZISTA
TEOLOGIA NAZISTA
 
15 04 2016 A FOFOCA E O PRECONTEITO
15 04 2016   A FOFOCA E O PRECONTEITO15 04 2016   A FOFOCA E O PRECONTEITO
15 04 2016 A FOFOCA E O PRECONTEITO
 
O mundo narcisico
O mundo narcisicoO mundo narcisico
O mundo narcisico
 
A angústia e o desespero como fundamento ontológico
A angústia e o desespero como fundamento ontológicoA angústia e o desespero como fundamento ontológico
A angústia e o desespero como fundamento ontológico
 
Huberto Rohden - O Homem
Huberto Rohden - O HomemHuberto Rohden - O Homem
Huberto Rohden - O Homem
 
Palestra governantes invisiveis
Palestra governantes invisiveisPalestra governantes invisiveis
Palestra governantes invisiveis
 
Huberto Rohden - Que vos Parece do Cristo
Huberto Rohden - Que vos Parece do CristoHuberto Rohden - Que vos Parece do Cristo
Huberto Rohden - Que vos Parece do Cristo
 
O ESPIRITISMO E OS ESPÍRITAS
O ESPIRITISMO E OS ESPÍRITASO ESPIRITISMO E OS ESPÍRITAS
O ESPIRITISMO E OS ESPÍRITAS
 
O Poder da Boa Vontade
O Poder da Boa VontadeO Poder da Boa Vontade
O Poder da Boa Vontade
 
A Grande Síntese - Apresentação
A Grande Síntese - ApresentaçãoA Grande Síntese - Apresentação
A Grande Síntese - Apresentação
 
Friedrich nietzsche
Friedrich  nietzscheFriedrich  nietzsche
Friedrich nietzsche
 
Israel Texto De Pietro Ubaldi
Israel   Texto De Pietro UbaldiIsrael   Texto De Pietro Ubaldi
Israel Texto De Pietro Ubaldi
 
2 ano slides
2 ano slides2 ano slides
2 ano slides
 
1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração
1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração
1º Encontro ciclos integrados - Nova Geração
 

Destaque

09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...
09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...
09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...
GLEYDSON ROCHA
 
Tecnologia e educaçao
Tecnologia e educaçaoTecnologia e educaçao
Tecnologia e educaçao
Lulysoares
 
Histórico da Educação e Tecnologia no Brasil
Histórico da Educação e Tecnologia no BrasilHistórico da Educação e Tecnologia no Brasil
Histórico da Educação e Tecnologia no Brasil
Robson Santos
 
Educação transformadora
Educação transformadoraEducação transformadora
Educação transformadora
Pertti Simula
 
PEDAGOGIA DO OPRIMIDO
PEDAGOGIA DO OPRIMIDOPEDAGOGIA DO OPRIMIDO
PEDAGOGIA DO OPRIMIDO
Suely Aymone
 
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticasTeorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
Lucila Pesce
 
Ava - Ambiente Virtual de Aprendizagem
Ava - Ambiente Virtual de AprendizagemAva - Ambiente Virtual de Aprendizagem
Ava - Ambiente Virtual de Aprendizagem
Centro de Mídias de Educação do Amazonas
 
Paulo freire: educação para a mudança
Paulo freire: educação para a mudançaPaulo freire: educação para a mudança
Paulo freire: educação para a mudança
Nathan Natal
 
Pedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimidoPedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimido
Sunia Regina
 
Evolução da Tecnologia e seu Contexto Histórico
Evolução da Tecnologia e seu Contexto HistóricoEvolução da Tecnologia e seu Contexto Histórico
Evolução da Tecnologia e seu Contexto Histórico
Agostinho NSilva
 
Metodo Paulo Freire slides
Metodo Paulo Freire slidesMetodo Paulo Freire slides
Metodo Paulo Freire slides
Sandra Maria Straube
 
Currículo escolar
Currículo escolarCurrículo escolar

Destaque (12)

09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...
09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...
09 educação para a liberdade, psicologia da libertação e psicologia escolar u...
 
Tecnologia e educaçao
Tecnologia e educaçaoTecnologia e educaçao
Tecnologia e educaçao
 
Histórico da Educação e Tecnologia no Brasil
Histórico da Educação e Tecnologia no BrasilHistórico da Educação e Tecnologia no Brasil
Histórico da Educação e Tecnologia no Brasil
 
Educação transformadora
Educação transformadoraEducação transformadora
Educação transformadora
 
PEDAGOGIA DO OPRIMIDO
PEDAGOGIA DO OPRIMIDOPEDAGOGIA DO OPRIMIDO
PEDAGOGIA DO OPRIMIDO
 
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticasTeorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
 
Ava - Ambiente Virtual de Aprendizagem
Ava - Ambiente Virtual de AprendizagemAva - Ambiente Virtual de Aprendizagem
Ava - Ambiente Virtual de Aprendizagem
 
Paulo freire: educação para a mudança
Paulo freire: educação para a mudançaPaulo freire: educação para a mudança
Paulo freire: educação para a mudança
 
Pedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimidoPedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimido
 
Evolução da Tecnologia e seu Contexto Histórico
Evolução da Tecnologia e seu Contexto HistóricoEvolução da Tecnologia e seu Contexto Histórico
Evolução da Tecnologia e seu Contexto Histórico
 
Metodo Paulo Freire slides
Metodo Paulo Freire slidesMetodo Paulo Freire slides
Metodo Paulo Freire slides
 
Currículo escolar
Currículo escolarCurrículo escolar
Currículo escolar
 

Semelhante a Colóquio sobreReflexões Multidisciplinares no Contexto Angolano do Pós-guerra

A relação íntima entre opressores e oprimidos
A relação íntima entre opressores e oprimidosA relação íntima entre opressores e oprimidos
A relação íntima entre opressores e oprimidos
Governo do Estado de São Paulo
 
Pedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimidoPedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimido
Celi Jandy Moraes Gomes
 
Educação para mudança
Educação para mudançaEducação para mudança
Educação para mudança
Juçara Keylla
 
100 DICAS ENEM PARTE 07
100 DICAS ENEM PARTE 07100 DICAS ENEM PARTE 07
100 DICAS ENEM PARTE 07
ProfMario De Mori
 
Antropologia e filosofia II
Antropologia e filosofia IIAntropologia e filosofia II
Antropologia e filosofia II
Laís Maíne
 
Huberto rohden a grande libertação
Huberto rohden   a grande libertaçãoHuberto rohden   a grande libertação
Huberto rohden a grande libertação
Universalismo Cultura
 
A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...
A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...
A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...
Claudinéia Barbosa
 
Filosofia e realidade2.pptx
Filosofia e realidade2.pptxFilosofia e realidade2.pptx
Filosofia e realidade2.pptx
Josevandro Soares
 
Huberto rohden a grande libertação
Huberto rohden   a grande libertaçãoHuberto rohden   a grande libertação
Huberto rohden a grande libertação
Cris Nunes
 
Ideas have consequences
Ideas have consequencesIdeas have consequences
Ideas have consequences
Carlos Lobo
 
Freire, paulo pedagogia da indignação
Freire, paulo   pedagogia da indignaçãoFreire, paulo   pedagogia da indignação
Freire, paulo pedagogia da indignação
marcaocampos
 
Viver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanos
Viver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanosViver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanos
Viver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanos
José Cláudio N. Medeiros
 
A presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humanoA presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humano
Simone Cristina
 
A presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humanoA presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humano
Simone Cristina
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)
Instituto Teológico Gamaliel
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)
Instituto Teológico Gamaliel
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)
Instituto Teológico Gamaliel
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)
Instituto Teológico Gamaliel
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)
Instituto Teológico Gamaliel
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mitoInstitutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito
Instituto Teológico Gamaliel
 

Semelhante a Colóquio sobreReflexões Multidisciplinares no Contexto Angolano do Pós-guerra (20)

A relação íntima entre opressores e oprimidos
A relação íntima entre opressores e oprimidosA relação íntima entre opressores e oprimidos
A relação íntima entre opressores e oprimidos
 
Pedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimidoPedagogia do oprimido
Pedagogia do oprimido
 
Educação para mudança
Educação para mudançaEducação para mudança
Educação para mudança
 
100 DICAS ENEM PARTE 07
100 DICAS ENEM PARTE 07100 DICAS ENEM PARTE 07
100 DICAS ENEM PARTE 07
 
Antropologia e filosofia II
Antropologia e filosofia IIAntropologia e filosofia II
Antropologia e filosofia II
 
Huberto rohden a grande libertação
Huberto rohden   a grande libertaçãoHuberto rohden   a grande libertação
Huberto rohden a grande libertação
 
A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...
A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...
A Sociedade dos Corpos Dóceis? Uma Metáfora Perfeita! - Claudinéia Barbosa - ...
 
Filosofia e realidade2.pptx
Filosofia e realidade2.pptxFilosofia e realidade2.pptx
Filosofia e realidade2.pptx
 
Huberto rohden a grande libertação
Huberto rohden   a grande libertaçãoHuberto rohden   a grande libertação
Huberto rohden a grande libertação
 
Ideas have consequences
Ideas have consequencesIdeas have consequences
Ideas have consequences
 
Freire, paulo pedagogia da indignação
Freire, paulo   pedagogia da indignaçãoFreire, paulo   pedagogia da indignação
Freire, paulo pedagogia da indignação
 
Viver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanos
Viver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanosViver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanos
Viver na lógica da natureza humana ou viver em outra lógica como seres humanos
 
A presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humanoA presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humano
 
A presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humanoA presença de deus no ser humano
A presença de deus no ser humano
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (3)
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (5)
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (4)
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (1)
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito (2)
 
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mitoInstitutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito
Institutogamaliel.com o livre-arbítrio não é mito
 

Mais de MAURILIO LUIELE

Síntese de Melanina e o Desenvolvimento do Melanoma
Síntese de Melanina e o Desenvolvimento do MelanomaSíntese de Melanina e o Desenvolvimento do Melanoma
Síntese de Melanina e o Desenvolvimento do Melanoma
MAURILIO LUIELE
 
EDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINA
EDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINAEDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINA
EDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINA
MAURILIO LUIELE
 
NOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITA
NOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITANOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITA
NOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITA
MAURILIO LUIELE
 
O PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIA
O PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIAO PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIA
O PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIA
MAURILIO LUIELE
 
DIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITA
DIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITADIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITA
DIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITA
MAURILIO LUIELE
 
Publico privado saude_angola
Publico privado saude_angolaPublico privado saude_angola
Publico privado saude_angola
MAURILIO LUIELE
 
Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...
Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...
Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...
MAURILIO LUIELE
 
Papel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase Energética
Papel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase EnergéticaPapel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase Energética
Papel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase Energética
MAURILIO LUIELE
 
Transtornos do Metaabolismo Energético - Obesidade
Transtornos do Metaabolismo Energético - ObesidadeTranstornos do Metaabolismo Energético - Obesidade
Transtornos do Metaabolismo Energético - Obesidade
MAURILIO LUIELE
 
Educação Online e Formação Contínua em Medicina
Educação Online e Formação Contínua em MedicinaEducação Online e Formação Contínua em Medicina
Educação Online e Formação Contínua em Medicina
MAURILIO LUIELE
 
Saude unita visao
Saude unita visaoSaude unita visao
Saude unita visao
MAURILIO LUIELE
 
Fluxo energia materia_ecossistemas
Fluxo energia materia_ecossistemasFluxo energia materia_ecossistemas
Fluxo energia materia_ecossistemas
MAURILIO LUIELE
 
Saude unita visa_opp
Saude unita visa_oppSaude unita visa_opp
Saude unita visa_opp
MAURILIO LUIELE
 
INTERATIVIDADE
INTERATIVIDADEINTERATIVIDADE
INTERATIVIDADE
MAURILIO LUIELE
 
Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"
Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"
Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"
MAURILIO LUIELE
 
Educação Online e a Formação do Sujeito da Incerteza
Educação Online e a Formação do Sujeito da IncertezaEducação Online e a Formação do Sujeito da Incerteza
Educação Online e a Formação do Sujeito da Incerteza
MAURILIO LUIELE
 
Cibercultura e Educação - Desafios
Cibercultura e Educação - DesafiosCibercultura e Educação - Desafios
Cibercultura e Educação - Desafios
MAURILIO LUIELE
 
Construção de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação OnlineConstrução de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação Online
MAURILIO LUIELE
 
Promoção da saúde na perspectiva da UNITA
Promoção da saúde na perspectiva da UNITAPromoção da saúde na perspectiva da UNITA
Promoção da saúde na perspectiva da UNITA
MAURILIO LUIELE
 
Estilos atividade1 maurilio
Estilos atividade1 maurilioEstilos atividade1 maurilio
Estilos atividade1 maurilio
MAURILIO LUIELE
 

Mais de MAURILIO LUIELE (20)

Síntese de Melanina e o Desenvolvimento do Melanoma
Síntese de Melanina e o Desenvolvimento do MelanomaSíntese de Melanina e o Desenvolvimento do Melanoma
Síntese de Melanina e o Desenvolvimento do Melanoma
 
EDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINA
EDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINAEDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINA
EDUCAÇÃO ONLINE E FORMAÇÃO CONTÍNUA EM MEDICINA
 
NOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITA
NOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITANOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITA
NOTA INTRODUTORIA III CONFERENCIA UNITA
 
O PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIA
O PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIAO PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIA
O PERIGO DE UMA ÚNICA HISTÓRIA
 
DIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITA
DIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITADIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITA
DIA MUNDIAL DA MALÁRIA - VISÃO DA UNITA
 
Publico privado saude_angola
Publico privado saude_angolaPublico privado saude_angola
Publico privado saude_angola
 
Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...
Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...
Pedagogia da Mudança: revisitando a Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire par...
 
Papel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase Energética
Papel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase EnergéticaPapel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase Energética
Papel da Leptina, Adiponectina e Grelina na Homeostase Energética
 
Transtornos do Metaabolismo Energético - Obesidade
Transtornos do Metaabolismo Energético - ObesidadeTranstornos do Metaabolismo Energético - Obesidade
Transtornos do Metaabolismo Energético - Obesidade
 
Educação Online e Formação Contínua em Medicina
Educação Online e Formação Contínua em MedicinaEducação Online e Formação Contínua em Medicina
Educação Online e Formação Contínua em Medicina
 
Saude unita visao
Saude unita visaoSaude unita visao
Saude unita visao
 
Fluxo energia materia_ecossistemas
Fluxo energia materia_ecossistemasFluxo energia materia_ecossistemas
Fluxo energia materia_ecossistemas
 
Saude unita visa_opp
Saude unita visa_oppSaude unita visa_opp
Saude unita visa_opp
 
INTERATIVIDADE
INTERATIVIDADEINTERATIVIDADE
INTERATIVIDADE
 
Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"
Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"
Desenvolvimento e Avaliação da Página de Internet "ENZIMAS"
 
Educação Online e a Formação do Sujeito da Incerteza
Educação Online e a Formação do Sujeito da IncertezaEducação Online e a Formação do Sujeito da Incerteza
Educação Online e a Formação do Sujeito da Incerteza
 
Cibercultura e Educação - Desafios
Cibercultura e Educação - DesafiosCibercultura e Educação - Desafios
Cibercultura e Educação - Desafios
 
Construção de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação OnlineConstrução de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação Online
 
Promoção da saúde na perspectiva da UNITA
Promoção da saúde na perspectiva da UNITAPromoção da saúde na perspectiva da UNITA
Promoção da saúde na perspectiva da UNITA
 
Estilos atividade1 maurilio
Estilos atividade1 maurilioEstilos atividade1 maurilio
Estilos atividade1 maurilio
 

Colóquio sobreReflexões Multidisciplinares no Contexto Angolano do Pós-guerra

  • 1.
  • 2. A PEDAGOGIA DA MUDANÇA: REVISITANDO A PEDAGOGIA DO OPRIMIDO DE PAULO FREIRE PARA SONDAR CAMINHOS PARA A MUDANÇA EM ANGOLA
  • 4.
  • 5. Gandhi: “existem em nosso planeta recursos suficientes para atender às necessidades de todos, mas, em compensação, eles não bastarão se o objectivo for satisfazer o desejo de posse, a avidez, a cobiça, mesmo que seja de alguns.” PATRICK VIVERET “a miséria material de uns está directamente relacionada à miséria ética, afectiva e espiritual de outros” (VIVERET, 2013)
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10. FILOSOFIA DO FRACTAL: O TODO ESTÁ PARA A PARTE COMO A PARTE ESTÁ PARA O TODO
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17. Humanização e desumanização dentro da história, num contexto real, concreto, objectivo, são possibilidades dos seres humanos como seres inconclusos e conscientes da sua inconclusão. (E diz mais) se ambas são posssibilidades, só a primeira nos parece ser o que chamamos de vocação dos homens. Vocação negada na injustiça, na exploração, na opressão, na violência dos opressores. Mas afirmada no anseio de liberdade, de justiça, de luta dos oprimidos, pela recuperação de sua humanidade roubada (FREIRE, 2005, pág. 32).
  • 18. A liberdade, que é uma conquista, e não uma doação, exige uma permanente busca. Busca permanente que só existe no acto responsável de quem a faz. Ninguém tem liberdade para ser livre: pelo contrário, luta por ela precisamete porque não a tem. Não é também a liberdade um ponto ideal, fora dos homens, ao qual inclusive eles se alienam. Não é ideia que se faça mito. É condição indispensável ao movimento de busca em que estão inscritos os homens como seres inconclusos (FREIRE, 2005, pág. 37).
  • 19. Apesar do oprimido reconhecer a contradição que o opõe ao opressor ele é levado por várias circunstâncias a desenvolver medo da liberdade, resignando-se. É por isso necessário, por meio de acção pedagógica apropriada, levar o oprimido a reconhecer dentro de si as forças, enfim, a potência que carrega para empreender a conquista da liberdade.
  • 20. A libertação, por isto, é um parto. E um parto doloroso. O homem que nasce deste parto é um homem novo que só é viável na e pela superação da contradição opressores-oprimidos, que é a libertação de todos. A superação da contradição é o parto que traz ao mundo este homem novo não mais opressor; não mais oprimido, mas homem libertando-se. Paulo Freire