BLOGS COMO PROJETOS DE REGISTRO  E COMUNICAÇÃO NA ESCOLA: CO-AUTORIA, PUBLICAÇÃO  E DISSEMINAÇÃO  DA PRODUÇÃO DE PROFES...
  Por que ter um Blog ? <ul><li>Essa ferramenta do mundo virtual pode ser muito útil para: </li></ul><ul><li>  </li></ul><...
  O lado positivo para utilização dos blogs <ul><li>As tecnologias auxiliam  encontrar o conhecimento que já está consolid...
No uso de tecnologias devemos atentar aos seguintes pontos: <ul><ul><li>  Mais informação não significa mais conhecimento....
Mais informação não significa mais conhecimento <ul><li>Hoje consumimos muita informação com o uso da internet e seus recu...
  <ul><li>  </li></ul>
  <ul><li>  </li></ul>
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Blogs como projetos_de_registro_e_comunicacao_

444 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
444
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Blogs como projetos_de_registro_e_comunicacao_

  1. 1.   BLOGS COMO PROJETOS DE REGISTRO  E COMUNICAÇÃO NA ESCOLA: CO-AUTORIA, PUBLICAÇÃO  E DISSEMINAÇÃO  DA PRODUÇÃO DE PROFESSORES E ALUNOS.    Grupo:  Juliana Saisse,Eliane Silva, Fernanda Frazão e Maryane Paiva.
  2. 2.   Por que ter um Blog ? <ul><li>Essa ferramenta do mundo virtual pode ser muito útil para: </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><ul><li>  Divulgar  um projeto político-pedagógico. </li></ul></ul><ul><ul><li>Ampliar a discussão de conteúdos trabalhados em sala de aula. </li></ul></ul><ul><ul><li>Valorizar a produção dos alunos. </li></ul></ul><ul><ul><li>Permite interagir com outras instituições. </li></ul></ul><ul><li>  </li></ul>
  3. 3.   O lado positivo para utilização dos blogs <ul><li>As tecnologias auxiliam  encontrar o conhecimento que já está consolidado e a organizar o que está confuso, caótico, disperso em nossa mente à respeito dos conteúdos. </li></ul><ul><li>Por isso é tão importante dominar ferramentas de busca da informação e saber interpretar o que se escolhe, adaptá-lo ao contexto pessoal e regional e situar cada informação dentro do universo de referências pessoais. A pesquisa é um primeiro passo para entender, comparar, escolher, avaliar, contextualizar, aplicar de alguma forma. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  4. 4. No uso de tecnologias devemos atentar aos seguintes pontos: <ul><ul><li>  Mais informação não significa mais conhecimento. </li></ul></ul><ul><ul><li>  A facilidade de localizar informações não nos permite uma leitura mais aprofundada. </li></ul></ul><ul><ul><li>  A pesquisa e a leitura se torna algo superficial, apenas de alguns pontos sobre o assunto. </li></ul></ul><ul><ul><li>  Há uma dispersão na atenção pois abrimos muitas janelas ao mesmo tempo. </li></ul></ul><ul><ul><li>Muitos se satisfazem com os primeiros resultados de uma pesquisa. Pensam que basta ler para compreender. </li></ul></ul>
  5. 5. Mais informação não significa mais conhecimento <ul><li>Hoje consumimos muita informação com o uso da internet e seus recursos como o blog, por exemplo, no entanto isso não quer dizer que conheçamos mais e que tenhamos mais sabedoria.  </li></ul><ul><li>A  sabedoria se dá quando  o conhecimento é vivenciado com  a ética aliada a prática.  Através de uma educação de qualidade avançamos mais rapidamente da informação para o conhecimento e por uma aprendizagem continuada e profunda atingimos à sabedoria. </li></ul>
  6. 6.   <ul><li>  </li></ul>
  7. 7.   <ul><li>  </li></ul>

×