Economia da Reputação e Negócios Internacionais

918 visualizações

Publicada em

Como a economia da reputação (não monetária) afeta os negócios transnacionais? Qual o papel da comunicação integrada?

* Palestra personalizável para o universo acadêmico e corporativo.

Publicada em: Negócios
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Economia da Reputação e Negócios Internacionais

  1. 1. Economia da Reputação e Negócios InternacionaisComo se destacar  em um mundo sem fronteiras?E qual o papel da Comunicação e das Relações Públicas...<br />
  2. 2. Minha missão de hoje<br />Deixá-los <br />curiosos!<br />
  3. 3. Comunicação Integrada<br />O mundo é sem fronteiras<br />A Comunicação também!<br />
  4. 4.
  5. 5. A economia não monetária<br />Economia da reputação<br />Economia da atenção<br />Global <br /> Real Time<br /> WWW<br />
  6. 6. Reputação e redes sociais<br />Case <br />Burguer King<br />
  7. 7. Whooper Sacrifice<br />150 milhões de usuários<br />Média de 100 amigos/usuário<br />10 amigos excluídos = 1 lanche<br />Exclusão de 50% dos amigos<br />5 x $2,40 = $12 por usuários<br />150 milhões x $12 = $ 1.8 bilhões<br />
  8. 8. O que mudou?<br />Ontem...<br />Pensar globalmente e agir localmente<br />Hoje...<br />Pensar e agir localmente,<br />pensar e agir globalmente<br />Robert Wakefield<br />
  9. 9. Relações Públicas Internacionais<br />“Relações Públicas Internacionais é a intenção de conseguir uma compreensão mútua salvando um vazio geográfico, cultural ou lingüístico ou todos eles de uma vez. <br />O termo utiliza-se, também, para indicar atividades de Relações Públicas que se leva ao término ou tem uma positiva importância fora do seu país de origem”. <br />BLACK (1993, p.205)<br />
  10. 10. RPI e Relações Internacionais<br />“A governabilidade global no passado considerada<br />essencialmente ligada às relações intergovernamentais, inclui agora não somente os governos e as instituições<br />intergovernamentais, mas também as organizações não<br />governamentais, os movimentos de cidadania, o mundo acadêmico, as empresas transnacionais e os meios de comunicação”. <br />(Informe de ONU sobre Governabilidade Global)<br />
  11. 11. Áreas de atenção<br />
  12. 12. Perfil do profissional de RPI<br />
  13. 13. O Brasil em pauta<br />Um caldeirão multicultural<br />
  14. 14. O Brasil em pauta<br />Grande parte da população mundial acredita que o Brasil tem uma influência mais positiva do que negativa no atual contexto global. <br />Poucos países têm reservas a respeito desse papel e em nenhum deles o Brasil tem uma imagem predominantemente negativa.<br />[Estudo da MarketAnalisys/Instituto GlobalScan, encomendado pela BBC]<br />
  15. 15.
  16. 16.
  17. 17. Imagem Brasil e seus atributos<br />
  18. 18. Imagem Brasil e seus atributos<br />
  19. 19. portalrpi.com.br<br />
  20. 20. portalrpi.com.br<br />Tornar-se fonte de informação sobre cultural corporativa e de países<br />Promover integração global e troca de informação <br />Instigar o diálogo intercultural<br />
  21. 21. Um pouco de bibliografia...<br />Global Information and World Communication: <br />New Frontiers in International Relations <br />HamidMowlana, 2a edição, New York, Longman, 1986<br />Nortes da Bússola: Manual para Conviver e <br />Negociar com Culturas Estrangeiras <br />Andrea Sebben, 1a edição, Artes e Ofícios, 2005<br />
  22. 22. Um pouco de bibliografia...<br />Inesquecível: histórias de viagem contadas por quem sabeRibeiro, João Ubaldo, Abreu, Caio F. Brandão, Ignácio de LoyolaRelatos de Viagens e Aventura<br />O negócio é o seguinte: hábitos e costumes dos povos e sua influência na vida empresarial<br />Gilda FleuryMeirelles e Maria Eliza de Araújo Barros, Ibradep<br />
  23. 23. Obrigada!<br />marilia@veruscomunicacao.com.br<br />www.twitter.com/marilia_lobo<br />http://br.linkedin.com/in/marilialobo<br />www.twitter.com/portalrpi<br />www.veruscomunicacao.com.br<br />

×