LINGUAGEM DIGITAL 
ALUNAS: Elisa Dias Vieira 
Flavia Maria do Nascimento Turci 
Gizelia Alves de Souza 
Margareth Antonia ...
TÓPICOS ABORDADOS 
 FUNDAMENTAÇÃO 
 A LINGUAGEM EM CADA CICLO 
 CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIAS ESPECIAIS 
 APRENDENDO COM P...
Vivemos numa sociedade denominada sociedade da informação. A escola sendo parte 
desta sociedade vive diferentes desafios ...
FUNDAMENTAÇÃO 
 A INFÂNCIA MUDOU RADICALMENTE: As crianças da atualidade têm outro jeito de 
brincar, imaginar, sofrer, p...
A LINGUAGEM EM CADA CICLO 
Características da sociedade do sec.XXI 
 Globalizada 
 Flexibilidade 
 Informacional 
 Ind...
Papel dos Educadores 
 Gerenciar 
 Acompanhar 
 Orientar 
Significado do computador 
 Novo brinquedo (lúdico) 
 Objet...
Criança de 0 até 3 anos 
 Linguagem concreta 
 Desenvolvimento motor 
 Imersa em meio aos aparatos 
Tecnológicos 
 Apr...
Criança de 3 até 6 anos 
 Desenvolvimento da linguagem abstrata 
 Aumento das possibilidades de uso do 
computador 
Ativ...
Classificação: 
 Tutoriais 
 Programação 
 Aplicativos 
 Exercícios e práticas 
 Multimídia e Internet 
 Simulação e...
CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIAS ESPECIAIS 
Lei nº 9393/96 contempla a educação especial em todos os níveis: do infantil ao super...
APRENDENDO COM PROJETOS 
Conceito de projeto 
 O significado do conceito de projeto como característica do ser humano. 
O...
O projeto na escola Técnica didático - método de projetos 
 Caracteriza e diferencia por propor um conjunto de situações ...
Projetos interdisciplinares 
O que é Interdisciplinaridade 
 Interdisciplinaridade é um termo que não tem significado úni...
DIALOGO COM OS PROFISSIONAIS 
Rede de Formação 2008, para profissionais da Educação Infantil. 
 Linguagem Digital provoca...
 A inclusão da linguagem Digital nas PCPBH como instrumento de Inclusão Digital e 
social. 
 Foram apresentadas as estru...
A tecnologia aplicada na educação tem funcionado como instrumento para a inovação, 
mas na verdade, as escolas não se enco...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Linguagem digital

90 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
90
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
36
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Linguagem digital

  1. 1. LINGUAGEM DIGITAL ALUNAS: Elisa Dias Vieira Flavia Maria do Nascimento Turci Gizelia Alves de Souza Margareth Antonia Silva de Laia Maryellen Gonçalves Pimentel
  2. 2. TÓPICOS ABORDADOS  FUNDAMENTAÇÃO  A LINGUAGEM EM CADA CICLO  CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIAS ESPECIAIS  APRENDENDO COM PROJETOS  DIALOGO COM OS PROFISSIONAIS
  3. 3. Vivemos numa sociedade denominada sociedade da informação. A escola sendo parte desta sociedade vive diferentes desafios com o impacto da tecnologia, adquirindo cada vez mais relevância no cenário educacional. Submetido a essa nova linguagem, a digital, o homem, principalmente o educador, enfrenta o desafio da apropriação das mais fortes expressões da sociedade contemporânea, elemento tão importante de comunicação que faz parte do cotidiano das crianças da Educação Infantil.
  4. 4. FUNDAMENTAÇÃO  A INFÂNCIA MUDOU RADICALMENTE: As crianças da atualidade têm outro jeito de brincar, imaginar, sofrer, pensar e construir sua realidade infantil.  O desenvolvimento da tecnologia invade abertamente o leque espaço-temporal da criança.  O aluno deixa de ser um consumidor de informações, quando passa a construir seu próprio saber.  PROFESSOR / EDUCADOR: Aquele que enriquece o ambiente, um articulador, mediador durante todo o processo.
  5. 5. A LINGUAGEM EM CADA CICLO Características da sociedade do sec.XXI  Globalizada  Flexibilidade  Informacional  Individualização Características do indivíduo do sec.XXI  Ser ativo  Pensamento hipertextual
  6. 6. Papel dos Educadores  Gerenciar  Acompanhar  Orientar Significado do computador  Novo brinquedo (lúdico)  Objeto fácil para manipular, explorar e projetar interesse pela descoberta  Ferramenta técnica e social
  7. 7. Criança de 0 até 3 anos  Linguagem concreta  Desenvolvimento motor  Imersa em meio aos aparatos Tecnológicos  Aprendem a linguagem digital Atividades usando a linguagem digital  Gravar sons  Ouvir história  Utilizar imagens/fotos digitalizados  Assistir DVD  Montar o corpo digitalizado
  8. 8. Criança de 3 até 6 anos  Desenvolvimento da linguagem abstrata  Aumento das possibilidades de uso do computador Atividades utilizando a linguagem digital Os softwares educativos  Concebido e destinado ao uso de situações educativas  Usado em contexto de ensino-aprendizagem
  9. 9. Classificação:  Tutoriais  Programação  Aplicativos  Exercícios e práticas  Multimídia e Internet  Simulação e modelagem  Jogos A informática educativa na Educação Infantil:  Não deve ocorrer de forma excepcional;  Deve articular as aprendizagens, os materiais, os objetos e a pluralidade de linguagens;
  10. 10. CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIAS ESPECIAIS Lei nº 9393/96 contempla a educação especial em todos os níveis: do infantil ao superior.  Tecnologia assistitiva  O computador favorece a superação de limitações  Qualidade de vida para crianças /pessoas especiais  Inclusão e tecnologia assistida  Necessidade de repensar a flexibilidade do currículo  O deficiente ingresso na cultura, constituindo-se como sujeito do seu processo de desenvolvimento
  11. 11. APRENDENDO COM PROJETOS Conceito de projeto  O significado do conceito de projeto como característica do ser humano. O que é um projeto ?  Projeto é uma construção própria do ser humano,que se concretiza a partir de uma descrição inicial de um conjunto de atividade ; Características  Projeto é carregado de incertezas, ambiguidades, soluções provisórias ;  Deve ser continuamente revisto ,refletido e reelaborado durante sua realização;  Previsão do futuro
  12. 12. O projeto na escola Técnica didático - método de projetos  Caracteriza e diferencia por propor um conjunto de situações de ensino e aprendizagem altamente contextualizados num processo coletivo envolvendo alunos e professores .  Possibilita o seu uso desde a visão inter/transdiscplinar Na constituição de um projeto ,o fundamental é:  Coragem para romper com as limitações do cotidiano,  Delinear um percurso que pode levar a outro
  13. 13. Projetos interdisciplinares O que é Interdisciplinaridade  Interdisciplinaridade é um termo que não tem significado único, possuindo diversas interpretações  Dialogo entre as disciplinas e entre os sujeitos da ação  Desenvolve a identidade das disciplinas, fortalecendo as e evidenciado uma mudança de postura na pratica pedagógica .  Sinônimo de desafio.  È uma nova consciência, um novo comprometimento com a totalidade do conhecimento, quebrando as crenças e visões fragmentadas que adquirimos ao longo da nossa historia.  Assim para aqueles educadores que queiram ter com técnica didática o método de projetos utilizando diferentes linguagens, devera pesquisar, buscar e construir seu próprio quadro conceitual, pois nada é estático e definido na educação quando se refere a tecnologia .
  14. 14. DIALOGO COM OS PROFISSIONAIS Rede de Formação 2008, para profissionais da Educação Infantil.  Linguagem Digital provoca certo medo, curiosidades e aversões nos educadores.  Se fez necessário traçar um histórico da evolução da linguagem e das tecnologias, e ressaltar a importância do computador como forma de ampliar o conhecimento de mundo.  Importância da reconfiguração do papel do professor e do artefato computador como aliado no processo de ensino-aprendizagem.
  15. 15.  A inclusão da linguagem Digital nas PCPBH como instrumento de Inclusão Digital e social.  Foram apresentadas as estruturas do computador, Hardware, Softwares, blog e alguns programas educativos disponíveis para a Educação Infantil, e discutiu-se a necessidade de avaliar os programas antes de adotá-los.  Destaque ao caráter interativo da internet, pois semeia novas possibilidades educacionais, com propostas que vão além da sala de aula
  16. 16. A tecnologia aplicada na educação tem funcionado como instrumento para a inovação, mas na verdade, as escolas não se encontram “prontas”. Seja pela falta de informação, interesse ou capacitação dos profissionais ou até mesmo falta de recursos/artefatos tecnológicos. Precisamos ter consciência para refletirmos e agirmos de forma a atender a essa nova demanda de uma sociedade marcada pelo digital. Professor / educador deve assumir novas dimensões de atuação, compreendendo que o ensino, a educação e a comunicação se baseiam na interlocuções de saberes, no respeito as diferenças e no envolvimento pessoal em um mundo de constantes transformações.

×