Aula 1 -_conceitos_e_elementos_climáticos

2.767 visualizações

Publicada em

conceitos de climatologia

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.767
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
126
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 1 -_conceitos_e_elementos_climáticos

  1. 1. CLIMATOLOGIA 1) OBJETIVOS E CONCEITOS 2) ELEMENTOS CLIMÁTICOSProf. José Francisco Vilela Rosa
  2. 2. 1. Objetivos da disciplina Fornecer os meios básicos de utilização dos subsídios meteorológicos à análise geográfica da atmosfera; Compreender a influência dos elementos e dos fatores climáticos nos processos de ocupação do espaço; Apresentar os métodos e as técnicas adequados ao estudo da realidade climática. Desenvolver trabalhos científicos, proporcionando a oportunidade de trabalhar com a criatividade e análise de textos da área.
  3. 3. 2. Definições e ConceitosA climatologia é um dos ramos da geografia física que estuda o clima e o tempo. Tempo atmosférico ou meteorológico: é o estado atual da atmosfera em determinado local e instante, sendo caracterizado pelas condições de temperatura, umidade, vento, radiação, chuva e etc. Clima: A palavra clima deriva do grego e significa "inclinação" referindo-se a curvatura da Terra, que condiciona em grande parte os diferentes tipos climáticos terrestres.
  4. 4. HANN (1882): "Clima é o conjunto de elementosmeteorológicos que caracterizam o estado médio daatmosfera num determinado ponto sobre a superfícieterrestre”.SORRE (1934): "Clima passa a ser o ambienteatmosférico constituído pela série de estados daatmosfera em um determinado lugar e sua sucessãohabitual”.OMM (1960): estado médio da atmosferacaracterizado pela temperatura, umidade, vento,chuva, pressão, radiação solar etc, em um período deno mínimo trinta anos (30) de observação.
  5. 5. Elementos do ClimaSão grandezas (variáveis) que caracterizam o estado da atmosfera, ou seja: radiação solar, temperatura do ar, umidade do ar, pressão atmosférica, velocidade e direção do vento, precipitação.Esse conjunto de variáveis descreve as condições atmosféricas em um dado local e instante.
  6. 6. Fatores do Clima são os agentes causais que condicionam os elementos do clima. Fatores geográficos tais como Latitude; Altitude; continentalidade/ maritimidade; tipo de corrente oceânica (fria ou quente); Vegetação; Frentes;E outros fatores, interferem nos elementos do clima.Observação: A radiação solar pode ser tomada como elemento ou fator do clima, pois quando a radiação começa a influenciar na variação diária da temperatura do ar esta se torna um fator do clima, mas não deixa de ser, por natureza um elemento do clima.
  7. 7. Normal ClimatológicaValor padrão reconhecido de um elemento meteorológico, considerando a média de sua ocorrência em um determinado local, por um número determinado de anos."Normal" significa a distribuição dos dados dentro de uma faixa de incidência habitual.Os parâmetros podem incluir temperaturas pressão, precipitação, ventos, quantidade de nuvens, percentagem de umidade relativa, etc.As normais, até o momento, compreendem três momentos: 1901-1930: primeira normal climatológica; 1931-1960: segunda normal climatológica; 1961-1990: terceira normal climatológica; 1991-2020: quarta normal climatológica (ainda em avaliação e registro);
  8. 8. A Meteorologia é definida como a ciência que estuda os fenômenos que ocorrem na atmosfera, e está relacionada ao estado físico, dinâmico e químico da atmosfera, a interação entre elas e a superfície terrestre subjacente.
  9. 9. A Climatologia é uma sub-área dameteorologia que estuda o comportamentomédio da atmosfera para um determinadoperíodo, através de métodos estatísticos.A Climatologia Geográfica é a disciplinaque estuda a relação entre os elementos efatores do clima e suas relações com aprodução e organização do espaço.
  10. 10. • OMM: A Organização Meteorológica Mundial é órgão em escala global responsável pela observação, padronização e divulgação dos dados relacionados ao clima no planeta.• INMET: O Instituto Nacional de Meteorologia é órgão na escala nacional responsável pela observação, padronização e divulgação dos dados relacionados ao clima no Brasil.• Juntamente com o INMET o INPE/CPTEC (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais/Centro de Previsão de Tempo e Clima) também responde por grande parte da observação de superfície no Brasil. Atualmente o INMET detém as redes de estações Convencionais e o INPE a rede de Estações Automáticas.
  11. 11. Estação Meteorológica de Observaçãode Superfície: Local padronizado onde seencontram instalados os sensores queavaliam e registram os elementos do Clima.A área deve possuir amplo horizonte edistante de obstáculos. O solo deverá sercoberto com grama.As observações são feitas sempre as 09h00,15h00 e 21h00 min hora local querepresentam 12TMG, 18TMG e 24TMG. Nasestações meteorológicas o horário de verão édesconsiderado.
  12. 12. ATMOSFERA TERRESTREAs características físicas são complexas.Misturam-se: partículas sólidas, massas líquidase elementos gasosos (os gases da altaatmosfera caracterizam-se por outro estado damatéria, o plasma).A atmosfera é constituída de cincocamadas: troposfera, estratosfera, mesosfera,termosfera e exosfera.O ar se torna mais rarefeito quanto mais a gentesobe. A troposfera é a única camada em que os seresvivos podem respirar normalmente.
  13. 13. Constituintes Não -Variáveis da atmosfera
  14. 14. Constituintes Variáveis da atmosfera
  15. 15. VAPOR D’ÁGUA• Matéria prima para a formação das nuvens;• Veículo para o transporte de calor na atmosfera, conduzindo-o sob a forma latente e liberando-o na forma de calor sensível;• Atua como agente termorregulador, em virtude do “efeito estufa” que produz.• Absorvedor de ondas infravermelhasDIÓXIDO DE CARBONO (CO2)• Termorregulador;• Absorvedor de ondas longas;• Sua emissão crescente pelo generalizado de combustíveis fosseis é preocupante (desequilíbrio climático – aquecimento global).
  16. 16. Ozônio (O3)• Sua presença pode ser aumentada pelas atividades industriais e queima de combustíveis fósseis;• É oxidante causando danos à vegetação e à saúde humana;• Suas concentrações máximas ocorrem entre 15 e 30 km de altitude;• Ele absorve radiação ultravioleta na faixa de 2400 a 3200 Å, impedindo assim que essa radiação letal chegue a superfície terrestre, o que causaria morte de organismos unicelulares e de células superficiais de plantas e animais. Essa radiação pode danificar o material genético (DNA) das células.• Desempenha também papel no aquecimento da alta atmosfera.
  17. 17. ESTRUTURA VERTICAL DA ATMOSFERA É uma estrutura extremamente variável quanto a inúmeros aspectos: composição, temperatura, umidade, pressão, movimento etc. É dividida em camadas. A mais relevante é a TROPOSFERA, é onde a maioria dos fenômenos meteorológicos de efeito prático ocorrem.
  18. 18. • Troposfera - As condições climáticas acontecem na camada inferior da atmosfera, chamada troposfera. Essa camada se estende até aproximadamente 15 km do solo, no equador, e a aproximadamente 8 km nos pólos.• Estratosfera - A estratosfera chega a 50 km do solo. A temperatura vai de 60ºC negativos na base ao ponte de congelamento na parte de cima. A estratosfera contém ozônio, um gás que absorve os prejudiciais raios ultravioleta do Sol. Hoje, a poluição está ocasionando "buracos" na camada de ozônio.• Mesosfera - O topo da mesosfera fica a 80 km do solo. É muito fria, com temperaturas abaixo de 100ºC negativos. A parte inferior é mais quente porque absorve calor da estratosfera.
  19. 19. • Termosfera - O topo da termosfera fica a cerca de 450 km acima da Terra. É a camada mais quente, uma vez que as raras moléculas de ar absorvem a radiação do Sol. As temperaturas no topo chegam a 2.000ºC.• Exosfera - A camada superior da atmosfera fica a mais ou menos 900 km acima da Terra. O ar é muito rarefeito e as moléculas de gás "escapam" constantemente para o espaço. Por isso é chamada de exosfera (parte externa da atmosfera).
  20. 20. ELEMENTOS CLIMÁTICOS
  21. 21. ELEMENTOS CLIMÁTICOSELEMENTOS CLIMÁTICOS: São os aspectos do tempo e doclima influenciados pelos fatores climáticos. Ex: TEMPERATURA PRESSÃO ATMOSFÉRICA UMIDADE RELATIVA DO AR PRECIPITAÇÕES 1 – FRONTAL 2 – OROGRÁFICA 3 - CONVECTIVA
  22. 22. Temperatura• Conceito• Unidades• Escalas e Conversões.• Valores de temperaturas: casos especiais da climatologia. T9h + 2 x T21h + TMAX + TMIN T = 5
  23. 23. Normais de temperatura em algumas capitais.
  24. 24. Pressão atmosféricaPressão atmosférica é a força causada pelo ar sobre asuperfície terrestre.Ela depende da latitude, altitude e temperatura.Os gases também são compostos por matéria, possuemmassa e ocupam lugar no espaço.A pressão exercida por esta camada é sentida por todos oscorpos que estiverem no interior da mesma.A pressão a um determinado nível é então igual ao peso dacoluna de ar existente entre ele e o nível superior daatmosfera.Quanto maior a altitude, menor a pressão e vice-versa.
  25. 25. A temperatura também tem forte influencia namodificação da pressão atmosférica. Isto porque o arquente é leve, ou seja, sobe e como conseqüênciadiminui a pressão. E em regiões de baixa temperaturahá maior pressão, visto que o ar frio tende a descer.O movimento do ar decorre da diferença de pressão. Elese movimenta das altas para as área de baixa pressão.Esse movimento do ar chamamos de vento.Quanto menor a latitude, menor a pressão. Nas regiõesmais quentes, região equatorial, o ar se dilata ficandoleve, por isso tem uma baixa pressão. Próximo aospólos, o frio contrai o ar, deixando mais denso, tendouma maior pressão.

×