A Estrutura da Linguagem SQL

337 visualizações

Publicada em

A Estrutura da Linguagem SQL

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
337
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
99
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Estrutura da Linguagem SQL

  1. 1. A Estrutura da Linguagem SQL Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/SQL Profª. Marlene da Silva Maximiano de Oliveira & Profª. Alessandra Aparecida da Silva
  2. 2. Estrutura da Linguagem SQL A linguagem SQL é dividida em subconjuntos de acordo com as operações que queremos efetuar sobre um banco de dados: • DDL • DML • DCL
  3. 3. DDL - Linguagem de Definição de Dados Linguagem de definição de dados - (ou DDL, de Data Definition Language) é um conjunto de comandos dentro da SQL usada para a definição das estruturas de dados, fornecendo as instruções que permitem a criação, modificação e remoção das tabelas, assim como criação de índices. Estas instruções SQL permitem definir a estrutura de uma base de dados, incluindo as linhas, colunas, tabelas, índices, e outros metadados.
  4. 4. Os principais comandos DDL Entre os principais comandos DDL estão: • CREATE (Criar) • DROP (deletar) • ALTER (alterar)
  5. 5. DML - Linguagem de Manipulação de Dados Linguagem de manipulaçao de dados - (ou DML, de Data Manipulation Language) é o grupo de comandos dentro da linguagem SQL utilizado para a recuperação, inclusão, remoção e modificação de informações em bancos de dados.
  6. 6. Os principais comandos DML Os principais comandos DML são: • SELECT (Seleção de Dados) • INSERT (Inserção de Dados) • UPDATE (Atualização de Dados) • DELETE (Exclusão de Dados)
  7. 7. DCL - Linguagem de Controle de Dados Linguagem de controle de dados - (ou DCL, de Data Control Language) é o grupo de comandos que permitem ao administrador de banco de dados controlar o acesso aos dados deste banco.
  8. 8. Alguns exemplos de comandos DCL • GRANT: Permite dar permissões a um ou mais usuários e determinar as regras para tarefas determinadas; • REVOKE: Revoga permissões dadas por um GRANT.
  9. 9. As tarefas básicas que podemos conceder ou barrar permissões são: • CONNECT • SELECT • INSERT • UPDATE • DELETE

×