”Aprende que heróis são pessoas que
fizeram o que era necessário fazer,
enfrentando as consequências.”
(William Shakespea...
 Ídolo:  Pessoa pela qual se tributam louvores
excessivos ou que se ama apaixonadamente.
Personalidade que desfruta de gr...
 Em três anos, o número de meninos envolvidos
com o tráfico em Florianópolis cresceu 3.200%.
 Uma das iscas utilizadas p...
Gustavo* viu quando o irmão foi baleado. O primeiro tiro no
braço. O segundo no abdômen. O terceiro no coração. Era uma
no...
 Gestos obscenos;
 Fotos mostrando o
corpo;
 Cigarro de
maconha;
 Bebida alcoólica;
 Ameaçou um
fotógrafo dizendo
q o...
 Escândalos envolvendo
pedofilia;
 Segura o filho pendurado em
uma janela de um edifício;
 Preso por pedofilia;
 Acúmu...
“Afinal o mundo pode deixar de ser um lugar onde apenas se mata, se morre,
se explora, se degrada para também poder ser um...
íDolos contemporâneos
íDolos contemporâneos
íDolos contemporâneos
íDolos contemporâneos
íDolos contemporâneos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

íDolos contemporâneos

103 visualizações

Publicada em

O ídolo traduz muito da ideologia de nossos jovens.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
103
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

íDolos contemporâneos

  1. 1.  ”Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as consequências.” (William Shakespeare – O Menestrel)
  2. 2.  Ídolo:  Pessoa pela qual se tributam louvores excessivos ou que se ama apaixonadamente. Personalidade que desfruta de grande popularidade (artistas populares, esportistas e etc.)  Ideologia: é a ciência que trata da formação das ideias e da sua origem; conjunto de ideias, crenças e doutrinas, próprias de uma sociedade, de uma época ou de uma classe, e que são produto de uma situação histórica e das aspirações dos grupos que as apresentam como imperativos da razão; Fonte: Dicionário Informal - http://www.dicionarioinformal.com.br
  3. 3.  Em três anos, o número de meninos envolvidos com o tráfico em Florianópolis cresceu 3.200%.  Uma das iscas utilizadas pelos chefes das bocas de fumo é a criação de bondes de funk ostentação com patrocínio de bailes para atrair a garotada iludida com a possibilidade de se vestir como a classe A .O novo funk é Lacoste, Louis Vitton. É a exibição de marcas antes vistas nos guarda-roupas da classe A, ou seja, dos ricos.  Enquanto isso, os chefões do tráfico fortalecem a facção com a exploração do trabalho infantil.
  4. 4. Gustavo* viu quando o irmão foi baleado. O primeiro tiro no braço. O segundo no abdômen. O terceiro no coração. Era uma noite quente de novembro e tudo estava bem minutos antes. Os garotos do morro iam buscar coca-cola e salgadinhos para aguentar o trabalho na boca de fumo. Dedeh, seu irmão, e chefe de uma das três bocas da Vila Cachoeira, no Monte Verde, pagou o lanche com a grana de uma bucha de pó vendida para um “playboy”. Foi sua última contribuição para o tráfico. Dedeh era “o cara” no morro. Agora o morro vive e o cara não é mais lembrado por lá.
  5. 5.  Gestos obscenos;  Fotos mostrando o corpo;  Cigarro de maconha;  Bebida alcoólica;  Ameaçou um fotógrafo dizendo q o mataria.  Drogas em seu ônibus de turnê.   Pichador de muros;  Preso por pegar um “racha”.
  6. 6.  Escândalos envolvendo pedofilia;  Segura o filho pendurado em uma janela de um edifício;  Preso por pedofilia;  Acúmulo de dívidas chegaram a 24 milhões de dólares;  Mudou radicalmente sua fisionomia (aparência) e até a cor de sua pele;  Vivia como uma criança, precisando inclusive de cuidados destinados a crianças pequenas;  Viciado em medicamentos para dormir;  Morreu de forma suspeita, tecnicamente um suicídio;
  7. 7. “Afinal o mundo pode deixar de ser um lugar onde apenas se mata, se morre, se explora, se degrada para também poder ser um espaço onde há espaço para o amor, a solidariedade, a fraternidade” Três mulheres- a presidente da Libéria,Ellen Johnson Sirleaf, a militanteLeymah Gbowee, também liberiana, e a jornalista e ativista iemenita Tawakkul Karman- foram laureadas com o Prêmio Nobel da Paz de 2011.

×