Chapinha

2.011 visualizações

Publicada em

Trabalho de Quimica sobre a chapinha.

Publicada em: Estilo de vida
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.011
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Chapinha

  1. 1. chapinha<br />Evolução da Chapinha<br />
  2. 2. Anos 30: Era utilizado uma haste de metal aquecida, conhecida como “cabelisador”<br />
  3. 3. Anos 40: Eram usados pentes de metal aquecidos para alisar os fios<br />
  4. 4. Anos 50: Começaram a surgir os primeiros alisadores químicos, feitos a partir de soda cáustica. Outra técnica para alisar os fios era literalmente “passar” os cabelos, com o ferro de passar roupas<br />
  5. 5. Anos 60: Ficaram famosas as toucas (ou rodinhas). As mechas dos cabelos, ainda úmidas, eram esticadas uma por uma e presas com grampos ao redor da cabeça <br />
  6. 6. Anos 70: O movimento hippie trouxe o cacheado natural de volta à cena<br />
  7. 7. Anos 80: Foi o marco para o alisamento moderno. A queratina (proteína natural dos cabelos) passou a ser utilizada para amenizar os danos causados pelos processos de alisamento<br />
  8. 8. Anos 90: O uso do secador popularizou-se e surgiram as famosas chapinhas <br />
  9. 9. Anos 2000: Surgiram as progressivas, definitivas, de chocolate, perolizada e uma infinadade de escovas que deixam os fios lisos. Os secadores e chapinhas estão mais modernos e com alta tecnologia, que promete tratar, ao invés de danificar os fios. <br />

×