UMA ABORDAGEM CONTEMPORÂNEA: Teoria dos Sistemas

5.590 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.590
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

UMA ABORDAGEM CONTEMPORÂNEA: Teoria dos Sistemas

  1. 1. UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE ARTES, CIÊNCIAS E HUMANIDADETrabalho proposto pela disciplina de Introdução à Administração Para Computação Orientado por Professor Dr. Fernando Coelho Mário Januário Filho 5365372 Rodrigo Ferrassa 5364725 São Paulo, 2006 Introdução à Administração Para Computação
  2. 2. RESENHA DE UMA ABORDAGEM CONTEMPORÂNEA Teoria dos Sistemas A Teoria de Sistemas (TS) é voltada para diversas áreas, mas principalmente a deadministração, é um ramo específico da Teoria Geral de Sistemas (TGS) (CHIAVENATO,2000), surgida por volta de 1960 com os trabalhos do biólogo alemão Ludwig vonBertalanffy. A obra de CHIAVENATO primeiramente procura dar uma introdução à essateoria aplicando diversos conceitos fundamentados pelo BERTALANFFY e por outrosautores e posteriormente aprofunda-se exemplificando e realizando uma apreciaçãocrítica do mesmo. Primeiramente, o autor da obra descreve o conceito e origem da Teoria, descrevetambém, para efeito de fundamentos, o conceito de Sistemas e o conceito de SistemaAberto para posteriormente realizar uma análise crítica. A Teoria Geral de Sistemas não procura solucionar problemas, mas sim produzirteorias para aplicações reais. Seus fundamentos mais básicos listados são: • Existe uma tendência para a integração das ciências naturais e sociais; • Essa integração parece orientar-se rumo a uma teoria dos sistemas; • A teoria dos sistemas constitui o modo mais abrangente de estudar os campos não-físicos do conhecimento científico, como as ciências sociais; • A teoria dos sistemas desenvolve princípios unificadores que atravessam verticalmente os universos particulares das diversas ciências envolvidas, visando ao objetivo da unidade da ciência; • A teoria dos sistemas conduz a uma integração na educação científica. O autor da teoria critica a divisão do conhecimento em diferentes áreas, poissegundo o mesmo, a natureza não está dividida em nenhuma dessas partes somente. ATGS afirma que se deve estudar os sistemas globalmente como um todo.A TGS fundamenta-se em três premissas básicas: • Os sistemas existem dentro de sistemas. Cada um é constituído de subsistemas e, ao mesmo tempo, faz parte de um sistema maior, o supra-sistema que ainda pode se encontrar em um supra-sistema maior ainda, gerando um encadeamento Introdução à Administração Para Computação
  3. 3. infinito; • Os sistemas são abertos. É uma decorrência do conceito anterior. Cada sistema existe dentro de um meio ambiente constituído por outros sistemas; • As funções de um sistema dependem de sua estrutura. Cada sistema tem um objetivo de intercâmbio com outros sistemas dentro do meio ambiente. A TS acabou se desenvolvendo na ciência administrativa pelas seguintes razões: • A necessidade de uma síntese e integração das teorias que a precederam; • A cibernética permitiu o desenvolvimento de suas idéias; • Os resultados bem-sucedidos da aplicação da TS nas demais ciências. Para que a teoria seja entendida, o autor da obra permite que possamos analisartambém o conceito de Sistemas que proporciona uma visão compreensiva de coisascomplexas bem configuradas, denotando um conjunto de elementos interdependentes ouum grupo que forma um todo organizado que possui características próprias que não sãoencontradas em nenhum dos elementos isolados. A análise sistêmica das organizaçõespermite indicar as propriedades gerais e particulares das organizações que não podemser analisadas pelos métodos comuns de análise científica. Os sistemas apresentamcaracterísticas próprias. O autor cita a definição de sistema por BERTALANFFY comosendo um conjunto de unidades reciprocamente relacionadas tendo dois conceitos: o depropósito - que afirma que todo sistema assim como seus elementos possuem umobjetivo - ou de globalismo – que afirma que todo o sistema tem uma natureza orgânica,ou seja, se uma alteração for feita em alguma unidade, essa ocorre em cadeamentoespalhando-se para as demais. Segundo o autor, existem diversos tipos de sistema,quanto à sua constituição, existem os físicos - compostos de equipamentos, maquinaria,objetos (hardware) - ou abstratos - compostos de conceitos, filosofias, idéias (software).Quanto à sua natureza eles podem ser fechados - não apresentam qualquerrelacionamento com o ambiente que os circundam – ou abertos – trocam diversasinformações com o ambiente em que está. O autor conceitua ainda mais profundamente o sistema aberto como sendocaracterizado por um intercâmbio de transações com o ambiente e conserva-seconstantemente da mesma maneira, pode ser exemplificado pelos sistemas biológicos esociais como plantas, célula, homem, sociedade. Seu modelo é um complexo deelementos em interação contínuo com seu meio externo sendo isso a principal diferençacom o fechado. Ele também pode ter capacidade de crescimento, mudança, adaptação aomeio ambiente. Sendo assim seu estado final ficar diferente do seu inicial. É da sua Introdução à Administração Para Computação
  4. 4. natureza estar em constante competição com outros sistemas, o que não ocorre com osistema fechado. Seu conceito é perfeitamente aplicável à organização empresarial, alémdisso é um sistema integrado por diversas partes ou unidades relacionadas entre si quefuncionam em harmonia uma com as outras. Sendo assim, o sistema de uma organização pode ser caracterizado como fechadoou aberto de acordo com suas necessidades operacionais ou administrativas. O autor afirma que de todas as teorias administrativas, a Teoria de Sistemas é amenos criticada, já que a perspectiva sistêmica parece concordar com a preocupaçãoestrutural-funcionalista típica das ciências sociais capitalistas de hoje. Uma apreciação crítica quanto à Teoria tomada pelo autor é que ela trouxe umanova maneira de se ver as coisas em termos de abrangência e enfoque. O enfoque dotodo e das partes da organização bem como seu meio interno-externo, sua eficiência eeficácia . Ela toma como princípio a visão global das coisas, ou seja vendo o todo e nãocada parte isoladamente, fazendo assim com que seus componentes internos possam serelacionar de maneira harmônica com os ambiente exterior que os circulam. Sendo assim, podemos entender, pela visão geral que o autor nos apresenta, quea Teoria de Sistemas foi criada como mais uma nova forma de conceito fundamentadonão só para a área de administração mas também para diversas áreas do conhecimentosendo esse, um pensamento que é descrito também pela Teoria, já que ela afirma que aciência é uma só, não estando assim dividida, relacionando com tudo a sua volta. Issomostra que a Teoria criada há quase 50 anos atrás ainda pode ter alto nível deaplicabilidade dentro do sistema empresarial e administrativo em que nos encontramosnos dias de hoje fazendo com que possa durar por muitos anos ainda.Quais são as aplicações desta abordagem na atualidade? Na atualidade essa nova abordagem é aplicada como um instrumento para lidarcom a as organizações complexas e as idéias comuns às várias disciplinas ou ciências. ATeoria dos Sistemas tornou-se necessária e é aplicada nas empresas, na ciência emgeral e nas disciplinas que vão da física, biologia às ciências sociais e à filosofia.Como a área de SI se inter-relaciona com essa abordagem? A Teoria dos Sistemas se relaciona diretamente e indiretamente com a área deSistemas de Informação. Introdução à Administração Para Computação
  5. 5. Diretamente, pois a própria Teoria dos Sistemas que tornou possível odesenvolvimento de sofisticados computadores e sistemas de automação, o quepossibilitou o desenvolvimento dos softwares os quais passaram a contar com maisrecursos (Ex. memórias primárias e secundárias). Indiretamente, pois a Teoria dos Sistemas influenciou no fato de as empresasarmazenarem cada vez mais informações e necessitarem de uma rápida resposta na horade consultá-las, o que também tornou possível o surgimento das aplicações práticascomo a Análise de Sistemas e a Engenharia de Softwares.BibliografiaCHIAVENATO, I. Introdução à teoria geral da administração. Rio de Janeiro: Campus, 2000.BORGES, M. A. G. A compreensão da Sociedade da Informação. Ciência da Informação. v. 4,p. 25-32, 2000. Introdução à Administração Para Computação

×