 DINÂMICA DE UMA BACIA
HIDROGRÁFICA
 EVOLUÇÃO DE UMA BACIA
HIDROGRÁFICA
 EM PORTUGAL
 OS RIOS formam-se devido à acumulação e
escorrência da água da precipitação
 O rio principal e os seus afluentes formam...
A erosão fluvial processa-se em três fases:
 curso superior- a água corre com muita
velocidade, entre montanhas e os vale...
A erosão provocada pelo rio é
diferente ao longo do seu percurso
 Quando o rio atravessa uma planície pode
descrever curvas que se designam por
MEANDROS
MEANDROS
Delta constitui uma forma do rio desaguar através
de vários canais e deve-se ao facto das marés terem
pouca força e assim ...
 Estuário doTejo e do Sado Estuário do Sado
Estuários são áreas da foz dos rios quando
estes desaguam directamente no mar

Barragem de Castelo de Bode
A construção de barragens , feita pelo
Homem, tem alterado o curso dos rios
As barragens per...
Bacias Hidrográficas
Bacias Hidrográficas
Bacias Hidrográficas
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Bacias Hidrográficas

258 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
258
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Bacias Hidrográficas

  1. 1.  DINÂMICA DE UMA BACIA HIDROGRÁFICA  EVOLUÇÃO DE UMA BACIA HIDROGRÁFICA  EM PORTUGAL
  2. 2.  OS RIOS formam-se devido à acumulação e escorrência da água da precipitação  O rio principal e os seus afluentes formam uma REDE HIDROGRÁFICA  Toda a área abrangida por um rio e seus afluentes e sub-afluentes designa-se BACIA HIDROGRÁFICA.  Os materiais (aluviões) acumulados nas áreas planas da foz dos rios designa-se PLANÍCIE ALUVIAL
  3. 3. A erosão fluvial processa-se em três fases:  curso superior- a água corre com muita velocidade, entre montanhas e os vales são profundos- domina a acção de DESGASTE – vale emV  Curso Médio: o desgaste faz-se na horizontal, o declive é menos acentuado- domina a acção de TRANSPORTE- vale em v mais aberto  Curso inferior- a água do rio perde velocidade e depositam-se os materiais – ACUMULAÇÃO – Vale em U
  4. 4. A erosão provocada pelo rio é diferente ao longo do seu percurso
  5. 5.  Quando o rio atravessa uma planície pode descrever curvas que se designam por MEANDROS MEANDROS
  6. 6. Delta constitui uma forma do rio desaguar através de vários canais e deve-se ao facto das marés terem pouca força e assim depositarem materiais junto à foz formando um triângulo
  7. 7.  Estuário doTejo e do Sado Estuário do Sado Estuários são áreas da foz dos rios quando estes desaguam directamente no mar
  8. 8.  Barragem de Castelo de Bode A construção de barragens , feita pelo Homem, tem alterado o curso dos rios As barragens permitem a formação de lagos artificiais (albufeiras) As barragens são importantes para: - o abastecimento agrícola e doméstico - a produção de energia - prevenir as cheias - regularizar o caudal dos rios (quantidade de água que passa numa parte do rio por seg - mede-se m3/s)

×