SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 36
PEQUENAS ATIVIDADES
GRANDES APRENDIZAGENS:
A MULTIMÍDIA E A PRÁTICA
CRIATIVA
BUSCANDO A CONSTRUÇÃO E A
(RE)CONSTRUÇÃO
Alquimia  transmutação - transcendência

TRANSFORMAÇÃO
Essa é uma ação da
Gerência de Formação da
SEDU ES voltada para a
educação digital dos
professores.
Dentre as inúmeras possibilidades
de aprendizagens, vivências e
recursos incluímos os conteúdos
pedagógicos
digitais,
que
integrados às atividades de autoria,
colaboração e de comunicação,
pode enriquecer em muito as
experiências
educativas
de
professores e alunos.

Educação Digital
O professor não ensina, ele cria
oportunidades para que a própria
criança descubra, entenda e
aprenda! (Jean Piaget)
OFICINA

Data: ____/____/____ CH: 4h
Atividades

Metodologia

Objetivos da Formação

Apresentação do Power Point

Recursos Didáticos

Apresentar e sensibilizar para o
uso de conteúdos digitais
integrados à prática educativa

1- Exposição do tema

Tempo

2 - Exploração dos conteúdos
digitais

3- Proposições

4- Cadastro professores no
Grupo de Estudo Virtual
temático
5 – Avaliação e sugestões

Grupos de 3 professores vão
conhecer e analisar os conteúdos
sugeridos
Professores
apresentam
possibilidades de uso
dos
conteúdos digitais integrado ao
currículo e de acordo com a
infraestrutura de sua escola.

1:20 hora

1:30 hora

Computador e
projetor
Computador,
projetor e
Internet
Computador e
projetor

40 min

Cadastro no e-proinfo

15 min

Oral

15 min

internet
A escola e seus modelos pedagógicos:
O que mudou?
Cite apenas uma
oportunidade que você
criou e que facilitou a
aprendizagem dos
alunos.
Para que usar os conteúdos
digitais?
Despertar novas ideias
Despertar a curiosidade
Para relacionar conceitos
Comprovar hipóteses
Testar diferentes caminhos
Visualizar conceitos de
diferentes pontos de vista
Por que usar as diferentes mídias?

Vídeo
Receptivo: prevê
informações
Apresentam linguagem familiar
aos estudantes, são dinâmicos e
atrativos, conjugam narrativa e
imagem e contribuem para níveis
de compreensão mais complexos.

Por que e quando
utilizar os VÍDEOS?

Podem ser utilizados para
desencadear discussões em torno
de um tema a ser investigado;
motivar e sensibilizar os alunos;
despertar
a
curiosidade
instigando o desejo de pesquisa.
Para ocuparem lugar de destaque
no
ensino
e
aprendizagem
precisam,
entretanto,
serem
selecionados e seu uso planejado
previamente pelo professor.

Vale aprofundar o assunto!
Segundo Amélia Porto e Lízia Ramos,
o uso de vídeos pode:
- Motivar e sensibilizar os alunos para o assunto a ser estudado.
- Levantar o conhecimento prévio dos alunos.
- Complementar as informações trabalhadas em aulas anteriores.
- Visualizar um fenômeno difícil de ser observado no dia a dia.
- Enriquecer o tema em estudo.
- Fechar um estudo realizado.
Vejamos:

Para adolescentes – Apresenta o funcionamento do
coração em um anfíbio anuro adulto mostrando o
fluxo de sangue entre as câmaras e vasos associados.
(Antônio Sebben – UNB)
Para crianças - Mostra o funcionamento do coração de
um anfíbio, em tempo real, como dificilmente seria
possível mostrar em um coração humano (Antônio
Sebben – UnB)
Disponível em:
http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/handle/mec/1503
Por que usar as diferentes mídias?
Experimento prático

Diretivo
Por que usar as diferentes mídias?
Animação

Descoberta guiada
Por que usar as diferentes mídias?
Simulação

Exploratório, mais
aberto
Para que usar as diferentes mídias?
CONTEÚDOS multimídia, em diversos formatos, para
estudos complementares e aprofundamento dos conceitos
curriculares
Cada vez mais professores estão
utilizando a multimídia para
enriquecer as suas ações de ensinoaprendizagem.
Estes
materiais
podem
ser
utilizados
como
suporte
às
atividades em sala de aula ou como
recursos
para
aprendizagem
cooperativa, desenvolvimento do
pensamento crítico, discussões,
sessões de perguntas e respostas,
como material para revisão,
resolução de problemas ou auto
estudo.
Por que usar as diferentes mídias?

LÍNGUA PORTUGUESA

ATIVIDADES VÍDEOS E ÁUDIOS

ANIMAÇÕES/JOGOS
Por que usar as diferentes mídias?
MATEMÁTICA

ATIVIDADES

SITES COM
ROTEIROS
DE
ESTUDOS

VÍDEO AULAS

SIMULADORES E
JOGOS

VÍDEOS

VÍDEOS COM
LINGUAGEM DE
SINAIS
Utilizar o quê
para transformar.
Como?

Quando os
alunos têm a
oportunidade de criar
material digital para
uso em sala de aula,
o sentimento de
poder, propriedade
e senso de
propósito é muito
maior.

Apenas a visualização do conteúdo
(aulas expositiva) promove a
aprendizagem no aluno?

Conteúdos multimídias
aumentam a
motivação dos alunos para
um assunto particular e
também contribuem para o
desenvolvimento de
habilidades adicionais:
inovação, criatividade,
liderança, interação
social e gestão de
projetos.

O resultado líquido,
em teoria, é uma
combinação
de desenvolvimento
afetivo, cognitivo e
retenção de
conteúdo.
 
Há muitas
experiências sendo
desenvolvidas e que,
com as devidas
adaptações, podem
ser um ponto de
partida.
Outros, ótimas
oportunidades para
os alunos se
engajarem.

http://objetoseducacionais2.mec.gov.br
GUIA DO PROFE

Enriquece o repertório do professor com dicas e
sugestões importantes para a condução das
atividades em sala de aula.
AÇÕES FUNDAMENTAIS....
Conhecer os recursos
existentes na escola e
verificar a sua
disponibilidade.  

Enxergar na produção dos
alunos o que eles já sabem
e construir estratégias que
os levem a conquistar
novos patamares de
conhecimento.

Selecionar estratégias e
recursos disponíveis nas
diferentes linguagens e
formatos, já habitualmente
usadas pelos alunos, para
que alcancem os
resultados educativos
esperados.

Apenas uma linguagem ou
formato de conteúdo não é
capaz de dar conta de todas
as demandas de
aprendizagem: integração das
mídias e ferramentas
interativas vinculadas às
estratégicas de aprendizagem.
O professor de hoje:
Precisa ajudar a
organizar listas e indicar
o que é relevante do
ponto de vista dos
conteúdos.

Precisa explorar as
tecnologias nos
processos de
aprendizagem.

Saber que
aprendizagem é uma
questão de
oportunidade.
Não posso esquecer! Verificar se os plugins estão instalados
no computador para acessar os conteúdos.
E como posso usar?
Os conteúdos podem ser
projetados pelo professor na
sala de aula ou laboratório
de informática como parte
das atividades da aula.

O professor pode sugerir
conteúdos aos alunos para
estudos em casa e trabalhados
na aula seguinte.

Os alunos podem usar os
conteúdos em seminários
em que são protagonistas e
em apresentação de
trabalhos escolares.
Conteúdos como vídeos devem ser
projetados na sala de aula ou laboratório
de informática. (atenção quanto ao uso
compartilhado da conexão internet)
Utilizar a rede wireless do computador
multimídia para trabalhar os
conteúdos usando o tablet ou quadro
digital.
Baixar os conteúdos desejados e
levar para sala de aula – pode
projetar e/ou usar na TV.
Selecionar os conteúdos (vídeo,
animação, simulação) de acordo com as
estratégias que pretende desenvolver na
sala de aula.

Simuladores podem ser trabalhados
apenas pelo professor como aula
expositiva para construção coletiva
ou manipulado pelos alunos no
laboratório de informática.
Criar blog e publicar os conteúdos
selecionados por série e disciplina
para estudos em casa e trabalhos de
grupo extraclasse.
E na prática, como incluir os conteúdos
digitais em minhas aulas?
Sites temáticos:
sugestões de aulas
e conteúdos
multimídia.
Um professor capixaba autor
https://www.facebook.com/page
s/Prof-RoqueAlves/453908981367637?
ref=profile

http://www.youtube.com/user/viniciu
“Não importa o método que utilizemos para chegar ao
conhecimento; o que de fato faz diferença são as interrogações
que podem ser formuladas dentro de uma ou outra maneira de
conceber relações entre poder e saber” (Costa 2002, p. 16),
Importa, ainda, colocar para funcionar “outra máquina de
pensar, de significar, de analisar, de desejar, de atribuir e
produzir sentidos, de interrogar em que sentido há sentidos”
(Corazza, 2002, p. 111). Enfim, o que interessa a um/ cientista
em devires pós-moderno é “problematizar todas as certezas,
todas as declarações de princípios” (Veida-Neto, 2002, p. 34).
http://revistas.pucsp.br/index.php/curriculum/article/view/8121/11303
Tutorial
Equipe de Tecnologias
NTE Afonso Cláudio
Nome:Marilia Frizzera Dias
mfdias@sedu.esgov.br
Edilma Dias Pereira
edpereira@sedu.esgov.br

Telefone:
27 3735-8716

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

InformáTica Educativa
InformáTica EducativaInformáTica Educativa
InformáTica EducativaFreiredg
 
Educação e Tecnologia
Educação e TecnologiaEducação e Tecnologia
Educação e Tecnologiafelipecar
 
Oficina conteudos digitais - nte
Oficina conteudos digitais  - nteOficina conteudos digitais  - nte
Oficina conteudos digitais - nteloizaroncete
 
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente WilliansTecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Williansvicente nunes
 
Uso das TICs em sala de aula
Uso das TICs em sala de aulaUso das TICs em sala de aula
Uso das TICs em sala de aulaericaperoni
 
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas Anabia Rangell
 
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica EducacionalProjeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacionalnorbertoschwantes
 
Apresentaçao do portal do professor
Apresentaçao do portal do professorApresentaçao do portal do professor
Apresentaçao do portal do professorZaira Siqueira
 
Metodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea d
Metodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea dMetodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea d
Metodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea dIgor Paim III
 
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógicajuniorfuleragem
 
Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010hc12
 
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental I
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental IPlano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental I
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental IMoisés Ferreira Barreto
 

Mais procurados (20)

TelEduc
TelEducTelEduc
TelEduc
 
Slide uca
Slide ucaSlide uca
Slide uca
 
InformáTica Educativa
InformáTica EducativaInformáTica Educativa
InformáTica Educativa
 
Projeto ssu ethe 2011
Projeto ssu   ethe 2011Projeto ssu   ethe 2011
Projeto ssu ethe 2011
 
Educação e Tecnologia
Educação e TecnologiaEducação e Tecnologia
Educação e Tecnologia
 
Oficina conteudos digitais - nte
Oficina conteudos digitais  - nteOficina conteudos digitais  - nte
Oficina conteudos digitais - nte
 
O Uso da Tecnologia em Sala de Aula
O Uso da Tecnologia em Sala de AulaO Uso da Tecnologia em Sala de Aula
O Uso da Tecnologia em Sala de Aula
 
O Uso do Computador Nas Escolas Brasileiras Como Recurso ´Pedagógico
O Uso do Computador Nas Escolas Brasileiras Como Recurso ´PedagógicoO Uso do Computador Nas Escolas Brasileiras Como Recurso ´Pedagógico
O Uso do Computador Nas Escolas Brasileiras Como Recurso ´Pedagógico
 
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente WilliansTecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
 
Uso das TICs em sala de aula
Uso das TICs em sala de aulaUso das TICs em sala de aula
Uso das TICs em sala de aula
 
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
 
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica EducacionalProjeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
 
Tecnologia Educacional
Tecnologia EducacionalTecnologia Educacional
Tecnologia Educacional
 
Apresentaçao do portal do professor
Apresentaçao do portal do professorApresentaçao do portal do professor
Apresentaçao do portal do professor
 
Metodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea d
Metodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea dMetodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea d
Metodologias ativas para o ensino presencial, híbrido e remoto ea d
 
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
 
O Tablet para desenvolver competências essenciais e transversais
O Tablet para desenvolver competências essenciais e transversais O Tablet para desenvolver competências essenciais e transversais
O Tablet para desenvolver competências essenciais e transversais
 
Plano de ação lie 2014
Plano de ação lie 2014Plano de ação lie 2014
Plano de ação lie 2014
 
Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010
 
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental I
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental IPlano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental I
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental I
 

Semelhante a Educação Digital em Sala de Aula

Oficina conteudos digitais - nte
Oficina conteudos digitais  - nteOficina conteudos digitais  - nte
Oficina conteudos digitais - ntentecachoeiro
 
Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0 2012
Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0   2012Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0   2012
Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0 2012Delziene Jesus
 
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...SimoneHelenDrumond
 
D:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De Aprendizagem
D:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De AprendizagemD:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De Aprendizagem
D:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De Aprendizagemseisdaquinta
 
Slide 1ª formação ped ii 03-02-12
Slide 1ª formação ped ii   03-02-12Slide 1ª formação ped ii   03-02-12
Slide 1ª formação ped ii 03-02-12ntemsv
 
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVESOFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVESjosemilia17
 
OFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVES
OFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVESOFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVES
OFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVESjosemilia17
 
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVESOFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVESjosemilia17
 
Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1isamorais54
 
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorOs Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorPaula Peres
 
Relatório crítico final
Relatório crítico finalRelatório crítico final
Relatório crítico finalLuisa1959
 
Memorial reflexivo
Memorial reflexivoMemorial reflexivo
Memorial reflexivobucarbio
 
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...Universidade Federal de Pernambuco
 
Portal Do Professor
Portal Do ProfessorPortal Do Professor
Portal Do ProfessorCarla Abreu
 
Portal Do Professor
Portal Do ProfessorPortal Do Professor
Portal Do ProfessorCarla Abreu
 

Semelhante a Educação Digital em Sala de Aula (20)

Oficina conteudos digitais - nte
Oficina conteudos digitais  - nteOficina conteudos digitais  - nte
Oficina conteudos digitais - nte
 
Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0 2012
Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0   2012Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0   2012
Proposta de oficina by delziene perdoncini com recursos da web 2.0 2012
 
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
 
D:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De Aprendizagem
D:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De AprendizagemD:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De Aprendizagem
D:\Meus Documentos\Filosofia E Pisicanalise\Objetos De Aprendizagem
 
Slide 1ª formação ped ii 03-02-12
Slide 1ª formação ped ii   03-02-12Slide 1ª formação ped ii   03-02-12
Slide 1ª formação ped ii 03-02-12
 
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVESOFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
 
OFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVES
OFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVESOFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVES
OFICINA - NTE E ESCOLA JACY ALVES
 
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVESOFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
OFICINA: NTE E ESC. JACY ALVES
 
Conahpa 2013 AeN JP
Conahpa 2013 AeN JPConahpa 2013 AeN JP
Conahpa 2013 AeN JP
 
Minicurso Magistra
Minicurso MagistraMinicurso Magistra
Minicurso Magistra
 
Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1
 
Aula 04 100 horas 2011
Aula 04  100 horas 2011Aula 04  100 horas 2011
Aula 04 100 horas 2011
 
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorOs Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
 
Relatório crítico final
Relatório crítico finalRelatório crítico final
Relatório crítico final
 
Apresentaçãocurso
ApresentaçãocursoApresentaçãocurso
Apresentaçãocurso
 
Memorial reflexivo
Memorial reflexivoMemorial reflexivo
Memorial reflexivo
 
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
 
Quadrado Magico
Quadrado MagicoQuadrado Magico
Quadrado Magico
 
Portal Do Professor
Portal Do ProfessorPortal Do Professor
Portal Do Professor
 
Portal Do Professor
Portal Do ProfessorPortal Do Professor
Portal Do Professor
 

Mais de Marilia Frizzera Dias

Projeto eeefm hermann berger atitude sustentável 2013
Projeto eeefm hermann berger  atitude sustentável 2013Projeto eeefm hermann berger  atitude sustentável 2013
Projeto eeefm hermann berger atitude sustentável 2013Marilia Frizzera Dias
 
Projeto eeefm luiz jouffroy cultura im foco
Projeto eeefm luiz jouffroy cultura im focoProjeto eeefm luiz jouffroy cultura im foco
Projeto eeefm luiz jouffroy cultura im focoMarilia Frizzera Dias
 
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendoProjeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendoMarilia Frizzera Dias
 
Ferramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagem
Ferramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagemFerramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagem
Ferramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagemMarilia Frizzera Dias
 
5 como organizar e compartilhar jclic1
5 como organizar e compartilhar jclic15 como organizar e compartilhar jclic1
5 como organizar e compartilhar jclic1Marilia Frizzera Dias
 
Tutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro info
Tutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro infoTutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro info
Tutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro infoMarilia Frizzera Dias
 
Como fazer uma história em quadrinhos
Como fazer uma história em quadrinhosComo fazer uma história em quadrinhos
Como fazer uma história em quadrinhosMarilia Frizzera Dias
 

Mais de Marilia Frizzera Dias (20)

Conheça o Espírito Santo
Conheça o Espírito Santo Conheça o Espírito Santo
Conheça o Espírito Santo
 
Tutorial slideshare
Tutorial slideshareTutorial slideshare
Tutorial slideshare
 
Alto Rio Possmozer
Alto Rio PossmozerAlto Rio Possmozer
Alto Rio Possmozer
 
Projeto eeefm hermann berger atitude sustentável 2013
Projeto eeefm hermann berger  atitude sustentável 2013Projeto eeefm hermann berger  atitude sustentável 2013
Projeto eeefm hermann berger atitude sustentável 2013
 
Projeto eeefm maria de abreu alvim
Projeto eeefm maria de abreu alvimProjeto eeefm maria de abreu alvim
Projeto eeefm maria de abreu alvim
 
Projeto eeefm luiz jouffroy cultura im foco
Projeto eeefm luiz jouffroy cultura im focoProjeto eeefm luiz jouffroy cultura im foco
Projeto eeefm luiz jouffroy cultura im foco
 
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendoProjeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
 
Ferramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagem
Ferramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagemFerramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagem
Ferramentas de autoria formas de utilização no processo ensino aprendizagem
 
Mapas conceituais cópia
Mapas conceituais   cópiaMapas conceituais   cópia
Mapas conceituais cópia
 
3 oficina jclic jogo de memória
3 oficina jclic jogo de memória3 oficina jclic jogo de memória
3 oficina jclic jogo de memória
 
7 convertendo o projeto jclic
7  convertendo o projeto jclic7  convertendo o projeto jclic
7 convertendo o projeto jclic
 
5 como organizar e compartilhar jclic1
5 como organizar e compartilhar jclic15 como organizar e compartilhar jclic1
5 como organizar e compartilhar jclic1
 
4 oficina jclic caça-palavras
4 oficina jclic caça-palavras4 oficina jclic caça-palavras
4 oficina jclic caça-palavras
 
3 oficina jclic jogo de memória
3 oficina jclic jogo de memória3 oficina jclic jogo de memória
3 oficina jclic jogo de memória
 
2 oficina jclic quebra-cabeça
2 oficina jclic quebra-cabeça2 oficina jclic quebra-cabeça
2 oficina jclic quebra-cabeça
 
1 tutorial j clic
1 tutorial j clic1 tutorial j clic
1 tutorial j clic
 
Tutorial REDE ES
Tutorial REDE ESTutorial REDE ES
Tutorial REDE ES
 
Tutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro info
Tutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro infoTutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro info
Tutorial ambiente colaborativo de aprendizagem epro info
 
Como fazer uma história em quadrinhos
Como fazer uma história em quadrinhosComo fazer uma história em quadrinhos
Como fazer uma história em quadrinhos
 
Tutorial HagaQuê
Tutorial HagaQuêTutorial HagaQuê
Tutorial HagaQuê
 

Educação Digital em Sala de Aula

  • 1.
  • 2. PEQUENAS ATIVIDADES GRANDES APRENDIZAGENS: A MULTIMÍDIA E A PRÁTICA CRIATIVA
  • 3. BUSCANDO A CONSTRUÇÃO E A (RE)CONSTRUÇÃO
  • 4. Alquimia  transmutação - transcendência TRANSFORMAÇÃO
  • 5. Essa é uma ação da Gerência de Formação da SEDU ES voltada para a educação digital dos professores. Dentre as inúmeras possibilidades de aprendizagens, vivências e recursos incluímos os conteúdos pedagógicos digitais, que integrados às atividades de autoria, colaboração e de comunicação, pode enriquecer em muito as experiências educativas de professores e alunos. Educação Digital O professor não ensina, ele cria oportunidades para que a própria criança descubra, entenda e aprenda! (Jean Piaget)
  • 6. OFICINA Data: ____/____/____ CH: 4h Atividades Metodologia Objetivos da Formação Apresentação do Power Point Recursos Didáticos Apresentar e sensibilizar para o uso de conteúdos digitais integrados à prática educativa 1- Exposição do tema Tempo 2 - Exploração dos conteúdos digitais 3- Proposições 4- Cadastro professores no Grupo de Estudo Virtual temático 5 – Avaliação e sugestões Grupos de 3 professores vão conhecer e analisar os conteúdos sugeridos Professores apresentam possibilidades de uso dos conteúdos digitais integrado ao currículo e de acordo com a infraestrutura de sua escola. 1:20 hora 1:30 hora Computador e projetor Computador, projetor e Internet Computador e projetor 40 min Cadastro no e-proinfo 15 min Oral 15 min internet
  • 7. A escola e seus modelos pedagógicos: O que mudou?
  • 8. Cite apenas uma oportunidade que você criou e que facilitou a aprendizagem dos alunos.
  • 9. Para que usar os conteúdos digitais? Despertar novas ideias Despertar a curiosidade Para relacionar conceitos Comprovar hipóteses Testar diferentes caminhos Visualizar conceitos de diferentes pontos de vista
  • 10. Por que usar as diferentes mídias? Vídeo Receptivo: prevê informações
  • 11. Apresentam linguagem familiar aos estudantes, são dinâmicos e atrativos, conjugam narrativa e imagem e contribuem para níveis de compreensão mais complexos. Por que e quando utilizar os VÍDEOS? Podem ser utilizados para desencadear discussões em torno de um tema a ser investigado; motivar e sensibilizar os alunos; despertar a curiosidade instigando o desejo de pesquisa. Para ocuparem lugar de destaque no ensino e aprendizagem precisam, entretanto, serem selecionados e seu uso planejado previamente pelo professor. Vale aprofundar o assunto!
  • 12. Segundo Amélia Porto e Lízia Ramos, o uso de vídeos pode: - Motivar e sensibilizar os alunos para o assunto a ser estudado. - Levantar o conhecimento prévio dos alunos. - Complementar as informações trabalhadas em aulas anteriores. - Visualizar um fenômeno difícil de ser observado no dia a dia. - Enriquecer o tema em estudo. - Fechar um estudo realizado.
  • 13. Vejamos: Para adolescentes – Apresenta o funcionamento do coração em um anfíbio anuro adulto mostrando o fluxo de sangue entre as câmaras e vasos associados. (Antônio Sebben – UNB) Para crianças - Mostra o funcionamento do coração de um anfíbio, em tempo real, como dificilmente seria possível mostrar em um coração humano (Antônio Sebben – UnB) Disponível em: http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/handle/mec/1503
  • 14. Por que usar as diferentes mídias? Experimento prático Diretivo
  • 15. Por que usar as diferentes mídias? Animação Descoberta guiada
  • 16. Por que usar as diferentes mídias? Simulação Exploratório, mais aberto
  • 17. Para que usar as diferentes mídias? CONTEÚDOS multimídia, em diversos formatos, para estudos complementares e aprofundamento dos conceitos curriculares
  • 18. Cada vez mais professores estão utilizando a multimídia para enriquecer as suas ações de ensinoaprendizagem. Estes materiais podem ser utilizados como suporte às atividades em sala de aula ou como recursos para aprendizagem cooperativa, desenvolvimento do pensamento crítico, discussões, sessões de perguntas e respostas, como material para revisão, resolução de problemas ou auto estudo.
  • 19. Por que usar as diferentes mídias? LÍNGUA PORTUGUESA ATIVIDADES VÍDEOS E ÁUDIOS ANIMAÇÕES/JOGOS
  • 20.
  • 21. Por que usar as diferentes mídias? MATEMÁTICA ATIVIDADES SITES COM ROTEIROS DE ESTUDOS VÍDEO AULAS SIMULADORES E JOGOS VÍDEOS VÍDEOS COM LINGUAGEM DE SINAIS
  • 22. Utilizar o quê para transformar. Como? Quando os alunos têm a oportunidade de criar material digital para uso em sala de aula, o sentimento de poder, propriedade e senso de propósito é muito maior. Apenas a visualização do conteúdo (aulas expositiva) promove a aprendizagem no aluno? Conteúdos multimídias aumentam a motivação dos alunos para um assunto particular e também contribuem para o desenvolvimento de habilidades adicionais: inovação, criatividade, liderança, interação social e gestão de projetos. O resultado líquido, em teoria, é uma combinação de desenvolvimento afetivo, cognitivo e retenção de conteúdo.  
  • 23. Há muitas experiências sendo desenvolvidas e que, com as devidas adaptações, podem ser um ponto de partida. Outros, ótimas oportunidades para os alunos se engajarem. http://objetoseducacionais2.mec.gov.br
  • 24.
  • 25. GUIA DO PROFE Enriquece o repertório do professor com dicas e sugestões importantes para a condução das atividades em sala de aula.
  • 27. Conhecer os recursos existentes na escola e verificar a sua disponibilidade.   Enxergar na produção dos alunos o que eles já sabem e construir estratégias que os levem a conquistar novos patamares de conhecimento. Selecionar estratégias e recursos disponíveis nas diferentes linguagens e formatos, já habitualmente usadas pelos alunos, para que alcancem os resultados educativos esperados. Apenas uma linguagem ou formato de conteúdo não é capaz de dar conta de todas as demandas de aprendizagem: integração das mídias e ferramentas interativas vinculadas às estratégicas de aprendizagem.
  • 28. O professor de hoje: Precisa ajudar a organizar listas e indicar o que é relevante do ponto de vista dos conteúdos. Precisa explorar as tecnologias nos processos de aprendizagem. Saber que aprendizagem é uma questão de oportunidade.
  • 29. Não posso esquecer! Verificar se os plugins estão instalados no computador para acessar os conteúdos. E como posso usar? Os conteúdos podem ser projetados pelo professor na sala de aula ou laboratório de informática como parte das atividades da aula. O professor pode sugerir conteúdos aos alunos para estudos em casa e trabalhados na aula seguinte. Os alunos podem usar os conteúdos em seminários em que são protagonistas e em apresentação de trabalhos escolares.
  • 30. Conteúdos como vídeos devem ser projetados na sala de aula ou laboratório de informática. (atenção quanto ao uso compartilhado da conexão internet) Utilizar a rede wireless do computador multimídia para trabalhar os conteúdos usando o tablet ou quadro digital. Baixar os conteúdos desejados e levar para sala de aula – pode projetar e/ou usar na TV. Selecionar os conteúdos (vídeo, animação, simulação) de acordo com as estratégias que pretende desenvolver na sala de aula. Simuladores podem ser trabalhados apenas pelo professor como aula expositiva para construção coletiva ou manipulado pelos alunos no laboratório de informática. Criar blog e publicar os conteúdos selecionados por série e disciplina para estudos em casa e trabalhos de grupo extraclasse.
  • 31. E na prática, como incluir os conteúdos digitais em minhas aulas?
  • 32. Sites temáticos: sugestões de aulas e conteúdos multimídia.
  • 33. Um professor capixaba autor https://www.facebook.com/page s/Prof-RoqueAlves/453908981367637? ref=profile http://www.youtube.com/user/viniciu
  • 34. “Não importa o método que utilizemos para chegar ao conhecimento; o que de fato faz diferença são as interrogações que podem ser formuladas dentro de uma ou outra maneira de conceber relações entre poder e saber” (Costa 2002, p. 16), Importa, ainda, colocar para funcionar “outra máquina de pensar, de significar, de analisar, de desejar, de atribuir e produzir sentidos, de interrogar em que sentido há sentidos” (Corazza, 2002, p. 111). Enfim, o que interessa a um/ cientista em devires pós-moderno é “problematizar todas as certezas, todas as declarações de princípios” (Veida-Neto, 2002, p. 34). http://revistas.pucsp.br/index.php/curriculum/article/view/8121/11303
  • 36. Equipe de Tecnologias NTE Afonso Cláudio Nome:Marilia Frizzera Dias mfdias@sedu.esgov.br Edilma Dias Pereira edpereira@sedu.esgov.br Telefone: 27 3735-8716