19 de março 2012EBI DE SÃO BRUNO - CAXIAS
Arte de PaiNo dia 19 de março, pelas 14:45 estivemos no Auditório emrepresentação de todos os alunos da escola.Para comemo...
Arte de PaiCada um dos convidados falou do seu pai, contando-nos o que «só osfilhos sabem» e mostrando fotos e alguns obj...
José Mouga
Pintor e professor.Licenciou-se em Pintura pela Escola Superior de Belas-Artesdo Porto, com louvor e distinção.De 1973 a 1...
João de Freitas Branco
Musicólogo e matemático.Filho de Luís de Freitas Branco, compositor português. Foiconsiderado como «o grande educador musi...
Alves Redol
Romancista e dramaturgoFilho de um pequeno comerciante ribatejano, atrás do balcãoda loja de seu pai foi conhecendo a vida...
19 de março 2012EBI DE SÃO BRUNO - CAXIAS
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

"Arte de pai " - Dia do Pai - 19-03-2012

726 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
726
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
175
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

"Arte de pai " - Dia do Pai - 19-03-2012

  1. 1. 19 de março 2012EBI DE SÃO BRUNO - CAXIAS
  2. 2. Arte de PaiNo dia 19 de março, pelas 14:45 estivemos no Auditório emrepresentação de todos os alunos da escola.Para comemorar o Dia do Pai de uma forma diferente, os professoresda Equipa da Biblioteca Escolar trouxeram à escola uns convidadosespeciais:Sofia Mouga, filha do pintor José Mouga.João Maria de Freitas Branco, filho do musicólogo e matemáticoJoão de Freitas BrancoJoão Mota Redol, filho do escritor Alves Redol
  3. 3. Arte de PaiCada um dos convidados falou do seu pai, contando-nos o que «só osfilhos sabem» e mostrando fotos e alguns objetos que guardam comorecordação especial.Entre cada apresentação ouvimos 3 peças de música clássica, numrecital da pianista Ana Rita Martins.No auditório estavam exposto retratos de Alves Redol pintados porSerrão Faria e, à entrada, podiam ver-se obras de Alves Redol quepertencem à biblioteca particular de Igrejas Caeiro.O encontro foi organizado com a colaboração dos convidados, doGinásio Ópera e da Fundação Marquês de Pombal.
  4. 4. José Mouga
  5. 5. Pintor e professor.Licenciou-se em Pintura pela Escola Superior de Belas-Artesdo Porto, com louvor e distinção.De 1973 a 1976, obteve uma pós-graduação em Pintura naSt. Martins School de Londres como bolseiro da FundaçãoGulbenkian.Foi, durante vários anos, membro do conselho técnico daSociedade Nacional Belas-Artes.Professor efetivo de Educação Visual, tem o título deprofessor agregado da Faculdade de Belas-Artes da José MougaUniversidade de Lisboa.De 1980 a 1993, foi responsável pelo Departamento de Nasceu em ViseuPintura no Ar.Co e membro da sua Direção. em 1942Foi professor na nossa escola e gostamos de saber quecontinua a expor.
  6. 6. João de Freitas Branco
  7. 7. Musicólogo e matemático.Filho de Luís de Freitas Branco, compositor português. Foiconsiderado como «o grande educador musical dosportugueses».Fez o curso do Conservatório Nacional e a Licenciatura emCiências Matemáticas. Durante o curso do ConservatórioNacional participou em vários recitais. Na Licenciatura emCiências Matemáticas participou num grupo de investigaçãomatemática.Publicou diversas obras na área musical, traduziu outras eescreveu inúmeros artigos. João de FreitasFoi diretor do Teatro de São Carlos de 1970 a 1974. BrancoPertenceu ao grupo que fundou a Juventude MusicalPortuguesa. 10/01/1922 17/11/1989Em 1956 criou o programa de rádio «O Gosto pela Música»na Emissora Nacional, que se manteve «no ar» durante 29anos.Gostava de futebol e adorava o ambiente do campo, por isso,em 1957 veio viver para Caxias.
  8. 8. Alves Redol
  9. 9. Romancista e dramaturgoFilho de um pequeno comerciante ribatejano, atrás do balcãoda loja de seu pai foi conhecendo a vida dos habitantes dasua região.Fez um curso comercial e desenvolveu várias actividadesprofissionais.Com 15 anos publicou um artigo no semanário “VidaRibatejana» de Vila Franca de Xira e viajou sozinho paraLuanda (Angola). De lá, continuou a escrever para a “VidaRibatejana”, mas quando adoeceu regressou a Portugal.Nos anos trinta, passa a pertencer à resistência antifascistaclandestina. É continuamente vigiado pela PIDE e enquanto Alves Redolestá preso não o deixam escrever.Em 1939 é publicado “Gaibéus”, primeiro romance neo- 29/12/1911realista escrito em Portugal, dedicado aos seus avós. 29/11/1969Na sua vasta obra, incluem-se peças de teatro e obras para opúblico mais jovem: os livros infantis da série «Maria Flor»,«Constantino guardador de vacas e de sonhos» e «A vidamágica da sementinha», que todos nós conhecemos.
  10. 10. 19 de março 2012EBI DE SÃO BRUNO - CAXIAS

×