Expressão popular maio 2013

112 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
112
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
49
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Expressão popular maio 2013

  1. 1. Teatro:cultura,arte ehistóriaPágina 7Karine Lopesrealizouexposiçãode pinturaPágina 2Dilmasancionao ValeCulturaPágina 4Itabuna: um celeiro culturalConheçamais sobreDançade RuaPágina 3 Em entrevistaAldo Bastos falasobre cultura eo CCAFPágina 5Ari Chastinet falasobre filmes emcartaz Página 8Acompanhe oseventos no CalendárioCultural Página 6Dança de salão: saúdepara o corpo e mentePágina 3A poesiacom ZéliaPossidônioPágina 6Rompendo barreirase o tempo, aBanda Lordãocomemorouseus 50 anosPágina 4Página 7Grupo Encantarte: Um culturade olho no socialGrupo Encantarte: Um culturade olho no socialMAIS EMPREGO, RENDA, DIVERSÃO EARTE PARA MAIS BRASILEIROSConhecida como uma maternidade de grandes artistas conhecidos e anônimos,Itabuna tem na sua cultura valores que são deixados de lado. Artistas sofrem com afalta de apoio para a cultura local, mas mesmo assim, abrem as portas dos palcos,poisoespetáculonãopodeparar.www.jornalexpressaocultural.com Ano I - nº 01 - Maio 2013 - Itabuna/BA - R$ 1,00A Arte em NotíciaO agente secreto mais famoso de todos os tempos completa 50 anosCINEMA Ari ChastinetJornalistaCrítico em CinemaF I L M EAno I - Edição 01 - Maio 2013 - Itabuna/BAwww.jornalexpressaocultural.com08Bond,JamesBondestádevolta.E ao longo de sua produção, desde o filme, deixa bastante a desejar quanto aodesta vez num filme mais sombrio que adiamento do lançamento até o estúdio seuaparatotecnológico.lembra bastante o Batman de Nolan. A responsável falir, o novo 007 chega às Em seu elenco europeu vemosminha primeira impressão, confesso telonas trazendo os antigos fãs da Judi Dench interpretando pela sétimaque, não foi das melhores. Afinal, tudo o franquia e conquistando inúmeros vez a personagem M, a manda chuva doque foi construído ao longo de 50 anos outros. Eu, por exemplo. Acho que todos MI6. Além de Judi e Craig, quem tambémno mundo da espionagem de 007 é posto esses problemas em sua produção dá as caras são os ingleses Ralph Fiennesde lado em 007 Operação Skyfall. acabaram prejudicando um pouco o e Naomie Harris e o espanhol JavierDirigido pelo vencedor do Oscar, Sam resultado final. O roteiro, apesar de ser Bardem interpretando o personagemMendes, o filme chega aos cinemas com bastante diferente dos anteriores, Silva.umorçamentodeUS$200milhões. continuamuitobom. Bom, para terminar, 007Após ser baleado e dado como Porém senti falta das famosas Operação Skyfall de tão bem feito semorto numa missão, onde James Bond invenções dos filmes de espionagem. mostra uma grande homenagem aos 50(Daniel Craig) tentava recuperar um HD 007 não foge a regra. A franquia sempre anos do mais famoso agente secreto deque continha informações de todos os foi um referencial em filmes do gênero, e todos os tempos. Eu particularmenteagentes infiltrados em organizações em Operação Skyfall quase não vemos. prefiro o Cassino Royale. Acho mais bemterroristas pelo mundo, 007 volta ao Acaba passando despercebido e vira um feito, e acho que num só filme tem tudo oReino Unido para defender a MI6 de um simples filme com muita perseguição, que James Bond levou 50 anos parafamoso terrorista e ex-agente de sua muitotiro.Esó.Detodosos007queeujá construir.organização. vi esse, apesar de ter uma direçãoEnfrentando muitos problemas bastante de acordo para esse tipo de(73) 8846-5510 / 9983-4702(73) 8846-5510 / 9983-4702d e s i g n e rsasAASSESSORIA GRÁFICAASSESSORIA GRÁFICAUm vôo para o seu sucessoLayoutDiagramaçãoFoldersCartazesPanfletosBannersCartãodeVisitaImpressõesemGeral2.000exemplaresCirculaçãoMensalAndré AlvesJornalistaEstá iniciada uma nova etapa no jornalismoimpresso. Um produto que pretende fazer a distância dacultura itabunense se estreitar, de forma que, artistas epúblico tenham uma relação mais próxima e que asatividades culturais possam ter seu merecido valor, sendorespeitadas, apoiadas e divulgadas. Na música, dança,teatro, pintura, poesia e nos diversos segmentos da culturaencontramos pessoas de vivência simples, mas comqualidadeenriquecedoranodesenvolverdaarte.Porissoojornal Expressão Cultural ganha corpo e alma, comobjetivo de mostrar a realidade cultural, suas ações, seusespaços e sua valorização. A proposta é a realização de umjornalismo especializado, onde tudo que estava escondidoe esquecido ganhará dimensão, mas acima de tudo,respeitoelegitimidade,fortalecendoaculturalocal.Nesta primeira edição será abordado o surgimentodas danças de salão e dança de rua, em Itabuna, os 50 anosda Banda Lordão, a pintura em seu estilo Pop Art, a belezada poesia, o grupo Encantarte com seu trabalho cultural esocial, uma agradável entrevista com o coordenador doCentro de Cultura Adonias Filho, Aldo Bastos, aconfirmação da criação da lei que aprova o Vale-Cultura, acríticasobrefilmescinematográficos,entreoutros.Há um dito popular que afirma que a cultura é artee a arte é vida. Então, está mais do que nahora de cuidarmos da cultura e valorizarestavida.Desejo a todos e a todas uma boaleitura!Editorial...Direção e Produção: André Alves - Revisão: Shirlene AlvesRepórter: André Alves - Diagramação e Fotos: André AlvesColaboradores: Pricila Andrade, Saul Mendez, Anabel Mascarenhas,Ari Chastinet e Aldo Bastos - Impressão: Gráfica AlannaExpediente* Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autoresPropriedade de Asas Designer e PublicidadeRua Vitória, 167 - São Caetano - Itabuna - BahiaCEP: 45607-045 - Fone: (73) 8846-5510Site: www.jornalexpressaocultural.comE-mail: contato@jornalexpressaocultural.comExpressãoCulturalExpressãoCulturalA arte em notíciasFundado por André Alves em 13 de Maio de 2012fa m í l i a s e m p re cultura não é isso, a arte não é isso. A Itabuna e podemos dizer que eles vivemgostou do clássico, nossa música, as nossas pinturas, a nossa em casulos, que nasceram verdadeirasapreciava outros dança são na verdade ‘gritos’ da borboletas, prontas para alçar voospintores e desde sociedade e não uma questão de longos, bonitos e bem ensaiados, e aindanova respirou a arte. abrilhantar uma noite e outra, para a são vistos e tratados de uma forma“Como já vivia neste grandesociedade”. pequena. Essa comunicação viria paramundo artístico por Quando perguntado sobre o nos ajudar e alavancar a arte de umacontadaminhaavóe espaço da cultura nos meios de formadiferente,terumavisãoinovadora,minha tia, tudo foi comunicação impresso, Karina afirmou um olhar especial para todo tipo de artefluindo bem e desde que “seria de imenso valor que existisse em nossa cidade e nos ajudaria muito.criança fui atraída ummeiodecomunicaçãoqueenfatizasse Seria maravilhoso!’’, finaliza Karinep e l a s c o r e s , a cultura, pois temos muitos artistas em Lopes.novidades, formas eestilos” completouKarine.Além de teracesso fácil às obrasd e a r t i s t a sconsagrados, amúsica tambémA itabunense Karine Lopesesteve presente na vida da artista.desenvolve pinturas em estilo Pop Art,“Estudei piano clássico desde pequena,técnica desenvolvida com pinturas devivi essa arte da música dos 3 aos 18quadrosatravésdefotografiaseimagens.anos. Então, arte em casa sempre foi algoEsta técnica surgiu no final da década deacessível e apaixonante”, acrescentou1950 no Reino Unido e Estados Unidos. ALopesartista plástica iniciou a sua carreiraKarineafirmaque‘‘oespaçoparaartística aos 8 anos, sob o olhar da suaa cultura em Itabuna é muito reduzido,tia/madrinha Maria Emília Lopes “Mel”,como se ainda fosse um título, um sinalque também era artista local. A sua avóde chamariz para os ‘grandes’ dematerna também tinha o dom de pintar,Itabuna.Nósaindanossentimoscomosebordar, costurar, esculpir e restaurarfôssemos ‘bobos da corte’ e queimagens.trazemos apresentações, novidades,Lylle, como também é conhecidainovações para que eles sintam prazer. Eno meio artístico, informou que a suaO PopArt nas telas de Karine LopesKarine Lopes expôs em 2012 seus trabalhos no Shopping JequitibáNa tela a artista reporduz uma fotografia de Elton JohnA sociedade grapiúna há quase 8 anos espera a conclusão das suas obras do Centro deConvenções e Teatro de Itabuna. Com a falta de espaços para a realização de seminários, congressos,peças teatrais e eventos diversos, Itabuna mais uma vez se vê prejudicada com essa situação e, comosempre, o dinheiro público que poderia ter sido investido em educação, saúde, saneamento básico,entre outros, foi-se pelo ralo. Mas é preciso perguntar: Quem realmente é responsável por mais este‘‘elefantebranco’’?Ano I - Edição 01 - Maio 2013 - Itabuna/BAwww.jornalexpressaocultural.com02Foto:AndréAlvesFoto:AndréAlvesFoto: http://noticiasdeitabuna.blogspot.com.brDê visibilidade ao seu negócio!Anuncie no jornalMenor custobenefício.(73) 8846-5510(73) 8846-5510contato@jornalexpressaocultural.comcontato@jornalexpressaocultural.comExpressãoCulturalExpressãoCulturalAno I - Edição 01 - Maio 2013 - Itabuna/BAwww.jornalexpressaocultural.com06Zélia PossidônioNEM LOUCO NEM TÃO POUCO(Apresentação Teatral)DATA: 08 e 15 HORÁRIO: 20:00hLOCAL: Centro de Cultura Adonias FilhoINGRESSO: R$10,00 (inteira)INFORMAÇÕES: (73) 8806-3689I ENCONTRO DE CINEMA DE ITAJUÍPEAdonias Filho MemorialDATA: 15, 16 e 17LOCAL: Casarão da Praça - Itajuípe/BAOS SALTIMBANCOS(Apresentação Teatral Infantil)DATA: 18 e 19 HORÁRIO: 17:00hLOCAL: Centro de Cultura Adonias FilhoINGRESSO: R$20,00 (inteira)INFORMAÇÕES: (73) 8837-0114AUTO FALANTE(Apresentação Teatral)DATA: 22 HORÁRIO: 19:00hLOCAL: Centro de Cultura Adonias FilhoINGRESSO: R$ 10,00 (inteira)INFORMAÇÕES: (73) 8858-6781GALINHA PINTADINHA - O SHOW(Apresentação Teatral Infantil)DATA: 25 e 26 HORÁRIO: 18:30hLOCAL: Centro de Cultura Adonias FilhoINGRESSO: R$ 30,00 (inteira)INFORMAÇÕES: (73) 8821-0506Programe-seetenhaumaboadiversão.CALENDÁRIOCulturalMAIO 2013No centronos bairroslá estão eles,descalços, rasgados ecom fome.Meninos solitárioscom sorte adversa,doçura mente ousadaviolentos inocentesfilhos de uma sociedade de horror.Sonham com jardim florido,brinquedos,estrelas piscando e com muita comida.Os adultos tornam temíveis,guiando-lhes pelo submundode agonia, colas, drogas emil máscaras de ironia.Meninos de rua.Sedentos de amorfrutos do egoísmodo homem,que em si, parece não entender essa dor.Meninos que são:rudes, perversos, medrososseveros, nojentos, sujostristes meninos...Sofrem. Mas sofrem porqueNão tem amor.Meninos de ruaMomento daPoesiaPoesiaG R A T U I T OTERÇAS NA TELAM A I OCIRCUITOPOPULARDE CINEMAE VÍDEO07 MAIO Futebol sob o véuAyat Najafi, Divid Assmann, ALE/Irã2006/2008, 89 minutos, 12 anos14 MAIO O Milagre de BernaSönke Wortmann, ALE2003, 117 minutos, 10 anos21 MAIO Os onze escolhidosZoltan Korda, ALE1927, 98 minutos, Livre28 MAIO Bahêa Minha VidaMárcio Cavalcante, BRA2011, 100 minutos, LivreMostra Futebol Arteàs 10h, 15h e 19h*http://espacosculturais.wordpress.comNOS ESPAÇOS CULTURAISDA SECRETARIA DE CULTURADO ESTADO DA BAHIA*Programaçãoehoráriosujeitosaalterações.Consulteoespaçoexibidor.PraçaJoséAlmeidaAlcântara,s/n–Centro–JardimdoÓItabuna-BA-Fone:(73)3211-6429/3613-9800NEContabilidadeContabilidade em geralPça Simão Fiterman, 180 - 1º AndarSão Caetano - Itabuna - BA(73)3617-0080(73)9131-1893(73)8807-6403Prestação de Serviçosem GeralELETRICISTARESIDENCIALEPREDIALEnvie sua sugestão, crítica, idéia, elogio...contato@jornalexpressaocultural.com03Ano I - Edição 01 - Maio 2013 - Itabuna/BAwww.jornalexpressaocultural.comDança de salão: uma verdadeira terapiaSem discriminação a Dança de Rua ganha seu espaçoItabuna, o professor Marcelo Lobo, da Thesix Lobos deRua de Itabuna, revelou que há algum tempo pessoasligadas a área do fitness, tentou introduzir na cidade adança de rua, mas como as pessoas não conheciam, adança acabou sofrendo uma discriminação. “Comeceidescobrir todo processo que era a dança de rua e meencantei. Desde criança sempre tive aptidão para adança, aí terminei me focando nesse estilo. Percebi queItabunatinhaummercadodetrabalhomuitobomparaadança e também notei que as pessoas começavam a seinteressar”,falouLobo.Uma das vertente mais utilizadas pela dança derua é o Hip Hop, que vem crescendo cada vez mais econquistando espaço, até mesmo na TV, sendointroduzido nas novelas. Para Lobo, uma questãofundamental na desenvoltura e aceitação da dançadentro do mercado de trabalho é a divulgação atravésdos meios de comunicação, porque mostra a força e ocharmequeelaé.Marcelo Lobo disse que não há idade específicapara praticar a dança de rua, pois há uma metodologiaespecial para ser desenvolvida em qualquer idade. Eleafirmou que nas grandes capitais, idosos de 70 a 80 anosestão descobrindo um novo prazer de v iver e uma novaqualidadedevidaatravésdoHipHopnadançaderua.A Thesix se apresenta em competições,academias, aniversários, boates e festas em geral.,ministra oficinas e workshops. Quem quiser conhecerA dança de rua surgiu nos Estados Unidos, em de rua inicou em 1991, na cidade de Santos (SP) e desdemelhor o trabalho do professor Marcelo Lobo é só1967, com o DJ Kool D.J Herth, através do Funk. O então, incorporou elementos da nossa culturacomparacer no Centro de Cultura Adonias Filho, das 14Breaking, uma das vertentes do Street Dance, explodiu influenciadapeloHipHop.às17horas,nassegundasequartas-feiras.nos EUA em 1981 e depois no mundo. No Brasil a dança Sem ter a certeza de quando a dança chegou emAs coreografias da dança de rua são retiradas de várias vertentes musicaisOriginada nos bailes das cortes reais na salsa e zouk. “Por uma melhor qualidade deEuropa, a dança de salão refere-se a vários tipos vida, as pessoas tem procurado as academias dede danças realizadas por uma dupla de dança, os homens principalmente, pois queremdançarinos. Socialmente a dança é praticada perder a timidez no salão e fazer bonito diantecomo forma de entretenimento, integração deseupar”,disseGarcia.social e competitividade como desporto. Alguns A professora de música Juliane Ramostipos de dança de salão foram desenvolvidas no disse que gosta muito de dançar e tem o maiorBrasil, como o forró, o samba de gafieira, o prazerdeestánaacademiadedançadesegundamaxixeeoutrasmais. a quarta-feira. “A dança de salão me faz exercitarEm Itabuna, a dança de salão surgiu há o corpo e a mente, e com ela eu aprendo acerca de 16 anos. Segundo o professor de dança dançar”,acrescentouJuliane.de salão Alessandro Garcia, exatamente em 22 A inovação do forró tem levado muitosde abril de 1996, quando ele chegou a Itabuna e jovens a praticar a dança de salão, mas mesmoteve a felicidade de implantar a dança no sul da assim sabe-se que ela é preferida por umBahia. públicomaisadultoedeterceiraidade.A prática da dança proporciona uma boa As aulas da Academia Ritmo sãoqualidade de vida para quem a pratica, libera o realizadas de seguna a quarta-feira, das 17 às 20estresse e faz bem para a mente e para o corpo, horas, no centro de Cultura Adonias Filho. Paranão há contraindicação. No Brasil, os ritmos maiores informações você pode contactar pelomaispraticadosembaileseescolasdedançasão telefone (73) 8827-8375 ou e-mail:o samba, forró, lambada, bolero, tango, soltinho, alessandrobahia@msn.com.Foto:AndréAlvesFoto:AndréAlvesPessoas fazem da dança um ‘‘anti-estresse’’CRONOGRAMA DE AULASHORÁRIOS SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO15 horas17 horas Bolero Samba Forró Chair Dance19 horas Bolero Samba Forró Forró ForróForróDança doVentre14 horas16 horas18 horasZumbaFitnesPole DanceZumbaFitnessPole Dance ZoukZouk20 horas Forró Tribal Fusion Zouk Tribal Fusion Chair DanceDança de Salão Dança do Ventre Pole DanceRua Sóstenes de Miranda, 333Centro - Itabuna - BA - Fone: (73) 8835-1632E-mail: studiojamillemarques@hotmail.comBlog: studio-jamillemarques.blogspot.com.brSalaclimatizada Alugamos para Eventos em geral e fazemos coreografias para Debutantes e Casamentos.Venha fazer uma aula experimental!Expressão Cultural: É fácil vindo a exposições de pintura e artesfazer cultura em Itabuna nos plásticas e fortalecer o artista local paradiasdehoje? que essa arte esteja cada dia mais viva,Aldo Bastos: Eu acho que intensaeforte.não é fácil fazer cultura emlugar nenhum e em Itabuna é Expressão Cultural: Quais os tipos demuito pior, porque nós atividades culturais realizadas no Centrotivemos aí duas sequências deCulturaAdoniasFilho?d e a d m i n i s t r a ç õ e s Aldo Bastos: Todas concernentes à áreadesastrosas, colocaram artística: teatro,dança,música,capoeira,Itabuna em um índice a dança em todas as suas vertentes, comonegativo nacionalmente a dança de salão, ballet clássico ecomo a cidade da violência, contemporâneo, o hip hop, o forró, ada dengue, de onde se matam comédia, a tragédia, as artes plásticas.maisjovens. Nossa sala de teatro recebe grandesexposições artísticas, como nesse anoExpressão Cultural: Como que recebemos a exposição de Caribé,você analisa os espaços uma homenagem ao centenário de Jorgedestinados para a realização Amado. O CCAF é um shopping center dadeatividadesculturais? cultura local itabunense e que atende aAldo Bastos: Itabuna hoje só todademandaregional.O Centro de Cultura Adonias realizados.tem um espaço destinado para essasFilho é considerado como único espaço Em 1985, Aldo Bastos publicouatividades que se chama Centro de Expressão Cultural: Qual o conceito defísico com capacidade para a realização um livro de poesias entitulado,Cultura Adonias Filho. Não tem outro. culturaparaAldoBastos?de atividades culturais em Itabuna (BA). "Itinerário", prefaciado pelo poeta TelmoTudo que concerne a cultura e que diz AldoBastos:Culturaétudo!Évida,éoarInaugurado em setembro de 1986, o Padilha. Em 1992 foi presidente dorespeito as atividades artísticas tende e que respiramos, é saber cozinhar, fazerCentrodeCultura,hoje,épalcodacultura "ClubedoPoetadeItabuna".convergem para o Centro de Cultura bordado, fazer uma rede, saber pescar,grapiúnaeregional. Confira a entrevista com AldoAdonias Filho: a dança, a música, o teatro, fazer uma música, saber dançar,O nosso entrevistado nesta Bastos,aseguir:o jovem com o seu sonho querendo ser representar, fazer um verso, Cultura éedição é o ator, diretor de teatro e poeta,cantor, ser capoeirista, ser bailarino, viver.AldoBastos,quenosfalasobreoconceito Expressão Cultural: Qual a importânciatodosvemparacá,poiséoúnicoórgãodade cultura e a sua importância para a daculturaparaacidadedeItabuna?Secretaria de Cultura da Bahia quecidade de Itabuna, dos espaços físicos e Aldo Bastos: Eu acho que uma cidadeestimula a cultura local e, com a nossatipos de atividades culturais realizadas que não valoriza a cultura é uma cidadeadministração,democratizamosoCentrono Centro de Cultura, no qual ele é sem alma, porque a cultura é a essênciadeCultura.coordenador. de nossas raízes e de nossa história, e aNascido em Itabuna, em 20 de cultura itabunense é muito importante. ÉExpressão Cultural: Qual a suajaneiro, Aldo ingressou cedo no mundo só você lembrar que Itabuna geroumensagem para aqueles que querem seartístico, participando ativamente dos grandes nomes, como: Jorge Amado,tornarumartista?movimentos cênicos em Itabuna na Valdelice Pinheiro, Firmino Rocha, TelmoAldo Bastos: A primeira coisa que umépoca do Teatro Estudantil Itabunense Padilha, Cyro de Matos, Osmundinhobom artista e uma boa artista tem que(TEI). Ele criou e adaptou vários textos Teixeira, Jackson Costa, Carlos Betão,fazer é ler, ler e ler. Porque a informação éinfantis, além de dirigir peças teatrais grandes músicos e poetas. Atudo. Além disso é importante valorizar opara adultos. Fundador do Grupo Teatral importância da cultura para Itabuna émovimento artístico da sua cidadeItabunense, existente até hoje, montou fundamental, pois essa cidade não seriaassistindo espetáculos de teatro,sua primeira peça infantil, com o texto de nada se nós não tivéssemos essa plêiade,comprando CDs do artista local,Maria Clara Machado, “Pluf, o esseceleirodegrandesvalores.valorizando o lançamento de livros,fantasminha”, dentre muitos projetosENTREVISTACentro de Cultura Adonias Filho: um espaço para a arteVereadorPaulinhoPTTrabalhando pelosocial e apoiando acultura itabunensecinema. apuração de impostos sobre a renda,S o m e n t e desde que tributada com base no lucroreceberão o benefício real.os empregados das O texto sancionado por Dilma foie m p r e s a s q u e aprovado no Senado no dia 5 deaderiremaoprojeto,eo dezembro. Agora, abre-se prazo de 180trabalhador terá um dias para que o governo federal publiquedesconto de até 10% uma regulamentação que esclareça como(R$ 5) do valor do vale. funcionaráoprograma.O funcionário pode De acordo com a ministra daoptar por não receber o Cultura,MartaSuplicy,aquantiapassaráaA partir de julho de 2013, valor. ser recebida a partir de julho deste ano.trabalhadores que recebem até 5 salários Segundo o artigo 10, incisos 1º e Até lá, disse a ministra, o governomínimos, contratados em regime CLT 2º, da lei nº 12.761, de 27 de dezembro de negociará com empresas para favorecer a(Consolidação das Leis do Trabalho) 2012, as empresas poderão deduzir do maior adesão ao projeto. O governopoderão contar com o benefício de R$ 50 imposto sobre a renda devido pela pessoa federal vai desembolsar cerca de R$ 500por mês do projeto vale-cultura. O projeto jurídica beneficiária tributada com base milhõesem2013emincentivos.“Podeserde lei que cria o vale foi sancionado em no lucro real até o exercício de 2017, ano- que saia antes, mas nosso limite é julho.dezembro de 2012, pela presidente da calendário de 2016, sendo a dedução de Acredito que até julho o trabalhadorRepública, Dilma Rousseff. O valor 1% sobre a renda devida. Os valores possa estar com este recurso em mãos.recebido por cada trabalhador poderá ser despendidos a título de aquisição do vale- Isto não é obrigatório para as empresa,gasto com a compra de livros, DVDs, cultura poderão ser deduzidos como como não é obrigatório para oingressos para shows, espetáculos e despesas operacionais para fins de trabalhador”,disseaministra.Projeto Vale-cultura de R$50 é sancionadopela presidenta DilmaMinistra Marta e a presidenta Dilma na assinatura da leiFoto:www.cultura.ba.gov.brCentro de Cultura respira arte de janeiro a dezembroFoto:AndréAlvesAldo Bastos, Diretor do CCAFFoto:AndréAlvessinônimo de sucesso nos bailes da sertanejo, arrocha, hits consagrados nos sucessos inconfundíveis, como: em 1998época, que mais tarde surgiria o anos 60, 70, 80 e 90 e as marchinhas, - Forró Elegante, Veneno, Carente deLordão. ranchos e sambas carnavalescos Amor e Gente Bonita; 2002 - O LordãoA popularidade do Lordão fez tradicionais. O som latino da salsa e do garante - Dance; 2004 - Vá dizer pra ela, Ocom que a banda fosse conhecida pelo merengue também faz estrada, assim Rei da Festa, Dois Corações em um,público da Bahia, Espirito Santo, como a nostalgia das músicas românticas ContosdeFadaseCarentedeAmor;2006Sergipe, Pernambuco, Piauí, Minas edosertanejo. - Tá na Cara e É Tão Bom se Apaixonar;Gerais e até mesmo no Rio de Janeiro, Na sua história, o Lordão já 2007 - Docinho, Docinho e, em 2008 –onde já se apresentou. E ainda é gravou LPs, compactos, CDs e DVDs, com MulhereTôporaí.presença garantida nas programaçõesdos carnavais de Itabuna, Ilhéus,Itacaré, Canavieiras, Porto Seguro,Prado, Mucuri, Barreiras, Brumado,Rio de Contas, Santa Maria da Vitória,Resistindo aos modismos e nas renomadas micaretas de Vitória dafincado nas raízes que lhe deram forma, Conquista, Jequié e de Feira de Santana, evida e sucesso, a Banda Lordão também, nos carnavais tradicionais decompletou em dezembro de 2012, 50 B r a s í l i a / D F e J a n u á r i a eanos de história com a marca do talento e Jequitinhonha/MG.davalorizaçãodaculturaregional. O Lordão tem em seu repertórioUma história que poderia ser um estilo variado e isso é a sua marca.contada por muitos que se embalaram Mistura o tradicional Baile-Show com osnos bailes, festas e carnavais. Quando sucessos de músicas românticassurgiu em 1972, parte dos seus músicos nacionais e internacionais. Os maisjá havia conquistado a região com a diferentes ritmos têm espaço garantido,antiga Lord Ritmos, criada em 1962 e passando do axé e forró ao rock, pop,Foto:AndréAlvesFoto:PublicidadeBANDA LORDÃODance que o Lordão garanteBanda completou meio século música, arte e cultura com sucessoCantor ediretor musical eartístico, Kocó éapaixonado pormúsica econsideradoum ícone daBanda LordãoFICC seleciona Agentes de Cultura e CidadaniaA Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania As inscrições para o projeto Agentes de Cultura e(FICC)abriuinscriçõesparaAgentesdeCulturaeCidadania, Cidadania ocorreram de 22 de abril a 10 de maio e osem Itabuna (BA), podendo ser candidatos pessoas de 18 a aprovados realizarão seus trabalhos durante 8 meses com29 anos de idade, que estejam preparados para difundir cargahoráriade20horasporsemana,recebendoumabolsaexperiências de cultura e cidadania em suas comunidades. de R$ 400,00 por mês. Para maiores informações vá até aOs agentes receberão formação com profissionais de cada sede da FICC ou entre em contato pelo telefone (73) 3613-áreadeatuação:Teatro,Dança,ContaçãodeHistória,Violão, 4915 ou no site da Prefeitura de Itabuna:Cinema, Artes Digitais e Percussão, e serão supervisionados www.itabuna.ba.gov.br.por uma equipe pedagógica. Serão selecionados 21 agentes A ação Agentes de Cultura e Cidadania faz parte doque atuarão com os objetivos de promover a cidadania, Programa de Arte e Cidadania da FICC e segundo Robertovalorizar os talentos e auxiliá-los em seu desenvolvimento; Joséametaéatingirumnúmerode300agentesem4anos.de fortalecer as diversas formas deexpressões e linguagens artísticas; deincentivar o aprendizado artístico,fomentar o trabalho de artistas locais eestabelecer parcerias com ascomunidades de Itabuna. A FICC temcomo principal objetivo formar agentesmultiplicadores de cultura e cidadania,que possam contribuir com atransformação de Itabuna, em umaCidadedePaz.Para presidente da FICC, RobertoJosé da Silva, “os agentes serãoencaminhados para os bairros onderealizarão as atividades em escolas,igrejas e associações. O projeto atenderápessoas que residem em áreas deinteresse social, conhecidas comoperiferias”. A sede da FICC na Praça Laura Conceição, 339 no Centro de ItabunaFoto:AndréAlvesCARIBÉCARIBÉREFORMADORA DE VEÍCULOSAv. Princesa Isabel, 1843São Caetano - Itabuna - BA(73) 3617-5992(73) 8815-2893TODOS OSSEGUROSIniciou no dia 10 de maio, no Centrode Cultura Adonias Filho (CCAF), a VII Oficinade Teatro Saber e Fazer, com o tema O Teatrode Experiência Grapiúna, sob a coordenaçãodo ator e diretor de teatro Marquinhos Nô. Aoficina de iniciação e montagem tem oobjetivodeformarnovosatoreseatrizesparao teatro e para a vida. Para Nô, “o teatro é amaneira de fazer arte, que os atores veempara interpretar uma história para o públicoem um determinado lugar. É a forma livre dese expressar, porque muda a cabeça daspessoas, fazendo-as ampliar os seusconhecimentos, elevando a autoestima, tirapessoasdasruas,domeiodasdrogas”. cultura e isso faz com que as apresentações não cheguem aoAindasegundoodiretor,asatividadesculturais,quase conhecimento do público. Para Nô, “é necessário que hajaem sua totalidade, não são valorizadas como deveriam ser. É umaboacomunicação,poisaculturasofrecomisso.Agentejápreciso investimentos por parte do poder público e da cansaofísicoeamentenapreparaçãodetodoespetáculo,queiniciativaprivada,porquemuitaspeçasteatraissãocusteadas a maioria das vezes não consegue ampliar a divulgação. Umpelodiretoreartistas.“Nãotemosincentivonenhum,essajáé meio de comunicação ao nosso lado vai cair como uma luvaa quinta oficina que realizo por minha conta. É muito difícil para nós”, finalizou Marquinhos, referindo-se à importânciapara nós, porque Itabuna ainda não tem uma consciência dolançamentodoJornalExpressãoCultural.cultural.Temquecrescermuito”,acrescentouMarquinhos. Aoficinaacontecetodasasquartasesextas-feiras,dasHá uma dificuldade também de divulgação dos 15:00hàs17:30he19:00hàs21:30h,noCCAF.eventos teatrais, não há na cidade algo direcionado para aEncantarte: usando a arte a favor da comunidadeFoi em 27 de fevereiro de 2000, de Saúde da Família Dr. Cândidoque nasceu O Projeto Encantarte, no Pereira, no Maria Pinheiro, ondebairro Maria Pinheiro, periferia de realizamos o PROJETO TEATROItabuna com mais de 5.000 habitantes. P O P U L A R E S A Ú D E D OAmaioriadessesmoradoreséformada ADOLESCENTE, com o objetivo depor trabalhadores e trabalhadoras discutir com os adolescentes e jovensoriundos da zona rural, bem como de temas sobre drogas, gravidez nabairros adjacentes: Daniel Gomes, adolescência, violência e outros temasPedro Gerônimo, São Pedro, Fonseca, voltados para a saúde do adolescente.Novo Fonseca e Vale do Sol. Assim O s t e m a s d i s c u t i d o s f o r a mcomo todas as comunidades pesquisados e transformados emperiféricas do nosso país, as nossas peçasteatraispratrabalhoseducativoscomunidades estão sujeitas a riscos nas escolas e na comunidade. Além dassociais. oficinas de teatro, os adolescentesPreocupadoscomasituaçãode participaram de atividades derisco em que se encontravam crianças, educação em saúde. Para a realizaçãoadolescentes e jovens destas destas atividades contamos com acomunidades, as lideranças jovens do participação de parceiros enfermeiros,bairro Maria Pinheiro iniciaram um médicos, agentes comunitários detrabalho com atividades lúdicas saúdes,atoreseartistasdiversos.(música, dança afro e percussão), Nos anos de 2006 e 2007, onão assumiam que residiam no Maria ConsultaPopular.liderados pelo então militante da PROJETO TOCANDO EM FRENTEPinheiro no momento que procuravam O Encantarte criou associações,Pastoral da Juventude (PJ), Egnaldo concentrou suas atividades na Escolaemprego e queixavam-se do preconceito pré-vestibulares (AEPU, PRUNE EFerreira França e a militante das Municipal Bispo Dom Ceslau Stanula, porcontra o bairro, o que afetou a auto- PREAFRO) realizando parcerias com oComunidades Eclesiais de Base (CEBs), ser a segunda maior escola municipal,estimadosmoradoresdacomunidade. poder público e movimentos sociais,Roseclei Oliveira Santos, com o objetivo com 16 salas de aula e mais de 1000Após diagnosticar a situação dos conseguindo com o trabalho aumentar ode chamar a atenção do público local em estudantes. Foram beneficiados 115moradores do Maria Pinheiro, o númerodenúcleosdeatendimentospararelação às problemáticas existentes na alunos de 08 a 12 anos com aula de dançaEncantarte passou a ter um caráter de estudantes que realizaram o sonho decomunidade. afro, percussão, artes plásticas emovimento negro, atuando na defesa da p a s s a r n o v e s t i b u l a r eNo ano de 2001, o Encantarte capoeira, com a participação de Arte -comunidade. As lideranças passaram a consequentemente uma formação derealizou uma pesquisa no bairro Maria Educadores do Projeto. Junto aatuar junto ao Fórum de Luta por Terra, ensinosuperiorPinheiro e o resultado encontrado coordenação pedagógica da escola, oTrabalho e Cidadania – Região Cacaueira. O Encantarte passou a fazer partechamou a atenção dos integrantes do Encantarte iniciou debates para aFoi criada uma parceria com a Escola do Projeto Universidade e Movimentosp r o j e t o : 9 2 % d e p e s s o a s implantação da Lei 10.639/03 que trataIrmã Margarida, o PROJETO TOCANDO Sociais onde daí surgiu o Projeto Teatrodesempregadas; crescente número de do ENSINO DA HISTÓRIA E CULTURAEM FRENTE, onde os alunos e alunas Popular e Comunidade Regional - UESC,evasão escolar, nenhum morador, até AFRICANA E AFRO - BRASILEIRA. Essepassaram a participar das atividades do que levou lideranças do nosso projetoaquele momento, nunca teria conseguido projeto têm se mostrado como um deEncantarte, objetivando diminuir a para a Suécia em setembro e outubro deingressar em uma universidade pública exemplo de parceria para a melhoria daevasão escolar e contribuindo para a 2004para um intercâmbio culturalcomaou privada; 75% da população era qualidade do ensino e diminuindo osmelhoria da qualidade de ensino em UESC e Universidade Wik. Em 2005formada por afro-descendentes; 82% índicesdediscriminaçãoracialnaescola.parceria com a PJ, o Grupo Ação Negra e a iniciamos uma parceria com a UnidadeApresentação do Encantarte no Centro de Cultura Adonias FilhoOficina de Teatro revela novos talentosAtores interpretam na peça Antígona”Conselho Tutelar (73) 3613-1124Hospital Santa Cruz (73) 3214-9100(73) 3214-4300Hospital Manoel Novaes(73) 3214-3701Hospital São Lucas(73) 2102-5150Hospital de Base LEMTransporte Cidadão AETU 0800-284-1655SAC Itabuna (73) 3211-7983Samu 192Policia Militar 190(73) 3214-7803Polícia CivilCorpo de Bombeiros 193Delegacia da Mulher (73) 3214-7820Ministério Público (73) 3211-1123Defensoria Pública (73) 3214-5910OAB (73) 3613-1892Guarda Civil Municipal (73) 3613-1042Policia Rodoviária Federal (73) 3613-7009Telefones ImportantesQuer anunciar?Ligue para nós.(73) 8846-5510Fonte: Grupo Afro EncantarteFoto:AndréAlvesFoto:AndréAlves07

×