Projeto de exportação de bolacha e biscoito

1.438 visualizações

Publicada em

Confira os detalhes da exportação de biscoitos e bolachas, acompanhando dados como:

- Classificação fiscal;
- Principais destinos;
- Logística de exportação;
- Principais estados brasileiros exportadores;
- Maiores mercados compradores;
- Tarifas de importação;
- Etapas do projeto de exportação.

Para mais informações, visite o site da IBSolutions: www.ibsolutions.com.br

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.438
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto de exportação de bolacha e biscoito

  1. 1. Qual é o volume exportado pelos concorrentes? Quais são os principais países compradores do produto? Qual é o valor médio exportado? Como estabelecer o preço de venda de exportação? Quais são os custos logísticos na exportação? Quais são os principais países de destino dos produtos concorrentes? Quais são os países com os quais o Brasil tem acordo comercial para o produto? Há barreiras de entrada nos potenciais mercados compradores? Quais são as opções logísticas que tenho para exportar? Qual é o lote ideal para diluir custos na exportação? DESCUBRA A RESPOSTA PARA AS SEGUINTES PERGUNTAS: ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO
  2. 2. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO CLASSIFICAÇÃO FISCAL 1905 - PRODUTOS DE PADARIA, PASTELARIA OU DA INDÚSTRIA DE BOLACHAS E BISCOITOS, MESMO ADICIONADOS DE CACAU; HÓSTIAS, CÁPSULAS VAZIAS PARA MEDICAMENTOS, OBREIAS, PASTAS SECAS DE FARINHA, AMIDO OU DE FÉCULA, EM FOLHAS, E PRODUTOS SEMELHANTES. 1905.31.00 - Bolachas e biscoitos, adicionados de edulcorante 1905.90.20 - Bolachas
  3. 3. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO (2012 A 2016)VALOR E QUANTIDADE IMPORTADA Para que serve esta informação? Descubra valor importado ao longo dos últimos anos. Saiba quais são os valores FOB por quilo importados nos últimos anos. Verifique se há tendência de aumento ou diminuição das importações. Período US$ FOB Peso Líquido(Kg) Preço Kg Variação % FOB 2012 90.484.490 39.780.082 2,27 2013 93.916.977 42.683.360 2,20 3,79% 2014 99.411.485 46.641.620 2,13 5,85% 2015 81.443.817 40.527.144 2,01 -18,07% 2016 (1º Semestre) 37.516.187 20.128.543 1,86 -53,94% Média 80.554.591 37.952.150 2,10 -15,59%
  4. 4. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO Para que serve esta informação? Descubra onde se localizam os clientes de seus concorrentes. Analise os valores FOB médios importados por cada país e escolha aqueles mais adequados para seu o projeto. Saiba onde iniciar a prospecção de novos clientes no exterior 1º SEMESTRE DE 2016PRINCIPAIS PAÍSES DE DESTINO País de destino US$ FOB Peso Líquido (Kg) Preço FOB US$ / Kg Participação FOB % Estados Unidos 9.106.867 3.565.413 2,55 24,27% Paraguai 6.449.964 4.748.780 1,36 17,19% Uruguai 5.705.455 4.145.604 1,38 15,21% Argentina 2.959.137 958.565 3,09 7,89% Outros 13.294.764 6.710.181 1,98 35,44% Total 37.516.187 20.128.543 100,00%
  5. 5. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2016LOGÍSTICA DE EXPORTAÇÃO Para que serve esta informação? Descubra a logística de exportação utilizada pelos concorrentes. Analise os valores FOB médios exportados por cada (aero)porto. Questione se os volumes importados por cada modal estão ligados às questões estratégias de seus concorrentes. 18.24% 7.67% 9.29% 14.87% 49.93% 0.00% 10.00% 20.00% 30.00% 40.00% 50.00% 60.00% Outros JAGUARAO - RODOVIA - RS URUGUAIANA - RODOVIA - RS FOZ DO IGUACU - RODOVIA - PR SANTOS - SP
  6. 6. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2016ESTADO EXPORTADOR Para que serve esta informação? Descubra a localização dos concorrentes que exportam. Analise os valores FOB médios importados por cada estado. Analise se os volumes exportados por estado estão ligados às questões estratégicas como proximidade dos (aero) portos. 75.32…7.42% 6.43% 5.24% 5.59% São Paulo Rio Grande do Sul Paraná Santa Catarina Outros
  7. 7. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO MAIORES MERCADOS COMPRADORES Valor importado em US$ mil
  8. 8. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO PONTOS IMPORTANTES NA EXPORTAÇÃO Qualidade do produto Barreiras sanitárias Baixo valor agregado do produto Concorrência de produtos estrangeiros.
  9. 9. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO ETAPAS DE UM PROJETO DE EXPORTAÇÃO
  10. 10. Sua empresa está preparada para exportar? Como elaborar o preço de venda de exportação? Qual é a quantidade mínima para a exportação? Qual é o investimento total do embarque? Quais são os procedimentos para a exportação? Há alguma exigência específica quanto ao produto? ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO
  11. 11. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO
  12. 12. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO
  13. 13. Quais são os impostos que pagarei para importar? Há algum procedimento especial como registro do produto, cadastro do estabelecimento do importador ou licença de importação? Quanto custa importar? Quais são os custos logísticos? Qual é o pedido mínimo ou a quantidade ideal para importar? Qual é o investimento necessário para a importação e quando tenho que pagar? Qual é a classificação fiscal do produto? Quais são os países que podem fornecedor o produto a ser importado? Os meus concorrentes importam este produto? De onde trazem? Tenho redução de imposto através de algum acordo comercial do Brasil com o país fornecedor? Quanto tempo demora um embarque de importação? Quais são as formas de importação? Tenho crédito dos impostos incidentes na importação? ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO
  14. 14. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO
  15. 15. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO
  16. 16. ANÁLISE DE VIABILIDADE DE EXPORTAÇÃO

×