Cidade sofre
com falta de
mobilidade
urbana

Moradores de Rua e a
sensação de insegurança

Pág. 2

Pág. 8

Lutador Maricae...
Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009

EDITORIAL

2

www.maricainfo.com

Motoristas se arriscam na contramão para fazer
retorno...
3

Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009

www.maricainfo.com

Obras para evitar alagamentos foram inefi- Prefeito de Maricá que...
4

Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009

www.maricainfo.com

Hélcio Ângelo explica o que faz um
Deputado

A

s eleições de 201...
Anuncie aqui: (21) 7791-1617

contato@maricainfo.com

5

Onde está o Novo Hospital?
Anunciado em campanha eleitoral pelo p...
Anuncie aqui: (21) 7791-1617

contato@maricainfo.com

ESPORTES	ESPORTES	ESPORTES	ESPORTES	ESPORTES	 Maricá: Ampla é conden...
SAÚDE

contato@maricainfo.com

Anuncie aqui: (21) 7791-1617

7

Cuidados com a dengue devem ser redobrados no verão
A esta...
8

Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009

www.maricainfo.com

Maricá sofre com falta de mobilidade urbana

Por João Henrique

O...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal Maricá Info - Edição 09 (Dez/13)

1.608 visualizações

Publicada em

Edição impressa do Maricá Info Ed. 09. Mês 12/2013. Notícias de Maricá em Primeiro Lugar. O jornal que todo mundo quer lê.

Nessa edição você confere:

> Onde está o novo hospital?
> O que faz um Deputado?
> Prefeito de Maricá quer dar mais R$1.000.000 para a Grande Rio
> Justiça Eleitoral torna ex-candidato a prefeito Marcelo Delaroli inelegível

E muito mais...

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.608
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal Maricá Info - Edição 09 (Dez/13)

  1. 1. Cidade sofre com falta de mobilidade urbana Moradores de Rua e a sensação de insegurança Pág. 2 Pág. 8 Lutador Maricaense conquista mais uma importante vitória no MMA Cuidados com a dengue devem ser redobrados no verão Pág. 6 Pág. 7 Maricá, dezembro de 2013 - Ano I - Nº 009 | 10.000 Exemplares - Direção: João Henrique Onde está o novo POLÍTICA O que faz um Deputado? Qual a sua importância para a cidade? hospital? S egundo informações obtidas pelo ‘Maricá Info’, verba está retida na Caixa Econômica Federal por falta de licença da Vigilância Sanitária e outras pendências que impedem o andamento das obras. Pág. 5 Pág. 4 Prefeito de Maricá quer dar mais R$1.000.000 pra Grande Rio Pág. 3 Justiça Eleitoral torna ex-candidato a prefeito Marcelo Delaroli inelegível Pág. 3 Notícias todos os dias no nosso site: www.maricainfo.com Pacientes passam sufoco Obras para evitar Saúde: Prefeitura de Falta de manutenção prejudica para marcação de consultas alagamentos foram Maricá contratará mais o transporte coletivo no muPág. 7 ineficazes Pág. 3 médicos Pág. 7 nicípio Pág. 3
  2. 2. Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009 EDITORIAL 2 www.maricainfo.com Motoristas se arriscam na contramão para fazer retorno na RJ106 Da redação | João Henrique O ano de 2013 foi de muitas conquistas para nós, mas nem por isso o ano foi perfeito. Tivemos problemas sérios em nossa cidade que não devem ser ignorados. Falta de médicos, de insumos básicos no hospital, obras para evitar alagamentos que não serviram de nada e o caso do aeródromo municipal, que vêm sendo investigado até hoje. Foram problemas que poderiam ter sidos evitados caso o poder público tivesse eficácia e colocasse a vida humana em primeiro lugar. Muitas pessoas morreram nas estradas estaduais que cortam a cidade, seja por falta de passarelas, iluminação ou mesmo pela imprudência no trânsito. C entenas de motoristas arriscam as suas vidas e as dos outros ao trafegarem pela contramão da rodovia Amaral Peixoto (RJ106) para realizarem retornos. O flagrante é no Retorno 19, mas o mesmo acontece nos retornos 22, 25 e diversos outros. O caso é rotineiro e não há fiscalização alguma nas localidades, onde sempre ocorrem graves acidentes, colocando a vida não só de motoristas, mas de pedestres em risco. O perigo é iminente e em dias de chuva, formam-se bolsões de água em quase toda extensão da rodovia, causando o efeito da aquaplanagem. A baixa visibilidade e a imprudência também são fatores que aumentam o risco de se efetuar esta bandalha. Crescemos e expandimos, agregando informações relevantes aos leitores do nosso jornal impresso e credibilidade aos nossos colaboradores e anunciantes. Fomos longe investigando e levando a informação até você, leitor. Só temos que agradecer a você por estes nove meses em que o nosso jornal impresso circula e este ano inteiro em que o nosso site de notícias levou a verdadeira informação àqueles que acompanham o nosso trabalho. Pedimos desculpas por não podermos agradar a todos, pois não ocultamos alguns erros cometidos pelo poder público, mas também não deixamos de publicar o que foi feito para melhorar a vida do povo. Muito obrigado a você, que fez parte deste ano de sucessos e queremos lhe desejar boas festas e que 2014 seja um ano de muitas realizações e crescimento pessoal e profissional. Vocês podem continuar acompanhando as notícias de Maricá através do nosso site (www.maricainfo.com) ou do nosso jornal impresso nos pontos de distribuição ou banca de jornal mais próxima. João Henrique Aproveite e acompanhe diariamente as notícias de Maricá e da região no nosso site: www.maricainfo.com EXPEDIENTE Diretor Responsável: João Henrique CNPJ: 15.374.608/0001-53 Revisão: Michelle Lima Programação Visual: João Henrique Colaboradores: Renan Mendonça, Ana P. de Carvalho. Impressão: Arete Editorial S/A Tiragem: 10 mil exemplares Central de jornalismo: Rua 9, Lote 225, Loja 04, Manu Manuela Village, S.José do Imbassaí, Maricá - RJ. Contato: (21) 99621-9049 | (21) 7791-1617 ID: 930*11521 Email: contato@maricainfo.com Site: www.maricainfo.com Curta a nossa página: facebook.com/maricainfo Maricá: Moradores de rua e a sensação de insegurança no Centro da cidade Da redação | João Henrique O Centro da cidade de Maricá está convivendo há alguns anos com um problema recente. Moradores de rua estão causando uma imensa sensação de insegurança, principalmente à noite. Eles vivem vagando pelas praças e agora encontraram um ‘alojamento’. Estão convivendo, dormindo e guardando as suas coisas na obra do Centro Popular de Cultura, que está parada há meses. Quem passa pela localidade sente que a coisa não está boa. Quem estaciona ao lado do antigo Detran já está sofrendo com as ações de saques ao interior dos veículos. Não há ação social da prefeitura para a retirada dos moradores de rua e muito menos para auxiliá-los. Resta aos pobres padecerem sob o tempo consumindo bebida alcoólica. Há alguns meses, uma briga terminou com a morte de um morador de rua, que, levado ao Hospital Conde Modesto Leal, não resistiu aos ferimentos desferidos pelo ‘colega’ e veio a óbito. Algo deve ser feito pelas autoridades ou o número de moradores de rua irá aumentar e há o sério risco de a cidade começar a ter uma ‘cracolândia’, aumentando as estatísticas de pequenos furtos e assaltos na região central de Maricá, onde concentram-se todas as agências bancárias deste município.
  3. 3. 3 Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009 www.maricainfo.com Obras para evitar alagamentos foram inefi- Prefeito de Maricá quer dar mais R$1 micazes em Maricá O De nada adiantou. No dia 11 de dezembro de 2013, outro temporal atingiu a cidade e voltou novamente a alagar bairros como Itapeba, Mumbuca, Centro e Pedreiras. Em 2010, uma grande enchente fez dezenas de desabrigados e muitas famílias perderam tudo o que tinham em casa. Tragédia passada, o prefeito de Maricá, Washington Quaquá (PT) anunciou diversas obras, como a construção da ponte da Mumbuca, da Ponte da Barra, do Canal da Cidade e de obras para melhorar o escoamento das águas em importantes ruas do Centro de Maricá como a Barão de Inoã. O problema persiste há anos e as obras não estão surtindo efeito algum para melhorar o escoamento das águas. Foram mais de R$20 milhões gastos em prevenção de alagamentos desde o ano de 2010 e até agora os moradores de Maricá não sentiram diferença alguma quando começa a chover, começando a alagar ruas do Centro da cidade em menos de 30 minutos de chuva. lhão pra escola de samba Grande Rio A lém dos R$3 milhões doados para Maricá fazer parte do enredo da Grande Rio em 2014, o prefeito da cidade, Washington Quaquá (PT) disse em entrevista à Veja Online que pretende doar mais R$1 milhão para a agremiação caxiense. Com o enredo “Verdes Olhos de Maysa sobre o Mar no Caminho: Maricá.”, a Grande Rio recebeu R$3 milhões dos cofres públicos e desfilará em 2014 no grupo especial destacando a os 200 anos da cidade de Maricá. A justificativa é de que investir na escola de samba é mais barato do que anunciar no horário nobre da Rede Globo para enaltecer as belezas e o turismo de Maricá para o Brasil e o Mundo. Foto: Reprodução | Internet temporal que caiu sobre a cidade de Maricá na quarta-feira (11/12) em Maricá mostrou a ineficiência das obras realizadas pela Prefeitura Municipal nos últimos anos. Você concorda com o prefeito de Maricá em dar R$3 milhões para a escola de samba Grande Rio? Entre em nosso site e comente: http://maricainfo.com/?p=7634 Justiça Eleitoral torna ex-candidato a prefeito Marcelo Delaroli inelegível Foto: Alex Ramos Falta de manutenção prejudica o transporte coletivo no município A falta de manutenção nos ônibus da empresa Costa Leste tem sido alvo constante de reclamações de usuários. São ônibus que funcionam de maneira precária e que emitem ‘estalos’ a cada buraco ou quebra-mola que passam. Os ônibus da empresa trafegam carregando milhares de passageiros para os bairros Caju; Ubatiba; Caxito; Retiro; Lagarto; Espraiado; Bambuí, Barra de Maricá; Cordeirinho e Ponta Negra. Por diversas vezes os passageiros ficaram na mão com os ônibus da Costa Leste por defeitos causados pela falta de manutenção da frota. Em um dos ocorridos, um ônibus que seguia para Cordeirinho quebrou na altura da Barra de Maricá e os passageiros tiveram que sair do coletivo e empurrar o mesmo para tentar colocá-lo para pegar no tranco. Já do transporte alternativo nada podemos esperar. Alguns proprietários utilizam películas proibidas e correm perigosamente em busca de passageiros. Também quase não há vans no período que mais é necessário: Pela manhã, à noite e nos finais de semana. Já o transporte clandestino circula sem se preocupar com fiscalização. As vans irregulares circulam à noite e chegam a cobrar 50% a mais no valor da passagem na madrugada. Não há segurança alguma. O TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro) tornou o ex-candidato a prefeito de Maricá inelegível por oito anos na segunda-feira (09/12). O candidato a vice-prefeito, Uilton Viana, também fica inelegível com a decisão. Segundo o processo 48915, Marcelo Delaroli teria se beneficiado de matérias do jornal Maricá Em Foco, que pertence a um dos coordenadores da campanha de Delaroli a prefeito de Maricá em 2012. A acusação pedia à época uma eventual cassação de diploma, caso a chapa de Marcelo Delaroli, que concorreu pelo partido Maricá 2637-7414 Itaipuaçu 7893-4160 Democratas e de Uilton Viana viesse a vencer a eleição. Decisão ainda cabe recurso no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Em resposta, o ex-candidato a prefeito e pré-candidato a Deputado Federal, Marcelo Delaroli publicou um vídeo no Youtube falando que está sofrendo perseguições e que a sua família vem sem ameaçada. Ele relata ameaças, difamações, calúnias e agora a decisão do processo em o tornar inelegível. O vídeo foi publicado antes da decisão, mas Marcelo parecia já saber o veredicto final do colegiado do TRE-RJ.
  4. 4. 4 Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009 www.maricainfo.com Hélcio Ângelo explica o que faz um Deputado A s eleições de 2014 já estão chegando e com elas virão muitos candidatos que nunca vimos antes. Eles são políticos profissionais e só aparecem em época de eleição para conquistar o que temos de mais precioso na democracia: o voto. As eleições para Presidente da República; Governadores; Senadores; Deputados Federais e Estaduais pretendem ser mais acirradas do que as anteriores, pois o povo mostrou-se insatisfeito com a atual situação do Brasil. Primeiramente, gostaríamos de esclarecer o que faz um Deputado. Bom, um De- putado, seja ele Estadual ou Federal, deve legislar e manter-se como guardião da lei e dogmas institucionais, ou seja, criar e modificar leis para que beneficiem os cidadãos e garantam os seus direitos. O Deputado não tem o poder de governar, fazer obras, mas sim de propor e ser um canal entre os cidadãos e o poder público. Resumidamente, o Deputado Federal representa o povo na esfera federal e o Deputado Estadual na esfera do estado em que foi eleito. Já sabemos o que faz o Presidente da República; o Governador; o Senador, mas afinal, o que faz um Deputado? Para esclarecer essa pergunta, convidamos Hélcio Ângelo, primeiro suplente de Deputado Estadual que ficou seis meses representando Maricá na Alerj. Em entrevista exclusiva, Hélcio Ângelo também falou sobre o tempo em que foi o Deputado de Maricá e o que fez para a cidade, confira: Hélcio, você foi o Deputado de Maricá por seis meses. O que você fez para melhorar a qualidade de vida da população? Sinto muito or- gulho em ter representado a cidade de Maricá durante esse período, na qual indiquei inúmeras prioridades que tentarei relatar resumidamente. Bom, vamos começar pela área da segurança, onde destinei todos os R$2 milhões da minha emenda parlamentar à construção do Batalhão de Polícia Militar para Maricá, além de ter indicado a instalação de uma Delegacia da Mulher na cidade, que não tem nenhuma e a sinalização da rodovia Amaral Peixoto (RJ106) do trecho do Km13 ao Km41 para melhorar a visibilidade. Além disso, fiz indicações de oito passarelas ao longo da rodovia, na qual já foram construídas a do Km 28,5 (Maminha de Ouro) e do Km15,5 (Inoã), e já está sendo erguida a do Km27 (Itapeba). Na área da Saúde, trouxe para Maricá o Tomógrafo Móvel do Estado, que realizou centenas de exames, indiquei também duas Clínicas da Saúde para a cidade (Uma em Ponta Negra e outra em Itaipuaçu) e pedi ao Governo do Estado a implantação de uma farmácia popular na cidade e de uma UPA 24 Horas em Ponta Negra. Na Educação, indiquei a instalação de uma Escola Técnica Estadual (ETE), de uma unidade do Programa Seja Profissional do CEDERJ e do Centro Vocacional Tecnológico (CVT). Como o senhor falou, o Deputado legisla para a causa da população. O senhor criou algum projeto de lei? Claro que sim, afinal, um Depu- tado tem o dever de criar leis, pois foi para isso que ele foi eleito. Vamos lá, especificamente para Maricá eu criei dois projetos de leis em seis meses de mandato. Um é o Projeto de Lei Nº1310/2012 que declara de Utilidade Pública a Associação Civil Cruz Vermelha Brasileira de Maricá/ RJ e a outra é de maior importância ainda, pois trata do meio ambiente e do futuro da cidade. É o Projeto de Lei Nº1311/2012 que dispõe sobre a participação de entidades da sociedade civil organizada do município de Maricá nas discussões sobre o despejo dos efluentes do Comperj através do emissário submarino que vai ser implantado em Itaipuaçu. Hélcio, então a função de um Deputado não é apenas criar leis? Não, o Deputado é o representante do povo e não deve ficar preso apenas a criar leis. Ele tem o direito de criar emendas e indicações legislativas para que o poder executivo possa sempre melhorar a vida da população. A entrevista terminou com um bate-papo com Hélcio Ângelo, que informou que irá distribuir em breve a sua prestação de contas à população. O plenário da Câmara dos Deputados é o local onde os Deputados Federais discutem projetos de leis e realizam votações. Anuncie no ‘Maricá Info’. Qualidade, Credibilidade, Profissionalismo e Liberdade Editorial. (21) 99621-9049 ou; (21) 7791-1617 ID: 930*11521
  5. 5. Anuncie aqui: (21) 7791-1617 contato@maricainfo.com 5 Onde está o Novo Hospital? Anunciado em campanha eleitoral pelo prefeito de Maricá, Washington Quaquá (PT), então candidato à reeleição, o novo hospital foi dito como a solução para a crise em que se encontra a cidade na área da saúde. De acordo com o governo municipal, o novo Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara iria desafogar o Hospital Municipal Conde Modesto Leal, que atualmente é o único hospital de emergência da cidade e que não possui sequer uma UTI. O novo hospital teria 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 19 enfermarias (com três leitos cada), seis salas de observação para adultos e mais três salas de observação para pediatria. Onde está o novo hospital? Era pra ser... No local há também um indício do começo das obras com uma terraplanagem, que começou há cerca de um ano e parou. O hospital custará R$16 milhões para ser erguido, sendo R$ 11 milhões obtidos junto ao Ministério da Saúde e repassados pela Caixa Econômica Federal e R$ 5 milhões de contrapartida municipal. Mais de um ano após ser anunciado, o novo hospital não saiu do papel. Aliás, uma placa foi instalada na localidade onde será construída a nova unidade de saúde, na rodovia Amaral Peixoto, altura do KM29, no bairro Flamengo. Como está... Verba retida Segundo informações obtidas pelo Maricá Info, as verbas para a construção do novo hospital Dr. Ernesto Che Guevara estão retidas na Caixa Econômica Federal. O motivo é que ainda não há uma licença da Vigilância Sanitária Estadual para que o novo hospital seja construído ali, naquela localidade. Segundo a Caixa, a verba também se encontra retida em função de pendência Jurídica e de Engenharia. Fique por dentro das notícias de Maricá curtindo a nossa página no Facebook: www.fa ce b o o k . com/maricainfo Shopping da Casa - A maior e melhor Desejamos a todos loja de utilidades para o lar Estivemos na loja do Shopping da Casa e conferimos a qualidade e a variedade de produtos da maior loja de utilidades para o lar da região. Desde bebidas para comemorar a chegada do ano novo a materiais de papelaria e para o lar, encontramos no Shopping da Casa, que tem um bom atendimento e preços acessíveis, um leque variado de produtos, como brinquedos; materiais de construção; produtos de cama, mesa e banho; ferramentas; eletrodomésticos; além de materiais para pesca e muito mais. Agora os maricaenses não precisam mais sair da cidade para fazerem suas compras, pois a loja tem uma grande variedade de produtos e, sem sombra de dúvidas, é a mais completa da região. O Shopping da Casa fica localizado às margens da rodovia Amaral Peixoto (RJ106), no Km21, na altura da passarela de São José do Imbassaí. A loja acompanha o crescimento da cidade, oferecendo tudo o que você precisa para a sua casa. Shopping da Casa - A Maior e Melhor loja de Utilidades para o lar da região. (Foto: João Henrique | Maricá Info) www.maricainfo.com
  6. 6. Anuncie aqui: (21) 7791-1617 contato@maricainfo.com ESPORTES ESPORTES ESPORTES ESPORTES ESPORTES Maricá: Ampla é condenada Lutador Maricaense conquista mais uma importante vitória no MMA onde todo ano a passagem aumenta, aqui a passagem vai diminuir 50 centavos a cada ano, até ficar de graça em 2017. É um direito do trabalhador!” Afirmou Quaquá. Segundo a promotoria, aproximadamente 300 processos judicias correm nos Juizados Especiais de Maricá acerca do assunto. A Aneel (Agencia Nacional de Energia Elétrica) constatou falhas na elaboração dos Termos de Ocorrência de Irregularidade (TOI), sem contar que a agência encontrou outras condutas que contrariam resoluções da própria Aneel. Prefeito Quaquá com o presidente da Câmara Municiopal Ver. Fabiano Horta. (Foto: Fernando Silva | ASCOM) A empresa vem prestando um péssimo serviço na cidade de Maricá, deixando residências sem o fornecimento de energia elétrica por mais de 48 horas, causando um imenso prejuízo e danos morais e materiais aos consumidores. Além disso, todos são obrigados a utilizar os serviços da empresa, que detém o monopólio do fornecimento de energia na região. Quaquá afirma que valor das passagens da Maricá Trans vai reduzir em 50 centavos por ano N o ato de apresentação dos primeiros dez ônibus da frota da empresa municipal de transportes, a Maricá Trans, o prefeito de Maricá, Washington Quaquá (PT) afirmou que o valor das passagens vai diminuir, ao invés de aumentar como vem acontecendo em diversas cidades. O valor da tarifa será de R$2,00 e, segundo Quaquá, diminuirá todo ano em 50 centavos. “Esse mês de dezembro, os nossos ônibus começam a rodar. E diferente do que acontece no Brasil, A Ampla Energia e Serviços S/A, concessionária de energia elétrica, foi condenada em R$100 mil após uma Ação Civil Pública da promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Niterói e Maricá. Além do valor, a Ampla terá que cumprir outra obrigação: não poderá cortar o fornecimento de energia elétrica de consumidores inadimplentes com contas vencidas em até 90 dias. F oi realizada uma operaÉ de açúcar? Operação tapação tapa buracos na aveburacos se desfaz após a chuva nida Antônio Calado (AnFoto: João Henrique tiga Rua 107) e na Avenida Maysa no bairro de Cordeirinho. O ‘Maricá Info’ já cobrou por diversas vezes a obra na localidade, aguardada por moradores que sofriam com as crateras. O asfalto recém-colocado se desfez após a primeira chuva e já obriga os motoristas a reduzirem a velocidade por conta dos buracos, que servem de redutores naturais. O péssimo serviço foi realizado por funcionários da Secretaria de Obras da Prefeitura de Maricá em uma das principais vias do bairro, que liga os bairros de Cordeirinho e Bambuí. M oradores do loteamento Marine, em São José do Imbassaí, estão inconformados com o esgoto a céu aberto que escorre do CAIC Elomir Silva para a rua Guarapari. Além de estar cheia de lama, a via está com esgoto correndo a céu aberto e incomodando moradores. O problema persiste desde março deste ano, quando uma moradora da rua entrou em contato com a Prefeitura de Maricá, que até o momento nada fez para solucionar o problema. Fotos: Reprodução | Internet lutador maricaense Paulo César ‘Índio’, venceu mais uma importante luta em um campeonato realizado na cidade de Angra dos Reis, no sábado (07/12). O atleta que representa a cidade de Maricá em competições de MMA (Mixed Martial Arts), garantiu a vitória na competição que foi televisionada por canais fechados de TV. O lutador ‘Índio’ fez uma das principais lutas do dia e nocauteou o seu adversário da Brazilian Top Team em apenas um minuto e meio. ‘Índio’ é da equipe Serpente Thai e representa a cidade em diversos campeonatos de MMA, obtendo importantes vitórias como o WOCS e o Favela Kombat. O atleta até agora só coleciona vitórias, não tendo sido derrotado por nenhum adversário em competições. Moradores do Marine a pagar R$100 mil por dano pedem socorro moral coletivo Foto: Reprodução | Internet Fotos: Divulgação O 6 O esgoto já contaminou um poço de uma moradora e causou um imenso prejuízo financeiro, além de estar incomodando a todos que passam pela via com o mau cheiro e também está colocando a saúde da população em perigo com o risco de contaminação de doenças como a leptospirose. PERIGO O perigo na via é iminente pelo excesso de velocidade em que motoristas e motociclistas trafegam na região. Os moradores cobram redutores de velocidade na avenida asfaltada há pouco mais de um ano, onde tem acontecido diversos acidentes.
  7. 7. SAÚDE contato@maricainfo.com Anuncie aqui: (21) 7791-1617 7 Cuidados com a dengue devem ser redobrados no verão A estação mais quente do ano geralmente concentra a maior parte dos casos. Veja dicas para evitar a proliferação do mosquito. Por João Henrique O Verão está chegando e as temperaturas elevadas, aliadas ao nível maior de chuvas e à água parada são uma combinação perfeita para o aumento da proliferação do mosquito da dengue. E apesar da temporada de verão ainda nem ter começado, os cuidados são fundamentais, já que a doença tem seu pico na estação mais quente. A fêmea do mosquito distribui seus ovos por diversos criadouros como uma forma estratégica para sobrevivência e preservação de sua espécie. “Isso quer dizer que ela vai depositar os ovos nas bordas de qualquer objeto que possa acumular água”, lembra Adriana Piemonteze, Gerente Administrativa Operacional da Biotrat – empresa do Grupo PoliService especializada no controle de pragas. Para evitar que isso aconteça e que a doença se prolifere, a principal dica é eliminar os criadouros, evitando jogar lixos em locais impróprios e tomando alguns cuidados de prevenção, checando pelo menos uma vez por semana os locais que acumulam água, como vasos de flores, suportes para velas e material descartável, copos plásticos e garrafas pet. Além desses cuidados rotineiros, é importante também programar algumas desinsetizações ao longo do ano para redobrar a segurança contra a dengue e outras pragas como aranhas, moscas, formigas, pulgas e baratas. Com experiência comprovada há mais de 15 anos no ramo de saneamento e saúde ambiental, a Biotrat é referência em soluções para o segmento. São várias técnicas de aplicação de acordo com cada situação com eficiência comprovada para garantir a saúde e qualidade de vida de todos. Agentes comunitários também deverão atuar nesse verão na fiscalização das residências. Colabora, não vai demorar mais de 10 minutos cada visita. - Mantenha recipientes, como caixas d’água, barris, tambores tanques e cisternas, devidamente fechados, com tampas adequadas; - Faça a higienização das caixas d’água e cisternas periodicamente; - Mantenha o terreno limpo, grama aparada, sem acúmulo de objetos como vidros, potes, garrafas, latas e pneus; - Limpe as calhas, removendo folhas, galhos e sujeiras que possam impedir a água de correr; - Não deixe acumular água sobre a laje; - Mantenha as lixeiras bem fechadas, usando sacos plásticos e mantendo-os fora do alcance de animais até o recolhimento do serviços de limpeza urbana; - Coloque areia nos pratinhos de plantas, lavando-os periodicamente com escova. Saúde: Prefeitura de Maricá Pacientes passam sufoco para marcação de consultas contratará mais médicos A lei nº 2488/13, que cria cerca de 500 cargos temporários na área da saúde, foi aprovada por unanimidade pelos vereadores do município. A lei estabelece que a criação das vagas seja para atender a necessidade temporária do município, portanto, não é permanente e será apenas para o período do verão, quando a cidade triplica a sua população flutuante. Ela estabelece também o número de vagas e o salário dos médicos que serão contratados. Serão contratados mais de 500 profissionais da área de saúde através de processo seletivo simplificado, portanto, não haverá concurso público. Os salários variam de R$950,00 para Agente Comunitário de Saúde à R$9 mil para médicos que irão trabalhar nos PSF’s (Programa Saúde da Família). Por lei, serão contratados: Agentes Comunitários de Saúde, Agentes de Endemias, Assistentes Sociais, Auxiliar de Enfermagem, Auxiliar de Saúde Bucal, Biólo- -gos, Enfermeiros, Fisiologistas, Farmacêutico Hospitalar, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos, Médico Alergista, Anestesista, Cardiologista, Cirurgião, Clínico Geral, Dermatologista, Médico Geriatra, Médico Infectologista, Pediatra, Psiquiatra, entre outros. A Prefeitura Municipal de Maricá ainda não divulgou informações referentes ao lançamento do edital para o processo seletivo simplificado. O martírio para a marcação de consultas continua na cidade de Maricá e mostra a fragilidade da saúde e que o problema na área foi apenas maquiado. Pela manhã da terça-feira (03/12), centenas de pacientes enfrentaram uma imensa fila para a marcação de consulta médica para 2014 no Centro de Diagnósticos, próximo à garagem da Viação Nossa Senhora do Amparo. O problema persiste há anos e foi mostrado aqui no Maricá Info no mês de junho/13, onde as pessoas chegavam a ficar mais de oito horas na fila para conseguir marcar a consulta. Além do atraso no início do atendimento, alguns pacientes relataram que estavam na fila pelo segundo dia sob o forte sol. “Ontem eu vim, fiquei horas na fila Foto: Michelle Lima | Maricá Info e quando ia chegando a minha vez o sistema caiu. Pediram para vir hoje e a fila está enorme novamente.” Comentou a dona de casa Maria Gomes, de 56 anos. O sistema fragilizado mostra as falhas na administração pública municipal na área da saúde. Agora, quem necessita marcar consulta deve chegar cedo à fila e torcer para conseguir ser atendido. Mais uma forma de prejudicar os moradores da cidade, submetendo-os às regras impostas pela secretaria de saúde.
  8. 8. 8 Dezembro de 2013 - ANO I - Nº009 www.maricainfo.com Maricá sofre com falta de mobilidade urbana Por João Henrique O Maricá Info vem incessantemente falar sobre um sério problema enfrentado pelos moradores da cidade de Maricá, na região metropolitana do Rio de Janeiro. É a falta de mobilidade urbana, que atrasa o progresso e o desenvolvimento da cidade. As vias só dão passagem para, no máximo, dois carros e as calçadas são, senão abalroadas de camelôs e vendedores ambulantes, quebradas, cheias de buracos e desniveladas. Já noticiamos a falta de acessibilidade aos prédios públicos e no Centro de Maricá, onde cadeirantes não conseguem andar por 10 metros sem auxílio de outra pessoa. Um governo que proporciona mobilidade urbana à população é um governo que oferece melhores condições para o deslocamento das pessoas e consequentemente qualidade de vida. Não se deve confundir mobilidade urbana com o direito de e vir, previsto na constituição. Melhorias A Prefeitura de Maricá diz trabalhar para melhorar a mobilidade urbana. Um dos feitos é o início da obra da Estrada dos Macacos, em São José, que liga o bairro à Itaipuaçu e Barra de Maricá, fazendo com que motoristas tenham uma economia de aproximadamente 13 minutos caso precisem ir às cidades de Niterói e Rio de Janeiro sem a necessidade de passar no Centro da cidade. Realmente, a mobilidade urbana melhorou na cidade de Maricá e não só no Centro. Pavimentações realizadas nos bairros de Cordeirinho, Bambuí, Guaratiba, São José e Inoã e Itaipuaçu, melhoraram significativamente a passagem de pessoas e veículos. Anuncie em nosso jornal e ganhe um anúncio em nosso site (21) 7791-1617 ou contato@maricainfo.com

×