Aulas 25 28 - renascimento

1.275 visualizações

Publicada em

Aulas sobre o Renascimento e os respectivos arquitetos da época.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.275
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aulas 25 28 - renascimento

  1. 1. QUATROCENTTO Bruneleschi Michelozzo Alberti CINQUECENTTO Bramante Paladio Michelangelo Giacomo Barozzi (Vignola) Vasari O Renascimento
  2. 2. 400 ac Cristo Paleocristão Gótico 800 Românico Trecentto Quatrocentto Cinquecentto Clássico Grego Renascimento Maneirismo Barroco 1600 1700 1800 1900 2000 Neo- Clássico Iluminismo Eclético Moderno Art Nouveau Descostrutivismo
  3. 3. 400 ac Cristo Paleocristão Gótico 800 Românico Trecentto Quatrocentto Cinquecentto Clássico Grego Renascimento Maneirismo Barroco 1600 1700 1800 1900 2000 Neo- Clássico Iluminismo Eclético Moderno Art Nouveau Descostrutivismo
  4. 4. SEC XIII SEC XIV - TRECENTTO nasce uma nova burguesia mercantil colocando em risco o poder dos senhores feudais Consolidação da burguesia comercial Crescimento desordenado das cidades (burgos) sem infraestrutura de esgotos Peste negra dizima 1/3 da população do continente relações comerciais com os povos do Oriente com o fim das cruzadas em 1272 Desenvolvimento da navegação (Flandres e Itália) e surgimento de novos centros comerciais aumento nas trocas monetárias e de mercadorias Venda das terras, emancipação dos servos e regalias à nova cidade Feudalismo se reestrutura em reinos. nasce uma nova burguesia mercantil colocando em risco o poder dos senhores feudais Nobreza endividada – guerra dos 100 anos entre França e Inglaterra e escassez de mão- de-obra -Apesar do crescente aumento de poder da burguesia, a Igreja mantém sua importância política e religiosa e participa das disputas territoriais Fonte: Porf Arq. André Almeida Estácio-FIC - Curso de Arquitetura e Urbanismo O Renascimento – antecedentes históricos
  5. 5. Comercio e o saber se reforçam mutamente Ressurgimento do comercio Gótico Irradiante Fortalecimento das monarquias O Renascimento Fortalecimento do poder da Igreja Cidades sem infraestrutura Trecentto Sec XIV Quatrocentto Sec XV Desenvolvimento da matemáticaPrensa de Gutemberg 1445 Escola de Sagres, 1417 Perspectiva Peste negra
  6. 6. Comercio e o saber se reforçam mutamente O Renascimento e o Manerismo Quatrocentto Sec XV Desenvolvimento da matemática Prensa de Gutemberg, 1445 Cinquecentto Sec XV Reforma protestante 1517 Escola de Sagres, 1417 Grandes Navegações Perspectiva Contra-reforma, 1545 Concílio de Trento 1545 a 1563 Companhia de Jesus 1534 Saque de Roma 1527 Colonização do Brasil 1530 Turcos tomam Constantinopla, 1453 Reconquista Ibérica, 1492 Renascimento
  7. 7. BRANDÃO, Carlos António L. A Formação do Homem Moderno Vista Através da Arquitetura. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006. “Tal como o homem medieval, o homem renascentista acredita num cosmos ordenado que tanto o Gótico como o Renascimento procurarão concretizar em seus edifícios” CONCEITO DE ORDEM - PERÍODO MEDIEVAL: lógica hierárquica / pressupostos metafísicos e religiosos - PERÍODO RENASCENTISTA: números / lógica / geometria “Na medida em que a Arquitetura deve refletir um cosmos matematicamente ordenado, o estudo da perspectiva, maneira geométrica de o homem reproduzir e construir o espaço, e o estudo das proporções, relacionado desde a antiguidade ao corpo humano, tornam-se para o novo artista as chaves de toda a sua composição.” O HOMEM VITRUVIANO (1490, Leonardo Da Vinci) O Renascimento Fonte: Porf Arq. André Almeida Estácio-FIC - Curso de Arquitetura e Urbanismo
  8. 8. Leonardo da Vinci. A Última Ceia BRANDÃO, Carlos António L. A Formação do Homem Moderno Vista Através da Arquitetura. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006. O Renascimento
  9. 9. QUATROCENTTO Filippo Brunelleschi , Florença, (*1377 † 1446) Michelozzo di Bartolommeo, ou Michelozzo Michelozzi, Florença (*1396 † 1472) CINQUECENTTO Donato di Angelo del Pasciuccio, o Bramante, (*1444 † 1514) Andrea Palladio (*1508 † 1580) Giorgio Vasari (*1511† 1574) O Renascimento Principais arquitetos renascentistas Hospital dos Inocentes 1419 Sacristia Velha 1420-29 Santa Maria del Fiore (Duomo) 1420-36 Igreja do Santo Espírito 1434-46 Capela Pazzi 1429-61 Palacio Pitti 1457-66 (?) Púlpito , Catedral de St. Estevão 1428 Palácio Medici Riccardi 1444-1452 (?) Santa Maria Novella 1456 – 1470 Palácio Rucellai 1446 – 1451 Sant’Andrea 1470 De re aedificatoria libri decem 1452 Tempietto in Motorio 1502 Igreja de São Pedro Vite (biografia dos artistas) 1550 Palácio Uffizi 1560 Sacristia Nova 1521-1534 Biblioteca Laurenciana 1524 Reforma da Praça Capitólio 1536-1546 Reforma da Basílica de S. Pedro 1546 Loen Batista Alberti, (*1404 † 1472) Villas no Vêneto 1542-1566 Rotonda 1566 Michelangelo Buonarroti (*1475† 1564)
  10. 10. ZEVI, Bruno. Saber Ver a Arquitetura. São Paulo: Martins Fontes, 1996. Bruno Zevi apresenta as teorias que definem o Renascimento como uma continuidade e outros autores como ruptura na história da arquitetura. No campo social, vários fatos rompem gradativamente a maneira do homem pensar e se colocar no mundo: a descoberta da América, a perspectiva e a imprensa são os grandes marcos sociais, influenciando o pensamento humanista e classicista. De qualquer forma, o conceito de ruptura nasce do fato de o artista tornar-se mais intependente, a partir do desenvolvimento da burquesia e da arte por encomenda através do mecenato; fato esse que porta a atitudes mais pessoais do artista na sua obra, buscando-se inspiração e referência na Antiguidade Clássica. O espaço se torna menos espiritualizado e mais humanizado, racional e matemático. A linguagem arquitetônica espalha-se na arquitetura civil particular. Reforma entre 1656-1667 (arq. Gian Lorenzo Bernini) Fonte: Porf Arq. André Almeida Estácio-FIC - Curso de Arquitetura e Urbanismo O Renascimento
  11. 11. O Renascimento Florença, Berço do Renascimento Ig. Duomo Palacio Uffizi Plalacio Pitti Ig. S. Lorenzzo Capela. Pazzi Palacio Rucellai Ig. Santo Spiritu Ig. Santa Maria Novella
  12. 12. O Renascimento Hospital dos Inocentes, Bruneleschi Quatrocentto
  13. 13. http://www.studyblue.com/notes/note/n/arch2023/deck/6920713 O Renascimento Hospital dos Inocentes, Bruneleschi, 1419 Quatrocentto
  14. 14. Brunelleschi projetou o Hospital dos Inocentes (1419). […] Esta foi considerada a primeira manifestação de uma nova arquitetura, clara e organizada de uma forma racional. http://pt.wikipedia.org/ O Renascimento Bruneleschi , Hospital dos Inocentes, Florença, 1419 Quatrocentto
  15. 15. caracterizado pela sua proporção e pela repetição de colunas, http://alicegonella.wordpress.com/2012/10/29/una-generazione-di-innovatori/ Imposta cornija friso arquitrave Dado Bruneleschiano O Renascimento Bruneleschi , Hospital dos Inocentes, Florença, 1419 Quatrocentto
  16. 16. http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ O Renascimento Hospital dos Inocentes, Bruneleschi Quatrocentto
  17. 17. ZEVI, Bruno. Saber Ver a Arquitetura. São Paulo: Martins Fontes, 1996. FIRENZE/FLORENÇA (Italia) Fonte Google Earth Fonte: Porf Arq. André Almeida Estácio-FIC - Curso de Arquitetura e Urbanismo Brunelleschi, Santa Maria del Fiore, Florença, 1420-36 O Renascimento Quatrocentto
  18. 18. Brunelleschi, Santa Maria del Fiore, Florença, 1420-36 http://masarteaun.blogspot.com.br/2011_02_01_archive.html A cúpula (Duomo em italiano) da catedral de Florença, foi a primeira cúpula de grandes dimensões, erguida na Itália, desde a Antiguidade sobre uma enorme base octogonal. O Renascimento Quatrocentto
  19. 19. Brunelleschi, Santa Maria del Fiore, Florença, 1420-36 O Renascimento Quatrocentto
  20. 20. Basílica de São Lourenço Florença O Renascimento Quatrocentto e Cinquecentto
  21. 21. Sacristia Velha (1420-1429) Bruneleschi SacristiaNova (1521-1534) Michelangelo A Basílica de São Lourenço concebida sobre uma pequena igreja fundada por Santo Ambrósio no ano de 393. Ao fundo do braço esquerdo do cruzeiro encontramos a sacristia velha de Brunelleschi (1420-1429), concebida como um cubo coroado por uma cúpula hemisférica. http://pt.wikipedia.org/ O Renascimento Basílica de São Lourenço Quatrocentto e Cinquecentto Biblioteca Laurenciana (1524) Michelangelo
  22. 22. Sacristia Velha (1420-1429) Bruneleschi SacristiaNova (1521-1534) Michelangelo A Capela dos Médici (Cappelle Medicee), mausoléu da família Médici, está inserida no complexo da Basílica de San Lorenzo concebida por Brunelleschi no século quinze e construída por Miguel Ângelo e Buontalenti entre os séculos dezasseis e dezassete. http://www.museusdeflorenca.com/capela-dos-medici/ http://www.studyblue.com/notes/note/n/midterm/deck/1289890 Capela dos Príncipes (1602) Michelangelo (postuma) O Renascimento Basílica de São Lourenço Quatrocentto e Cinquecentto
  23. 23. Fontes: https://tackk.com/w50vwu e http://pt.wikipedia.org/ Basílica de São Lourenço, Bruneleschi O Renascimento Quatrocentto
  24. 24. http://www.proprofs.com/flashcards/cardshowall.php?title=art-history-week-9 Basílica de São Lourenço, Sacristia Velha , Bruneleschi O Renascimento Quatrocentto As obras foram iniciadas em 1419, com o patrocínio de Cosme, o Velho, Médici, e foram terminadas em 1460 por Antonio Manetti, que respeitou fielmente o plano inicial. As esculturas de Donatello que a decoram são: quatro medalhões de terracota com os Evangelistas, os relevos de bronze nas portas e a arquitectura das mesmas.
  25. 25. Basílica de São Lourenço Sacristia Velha , Bruneleschi http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ O Renascimento Quatrocentto
  26. 26. L Basílica de São Lourenço Sacristia Velha , Bruneleschi O Renascimento Quatrocentto
  27. 27. https://tackk.com/w50vwuBasílica de São Lourenço, Sacristia Velha, Bruneleschi (1420-1429) O Renascimento Quatrocentto
  28. 28. http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ Basílica de São Lourenço O Renascimento
  29. 29. Fonte: santacrocerodolico.blogspot.com Brunelleschi, Capela Pazzi, Florença, 1429-61O Renascimento Quatrocentto
  30. 30. Última obra de Brunelleschi, encontra-se adossada ao primeiro claustro da igreja da Santa Cruz em Florença. Encomendada pela familia nobre Pazzi, aun sin terminar a su muerte en 1446, fue su. Fonte: santacrocerodolico.blogspot.com http:// en.wikipedia.org Brunelleschi, Capela Pazzi, Florença, 1429-61 O Renascimento Quatrocentto
  31. 31. Brunelleschi, Capela Pazzi, Florença, 1429-61 O Renascimento Fonte: santacrocerodolico.blogspot.com Quatrocentto
  32. 32. Fonte: santacrocerodolico.blogspot.com Brunelleschi, Capela Pazzi, 1429-61 Quatrocentto
  33. 33. www.panoramio.com Quatrocentto Brunelleschi, Capela Pazzi, 1429-61
  34. 34. Brunelleschi, Capela Pazzi, 1429-61 O Renascimento http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ http:// en.wikipedia.org Quatrocentto
  35. 35. http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ Brunelleschi, Capela Pazzi, Florença, 1429-61 O Renascimento Quatrocentto
  36. 36. Brunelleschi, Igreja do Santo Espírito, 1434-46 http://masarteaun.blogspot.com.br/2011_02_01_archive.html O Renascimento Quatrocentto
  37. 37. www.museumsinflorence.com Brunelleschi, Palacio Pitti, 1457-66 (?) O Renascimento Quatrocentto
  38. 38. http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ Brunelleschi, Palacio Pitti, Florença, 1457-66 (?) O Renascimento Quatrocentto
  39. 39. O Palácio Pitti é posterior ao Palácio Médici Rircardi, sendo ambos os protótipo do estilo palaciano renascentista. Brunelleschi, Palacio Pitti, Florença, 1457-66 (?) O Renascimento Quatrocentto Quatrocentto
  40. 40. http://pt.wikipedia.org/ Michelozzo di Bartolommeo, ou Michelozzo Michelozzi (*1396 † 1472) arquitecto e escultor italiano de Florença, foi aprendiz de Donatello. O Renascimento Michelozzo, púlpito ao ar livre Catedral de São Estefano, Prato, Toscana, 1428 Quatrocentto
  41. 41. 1428 - Michelozzo e Donatello, púlpito ao ar livre na esquina da Catedral de São Estefano em Prato, Toscana. O Renascimento Quatrocentto
  42. 42. Michelozzo, Palácio Médice Ricardi http://pt.wikipedia.org/ O Renascimento Quatrocentto O palácio é uma obra de Michelozzo, encomendada pelo patriarca da fortuna dos Médici , Cosmo de Médici. (Cosme Velho)
  43. 43. http://pt.wikipedia.org/ Michelozzo, Palácio Médice Ricardi O Renascimento Quatrocentto Michelozzo (…) realizou um palácio cúbico de aspecto exterior imponente, mas sóbrio e austero (1444-1452 ou 1460), em volta de um pátio central com colunas coríntias, inspirando-se, em parte, na recuperação de elementos clássicos operada por Leon Battista Alberti na realização do Palazzo Rucellai. Foi, no entanto, o próprio Palazzo Medici a fixar os cânones de toda a arquitectura civil do Renascimento.
  44. 44. http://pt.wikipedia.org/ O Renascimento Michelozzo, Palácio Médice Ricardi Quatrocentto
  45. 45. http://pt.wikipedia.org/ O Renascimento Michelozzo, Palácio Médice Ricardi Quatrocentto
  46. 46. O palácio foi construído, entre 1446 e 1451, por Bernardo Rossellino, segundo desenho de Leon Battista Alberti, com a fachada concluída quando quase todos os ambientes internos estavam acabados, em 1465. Foi encomendado por Giovanni Rucellai, um proeminente membro da família Rucellai, ricos tintoreiros de tecidos. http://pt.wikipedia.org/ O Renascimento Alberti, Palácio Rucellai, Florença, 1446 e 1451 Quatrocentto
  47. 47. O Renascimento Alberti, Palácio Rucellai, Florença, 1446 e 1451 Quatrocentto
  48. 48. O Renascimento Alberti, Palácio Rucellai, Florença, 1446 e 1451 Quatrocentto
  49. 49. O Renascimento Alberti, Palácio Rucellai, Florença, 1446 e 1451 Quatrocentto
  50. 50. http://www.architetturando.net/jpg-arte_repertorio-online/indice%20dei %20luoghi/firenze/palazzi/rucellai/slides/06%20Disegno%20facciata%20e%20pianta.html O Renascimento Alberti, Palácio Rucellai, Florença, 1446 e 1451 Quatrocentto
  51. 51. http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ O Renascimento Alberti, Palácio Rucellai, Florença, 1446 e 1451 Quatrocentto
  52. 52. O Renascimento Alberti, Santa Maria Novella, Florença, 1456 - 1470 http://pt.wikipedia.org/
  53. 53. O Renascimento Alberti, Santa Maria Novella, Florença, 1456 - 1470 Alberti fez “o largo friso decorado com quadrados e tudo que se encontra acima dele, incluindo os quatro pilares verde e brancos e a janela redonda, terminado em um frontão com o emblema Solar Dominicano, e flanqueado dos dois lados por enormes volutas em "s“. http://pt.wikipedia.org/
  54. 54. O Renascimento Alberti, Santa Maria Novella, Florença, 1456 - 1470 http://pt.wikipedia.org/ As quatro colunas com capitólios coríntios da parte inferior da fachada, também foram adicionadas por ele. O frontão e o friso são claramente inspirados pela arquitetura clássica, já a voluta com a curva em "s" com finalização em 'pergaminho', era totalmente nova e sem precedente na arquitetura clássica. Esse curva de 'pergaminho' e suas variações podem ser vistas em muitas igrejas em toda Itália, e todas tem sua origem na igreja de Santa Maria Novella.
  55. 55. Em Santa Maria Novella , Alberti, “não só empregou ordens clássicas e proporcionais esmeradamente calculadas para organizar a basílica, como também introduziu as volutas para resolver a difícil transição entre o primeiro e o segundo plano”.BRANDÃO, Carlos António L. A Formação do Homem Moderno Vista Através da Arquitetura. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006. O Renascimento Alberti, Santa Maria Novella, Florença, 1456 - 1470 Quatrocentto
  56. 56. http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ O Renascimento Alberti, Santa Maria Novella, Florença, 1456 1470 Quatrocentto
  57. 57. A Basilica de Sant'Andreas, em Mantua, Lombardia, (Italia) foi ecomendada por Ludovico III Gonzaga, e iniciada em 1462 de acordo com o projeto de Leon Battista Alberti, em um local ocupado por um mosteiro beneditino, do qual a torre sineira é remanescente (1414) . O edifício só foi concluído 328 anos depois. As alterações e expansões alteraram o projeto de Alberti. .A igreja ainda é considerada um dos seus mais completos trabalhos. A fachada baseia-se no esquema do antigo Arco de Tito em Roma. O grande arco central define todo o conjunto, flanqueado por pilastras coríntias. O Renascimento Alberti, Santo Andreas, Mântua, 1462 Quatrocentto http://en.wikipedia.org/
  58. 58. An important aspect of Alberti’s design was the correspondence between the façade and the interior elevations, both elaborations of the triumphal arch motif, the arcades, like the facade, having alternating high arches and much lower square topped openings. http://en.wikipedia.org/ O Renascimento Alberti, Santa Andreas, Mântua, 1462 Quatrocentto
  59. 59. O Renascimento Alberti, Santa Andreas, Mântua, 1462 Quatrocentto http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/
  60. 60. Tempietto, capela comemorativa construída por Donato Bramante a pedido do Papa Júlio II em 1502. Foi construído no pátio da igreja, no exato sítio da cruz onde se pensa que S. Pedro teria sido martirizado. O projeto original previa um pátio-colunata envolvente, para que a capela não parecesse tão isolada. É o marco que assinala o nascimento da Arquitectura do Alto Renascimento, projeto pioneiro e dos mais copiados, que se distingue pelo uso de um vocabulário formal verdadeiramente clássico. http://pt.wikipedia.org O Renascimento Bramante, Tempietto de S. Pietro in Montorio, Roma, 1502 Cinquecentto
  61. 61. http://renacimiento--humanismo.blogspot.com.br/ O Renascimento Bramante, Tempietto de S. Pietro in Montorio, Roma, 1502 Cinquecentto . O edifício consiste de um centro cilíndrico de dois andares, coroado por um domo semi- circular. O centro se enquadra em um anel de colunatas dóricas de granito, assentes sobre plataforma de três degraus, que chegam ao primeiro andar. O andar superior recua em relação a sua balaustrada, com janelas que alternam entre nichos retangulares e semi- circulares. Tais janelas iluminam o interior, com a luz que penetra por uma abertura no domo . A planta é totalmente simétrica. Apesar das pequenas proporções, tem a grandeza e rigor dos edifícios clássicos.
  62. 62. Uma das suas obras mais emblemáticas é o Tempietto de S. Pietro in Montorio, igreja encomendada a Bramante pelo Papa Júlio II, a obra que melhor reflecte as suas concepções de estilo, é, seguramente, o projecto da Basílica de S. Pedro, no Vaticano. De facto, esta foi projectada por Bramante, embora o projecto final (que consistia no projecto inicial mais algumas alterações) seja da autoria de Michelangelo. http://pt.wikipedia.org Suas proporções são equilibradas, orientadas inteiramente à escala do homem, e a claridade do desenho arquitetural lhe confere uma dignidade e monumentalidade especial. Seu modelo foi o templo redondo comum na Antiguidade, de modo que domina o motivo do círculo, considerado o símbolo da perfeição cósmica O Renascimento Bramante, Tempietto de S. Pietro in Montorio, Roma, 1502
  63. 63. Fontes : www.gliscritti.it www.tesoridiroma.net e www.panoramio.com O Renascimento Bramante, Tempietto de S. Pietro in Montorio, Roma, 1502
  64. 64. Vasari ficou conhecido como o primeiro historiador da arte, através de seu livro Vite ou Le vite de' più eccellenti pittori, scultori e architettori, onde registrou a biografia dos principais artistas do Renascimento. O termo Gótico foi pela primeira vez impresso em seu livro. Publicado pela primeira vez em 1550, incluía, além das biografias, um valioso tratado das técnicas empregadas. Teve uma revisão em 1568, acrescida de retratos dos biografados. Por bairrismos e jogo político, o livro favorecia os florentinos, em detrimento de outros artistas, como os venezianos. http://pt.wikipedia.org/wiki/Giorgio_Vasari O Renascimento Vasari Il Cinquecentto
  65. 65. www.lorenoconfortini.it O Renascimento Vasari, Galleria degli Uffizi, Florença, 1560. Cinquecentto
  66. 66. O Renascimento Vasari, Galleria degli Uffizi, Florença, 1560. O duque Cosme I de Médici encomendou a Vasari, em 1560, uma edificação para reunir em um só local os treze principais magistrados (chamados uffizi) então espalhados por diversos locais de Florença, onde poderia controlá-los diretamente, transformando o velho Palazzo della Signoria numa nova sede do governo, de acordo com o status de potência que a cidade alcançou após a conquista de Siena. http://pt.wikipedia.org/wiki/Giorgio_Vasari Il Cinquecentto
  67. 67. astewartcastner.wordpress.com O Renascimento Vasari, Galleria degli Uffizi, Florença, 1560. Cinquecentto
  68. 68. O Renascimento Vasari, Galleria degli Uffizi, Florença, 1560. Cinquecentto Foi construído com pedra do vale de Mensola, adotando a ordem dórica. (Toscana) http://pt.wikipedia.org/wiki/Giorgio_Vasari A Galleria degli Uffizi (em português: Galeria dos Ofícios), é um palácio situado em Florença, Itália, que abriga um dos mais famosos museus do mundo.’
  69. 69. Vasari projetou um prédio em forma de U, com um braço longo a leste, que deveria incorporar a antiga igreja românica de "São Pedro Scheraggio", um tramo curto assentado na margem do rio Arno e outro braço curto a oeste, englobando a Zecca Vecchia, sede do correio por muito tempo e após o restauro de 1988, incorporado ao museu. O Renascimento Vasari, Galleria degli Uffizi, Florença, 1560. http://pt.wikipedia.org/wiki/Giorgio_Vasari Cinquecentto
  70. 70. Os três andares da construção começam com um térreo em loggiato delimitado por pilastras com nichos (só decorados com estátuas a partir de 1842), um segundo andar com janelas e o terceiro destinado ao uso exclusivo do príncipe. O Renascimento Vasari, Galleria degli Uffizi, Florença, 1560. Cinquecentto astewartcastner.wordpress.com http://pt.wikipedia.org/wiki/Giorgio_Vasari
  71. 71. .Algum tempo depois, Cosmo decide unir o Palazzo Vecchio ao Palazzo Pitti, nova residência da família Médici por um caminho particular e elevado, também executado por Vasari, o chamado "Corredor de Vasari", que usava a galeria, a Ponte Vecchio sobre o Arno e uma passarela coberta sobre a rua. O Renascimento Vasari, Corredor de Vasari, Florença. Cinquecentto http://pt.wikipedia.org/wiki/Giorgio_Vasari
  72. 72. A configuração actual da basílica em forma de cruz latina foi obra de Carlo Maderno, que durante o pontificado de Paulo V, acrescentou três novas crújias e projetou a fachada, composta por colossais ordens de colunas coríntias. Apesar dos vários pormenores ainda por arrematar, a basílica deu-se por concluída em 1626 e foi solenemente consagrada pelo Papa Urbano VIII. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro, Roma Interiores, Fachada e Praça O Barroco
  73. 73. http://pt.wikipedia.org Basilica de Constantino Paleocristã - 326 -333 Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco
  74. 74. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Basilica de Constantino Paleocristã - 326 -333 Em comparação com a planta de Bramante
  75. 75. http://pt.wikipedia.org Basilica de Rosselino – 1450 – 1455 –Renascentista Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco
  76. 76. http://pt.wikipedia.org Basilica de Rosselino – 1450 – 1455 –Renascentista Em comparação com a planta de Bramante Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco
  77. 77. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Basilica de Rafael Sanzio – 1514 – 1520 –Renascentista
  78. 78. http://pt.wikipedia.org Basilica de Rafael Sanzio – 1514 – 1520 –Renascentista Em comparação com a planta de Bramante (1506) Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco
  79. 79. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Planta de Michelangelo – 1547 – 1564 –Renascentista
  80. 80. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Planta de Michelangelo – 1547 – 1564 –Renascentista Em comparação com a planta de Bramante (1506)
  81. 81. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Ampliação de Carlo Maderno – 1607-1712 – Barroca
  82. 82. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Ampliação de Carlo Maderno – 1607-1712 – Barroca Em comparação com a planta de Bramante (1506)
  83. 83. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Interiores e Praça de Bernini– 1656-1667 – Barroca Em comparação com a planta de Bramante (1506)
  84. 84. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Interiores e Praça de Bernini– 1656-1667 – Barroca Em comparação com a planta de Bramante (1506)
  85. 85. http://pt.wikipedia.org Basílica de São Pedro Roma, 1506-1667 O Renascimento e Barroco Interiores e Praça de Bernini– 1656-1667 – Barroca Em comparação com a planta de Bramante (1506)

×